Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Fotógrafa registra filha e cachorro nas mesmas poses... e figurinos!

01 de agosto de 2015 0

Fotos: Jesse Holland / reprodução
Adoro quando fotógrafos se inspiram e criam projetos que envolvem crianças e animais. É sempre uma fofura sem fim, né?
Nessa semana, a fotógrafa norte-americana Jesse Holland virou febre nas redes sociais após os inúmeros compartilhamentos das suas imagens que mostram a filha e o mascote de quatro-patas. O mais legal é que ela registrou, por 100 dias, a menina Ella e o cachorro Charlie nas mesmas poses, circunstâncias e até figurinos! O resultado ficou incrível!


Nos cliques, a dupla aparece na escola, na rua, no parque e em várias situações dentro de casa. Em algumas, o cão está visivelmente confuso, mas em todas parece estar gostando demais das situações criadas por Jesse, que é fotógrafa de casamentos.


É possível ver o ensaio completo no Tumblr One dog. One baby. Who wore it better.

Em busca de um amigo de quatro-patas?

31 de julho de 2015 0


Se você está em busca de um amigão de quatro-patas, eu tenho uma super sugestão nessa sexta-feira. Olha beeeeem pra essa fofura da foto… não é um amor? Pois então: ele está para adoção e só esperando pra receber amor!

Por enquanto, ele está com uma protetora, mas precisa logo de uma nova família. Confira o relato da Kátia:

“Eu sou o Grandão….. minha dinda me colocou esse nome pq tenho um coração enorme! Sou cego e quando consigo chegar perto de alguém e sentir as pessoas fico muito feliz! Como eu não uso muletinhas de ceguinho procuro me guiar com o meu narizinho mesmo…. quem me abandonou não pensou nisto, eu não sei me defender sozinho… a dinda Janaina Canello corre atrás de mim com um balde de água pra me mostrar onde está…. a dinda Kelly Oliveira me colocou num cantinho da garagem que ela está arrumando ainda…. de vez em quando ela vem me ver pq como não vejo nada, os outros cães da rua me surram e nem consigo fugir deles. Se vc tem um coração enorme assim como o meu e tem um cantinho na sua casa avisa pras minhas dindas.. . Elas estão fazendo o que podem, mas não tem onde me colocar.”

Se interessou? Entra em contato com a Katia Souza pelo Facebook ou entre em contato pelo meu e-mail, ok? É o carolina.kloss@pioneiro.com

Dia de conferir os mascotes dos leitores

29 de julho de 2015 0

Dia de conferir os mascotes dos leitores… que alegria!

Quer ver o seu bichinho por aqui, envie a foto e dos dados para o meu e-mail, que é o carolina.kloss@pioneiro.com

A Amy é a mascote de Daicon Andrade e Gislaine:

Belly e Billy são os amores do papai Fernando e da mamãe Cristiane Silveira:

Marjorye Pillonetto e Fabricio  enviam foto de Zulu e o Ferrugem:

Aline Lampert envia foto da cachorra Priscila e do gato Axl:


Oddy é o mascote da Dannúbia Cruz:

Fofolete é a mascote da Ana Cristina Amadori:

 

Boas ações e pessoas do bem: que se multipliquem!

28 de julho de 2015 0

Fotos: Fernanda Juliana e Renata Souza / divulgação
Quero só começar a dizer que começar a semana com dois posts de gente linda e que ajuda os animais é APENAS DEMAIS, tá? Natasha, deixa ela te matar, mas eu vou contar: a Natasha, “guardiã” da Soama e que tá sempre me dando ideias por aqui, me avisou que uma amiga, a Fernanda Juliana – e a equipe da Casa Maria Lorenza – tiveram uma iniciativa incrível. Fui conferir e bati mil palmas.

O que eles fizeram: convocaram amigos e clientes e juntaram ração e grana para ajudar os animais vítimas das enchentes em Alvorada. DEMAIS, né? A boa vontade das pessoas resultou em mais de meia tonelada de ração, cestas básicas, roupas de adultos, cobertas, roupinhas novas e R$ 892 reais (que serviu para ração, alimentos – e uma parte ajudará na aquisição do terreno onde eles estão). Palmas, palmas, muitas palmas! Que a atitude linda de vocês se multiplique… e MUITO!

Aqui eu reproduzo o texto que eles, após as doações, publicaram na página do Facebook:

“Em nossa caixinha de sentimentos, não devemos nunca deixar faltar o amor pelo próximo, o carinho, e principalmente a solidariedade. Hoje, a Casa Maria Lorenza partiu com destino a Alvorada, para levar um pouquinho de dignidade aos nossos peludinhos amados atingidos pelas últimas enchentes. Graças a vocês queridos amigos, que abraçaram conosco esta causa e prontamente se disponibilizaram a ajudar!
Chegando lá, fomos ao encontro do Sr. José, um homem integro e com um coração de ouro, que precisou passar por uma verdadeira tragédia e perder tudo, para que as pessoas reconhecessem o seu trabalho e percebessem o quanto ele precisava de ajuda… Em seu caminho, as mesmas águas que levaram a sua história e suas lembranças, trouxeram anjos sem asas, que desde então, estão abdicando de sua vida para prestar o auxilio que ele tanto necessita.Agora ele não está mais sozinho, e desejamos que nunca mais passe por tragédias como esta. As águas não baixaram na cidade, e o Sr. José Damião, não poderá mais voltar para seu cantinho. A meta agora é conseguir um terreno para ele e para todos os peludinhos, um lugar para chamar de seu e para ficarem em paz. Amigos queridos, nosso muiiiiito obrigado para todos que doaram! Graças a vocês, conseguimos mais de meia tonelada de ração, cestas básicas, roupas de adultos, cobertas, roupinhas novas para o bebê de onze meses que ele tem e uma quantia de R$ 892 reais, que foi divida em compra de ração, alimentos, e uma parte será depositada segunda para ajudar na aquisição do terreno. Maiores informações vocês podem adquirir na página criada para ele: Olha para mim.”

Família Pulita, mais uma vez, ensinando como se faz

27 de julho de 2015 3

Na última sexta-feira, estava chegando em casa quando vi que a Marcele Pulita (a Marcele é uma das integrantes da Família Pulita, aquele clã absurdamente maravilhoso que adotou a Hope. Lembram?) havia ligado para o meu celular. Falamos sempre por face, então corri ligar de volta porque achei que seria algo beeem importante. E era.

Em um momento de nervosismo absoluto, ela me ligou pra saber o que fazer, já que a Ju (irmã) havia encontrado um filhotinho de cachorro enrolado em uma camiseta no meio da rua. Vocês lembram de como estava o tempo na sexta à noite? Sim, FRIO E CHOVENDO. Agora pensem em um bebê enrolado em uma camiseta. Sem pensar, ela pegou o filhotinho e levou pra casa – ele estava com cordão umbilical e tudo. Ó:


Logo elas foram atrás de uma veterinária para saber o que fazer dali em diante. Foram instruídas a dar uma papinha com mamadeira e a esquentá-lo, claro, para que ele pudesse sobreviver. Aí começou a saga que duraria todo o final de semana – e mais alguns vários dias para aquela família. Como o peludinho é muuuuuito novo, precisaria de cuidados a cada 2h. E o que eles fizeram? Começaram o revezamento.


No dia seguinte, foram até a clínica veterinária para que a especialista pudesse ver o bichinho e atestar que sua saúde estava ok até então. Ainda não se sabe se é um macho ou fêmea, mas ele segue lá, aos cuidados dos anjos Pulitas. Como eles têm mais dois cachorros – a Fiona e a Hope – não poderão ficar com mais esse.


Então eles cuidarão do peludo até ele ter condições de ser adotado. Isso acontece todo dia, eu sei – tenho a plena noção de que muitos voluntários fazem ações tão grandiosas como essa TODOS OS DIAS, mais de uma vez por dia. Mas usei o exemplo deles para que isso se multiplique. Que todos possam se esforçar sempre e tornar a vida dos bichos que precisam cada vez melhores.

Você está em busca de um amigão e não se interessa pelo sortudo aí das fotos? Se sim, entre em contato pelo meu e-mail: carolina.kloss@pioneiro.com.

Família Pulita: que bom que existem anjos como vocês. Que essa atitude se multiplique muitas, muitas e muitas vezes! Que toda essa atenção e carinho sejam retribuídos da forma mais linda.

Austrália planeja matar 2 milhões de gatos. Oi?

27 de julho de 2015 0

Marcos Porto / BD
Não acreditei quando li essa notícia: até 2020, a Austrália planeja matar 2 milhões de gatos. Sim, a guerra foi declarada com base em estudos australianos: das 29 espécies de mamíferos extintas nos últimos 200 anos, 28 desapareceram por causa dos gatos.

O governo federal vai usar iscas com veneno e criou o aplicativo FeralCatScan para que os habitantes avisem sobre regiões com grande número de gatos. Existem cerca de 20 milhões desses felinos na Austrália.

Vacina para gripe canina? Siiim!

25 de julho de 2015 0

Foto: Tatiana Cavagnolli / BD
Todo o inverno é a mesma coisa, mas é sempre é importante lembrar: cachorros são suscetíveis a uma série de vírus e bactérias e, no inverno, podem contrair uma doença conhecida popularmente como gripe canina. A boa notícia é que há vacina específica para que o seu mascote fique protegido durante a estação fria.

O médico veterinário Alessandro Lucena, de Caxias, explica que ela deve ser aplicada anualmente:

– Dentre os sintomas da gripe canina estão tosse seca, secreção nos olhos, coriza, falta de apetite e febre. É muito importante procurar logo um veterinário para que a gripe possa ser curada e não evolua para questões mais graves, como uma infecção nos pulmões.

Mas é sempre bom reiterar que, além da vacinação preventiva, é importante manter o mascote em um local protegido de frio e da umidade, evitar os passeios em horários mais frios e ter cuidado com a frequência de banhos.

Seu gato gostaria dessa brincadeira?

24 de julho de 2015 0

divulgação
Não tenho gato (você tem? então me conta se estou certa ou não!), mas não tenho certeza se os bichanos gostam muito dessa brincadeira. Na verdade, o acessório lembrou as rodas em que os hamsters correm, mas diz o criador que essa é especialmente para gatos.

Enfim, a One Fast Cat é feita de plásticos reciclados e tem o piso em EVA para não machucar as patinhas dos gatinhos. Com 1,22 m de diâmetro, ela é uma maneira de distrair o mascote e ainda botá-lo no exercício. O brinquedinho custa U$ 200 (mais de R$ 600!). Mais informações: www.kickstarter.com.

Como funciona:

Que tal adotar esse cãozinho, hein?

22 de julho de 2015 0


Está em busca de um novo amigo? Então atenção para este post!

Esse lindão da foto é o Joãozinho. Ele foi encontrado machucado e está se refugiando, provisoriamente, dentro do banheiro de uma obra. Dá pra imaginar a tristeza? Ele é de porte pequeno e bem dócil.

Se você não pode adotá-lo, mostra a foto para os amigos e nos ajuda a encontrar um lar pra esse bonitão?

Se interessou? Liga para a Elis pelo telefone (54)9940.2884.


Seu gatinho também adora se enfiar em cantos?

20 de julho de 2015 0

Foto: Jolly Moggy / divulgação
Quem tem gato sabe que eles adoram se enfiar em cantos (quase inacessíveis!) e de buscar lugarzinhos quentinhos e apertados, né? Por isso adorei o Bamboo Cat Radiator Bed, da empresa Jolly Moggy. Ele é uma casinha de ripas e fibra de bambu e feira em formato de cilindro.

Possui duas alças para serem encaixadas naqueles aquecedores de parede e mede 48 x 39,5 x 33 cm. A casinha está à venda no Amazon e custa 22,19 libras (cerca de R$ 107).