Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Entidades de trabalhadores ajuizam ação por correção do FGTS

28 de maio de 2013 221

Entidades de Trabalhadores estão agora na Justiça Federal, em Brasília, impetrando ação que pede a revisão do FGTS. Reivindica correção monetária, alegando perdas de 88,3% desde 1999 na remuneração do fundo por ser usada a TR (Taxa de Referência) como indexador.

A ação é ajuizada pela Força Sindical, que reúne sindicatos de trabalhadores do País. Entre eles, estão representantes do Sindicato dos Trabalhadores de Gravataí.

“Por exemplo, um trabalhador que tinha R$ 1 mil em 1999 tem hoje, com a correção errada da TR apenas R$ 1.340,47, sendo que os cálculos corretos indicam que a mesma conta deveria ter R$ 2.586,44.”

O pedido inclui solicitação de uma liminar da Justiça. Apresenta como argumento as perdas relacionadas à inflação no decorrer dos anos e faz referência às decisões judiciais favoráveis que discutiam os planos econômicos.

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

Comentários (221)

  • ricardo souza diz: 11 de junho de 2013

    Bom dia,
    Como posso fazer ajuda nessa reivindicação? Muito bom ter pessoas que vejam o esse tipo de problema.

  • Roberta Soraia Silva de Oliveira diz: 11 de junho de 2013

    Gostaria de saber como ajuizar esta ação aqui na Capital do Estado de Goiás.

  • Jorge Luiz da Da Silva diz: 13 de junho de 2013

    Para entrar com um ação para pedir revisão do FGTS, eu tenho que entrar em uma ação coletiva junto ao sindicato da categoria ou posso entrar sozinho. O que você me aconselha.

    Obrigado

  • João Marcos Pinheiro diz: 17 de junho de 2013

    Gostaria de saber quanto a revisão do FGTS se posso ajuizar uma ação sozinho no Estado ou na Cidade onde moro.

  • ricardo souza diz: 18 de junho de 2013

    Gostaria de saber quanto a revisão do FGTS se posso ajuizar uma ação sozinho no Estado ou na Cidade onde moro.

  • João Marcos Pinheiro diz: 18 de junho de 2013

    Correção já! os trabalhadores foram lesados com a TR, vamos a luta, ajuizar ação coletiva urgente, os sindicatos das empresas entendem, vão dar resposta aos poderosos
    que lesaram os trabalhadores sofridos que lutam pela sobrevivência o dia a dia.

  • Caio Behmer diz: 27 de junho de 2013

    Para entrar com um ação para pedir revisão do FGTS, eu tenho que entrar em uma ação coletiva junto ao sindicato da categoria ou posso entrar sozinho, que seria necessario

  • Dagoberto Baccari diz: 27 de junho de 2013

    Entrei com ação referente a diferença da correção do fgts do período de 1999, o processo foi arquivado em 2004, vale a pena tentar reabrir novamente.?

  • Flavio Pedrazzani diz: 28 de junho de 2013

    Saquei meu fundo em 2008 por acasião da minha aposentadoria. Posso solicitar a correção devida de 1999 a 2008.

    Grato

  • Marcio de Oliveira diz: 28 de junho de 2013

    Como faço para ajuizar a ação? tenho que entrar através do sindicato? obrigado

  • valci diz: 2 de julho de 2013

    Queria saber as opiçoes que tenho para entrar nessa causa.

  • Valéria diz: 4 de julho de 2013

    Para pedir revisão do FGTS, eu tenho que entrar em uma ação coletiva junto ao sindicato da categoria ou posso entrar sozinho. O que você me aconselha.

  • João Marcos Pinheiro diz: 4 de julho de 2013

    As manifestações durante a copa das confederações ficou evidenciado a insatisfação do povo brasileiro contra o descaso das obrigações sociais. como podemos observar recentemente a lesão da correção do FGTS, acredito que não vae ficar assim, iremos buscar meios legais para que possamos resgatar o nosso direito através de ação judicial

  • Wilson diz: 5 de julho de 2013

    Boa tarde. Tenho FGTS desde ano 2000 e esta acumulado la em 160 mil reais. gostaria de saber quando mais ou menos consigo com advogado reajustar meu fgts ?

  • Hédio de Jesus Brito diz: 11 de julho de 2013

    Boa tarde!

    a
    Drª, vc pode me enviar um modelo de ação de para a revisão dos valores do FGTS em relação a TR.
    um abraço!

    Att. Hédio

  • Danielle diz: 12 de julho de 2013

    Olá,
    Bom dia, gostaria se fosse possível de um modelo da Ação de Revisão do FGTS, ou então da fundamentação utilizada nesse tipo de ação.
    Desde já agradeço,
    Att.,
    Danielle

  • Clóvis Roberto Bottura diz: 12 de julho de 2013

    Boa Tarde, gostaria se fosse possível de um modelo da Ação de Revisão do FGTS, ou então da fundamentação utilizada nesse tipo de ação.
    Desde já agradeço,
    Att.,
    Roberto.

  • Danielle diz: 18 de julho de 2013

    Olá, semana passada eu pedi um modelo da Ação de revisão dos valores do FGTS, caso não seja possível gostaria de saber a fundamentação utilizada nesta.
    Mas uma vez obrigada

  • CArlos diz: 19 de julho de 2013

    Agradeço pela informação; mais uma sacanagem do governo.

    Parabéns!

    Alguém poderia enviar o modelo da petição inicial.

  • Allana Piovani diz: 23 de julho de 2013

    Bom dia,
    Eu poderia ajuizar essa ação sozinha na comarca onde moro?
    Poderia me mandar um modelo dessa ação?
    Ou os fundamentos dessa ação?
    A correção é de 1999 até a data do ajuizamento?

  • E.RAMOS diz: 23 de julho de 2013

    Me identifiquei com algumas das dúvidas acima. Todavia o direito de ação é público e subjetivo, não se pode privar o cidadão do acesso ao judiciário pelo fato de não estar sindicalizado. A propósito, alguém teria o (modelo) fundamento do pedido para disponibilizar?

  • Rosana diz: 23 de julho de 2013

    Boa tarde,

    alguém conseguiu o modelo da petição inicial e poderia me
    encaminhar por gentileza?

  • jose roberto diz: 24 de julho de 2013

    Dra. bom dia, gostaria que a senhora me mandasse um modelo dessa ação para a revisão do FGTS, se for possivel claro.
    Desde ja um abraço.
    Att.,
    José Roberto

  • Paulo diz: 24 de julho de 2013

    Olá! Alguém teria um modelo da Ação Revisional do FGTS

    GRato

  • luis isidorio dos santos diz: 27 de julho de 2013

    trabalhei desde 1979 e sai em 2005 e me aposentei em 2007 tenho direito as perda? e posso entra sozinho?

  • Josiane Barreto diz: 30 de julho de 2013

    Trabalhei na
    Primeira Empresa 1994 á 2004
    Retornei 2005 á 2006
    Segunda Empresa 2008 á 2010
    Gostaria de saber se tenho como entrar na justiça individualmente, para requerer a revisão dos valores do FGTS . Sou RS. Obigada pela sua atenção!!!

  • J Maurício diz: 30 de julho de 2013

    Gostaria do modelo da petição inicial. Grato.

  • Daniela diz: 30 de julho de 2013

    Olá preciso com urgência de um modelo de petição inicial para essa revsão do FGTS!

    Alguém poderia me enviar??

    Agradeço.

  • Raquel diz: 30 de julho de 2013

    Boa tarde preciso de um modelo de petição inicial para essa revisão do FGTS!

    Alguém poderia me enviar??

    Agradeço.

  • Sérgio Calheiros Fontana diz: 31 de julho de 2013

    Dra. boa tarde, sou do interior do Rio Grande Do Sul. Meu pai esses dias chegou a me falar sobre essa ação, pois estavam oferecendo para ele, assim, se possível, a senhora me mandar o modelo dessa ação para a revisão do FGTS..
    Obs: parabéns pelo seu site.

    Mtoo Obrigado Dra.

  • Micheli Cerchiari diz: 31 de julho de 2013

    Prezada Dra.
    Boa tarde!

    A Dra. teria o modelo da petição para me enviar, por gentileza?

    Desde já, agradeço!

    Att.,

    Micheli Cerchiari

  • Izanete Ceron diz: 1 de agosto de 2013

    Olá, da mesma forma se puder me enviar o modelo da Ação Revisional, fico grata.

    Att,

    Izanete Ceron

  • Gerson B. Gratival diz: 1 de agosto de 2013

    Tenho todo material completo, tais como, modelo da petição, nota técnica do DIEESE, parecer da CUT, estudos sobre o FGTS e a TR, e decisões do STJ e do STF. Vendo todo material por RS350,00. Entrar em contato pelo tel. 31 3848 5937, ou pelo E-mail gerson.gratival@yahoo.com.br

  • Marco Aurélio diz: 1 de agosto de 2013

    trabalhei em uma empresa de 1987 a 2012, e estou desempregado, eu tenho direito a entrar nesta petição mesmo não estando sindicalizado, e como devo proceder pois o sindicato ao qual fui filiado me informou que a petição é somente para quem é sindicalizado

  • cintya diz: 3 de agosto de 2013

    Boa Noite Drª, gostaria de saber se alguem tem o modelo da petição FGTS para me enviar? Desde já, Obrigada.

  • MARIANA diz: 5 de agosto de 2013

    Boa Noite Drª, gostaria de saber se alguem tem o modelo da petição FGTS para me enviar? Desde já, Obrigada.

  • Alexandre Santos Fonseca diz: 5 de agosto de 2013

    Bom dia, Dra. seria possível me enviar modelo da ação inicial para entrar com esta ação?

  • heneide w costa diz: 5 de agosto de 2013

    favor me enviar cópia da petição inicial.
    agradeço desde já

  • ROSILENE CUNDA KOPPER diz: 5 de agosto de 2013

    Trabalhei de 1998 a 2004 na Prefeitura Municipal de Butia, e de 2004 a 2012 na Caixa Eonomica Federal, nao retirei o FGTS mas abati no meu contrato habitacional, mesmo assim tenho direito ao reajuste? E posso entrar individualmente na justiça ou só por meio de açao coletiva? Obrigado

  • ADEMIR GERBER diz: 6 de agosto de 2013

    ***EM 1999 SAI DE UMA EMPRESA EM JUNHO(RECEBI FGTS NORMAL) + MULTA 40% -1)pergunta* a incidencia de correcao sobre a multa tambem, existe perda!!!!2)continuei trabalhando ate 2008 onde me aposentei, recebi fgts normal + multa!!!mesma duvida tenho direitos sobre o montante e sobre a multa tambem!!!!Quanto +- terei de correcaode 1999 ate hj, visto ter parado em 2008, ganhava em media l.2 sm ( A multa da empresa em 1999 foi de l,5 mil…Como devo ajuizar acao e se tenho direito a pedir essas perdas e onde devo ajuiza acao individual!!!!!!!

  • Daniel Rinaldi Manzano diz: 6 de agosto de 2013

    Boa Tarde Dra!
    Sou de Catanduva, interior de São Paulo e gostaria de um modelo desta ação, para que eu possa ingressar para meus clientes.
    Desde já agradeço.
    Att.
    Daniel Rinaldi Manzano

  • MVS Advocacia e Assessoria Jurídica diz: 6 de agosto de 2013

    O Escritório MVS já faz esse tipo de ação. Entre em contato conosco pelo e-mail: advocaciamvs@gmail.com

  • José Tamaiti diz: 6 de agosto de 2013

    È possível ajuizar ação sózinho.
    Que tipo de ação?

  • Giuliane diz: 6 de agosto de 2013

    Sou advogada e estou entrando com referida tese em SC. Caso haja interesse: giulianeadv@gmail.com

  • Vinicius diz: 7 de agosto de 2013

    Bom dia Dr.

    Sou advogado no interior de São Paulo, gostaria de um modelo dessa ação para estudos e posterior ajuizamento na minha comarca.
    Desde já agradeço.

  • Sônia Alves Pereira diz: 8 de agosto de 2013

    Doutora, boa tarde.
    Sou advogada em Ipatinga/MG, milito também em Cel. Fabriciano e Timóteo. Como aqui a demanda de trabalhadores é grande, gostaria de um modelo dessa ação para análise e posterior ajuizamento da mesma nas comarcas em que atuo.
    Desde á agradeço.
    Sônia Alves Pereira – advogada OAB/MG 84.778

  • Evanildo Felipe diz: 8 de agosto de 2013

    Somente tem direito a essa revisão trabalhadores que pemanecerão registrados na mesma empresa desde 1999 até a data de hoje.

  • Fabiana diz: 8 de agosto de 2013

    Prezada Dra.

    Gostaria muito de um modelo da inicial.

    Att.

  • Gerson diz: 12 de agosto de 2013

    Boa tarde, Dra.

    Sou advogado no interior de Minas Gerais, gostaria de um modelo dessa ação para estudos e posterior ajuizamento na minha comarca.

    Desde já agradeço.

  • Gerson diz: 12 de agosto de 2013

    Boa tarde, Dra.

    Sou advogado no interior de Minas Gerais, gostaria de um modelo dessa ação para estudos e posterior ajuizamento na minha comarca.

    Desde já agradeço.

  • Eunice Ferreira diz: 13 de agosto de 2013

    Bom dia. Por favor, gostaria de receber um modelo da inicial e também qual a forma de cobrar os honorários já que se houver ganho de causa o valor será depositado na conta do FGTS. É viável cobrar uma taxa operacional para entrar com a ação?
    Desde já agradeço.

  • GERSON diz: 13 de agosto de 2013

    Prezados colegas. Claro que é preciso cobrar taxa operacional. A Petição tem 26 páginas e tem que ser colorida por causa dos gráficos e tabelas. É preferível propor ações plúrimas, com pelo menos 15 pessoas por ação. Tenho o material completo, tais como, modelo da petição, nota técnica do DIEESE, parecer da CUT, estudos sobre o FGTS e a TR, e decisões do STJ e do STF a respeito da matéria, e planilha de cálculo de fácil manuseio. Meu escritório já entrou com mais de cem ações com 15 pessoas por ação. Vendo todo material por RS350,00. Entrar em contato pelo tel. 31 3848 5937, ou pelo E-mail gerson.gratival@yahoo.com.br

  • ANA cAROLINA diz: 14 de agosto de 2013

    Olá Dra. a Sra. poderia me fornecer uma cópia da petição inicial? sou de Tupã, regiao de bauru e marília.

    Obrigada

  • Rosana A. O. Antonio diz: 14 de agosto de 2013

    Como posso saber mais sobre esta questão referente a correção do fgts e se tenho direito pois trabalho registrada desde 1995, esse dinheiro fica prezo no banco ou poderá ser sacado a qualquer momento pelo usuario da conta?

  • Daniela Lacerda Ledier Pedro diz: 15 de agosto de 2013

    Boa tarde Dra., gostaria muito de um modelo de petição para propor a Ação. Muita Grata pelas informações. Sou de Guarulhos/SP

  • Cleber da Silva Ferreira diz: 17 de agosto de 2013

    gostaria de saber se quem trabalhou de 2005 pra frente tem direito e o que fasso pra entrar com esta ação aqui na cidade onde moro e quais os documentos levar e onde procurar

  • Ederson diz: 20 de agosto de 2013

    Gostaria de receber proposta sobre uma ação deste tipo, trabalhei no periodo de 1991 até 2012, Sou de erechim Rs.

  • Alda diz: 22 de agosto de 2013

    Por favor, se alguém puder enviar uma cópia dessa petição e a tabela de como fazer os cálculos, agradeço imensamente.

  • Mila diz: 27 de agosto de 2013

    Giane, sou de Marilia SP, vc pode me enviar o modelo da ação do FGTS (revisão da TR)? Planilha? Pode me ajudar?

  • Leandro Oliveira da Silva diz: 27 de agosto de 2013

    Eu trabalho desde 2001. Gostaria de saber como entro com uma ação. Tenho que procurar os sindicatos ou já arrumo um advogado?

  • joão paulo diz: 28 de agosto de 2013

    Olá Dra. boa tarde!
    Gostaria de saber sem a Sra. tem um modelo dessa AÇÃO, e se pode me enviar.
    Agradecido.
    João Paulo

  • Bruno de Souza Alves diz: 29 de agosto de 2013

    Olá Dra., tudo bem?
    Sou de Barretos-SP e gostaria muito que se possível você me enviasse a petição inicial, temos estudado e procurado mas não conseguimos finalizar o trabalho até a data de hoje.
    Desde já, muito obrigado pela atenção e parabéns pelas inovações e agilidade nos assuntos jurídicos.

  • Bruno de Souza Alves diz: 29 de agosto de 2013

    Olá Dra., tudo bem?
    Sou de Barretos-SP e gostaria muito que se possível você me enviasse a petição inicial, temos estudado e procurado mas não conseguimos finalizar o trabalho até a data de hoje.
    Desde já, muito obrigado pela atenção e parabéns pelas inovações e agilidade nos assuntos jurídicos.

  • Marilene Santos diz: 29 de agosto de 2013

    Dra. como faço para ter um modelo dessa ação?? alguém tem para passar??
    Att,

    Marilene

  • Kecia Dantas diz: 29 de agosto de 2013

    Gostaria do cópia da petição e tabela para fazer os cálculos e saber se posso entrar individualmente para requerer a correção do meu FGTS.

  • Kecia Dantas diz: 29 de agosto de 2013

    Gostaria do cópia da petição e tabela para fazer os cálculos e saber se posso entrar individualmente para requerer a correção do meu FGTS.

  • Cátia Ana Seffrin diz: 1 de setembro de 2013

    Boa noite
    É possível me enviar um modelo da Ação de revisão dos valores do FGTS, caso não seja possível gostaria de saber a fundamentação jurídica utilizada nesta.
    Muito obrigada.
    Cátia Ana Seffrin

  • Cátia Ana Seffrin diz: 1 de setembro de 2013

    Boa noite
    É possível me enviar um modelo da Ação de revisão dos valores do FGTS, caso não seja possível gostaria de saber a fundamentação jurídica utilizada nesta.
    Muito obrigada.
    Cátia Ana Seffrin

  • Andrea diz: 2 de setembro de 2013

    Sou de Curitiba-PR e farei a ação para alguns conhecidos
    É possível enviar o modelo da planilha de cálculo para ajuizar a ação?
    Obrigada

  • Andrea Faria diz: 3 de setembro de 2013

    Boa tarde!!! Gostaria muito de receber o material para juizar ação. Como faço e quais os custos? Fico no aguardo de um breve retorno.
    Obrigada!

  • Andrea Faria diz: 3 de setembro de 2013

    Boa tarde!!! Gostaria muito de receber o material para juizar ação. Como faço e quais os custos? Fico no aguardo de um breve retorno.
    Obrigada!

  • Andrea Faria diz: 3 de setembro de 2013

    Boa tarde!!! Gostaria muito de receber o material para juizar ação. Como faço e quais os custos? Fico no aguardo de um breve retorno.
    Obrigada!

  • José Tamaiti diz: 3 de setembro de 2013

    Gostaria de receber modelo da Inicial, se possível.

  • luis isidorio dos santos diz: 3 de setembro de 2013

    caro amigo trabalhei de setembro 1979 a dezembro 2005 vale apena entrar c/ ação na justiça? e quanto posso ter de correção gostaria de uma resposta agradeço desde já

  • Luiz Henrique diz: 5 de setembro de 2013

    Meuuuuu Deuuuussssssssss, tirando alguns que fizeram perguntas pertinentes o restante parece ser um bando de pseudo espertalhões que querem que alguma entidade baixe e lhes dê a ação pronta.
    Estudar, pesquisar, se aprofundar, trabalhar, usar a inteligência e ai por diante nem pensar… kkkkkk

  • Gerson B. Gratival diz: 6 de setembro de 2013

    Prezados colegas. Claro que é preciso cobrar taxa operacional. A Petição tem 26 páginas e tem que ser colorida por causa dos gráficos e tabelas. É preferível propor ações plúrimas, com pelo menos 15 pessoas por ação. Tenho o material completo, tais como, modelo da petição, nota técnica do DIEESE, parecer da CUT, estudos sobre o FGTS e a TR, e decisões do STJ e do STF a respeito da matéria, e planilha de cálculo de fácil manuseio. Trata-se de uma petição muito complexa. Meu escritório já entrou com mais de cem ações com 15 pessoas por ação. Vendo todo material por RS350,00. Entrar em contato pelo tel. 31 3848 5937, ou pelo E-mail gerson.gratival@yahoo.com.br

  • Giovan diz: 10 de setembro de 2013

    Bom Dia! Nosso escritório ajuiza esta ação de revisão do saldo do FGTS, com a segurança e a credibilidade que você precisa.
    Dúvidas pelo e-mail: glimdir@gmail.com

  • Juliana diz: 11 de setembro de 2013

    Olá! Poderia gentilmente fornecer a cópia da petição inicial. Sou advogada e nunca entrei com essa ação antes, um cliente me procurou e gostaria de começar a trabalhar com isso. Grata

  • Patrícia Reis diz: 11 de setembro de 2013

    Olá, gostaria de saber se a sra. poderia, gentilmente, me enviar o modelo da petição inicial. Sou advogada e nunca fiz uma ação parecida com essa.
    Grata

  • Mylena diz: 12 de setembro de 2013

    Juliana, Patricia, Jose e Andrea, entrem em contato comigo sobre o modelo da ação. mylenaqueiroz@ig.com.br

  • Michelle diz: 12 de setembro de 2013

    Tenho o material completo…mais informações por e-mail: suportejuridicosantos@hotmail.com

    1. Breve síntese da ação: A Taxa Referencial (TR) é o índice usado para corrigir as contas do FGTS. Desde 1999, o Governo federal não a aplica conforme os números da inflação anual. Com isso, o dinheiro do trabalhador está defasado.

    A partir de 1999, a TR começou a ser reduzida, gradativamente, até que, em setembro de 2012, chegou a zero. Ou seja, o dinheiro do trabalhador que está no FGTS passou a ficar sem correção.

    No final, a diferença devida ao trabalhador pode chegar a 88,3%.

  • Denise Fonseca diz: 16 de setembro de 2013

    Boa tarde Doutora.
    Gostaria, se possível, que me enviasse um modelo da ação Revisional do FGTS para correção dos valores a partir de 1999, bem como, o modelo que como se faz o calculo, aplicando-se as correções pelo INPC.
    antecipadamente agradeço a gentileza.

    Att. Denise A. Fonseca

  • Michelle diz: 16 de setembro de 2013

    R e s u m o

    - Modelo de petição inicial (editável);
    - Planilha de cálculo;
    - Instruções para preenchimento da planilha de cálculo;
    - Impugnação e Contestação;
    - Resoluções do Banco Central sobre a TR;
    - Folheto explicativo sobre a ação;
    - Nota técnica do DIEESE, de junho/2013;
    - Íntegra de decisão do STF que afasta a TR como índice de correção monetária;
    - Modelo de procuração;
    - Modelo de contrato de honorários; e
    - Formulário da CEF para solicitação do extrato analítico;

    O b s e r v a ç õ e s :

    1) A competência para a ação é da Justiça Federal e, por isso, a
    petição está dirigida ao Juizado Especial Federal. Para utilizá-la em
    uma Vara Federal basta modificar o endereçamento e excluir o tópico que
    fala da competência do Juizado Especial Federal.

    2) As resoluções do BACEN servem para entender o cálculo da TR e
    instruir a demanda. Se optar por excluir alguma, recomenda-se que ao
    menos as de nº 3354 e nº 3446 acompanhem a inicial.

    3) A Nota Técnica do DIEESE serve como material de apoio, tendo em
    vista a relevância dos informações que ela contém. Alguns trechos
    inclusive são reproduzidos na petição inicial. Sua juntada na ação
    opcional.

    4) A decisão do Supremo Tribunal Federal não está diretamente ligada ao
    tema das perdas do FGTS, mas seus argumentos são de grande relevância
    para o assunto, pois confirmam que a TR (Taxa Referencial) não pode ser
    utilizada como índice de correção. Serve, também, como material de
    apoio.

    Obs: Após a confirmação do respectivo pagamento, o material será enviado imediatamente para
    o e-mail correspondente.

    Valor do Pacote de R$ 160,00
    Dúvidas Email
    suportejuridicosantos@hotmail.com

  • thiago diz: 18 de setembro de 2013

    Ola boa noite , tem algum advogado aki em limeira que eu possa
    Estar conversando sobre a entrada na petiçao do processo,
    Trabalhei de 2003 ate 2013 na mesma empresa.. grato..se alguem puder me ajudar
    Desde ja agradeco…

  • Gerson diz: 18 de setembro de 2013

    PESSOAL,
    POSSUO O MATERIAL NECESSÁRIO PARA A PROPOSITURA DA AÇÃO DO FGTS. ESTOU PASSANDO PARA O PESSOAL POR UM PREÇO MAIS EM CONTA, R$ 70,00. QUEM ESTIVER INTERESSADO, FAVOR ME ENVIAR UM E-MAIL: gerson.junio@gmail.com

    O material é ótimo.

  • Renato diz: 18 de setembro de 2013

    Boa Noite Dra Michelle apenas gostaria de agradecer seu material, e sua atenção obrigado mesmo.Muito Bom!!

  • Ana Paula diz: 20 de setembro de 2013

    Gostaria de saber se alguém adquiriu o material de algum profissional e se recomendam

  • Renato diz: 21 de setembro de 2013

    Ana, eu adquiri da Dra. Michelle Leão logo ai em cima, material muito bom pelo menos não tenho do que reclamar ela é muito idônea.

  • Francine diz: 23 de setembro de 2013

    De fato eu também consegui esse material com dra Michelle, excelente material!!!!

  • Aline diz: 25 de setembro de 2013

    Por favor, alguém poderia me enviar um modelo dessa ação? alinecristinamion@bol.com.br

  • LUCAS diz: 25 de setembro de 2013

    Na minha opinião de profissional (sou advogado) isso ai não vai dar em nada. A natureza do FGTS não comporta um possivel reconhecimento de nova taxa para calculo de correção. Balela!
    Qualquer mudança no FGTS tem que advir por lei.
    Além de tudo o impacto economico financeiro seria gigantesco. Não vai dar em nada, já tem juiz federal indeferindo.

  • Ailson diz: 26 de setembro de 2013

    Bom dia à todos,
    Lucas, por favor, me indique caso tenha clientes interessado na ação. ailsontenorio@yahoo.com.br já que acha que não vai dar em nada, não custa ajudar um colega.
    Alguém conseguiu planilha ou algo do tipo que ajude a fazer os cálculos? Poderiam me ajudar, por favor.

  • Gerson Gratival diz: 27 de setembro de 2013

    Dr. Lucas, o senhor está fazendo afirmações como se Júiz fosse. Se o Dr. puder ler a Lei nº 8.036/91, talves entenderia que a TR não é índice de correção. Aliás, não é índice para nada. O objetivo de sua criação, durante o governo Collor foi exatamente para desvincular a economia dos atuais e legítimos índices de correção, tais como INPC, IPAC, IGP-M, entre outros. A Lei nº 8.036/90, que revogou as anteriores, todas, sem exceção, previam a aplicação da correção monetária nos valores depositados nas contas vinculadas do FGTS, como forma de preservá-los. Portanto, trata-se de direito adquirido, e a aplicação da TR fere de morte o art. 5º, XXXVI, do texto Constitucional, que determina o seguinte:”A Lei não prejudicará o direito adquirido, o ato jurídico perfeito e a coisa julgada”. É óbvio que tem Juiz Federal indeferindo, como também tem Juiz Federal julgando procedente. O que ocorre é, que por ser matéria de repercussão nacional, não será um Juiz monocrático a ser o ultimo a bater o martelo.
    Por fim, tenho enviado o material completo, para todos os cantos do Brasil, e nosso escritório tem recebido elogios de todos os que compraram em nossas mãos.
    Vendo por R$ 350,00 e não tem como melhorar o valor, pois trata-se de um trabalho complexo e que possui muitas páginas (26 sem contar a contrafé e a cópia) e necessita ser colorida em função dos vários gráficos inseridos.
    P.S. Já recebemos reclamações de várias pessoas, que antes de comprar em nosso escritório, comprou gato por lebre na mão de outros. Como diz o antigo brocado “Quem paga errado, paga duas vezes”.
    Att.

    Gerson Gratival
    gerson.gratival@yahoo.com.br

  • Bráulio Loureiro Gomes diz: 30 de setembro de 2013

    Olá bom dia, gostaria de saber se a Dra. poderia, gentilmente, me enviar o modelo da petição inicial. Sou advogado, um cliente me procurou e gostaria de começar a trabalhar com a matéria, porém, tenho pouco material a respeito. Grato.

  • Solange Gonçales diz: 1 de outubro de 2013

    Em Ipatinga e região já estamos ajuizando este tipo de ação, entre em contado conosco pelo tel: (31) 8852 37 25 _ Drª Solange Gonçalves – OAB-MG 145898

  • Renato Troncoso diz: 2 de outubro de 2013

    Boa tarde Doutor (a)!

    Gostaria, se possível, que me enviasse um modelo da ação Revisional do FGTS para correção dos valores a partir de 1999, bem como, o modelo que como se faz o calculo, planilhas, etc, aplicando-se as correções pelo INPC.

    Desde já agradeço sua gentileza e atenção,

    Att. Renato Troncoso.

  • Claudia diz: 8 de outubro de 2013

    Kit completo (petição, jurisprudencia, planilha de calculo, requerimento CEF) por apenas 50,00. Estou repassando para recuperar o investimento e ajudar os colegas. claudiaadv.dias@gmail.com

  • Gerson Marques diz: 8 de outubro de 2013

    Prezados colegas,
    Estou repassando o material que possuo (modelo da inicial, duas planilhas de cálculos, voto do relator da ADI 4357, Requerimento da CEF, Estudo sobre o FGTS e a TR, Orientação da CUT Nacional, Jurisprudência do STJ e STF nesse sentido). O valor do material é de R$ 50,00 reais. O material é necessário para a propositura. Interessados favor enviar e-mail para: gerson.junio@gmail.com

  • Jéssica diz: 8 de outubro de 2013

    Boa tarde! Gostaria de saber se há como você me mandar um modelo dessa ação por e-mail. Obrigada!

  • Ailson diz: 10 de outubro de 2013

    Bom dia colegas,

    adquiri o kit completo para propositura da ação, inclusive a planilha de cálculo, muito fácil e prática. Estou repassando o material para quem tiver interesse. ailsontenorio@yahoo.com.br – APENAS 50,00.

  • Ana da Luz diz: 10 de outubro de 2013

    Olá
    tenho os materiais (petição, planilha atualizada até setembro, e demais informações sobre a TR) e repasso a quem estiver interessado por um custo de R$ 40,00 só para rever o investimento que fiz e ajudar aos colegas que querem a cópia da petição.
    interessados me contatar: anadaluzdosantos@gmail.com

  • Michell diz: 11 de outubro de 2013

    Boa Noite, sou ADVOGADO e quero ajudar aos nobres colegas,por isso estou repassando o material da AÇÃO DO FGTS conforme material identico aos mencionados acima pelo valor de R$ 30,00.
    Interessados encaminhei o email para diligencia_judicial@hotmail.com
    CONFIRAM MATERIAL IDENTICO

    R e s u m o

    - Modelo de petição inicial (editável);
    - Planilha de cálculo;
    - Instruções para preenchimento da planilha de cálculo;
    - Impugnação e Contestação;
    - Resoluções do Banco Central sobre a TR;
    - Folheto explicativo sobre a ação;
    - Nota técnica do DIEESE, de junho/2013;
    - Íntegra de decisão do STF que afasta a TR como índice de correção monetária;
    - Modelo de procuração;
    - Modelo de contrato de honorários; e
    - Formulário da CEF para solicitação do extrato analítico;

    O b s e r v a ç õ e s :

    1) A competência para a ação é da Justiça Federal e, por isso, a
    petição está dirigida ao Juizado Especial Federal. Para utilizá-la em
    uma Vara Federal basta modificar o endereçamento e excluir o tópico que
    fala da competência do Juizado Especial Federal.

    2) As resoluções do BACEN servem para entender o cálculo da TR e
    instruir a demanda. Se optar por excluir alguma, recomenda-se que ao
    menos as de nº 3354 e nº 3446 acompanhem a inicial.

    3) A Nota Técnica do DIEESE serve como material de apoio, tendo em
    vista a relevância dos informações que ela contém. Alguns trechos
    inclusive são reproduzidos na petição inicial. Sua juntada na ação
    opcional.

    4) A decisão do Supremo Tribunal Federal não está diretamente ligada ao
    tema das perdas do FGTS, mas seus argumentos são de grande relevância
    para o assunto, pois confirmam que a TR (Taxa Referencial) não pode ser
    utilizada como índice de correção. Serve, também, como material de
    apoio.

  • Michelle Leão diz: 12 de outubro de 2013

    Tenho material completo por R$160,00!!!!!.

    ADQUIRINDO MATERIAL DO FGTS DE 1999 A 2013, AGORA
    “BRINDE DA PLANILHA DE DESAPOSENTAÇÃO E PETIÇÃO PARA QUEM NÃO TEM EXTRATO!!!!!! MATERIAL SUPER IDÔNEO.
    Dúvidas segue o email…
    suportejuridicosantos@hotmail.com

    MAIS INFORMAÇÕES.
    SUPORTEJURIDICOSANTOS@HOTMAIL.COM

    A Taxa Referencial (TR) é o índice usado para corrigir as contas do FGTS. Desde 1999, o Governo federal não a aplica conforme os números da inflação anual. Com isso, o dinheiro do trabalhador está defasado.

    A partir de 1999, a TR começou a ser reduzida, gradativamente, até que, em setembro de 2012, chegou a zero. Ou seja, o dinheiro do trabalhador que está no FGTS passou a ficar sem correção.

    No final, a diferença devida ao trabalhador pode chegar a 88,3%.

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL

    1) MODELO DE PETIÇÃO INICIAL QUE FOI MODIFICADA PARA INCLUIR FUNDAMENTOS CONSTITUCIONAIS, PREQUESTIONAMENTO, NOVOS ENUNCIADOS, FUNDAMENTOS EM ADI SOBRE A TR, confira:

    – Peça foi alterada após sentença proferida em 05/09/2013 para rebater, já na inicial, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais;

    -Os fundamentos constitucionais e o prequestionamento estão retratados nos fundamentos e nos pedidos. Ainda, os pedidos são bem completos e abordam todas as situações que poderão ocorrer no processo

    – No campo dos honorários advocatícios – elencamos fundamentos em ADI e RE – recentes;

    2) SEGUNDO Modelo de petição inicial para ajuizar sem os extartos e sem a planilha , em formato Word editável, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS. Ao final indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor – COM FUNDAMENTOS E PEDIDO LIMINAR PARA ENTREGA DOS EXTRATOS DO FGTS (para ajuizar a ação sem cálculos e sem extratos);

    3. CÓPIA DE AÇÃO COLETIVA ;

    4. IMPUGNAÇÃO ESPECÍFICA SOBRE OS TÓPICOS DA CONTESTAÇÃO – em formato Word;

    5. Planilha de cálculos, em Excel, de fácil utilização – desenvolvida para advogados; serve para fazer quantos cálculos forem necessários. Perfeita para a tese da correção do FGTS por índice diferente da TR – ATUALIZADA.

    6. Explicativo dos cálculos demonstrando claramente como devem ser elaborados, incluindo site, forma de atualização

    7. Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional;

    8. Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;

    9. Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;

    10. Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto;

    11.Requerimento de extratos do FGTS junto a CEF;

    12. Modelo de ação de exibição de documentos;

    13. Artigos e matérias sobre o tema;

    14. Resoluções do Banco Central sobre o tema;

    15.Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;

    16. MODELOS DE: CONTRATO ESPECÍFICO (inclusive para eventual caso de depósito do valor direito em conta vinculada do FGTS),

    17. MODELO DE AGRAVO PARA REQUERER A GRATUIDADE DA JUSTIÇA – em caso de indeferimento do pedido de gratuidade da justiça;

    18. Outros materiais e decisões sobre o tema.

    19. PROCEDIMENTO PARA RECEBER HONORÁRIOS MESMO PARA TRABALHADORES QUE NUNCA LEVANTARAM O FGTS;

    20. Envio de Procuração Específica;

    21. Envio de Declaração para gratuidade – Modelo

    22. Matérias (jornal) da Força sindical com informações sobre a TR;

    23) ENVIAMOS TAMBÉM CÓPIA DE SENTENÇA, EMBARGOS DE DECLARAÇÃO, RECURSO INOMINADO.

    24) Fundamentos da ação, questões processuais, competência, valor da causa, legitimidade, gratuidade da justiça, recebimento de honorários, risco de depósito em conta vinculada do FGTS, pedidos, questões constitucionais, presquestionamento, análise de sentença, embargos etc…):

    Assessoria por tempo indeterminado, atualização do Material enviado gratuitamente

  • Alexandre Rosario Freitas diz: 14 de outubro de 2013

    Bom dia colegas,

    venho alerta-los sobre as vendas dos materiais para propositura da ação. Adquiri um por 40,00 e no entanto, a planilha de cálculo veio bloqueada e a inicial com alguns erros grotescos e quem me vendeu não responde mais meus e-mails. Sugiro que antes solicitem e consultem a OAB. Eu joguei 40,00 fora e tive que obter outro por 50,00, enfim, no total saiu 90,00.

  • Francine diz: 14 de outubro de 2013

    Bom dia colega.
    Como diz meu colega “Gerson Gratival”, Por fim, tenho enviado o material completo, para todos os cantos do Brasil, e nosso escritório tem recebido elogios de todos os que compraram em nossas mãos.
    Vendo por R$ 1600,00 e não tem como melhorar o valor, pois trata-se de um trabalho complexo e que possui muitas páginas (30 sem contar a contrafé e a cópia) .
    P.S. Já recebemos reclamações de várias pessoas, que antes de comprar em nosso escritório, comprou gato por lebre na mão de outros. Como diz o antigo brocado “Quem paga errado, paga duas vezes”.
    Realmente a “todos” tem que ver com quem está comprando MESMO, e a esse valor até minha filhinha desconfiaria pois que nem diz o ditado “o barato sai caro”, nada PESSOAL.
    Att.

    Gerson Gratival

  • Francine diz: 14 de outubro de 2013

    Retiicando o valor é de R$ 160,00!!!

  • M. Tolio diz: 15 de outubro de 2013

    Estamos entrando com este tipo de ação em todo o RS.
    Disponibilizamos modelo para advogados. contato:
    m.tolioadvocacia@gmail.com

  • Ailson diz: 18 de outubro de 2013

    Para aqueles que quiserem o kit, o valor continua 50,00. Entrar em contato ailsontenorio@yahoo.com.br ou 98493-3332 (11).

  • Eduardo diz: 21 de outubro de 2013

    Bom dia.
    Quem tiver interesse em entrar com as ações revisionais do FGTS por favor entrem em, contato pelo e-mail enfadvocacia@gmail.com, que possuímos advogados competentes e especializados para passar todas as explicações.

  • MACHADO ADVOGADOS diz: 22 de outubro de 2013

    NOSSO ESCRITORIO ATUA NA JUSTIÇA FEDERAL COM CENTENAS DE AÇÕES CONTRA A CAIXA ECONOMICA FEDERAL FAZENDO A ADEQUADA REVISÃO DOS VALORES DOS DEPOSITOS DO FGTS DESDE 1999. ESTAMOS A DISPOSIÇÃO PARA O INGRESSO DE SUA AÇÃO JUNTO AO PODER JUDICIARIO BUSCANDO GANHOS SIGNIFICATIVOS AOS NOSSOS CLIENTES. CONTATENOS ATRAVES DE NOSSO E-MAIL. NÃO COBRAMOS NENHUM VALOR PARA O INGRESSO DE SUA AÇÃO.TEREMOS PRAZER EM LHE ATENDER.
    ATT: FABIO MACHADO
    OAB/RS 58.177

  • MACHADO ADVOGADOS diz: 22 de outubro de 2013

    NOSSO ESCRITORIO ATUA NA JUSTIÇA FEDERAL COM CENTENAS DE AÇÕES CONTRA A CAIXA ECONOMICA FEDERAL FAZENDO A ADEQUADA REVISÃO DOS VALORES DOS DEPOSITOS DO FGTS DESDE 1999. ESTAMOS A DISPOSIÇÃO PARA O INGRESSO DE SUA AÇÃO JUNTO AO PODER JUDICIARIO BUSCANDO GANHOS SIGNIFICATIVOS AOS NOSSOS CLIENTES. CONTATENOS ATRAVES DE NOSSO E-MAIL. NÃO COBRAMOS NENHUM VALOR PARA O INGRESSO DE SUA AÇÃO.TEREMOS PRAZER EM LHE ATENDER.
    ATT: FABIO MACHADO
    OAB/RS 58.177

    fabiosuertegaraymachado@yahoo.com.br

  • MACHADO ADVOGADOS diz: 22 de outubro de 2013

    CONTATENOS ATRAVES DE NOSSO E-MAIL. NÃO COBRAMOS NENHUM VALOR PARA O INGRESSO DE SUA AÇÃO.TEREMOS PRAZER EM LHE ATENDER.
    ATT: FABIO MACHADO
    OAB/RS 58.177

    fabiosuertegaraymachado@yahoo.com.br

  • Carolina Lamborghetti diz: 22 de outubro de 2013
  • Thiago diz: 23 de outubro de 2013

    Mas o que adianta tantos materiais para propositura da Ação se ainda não houve decisão favorável, a não ser o uso de “analogia”?

  • Ailson diz: 23 de outubro de 2013

    Tiago, aprendi na faculdade que ” O DIREITO NÃO SOCORRE QUEM DORME “.

  • Ailson diz: 23 de outubro de 2013

    Thiago, aprendi na Faculdade que ” O DIREITO NÃO SOCORRE QUEM DORME “.

  • Alecsania Zani diz: 23 de outubro de 2013

    Boa tarde, Dra.

    Sou advogada aqui em Guarulhos e por favor gostaria de um modelo dessa ação para estudos e posterior ajuizamento na minha comarca.

    Desde já agradeço.

    Alecsania Zani

  • Fabiana diz: 23 de outubro de 2013

    Possuo kit para ingresso da ação, contendo:

    - 2 modelos de iniciais em Word editável
    - Planilha de cálculo em excel bastando apenas lançar os valores dos depósitos mensais e já calcula o montante devido
    - Jurisprudência do STF e STJ
    - Orientações da CUT
    - Estudos sobre o tema
    - Modelo de requerimento extrato CEF.

    Posso repassar a quem tenha interesse pelo valor de R$40,00.
    É o mesmo material disponibilizado pelos outros colegas. Estou repassando por este valor apenas para recuperar meu investimento.

    Att.

  • Fabiana diz: 23 de outubro de 2013

    Possuo kit para ingresso da ação, contendo:

    - 2 modelos de iniciais em Word editável
    - Planilha de cálculo em excel bastando apenas lançar os valores dos depósitos mensais e já calcula o montante devido
    - Jurisprudência do STF e STJ
    - Orientações da CUT
    - Estudos sobre o tema
    - Modelo de requerimento extrato CEF.

    Posso repassar a quem tenha interesse pelo valor de R$40,00.
    É o mesmo material disponibilizado pelos outros colegas. Estou repassando por este valor apenas para recuperar meu investimento.

    CONTATO: correspondente_avare@hotmail.com

    Att.

  • Scheila Oliveira diz: 23 de outubro de 2013

    Gostaria de saber se alguém pode me repassar um modelo de planilha de calculo de revisão de FGTS, com urgência.

  • Ailson diz: 23 de outubro de 2013

    Sheila, se você precisa apenas da planilha, te passo ao custo de 20,00.
    ailsontenorio@yahoo.com.br

  • José Carlos diz: 25 de outubro de 2013

    Bom dia, eu aposentei em 1998 e o próprio sindicato nos disse na época que tínhamos um resíduo e erro de calculo de fgts de 1991 a 2005 como corre na mídia, até alguns colegas que aposentaram na mesma época já receberam através da justiça.Será que eu ainda consigo recorrer? Obrigado.

  • Ailson diz: 25 de outubro de 2013

    Boa noite José Carlos, se não mais trabalhou a partir da sua aposentadoria (1998), infelizmente não tem direito a correção, pois não houve depósito de FGTS no período (99-13). O período à que se refere (91 a 05) provável que seja referente ao plano Collor e não FGTS.
    Abçs.

  • Daniela Munis diz: 26 de outubro de 2013

    2- RESUMO DO MATERIAL COMPLETO E ATUALIZADO ATÉ OUTUBRO!!!!!!!!!

    *****PROMOÇÃO*****

    SOMENTE ESTA SEMANA

    VENDO O MATERAL COMPLETO SOMENTE POR R$ 90,00

    DÚVIDAS

    assessoramento_munis@hotmail.com

    KIT Completo para Ação de Correção de Contas do FGTS

    A Taxa Referencial (TR) é o índice usado para corrigir as contas do FGTS. Desde 1999, o Governo federal não a aplica conforme os números da inflação anual. Com isso, o dinheiro do trabalhador está defasado.
    A partir de 1999, a TR começou a ser reduzida, gradativamente, até que, em setembro de 2012, chegou a zero. Ou seja, o dinheiro do trabalhador que está no FGTS passou a ficar sem correção.
    No final, a diferença devida ao trabalhador pode chegar a 88,3%.

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL
    1) MODELO DE PETIÇÃO INICIAL QUE FOI MODIFICADA PARA INCLUIR FUNDAMENTOS CONSTITUCIONAIS, PREQUESTIONAMENTO, NOVOS ENUNCIADOS, FUNDAMENTOS EM ADI SOBRE A TR, confira:
    – Peça foi alterada após sentença proferida em 05/09/2013 para rebater, já na inicial, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais;
    -Os fundamentos constitucionais e o prequestionamento estão retratados nos fundamentos e nos pedidos. Ainda, os pedidos são bem completos e abordam todas as situações que poderão ocorrer no processo
    – No campo dos honorários advocatícios – elencamos fundamentos em ADI e RE – recentes;
    2) SEGUNDO Modelo de petição inicial para ajuizar sem os extartos e sem a planilha , em formato Word editável, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS. Ao final indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor – COM FUNDAMENTOS E PEDIDO LIMINAR PARA ENTREGA DOS EXTRATOS DO FGTS (para ajuizar a ação sem cálculos e sem extratos);
    3. CÓPIA DE AÇÃO COLETIVA ;

    4. IMPUGNAÇÃO ESPECÍFICA SOBRE OS TÓPICOS DA CONTESTAÇÃO – em formato Word;

    5. Planilha de cálculos, em Excel, de fácil utilização – desenvolvida para advogados; serve para fazer quantos cálculos forem necessários. Perfeita para a tese da correção do FGTS por índice diferente da TR – ATUALIZADA.

    6. Explicativo dos cálculos demonstrando claramente como devem ser elaborados, incluindo site, forma de atualização

    7. Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional;

    8. Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;

    9. Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;

    10. Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto;

    11.Requerimento de extratos do FGTS junto a CEF;

    12. Modelo de ação de exibição de documentos;

    13. Artigos e matérias sobre o tema;

    14. Resoluções do Banco Central sobre o tema;

    15.Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;

    16. MODELOS DE: CONTRATO ESPECÍFICO (inclusive para eventual caso de depósito do valor direito em conta vinculada do FGTS),

    17. MODELO DE AGRAVO PARA REQUERER A GRATUIDADE DA JUSTIÇA – em caso de indeferimento do pedido de gratuidade da justiça;

    18. Outros materiais e decisões sobre o tema.

    19. PROCEDIMENTO PARA RECEBER HONORÁRIOS MESMO PARA TRABALHADORES QUE NUNCA LEVANTARAM O FGTS;

    20. Envio de Procuração Específica;

    21. Envio de Declaração para gratuidade – Modelo

    22. Matérias (jornal) da Força sindical com informações sobre a TR;
    23) ENVIAMOS TAMBÉM CÓPIA DE SENTENÇA, EMBARGOS DE DECLARAÇÃO, RECURSO INOMINADO.
    24) Fundamentos da ação, questões processuais, competência, valor da causa, legitimidade, gratuidade da justiça, recebimento de honorários, risco de depósito em conta vinculada do FGTS, pedidos, questões constitucionais, presquestionamento, análise de sentença, embargos etc…):

    O valor do Material completo é de R$ 160,00, porém até esta semana estamos fazendo por R$ 140,00.
    Em virtude da grande demanda de pedidos.

    Qualquer dúvida estamos a disposição.

  • Daniela Munis diz: 26 de outubro de 2013

    2- RESUMO DO MATERIAL COMPLETO E ATUALIZADO ATÉ OUTUBRO!!!!!!!!!

    *****PROMOÇÃO*****

    SOMENTE ESTA SEMANA

    VENDO O MATERAL COMPLETO SOMENTE POR R$ 90,00

    DÚVIDAS

    assessoramento_munis@hotmail.com

    KIT Completo para Ação de Correção de Contas do FGTS

    A Taxa Referencial (TR) é o índice usado para corrigir as contas do FGTS. Desde 1999, o Governo federal não a aplica conforme os números da inflação anual. Com isso, o dinheiro do trabalhador está defasado.
    A partir de 1999, a TR começou a ser reduzida, gradativamente, até que, em setembro de 2012, chegou a zero. Ou seja, o dinheiro do trabalhador que está no FGTS passou a ficar sem correção.
    No final, a diferença devida ao trabalhador pode chegar a 88,3%.

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL
    1) MODELO DE PETIÇÃO INICIAL QUE FOI MODIFICADA PARA INCLUIR FUNDAMENTOS CONSTITUCIONAIS, PREQUESTIONAMENTO, NOVOS ENUNCIADOS, FUNDAMENTOS EM ADI SOBRE A TR, confira:
    – Peça foi alterada após sentença proferida em 05/09/2013 para rebater, já na inicial, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais;
    -Os fundamentos constitucionais e o prequestionamento estão retratados nos fundamentos e nos pedidos. Ainda, os pedidos são bem completos e abordam todas as situações que poderão ocorrer no processo
    – No campo dos honorários advocatícios – elencamos fundamentos em ADI e RE – recentes;
    2) SEGUNDO Modelo de petição inicial para ajuizar sem os extartos e sem a planilha , em formato Word editável, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS. Ao final indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor – COM FUNDAMENTOS E PEDIDO LIMINAR PARA ENTREGA DOS EXTRATOS DO FGTS (para ajuizar a ação sem cálculos e sem extratos);
    3. CÓPIA DE AÇÃO COLETIVA ;

    4. IMPUGNAÇÃO ESPECÍFICA SOBRE OS TÓPICOS DA CONTESTAÇÃO – em formato Word;

    5. Planilha de cálculos, em Excel, de fácil utilização – desenvolvida para advogados; serve para fazer quantos cálculos forem necessários. Perfeita para a tese da correção do FGTS por índice diferente da TR – ATUALIZADA.

    6. Explicativo dos cálculos demonstrando claramente como devem ser elaborados, incluindo site, forma de atualização

    7. Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional;

    8. Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;

    9. Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;

    10. Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto;

    11.Requerimento de extratos do FGTS junto a CEF;

    12. Modelo de ação de exibição de documentos;

    13. Artigos e matérias sobre o tema;

    14. Resoluções do Banco Central sobre o tema;

    15.Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;

    16. MODELOS DE: CONTRATO ESPECÍFICO (inclusive para eventual caso de depósito do valor direito em conta vinculada do FGTS),

    17. MODELO DE AGRAVO PARA REQUERER A GRATUIDADE DA JUSTIÇA – em caso de indeferimento do pedido de gratuidade da justiça;

    18. Outros materiais e decisões sobre o tema.

    19. PROCEDIMENTO PARA RECEBER HONORÁRIOS MESMO PARA TRABALHADORES QUE NUNCA LEVANTARAM O FGTS;

    20. Envio de Procuração Específica;

    21. Envio de Declaração para gratuidade – Modelo

    22. Matérias (jornal) da Força sindical com informações sobre a TR;
    23) ENVIAMOS TAMBÉM CÓPIA DE SENTENÇA, EMBARGOS DE DECLARAÇÃO, RECURSO INOMINADO.
    24) Fundamentos da ação, questões processuais, competência, valor da causa, legitimidade, gratuidade da justiça, recebimento de honorários, risco de depósito em conta vinculada do FGTS, pedidos, questões constitucionais, presquestionamento, análise de sentença, embargos etc…):

    Qualquer dúvida estamos a disposição.

  • Claudia diz: 28 de outubro de 2013

    Kit completo (2 modelos de petição, jurisprudencia STF e STJ, planilha de calculo (basta lançar valor dos depósitos mensais), requerimento CEF, orientações CUT, estudos sobre o tema) por apenas 40,00. ailsontenorio@yahoo.com.br

  • Claudia dias diz: 28 de outubro de 2013

    Kit completo (petição, jurisprudencia, planilha de calculo, requerimento CEF) por apenas 40,00. Compre com segurança.
    claudiaadv.dias@gmail.com

  • Fabiana diz: 28 de outubro de 2013

    Colegas, boa tarde!

    correspondente_avare@hotmail.com

    Possuo kit para ingresso da ação revisional de FGTS, com:

    - 2 modelos de iniciais em Word editável
    - Planilha de cálculo em excel bastando apenas lançar os valores dos depósitos mensais e já calcula o montante devido
    - Jurisprudência do STF e STJ
    - Orientações da CUT
    - Estudos sobre o tema
    - Modelo de requerimento extrato CEF.

    Posso repassar a quem tenha interesse pelo valor de R$40,00.
    É o mesmo material disponibilizado pelos outros colegas. Estou repassando por este valor apenas para recuperar meu investimento.

    CONTATO: correspondente_avare@hotmail.com

    Att.

  • Suporte Juridico Santos diz: 28 de outubro de 2013

    DESTACAMOS QUE O NOSSO MATERIAL É O MAIS COMPLETO DO MERCADO.

    SALIENTA-SE QUE O KIT 01 CONTÉM 18 ARQUIVOS E O KIT 02 CONTÉM 31 ARQUIVOS.

    TODAS AS PETIÇOES SÃO NO WORD (editável) para facilitar;

    Acompanha 02 planilhas para apresentar os cálculos, porém V. Sas. poderá utilizar a que melhor se encaixar no perfil do escritório.

    NÃO ESQUEÇA: BRINDE – AÇÃO DE DESAPOSENTAÇÃO E AÇÃO DE DIFERENÇA DO FGTS SEM EXTRATO ANALÍTICO.

    RESUMO DO MATERIAL 01

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL:

    - Modelo de petição inicial (editável);
    - Planilha de cálculo;
    - Instruções para preenchimento da planilha de cálculo;

    - Impugnação e Contestação;
    - Resoluções do Banco Central sobre a TR;
    - Folheto explicativo sobre a ação;
    - Nota técnica do DIEESE, de junho/2013;
    - Íntegra de decisão do STF que afasta a TR como índice de correção monetária;
    - Modelo de procuração;
    - Modelo de contrato de honorários; e

    - Formulário da CEF para solicitação do extrato analítico;

    O b s e r v a ç õ e s :

    1) A competência para a ação é da Justiça Federal e, por isso, a
    petição está dirigida ao Juizado Especial Federal. Para utilizá-la em
    uma Vara Federal basta modificar o endereçamento e excluir o tópico que
    fala da competência do Juizado Especial Federal.

    2) As resoluções do BACEN servem para entender o cálculo da TR e
    instruir a demanda. Se optar por excluir alguma, recomenda-se que ao
    menos as de nº 3354 e nº 3446 acompanhem a inicial.

    3) A Nota Técnica do DIEESE serve como material de apoio, tendo em
    vista a relevância dos informações que ela contém. Alguns trechos
    inclusive são reproduzidos na petição inicial. Sua juntada na ação
    opcional.

    4) A decisão do Supremo Tribunal Federal não está diretamente ligada ao
    tema das perdas do FGTS, mas seus argumentos são de grande relevância
    para o assunto, pois confirmam que a TR (Taxa Referencial) não pode ser
    utilizada como índice de correção. Serve, também, como material de
    apoio.

    RESUMO DO MATERIAL 02

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL:

    - MODELO DE PETIÇÃO INICIAL QUE FOI MODIFICADA PARA INCLUIR FUNDAMENTOS CONSTITUCIONAIS, PREQUESTIONAMENTO, NOVOS ENUNCIADOS, FUNDAMENTOS EM ADI SOBRE A TR, sendo que:

    a) Peça foi alterada após sentença proferida em 05/09/2013 para rebater, já na inicial, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais;

    b) Os fundamentos constitucionais e o prequestionamento estão retratados nos fundamentos e nos pedidos. Ainda, os pedidos são bem completos e abordam todas as situações que poderão ocorrer no processo

    c) No campo dos honorários advocatícios – elencamos fundamentos em ADI e RE – recentes;

    – SEGUNDO Modelo de petição inicial para ajuizar sem os extartos e sem a planilha , em formato Word editável, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS. Ao final indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor – COM FUNDAMENTOS E PEDIDO LIMINAR PARA ENTREGA DOS EXTRATOS DO FGTS (para ajuizar a ação sem cálculos e sem extratos);

    - CÓPIA DE AÇÃO COLETIVA ;

    - IMPUGNAÇÃO ESPECÍFICA SOBRE OS TÓPICOS DA CONTESTAÇÃO – em formato Word;

    - Planilha de cálculos, em Excel, de fácil utilização – desenvolvida para advogados; serve para fazer quantos cálculos forem necessários. Perfeita para a tese da correção do FGTS por índice diferente da TR – ATUALIZADA.

    – Explicativo dos cálculos demonstrando claramente como devem ser elaborados, incluindo site, forma de atualização

    - Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional;

    - Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;

    - Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;

    - Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto;

    - Requerimento de extratos do FGTS junto a CEF;

    - Modelo de ação de exibição de documentos;

    - Artigos e matérias sobre o tema;

    - Resoluções do Banco Central sobre o tema;

    - Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;

    - MODELOS DE: CONTRATO ESPECÍFICO (inclusive para eventual caso de depósito do valor direito em conta vinculada do FGTS),

    - MODELO DE AGRAVO PARA REQUERER A GRATUIDADE DA JUSTIÇA – em caso de indeferimento do pedido de gratuidade da justiça;

    - Outros materiais e decisões sobre o tema.

    - PROCEDIMENTO PARA RECEBER HONORÁRIOS MESMO PARA TRABALHADORES QUE NUNCA LEVANTARAM O FGTS;

    - Envio de Procuração Específica;

    - Envio de Declaração para gratuidade – Modelo

    - Matérias (jornal) da Força sindical com informações sobre a TR;

    - ENVIAMOS TAMBÉM CÓPIA DE SENTENÇA, EMBARGOS DE DECLARAÇÃO, RECURSO INOMINADO.

    – Fundamentos da ação, questões processuais, competência, valor da causa, legitimidade, gratuidade da justiça, recebimento de honorários, risco de depósito em conta vinculada do FGTS, pedidos, questões constitucionais, presquestionamento, análise de sentença, embargos etc…).

    VALOR DESTE MATERIAL DESCRITO ACIMA R$ 180,00 – COMPRE COM SEGURANÇA – JÁ VENDEMOS MAIS DE 200 AÇÕES PARA O BRASIL!

  • Michell diz: 28 de outubro de 2013

    Boa Noite, sou ADVOGADO e quero ajudar aos nobres colegas,por isso estou repassando o material da AÇÃO DO FGTS conforme material identico aos mencionados acima pelo valor de R$ 30,00.
    Interessados encaminhei o email para diligencia_judicial@hotmail.com
    CONFIRAM MATERIAL IDENTICO

    R e s u m o

    - Modelo de petição inicial (editável);
    - Planilha de cálculo;
    - Instruções para preenchimento da planilha de cálculo;
    - Impugnação e Contestação;
    - Resoluções do Banco Central sobre a TR;
    - Folheto explicativo sobre a ação;
    - Nota técnica do DIEESE, de junho/2013;
    - Íntegra de decisão do STF que afasta a TR como índice de correção monetária;
    - Modelo de procuração;
    - Modelo de contrato de honorários; e
    - Formulário da CEF para solicitação do extrato analítico;

    O b s e r v a ç õ e s :

    1) A competência para a ação é da Justiça Federal e, por isso, a
    petição está dirigida ao Juizado Especial Federal. Para utilizá-la em
    uma Vara Federal basta modificar o endereçamento e excluir o tópico que
    fala da competência do Juizado Especial Federal.

    2) As resoluções do BACEN servem para entender o cálculo da TR e
    instruir a demanda. Se optar por excluir alguma, recomenda-se que ao
    menos as de nº 3354 e nº 3446 acompanhem a inicial.

    3) A Nota Técnica do DIEESE serve como material de apoio, tendo em
    vista a relevância dos informações que ela contém. Alguns trechos
    inclusive são reproduzidos na petição inicial. Sua juntada na ação
    opcional.

    4) A decisão do Supremo Tribunal Federal não está diretamente ligada ao
    tema das perdas do FGTS, mas seus argumentos são de grande relevância
    para o assunto, pois confirmam que a TR (Taxa Referencial) não pode ser
    utilizada como índice de correção. Serve, também, como material de
    apoio.

  • Marcio Andre diz: 28 de outubro de 2013

    Daniela,
    seu material de fato e muito completo e foi enviado conforme combinado…

    Obrigado, recomendo…

  • Gabriela Cunha diz: 29 de outubro de 2013

    Boa tarde! Estou nas mesmas condições das pessoas as quais postaram comentários acima. Gostaria de um modelo deste tipo de ação para que eu possa ajuizar na Comarca onde moro. Antecipo agradecimentos.

  • Daniela diz: 29 de outubro de 2013

    Gabriela,
    Estamos com uma Promoção ate dia 31/10 quinta-feira, o KIT COMPLETO por R$ 90,00.

    Dúvidas estaremos a disposição. assessoramento_munis@hotmail.com

    KIT Completo para Ação de Correção de Contas do FGTS

    A Taxa Referencial (TR) é o índice usado para corrigir as contas do FGTS. Desde 1999, o Governo federal não a aplica conforme os números da inflação anual. Com isso, o dinheiro do trabalhador está defasado.
    A partir de 1999, a TR começou a ser reduzida, gradativamente, até que, em setembro de 2012, chegou a zero. Ou seja, o dinheiro do trabalhador que está no FGTS passou a ficar sem correção.
    No final, a diferença devida ao trabalhador pode chegar a 88,3%.

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL
    1) MODELO DE PETIÇÃO INICIAL QUE FOI MODIFICADA PARA INCLUIR FUNDAMENTOS CONSTITUCIONAIS, PREQUESTIONAMENTO, NOVOS ENUNCIADOS, FUNDAMENTOS EM ADI SOBRE A TR, confira:
    – Peça foi alterada após sentença proferida em 05/09/2013 para rebater, já na inicial, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais;
    -Os fundamentos constitucionais e o prequestionamento estão retratados nos fundamentos e nos pedidos. Ainda, os pedidos são bem completos e abordam todas as situações que poderão ocorrer no processo
    – No campo dos honorários advocatícios – elencamos fundamentos em ADI e RE – recentes;
    2) SEGUNDO Modelo de petição inicial para ajuizar sem os extartos e sem a planilha , em formato Word editável, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS. Ao final indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor – COM FUNDAMENTOS E PEDIDO LIMINAR PARA ENTREGA DOS EXTRATOS DO FGTS (para ajuizar a ação sem cálculos e sem extratos);
    3. CÓPIA DE AÇÃO COLETIVA ;

    4. IMPUGNAÇÃO ESPECÍFICA SOBRE OS TÓPICOS DA CONTESTAÇÃO – em formato Word;

    5. Planilha de cálculos, em Excel, de fácil utilização – desenvolvida para advogados; serve para fazer quantos cálculos forem necessários. Perfeita para a tese da correção do FGTS por índice diferente da TR – ATUALIZADA.

    6. Explicativo dos cálculos demonstrando claramente como devem ser elaborados, incluindo site, forma de atualização

    7. Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional;

    8. Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;

    9. Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;

    10. Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto;

    11.Requerimento de extratos do FGTS junto a CEF;

    12. Modelo de ação de exibição de documentos;

    13. Artigos e matérias sobre o tema;

    14. Resoluções do Banco Central sobre o tema;

    15.Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;

    16. MODELOS DE: CONTRATO ESPECÍFICO (inclusive para eventual caso de depósito do valor direito em conta vinculada do FGTS),

    17. MODELO DE AGRAVO PARA REQUERER A GRATUIDADE DA JUSTIÇA – em caso de indeferimento do pedido de gratuidade da justiça;

    18. Outros materiais e decisões sobre o tema.

    19. PROCEDIMENTO PARA RECEBER HONORÁRIOS MESMO PARA TRABALHADORES QUE NUNCA LEVANTARAM O FGTS;

    20. Envio de Procuração Específica;

    21. Envio de Declaração para gratuidade – Modelo

    22. Matérias (jornal) da Força sindical com informações sobre a TR;
    23) ENVIAMOS TAMBÉM CÓPIA DE SENTENÇA, EMBARGOS DE DECLARAÇÃO, RECURSO INOMINADO.
    24) Fundamentos da ação, questões processuais, competência, valor da causa, legitimidade, gratuidade da justiça, recebimento de honorários, risco de depósito em conta vinculada do FGTS, pedidos, questões constitucionais, presquestionamento, análise de sentença, embargos etc…):

    Qualquer dúvida estamos a disposição.

  • Rafael Vieira diz: 29 de outubro de 2013

    Tenho pesquisado bastante sobre o assunto, e a viabilidade de ingressar com a ação.
    Gostaria de saber dos colegas, e vendedores de materiais (digo isso pois devem ter estudado o caso melhor que todos), como ficará a situação diante da decisão de improcedencia da ação prolatada recentemente.
    Ainda é viável o ingresso e submeter o cliente ao pagamento das despesas recursais (JEFs), ou então na hipótese de honorários sucumbenciais (Ações nas VF).
    Pois tenho alguns clientes com saldos em conta de FGTS bastante vultuosos, e isso pode resultar em um grande prejuízo aos mesmos, decorrente do indeferimento de AJG, e consequente condenação em sucumbencia.

  • marlise diz: 1 de novembro de 2013

    gostaria de saber se posso entrar com uma ação sobre o reajuste do FGTS, eu tirei o meu em 2010, mais tinha a carteira assinada numa empresa desde 2005 até 2011, será que tenho o direito

  • débora diz: 1 de novembro de 2013

    AMigos
    Caso ganhe a ação dessa correção, como é pago?? Porque eu trabalho ainda e a diferença vai para minha conta do FGTS ativa, ou sai para retirar o dinheiro???
    Porque senão como vou pagar o advogado???

  • Simone Victor da Silva diz: 6 de novembro de 2013

    Senhores,
    Boa tarde!
    Sou advogada iniciante em BH e gostaria muito de merecer de algum de vocês a gentileza de enviar-me cópia da petição inicial, bem como dos demais documentos necessários à propositura da ação revisional do FGTS. Ficarei imensamente agradecida se algum colega puder me ajudar,

  • Viviane Costhian diz: 6 de novembro de 2013

    Daniela,
    Obrigada pelo envio rapido do KIT, recomendo…

    assessoramento_munis@hotmail.com

  • Daniela diz: 6 de novembro de 2013

    Olá Vivi,
    muito obrigada pela indicação, qualquer duvida estaremos a disposição, que bom que gostou.

    KIT COMPLETO Ação de Correção de Contas do FGTS – Planilha mais 23 itens pelo valor de R$ 160,00

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL

    1) MODELO DE PETIÇÃO INICIAL QUE FOI MODIFICADA PARA INCLUIR FUNDAMENTOS CONSTITUCIONAIS, PREQUESTIONAMENTO, NOVOS ENUNCIADOS, FUNDAMENTOS EM ADI SOBRE A TR, confira:
    – Peça foi alterada após sentença proferida em 05/09/2013 para rebater, já na inicial, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais;
    -Os fundamentos constitucionais e o prequestionamento estão retratados nos fundamentos e nos pedidos. Ainda, os pedidos são bem completos e abordam todas as situações que poderão ocorrer no processo
    – No campo dos honorários advocatícios – elencamos fundamentos em ADI e RE – recentes;
    2) SEGUNDO Modelo de petição inicial para ajuizar sem os extartos e sem a planilha , em formato Word editável, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS. Ao final indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor – COM FUNDAMENTOS E PEDIDO LIMINAR PARA ENTREGA DOS EXTRATOS DO FGTS (para ajuizar a ação sem cálculos e sem extratos);
    3. CÓPIA DE AÇÃO COLETIVA ;
    4. IMPUGNAÇÃO ESPECÍFICA SOBRE OS TÓPICOS DA CONTESTAÇÃO – em formato Word;
    5. Planilha de cálculos, em Excel, de fácil utilização – desenvolvida para advogados; serve para fazer quantos cálculos forem necessários. Perfeita para a tese da correção do FGTS por índice diferente da TR – ATUALIZADA.
    6. Explicativo dos cálculos demonstrando claramente como devem ser elaborados, incluindo site, forma de atualização
    7. Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional;
    8. Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    9. Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    10. Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto;
    11.Requerimento de extratos do FGTS junto a CEF;
    12. Modelo de ação de exibição de documentos;
    13. Artigos e matérias sobre o tema;
    14. Resoluções do Banco Central sobre o tema;
    15.Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;
    16. MODELOS DE: CONTRATO ESPECÍFICO (inclusive para eventual caso de depósito do valor direito em conta vinculada do FGTS),
    17. MODELO DE AGRAVO PARA REQUERER A GRATUIDADE DA JUSTIÇA – em caso de indeferimento do pedido de gratuidade da justiça;
    18. Outros materiais e decisões sobre o tema.
    19. PROCEDIMENTO PARA RECEBER HONORÁRIOS MESMO PARA TRABALHADORES QUE NUNCA LEVANTARAM O FGTS;
    20. Envio de Procuração Específica;
    21. Envio de Declaração para gratuidade – Modelo
    22. Matérias (jornal) da Força sindical com informações sobre a TR;
    23) ENVIAMOS TAMBÉM CÓPIA DE SENTENÇA, EMBARGOS DE DECLARAÇÃO, RECURSO INOMINADO.
    24) Fundamentos da ação, questões processuais, competência, valor da causa, legitimidade, gratuidade da justiça, recebimento de honorários, risco de depósito em conta vinculada do FGTS, pedidos, questões constitucionais, presquestionamento, análise de sentença, embargos etc…):

    Qualquer dúvida estamos a disposição.

    assessoramento_munis@hotmail.com

  • marcia ribeiro diz: 6 de novembro de 2013

    Porquê ?QUE agente ,tem que entra com uma açao contra a caixa, para revisão do fgts,se foi o erro deles? Se eu não entar com ação, vou receber quand?Quanto tempo vai levar esse erro que a caixa cometeu contra os trabalhadores

  • Ailson diz: 13 de novembro de 2013

    KIT COMPLETO (2 MODELOS DE INICIAIS EM WORD EDITÁVEL) PLANILHA EM EXCEL (BASTA LANÇAR OS VALORES DOS DEPÓSITOS MENSAIS QUE CALCULA AUTOMATICAMENTE) ESTUDOS SOBRE O TEMA, REQUERIMENTO EXTRATO CEF, ORIENTAÇÕES CUT, MODELO CONTRATO HONORÁRIOS.
    APENAS 40,00.

  • JOÃO BATISTA DIAS RODRIGUES diz: 13 de novembro de 2013

    Infelizmente no Brasil nos estamos a deus dará, a aplicação da TR como indexador no FGTS foi de caso pensado, foi muito bem planejado, sabiam que os prejudicados entrariam na justiça, e mesmo sendo considerado inconstitucional eles não pagariam tão fácil, ISTO É BRASIL.

  • Ailson diz: 14 de novembro de 2013

    KIT COMPLETO (2 MODELOS DE INICIAIS EM WORD EDITÁVEL) PLANILHA EM EXCEL (BASTA LANÇAR OS VALORES DOS DEPÓSITOS MENSAIS QUE CALCULA AUTOMATICAMENTE) ESTUDOS SOBRE O TEMA, REQUERIMENTO EXTRATO CEF, ORIENTAÇÕES CUT, MODELO CONTRATO HONORÁRIOS.
    APENAS 40,00.
    ailsontenorio@yahoo.com.br

  • mICHELL diz: 14 de novembro de 2013

    quero ajudar aos nobres colegas,por isso estou repassando o material da AÇÃO DO FGTS conforme material idêntico aos mencionados acima pelo valor de R$ 30,00.
    Interessados encaminhei o email para diligencia_judicial@hotmail.com
    CONFIRAM MATERIAL IDENTICO

  • Daniela diz: 14 de novembro de 2013

    *
    **Confiram**
    Kit completo da AÇÃO de CORREÇÃO de CONTAS do FGTS+brinde AÇÃO de DESAPOSENTAÇÃO.
    KIT 01 contem 18 ARQUIVOS.
    KIT 02 contem 31 ARQUIVOS.
    PETIÇÕES no WORD ( editável)
    02 PLANILHAS para apresentar CÁLCULOS.
    APENAS R$ 75,00.
    Qualquer dúvida estamos a disposição.

    assessoramento_munis@hotmail.com

  • Suporte Juridico diz: 14 de novembro de 2013

    Caros colegas advogados e advogadas, estou vendendo a ação para pleitear diferenças do FGTS do período de 1999 á 2013, e para melhor explanação dos colegas
    estou vendendo 02 kit e de BRINDE encaminho AÇÃO DESAPOSENTAÇÃO.

    Custo do envio do material é de R$100,00 e será disponibilizado através do seu email.

    DESTACAMOS QUE O NOSSO MATERIAL É O MAIS COMPLETO DO MERCADO.

    SALIENTA-SE QUE O KIT 01 CONTÉM 18 ARQUIVOS E O KIT 02 CONTÉM 31 ARQUIVOS.

    TODAS AS PETIÇÕES SÃO NO WORD (editável) para facilitar;

    Acompanha 02 planilhas para apresentar os cálculos, porém V. Sas. poderá utilizar a que melhor se encaixar no perfil do escritório.

    NÃO ESQUEÇA: BRINDE – AÇÃO DE DESAPOSENTAÇÃO E AÇÃO DE DIFERENÇA DO FGTS SEM EXTRATO ANALÍTICO.

    RESUMO DO MATERIAL 01

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL:
    - Modelo de petição inicial (editável);
    - Planilha de cálculo;
    - Instruções para preenchimento da planilha de cálculo;
    - Impugnação e Contestação;
    - Resoluções do Banco Central sobre a TR;
    - Folheto explicativo sobre a ação;
    - Nota técnica do DIEESE, de junho/2013;
    - Íntegra de decisão do STF que afasta a TR como índice de correção monetária;
    - Modelo de procuração;
    - Modelo de contrato de honorários; e
    - Formulário da CEF para solicitação do extrato analítico;

    O b s e r v a ç õ e s :

    1) A competência para a ação é da Justiça Federal e, por isso, a
    petição está dirigida ao Juizado Especial Federal. Para utilizá-la em
    uma Vara Federal basta modificar o endereçamento e excluir o tópico que
    fala da competência do Juizado Especial Federal.

    2) As resoluções do BACEN servem para entender o cálculo da TR e
    instruir a demanda. Se optar por excluir alguma, recomenda-se que ao
    menos as de nº 3354 e nº 3446 acompanhem a inicial.

    3) A Nota Técnica do DIEESE serve como material de apoio, tendo em
    vista a relevância dos informações que ela contém. Alguns trechos
    inclusive são reproduzidos na petição inicial. Sua juntada na ação
    opcional.

    4) A decisão do Supremo Tribunal Federal não está diretamente ligada ao
    tema das perdas do FGTS, mas seus argumentos são de grande relevância
    para o assunto, pois confirmam que a TR (Taxa Referencial) não pode ser
    utilizada como índice de correção. Serve, também, como material de
    apoio.

    RESUMO DO MATERIAL 02

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL:

    - MODELO DE PETIÇÃO INICIAL QUE FOI MODIFICADA PARA INCLUIR FUNDAMENTOS CONSTITUCIONAIS, PREQUESTIONAMENTO, NOVOS ENUNCIADOS, FUNDAMENTOS EM ADI SOBRE A TR, sendo que:

    a) Peça foi alterada após sentença proferida em 05/09/2013 para rebater, já na inicial, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais;
    b) Os fundamentos constitucionais e o prequestionamento estão retratados nos fundamentos e nos pedidos. Ainda, os pedidos são bem completos e abordam todas as situações que poderão ocorrer no processo
    c) No campo dos honorários advocatícios – elencamos fundamentos em ADI e RE – recentes;
    – SEGUNDO Modelo de petição inicial para ajuizar sem os extartos e sem a planilha , em formato Word editável, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS. Ao final indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor – COM FUNDAMENTOS E PEDIDO LIMINAR PARA ENTREGA DOS EXTRATOS DO FGTS (para ajuizar a ação sem cálculos e sem extratos);
    - CÓPIA DE AÇÃO COLETIVA ;
    - IMPUGNAÇÃO ESPECÍFICA SOBRE OS TÓPICOS DA CONTESTAÇÃO – em formato Word;
    - Planilha de cálculos, em Excel, de fácil utilização – desenvolvida para advogados; serve para fazer quantos cálculos forem necessários. Perfeita para a tese da correção do FGTS por índice diferente da TR – ATUALIZADA.
    – Explicativo dos cálculos demonstrando claramente como devem ser elaborados, incluindo site, forma de atualização
    - Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional;
    - Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    - Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    - Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto;
    - Requerimento de extratos do FGTS junto a CEF;
    - Modelo de ação de exibição de documentos;
    - Artigos e matérias sobre o tema;
    - Resoluções do Banco Central sobre o tema;
    - Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;
    - MODELOS DE: CONTRATO ESPECÍFICO (inclusive para eventual caso de depósito do valor direito em conta vinculada do FGTS),
    - MODELO DE AGRAVO PARA REQUERER A GRATUIDADE DA JUSTIÇA – em caso de indeferimento do pedido de gratuidade da justiça;
    - Outros materiais e decisões sobre o tema.
    - PROCEDIMENTO PARA RECEBER HONORÁRIOS MESMO PARA TRABALHADORES QUE NUNCA LEVANTARAM O FGTS;
    - Envio de Procuração Específica;
    - Envio de Declaração para gratuidade – Modelo
    - Matérias (jornal) da Força sindical com informações sobre a TR;
    - ENVIAMOS TAMBÉM CÓPIA DE SENTENÇA, EMBARGOS DE DECLARAÇÃO, RECURSO INOMINADO.
    – Fundamentos da ação, questões processuais, competência, valor da causa, legitimidade, gratuidade da justiça, recebimento de honorários, risco de depósito em conta vinculada do FGTS, pedidos, questões constitucionais, presquestionamento, análise de sentença, embargos etc…).

    Estamos á disposição de V. Sas.

    suportejuridicosantos@hotmail.com

  • FRANCISCO SILVA diz: 18 de novembro de 2013

    GOSTARIA DE SABER SE POSSO AJUIZAR O PEDIDO DE RESTITUIÇÃO INDIVIDUALMENTE OU SÓ COLETIVAMENTE E QUANTO TEMPO PARA RECEBER OS VALORES. E SÓ POSSO ENTRAR COM A AÇÃO PELO SINDICATO – TRABALHO NUMA REVENDA DE MOTOS.

    OBRIGADO

  • Daniela diz: 18 de novembro de 2013

    **Confiram**
    Kit completo da AÇÃO de CORREÇÃO de CONTAS do FGTS+brinde AÇÃO de DESAPOSENTAÇÃO.
    KIT 01 contem 18 ARQUIVOS.
    KIT 02 contem 31 ARQUIVOS.
    PETIÇÕES no WORD ( editável)
    02 PLANILHAS para apresentar CÁLCULOS.
    APENAS R$ 75,00.
    Qualquer dúvida estamos a disposição.

    assessoramento_munis@hotmail.com

  • Ailson diz: 18 de novembro de 2013

    Francisco, você pode entrar individualmente ou coletivamente, tanto faz. O tempo não dá para afirmar.

    Abçs

  • jefferson diz: 18 de novembro de 2013

    Pessoal para pedir uma revisão do seu FGTS basta ir na caixa e solicitar um extrato analitico do seu fgts. pegar valores totais de cada empresa que trabalhou somar 10% desse valor e sera o valor que voce pode reivindicar, para reivindicar esse valor basta preencher uma folha que tem na caixa mesmo e com 30 dias seu fgts estará certo mas nao tem como sacar esse dinheiro quem esta trabalhando fixado eles so complementa o valor, so quem esta sem trabalhar fixado a mais de 3 anos bla bla bla consegue retirar o valor. abraço.

  • Camargo diz: 19 de novembro de 2013

    KIT COMPLETO Ação de Correção de Contas do FGTS – Planilha mais 23 itens pelo valor de R$ R$ 90,00 + ação de desaposentação.

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL

    1) MODELO DE PETIÇÃO INICIAL QUE FOI MODIFICADA PARA INCLUIR FUNDAMENTOS CONSTITUCIONAIS, PREQUESTIONAMENTO, NOVOS ENUNCIADOS, FUNDAMENTOS EM ADI SOBRE A TR, confira:
    – Peça foi alterada após sentença proferida em 05/09/2013 para rebater, já na inicial, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais;
    -Os fundamentos constitucionais e o prequestionamento estão retratados nos fundamentos e nos pedidos. Ainda, os pedidos são bem completos e abordam todas as situações que poderão ocorrer no processo
    – No campo dos honorários advocatícios – elencamos fundamentos em ADI e RE – recentes;
    2) SEGUNDO Modelo de petição inicial para ajuizar sem os extartos e sem a planilha , em formato Word editável, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS. Ao final indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor – COM FUNDAMENTOS E PEDIDO LIMINAR PARA ENTREGA DOS EXTRATOS DO FGTS (para ajuizar a ação sem cálculos e sem extratos);
    3. CÓPIA DE AÇÃO COLETIVA ;
    4. IMPUGNAÇÃO ESPECÍFICA SOBRE OS TÓPICOS DA CONTESTAÇÃO – em formato Word;
    5. Planilha de cálculos, em Excel, de fácil utilização – desenvolvida para advogados; serve para fazer quantos cálculos forem necessários. Perfeita para a tese da correção do FGTS por índice diferente da TR – ATUALIZADA.
    6. Explicativo dos cálculos demonstrando claramente como devem ser elaborados, incluindo site, forma de atualização
    7. Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional;
    8. Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    9. Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    10. Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto;
    11.Requerimento de extratos do FGTS junto a CEF;
    12. Modelo de ação de exibição de documentos;
    13. Artigos e matérias sobre o tema;
    14. Resoluções do Banco Central sobre o tema;
    15.Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;
    16. MODELOS DE: CONTRATO ESPECÍFICO (inclusive para eventual caso de depósito do valor direito em conta vinculada do FGTS),
    17. MODELO DE AGRAVO PARA REQUERER A GRATUIDADE DA JUSTIÇA – em caso de indeferimento do pedido de gratuidade da justiça;
    18. Outros materiais e decisões sobre o tema.
    19. PROCEDIMENTO PARA RECEBER HONORÁRIOS MESMO PARA TRABALHADORES QUE NUNCA LEVANTARAM O FGTS;
    20. Envio de Procuração Específica;
    21. Envio de Declaração para gratuidade – Modelo
    22. Matérias (jornal) da Força sindical com informações sobre a TR;
    23) ENVIAMOS TAMBÉM CÓPIA DE SENTENÇA, EMBARGOS DE DECLARAÇÃO, RECURSO INOMINADO.
    24) Fundamentos da ação, questões processuais, competência, valor da causa, legitimidade, gratuidade da justiça, recebimento de honorários, risco de depósito em conta vinculada do FGTS, pedidos, questões constitucionais, presquestionamento, análise de sentença, embargos etc…):

    Qualquer dúvida estamos a disposição.

    assessoria_camargo@hotmail.com

  • Andre diz: 19 de novembro de 2013

    Estaremos repassando o material da AÇÃO do FGTS aos nobres colegas, por um valor simbolico de R$ 40,00
    Dúvidas…

    juridico.consultoria2013@gmail.com

  • Ailson diz: 19 de novembro de 2013

    Desconsiderem o comentário de Jefferson. Não é absolutamente nada disso.

  • Claudia diz: 19 de novembro de 2013

    Kits completos FGTS e Desaposentação.
    modelos de iniciais em word, planilha de cálculo facil e pratico, CONTESTAÇÃO em word e mais 17 arquivos relacionados ao tema, material completíssimo e atualizado. APENAS 30,00.
    claudiaadv.dias@gmail.com

  • Danilo Aaron da Silva CAvalcante diz: 19 de novembro de 2013

    VENDO O KIT COMPLETO DA AÇÃO DO FGTS + AÇÃO DE DESAPOSENTAÇÃO
    Modelo de petição inicial (editável); (OBS: JÁ EDITEI) em word
    - Planilha de cálculo;
    - Instruções para preenchimento da planilha de cálculo;
    - Impugnação e Contestação;
    - Resoluções do Banco Central sobre a TR;
    - Folheto explicativo sobre a ação;
    - Nota técnica do DIEESE, de junho/2013;
    - Íntegra de decisão do STF que afasta a TR como índice de correção monetária;
    - Modelo de procuração;
    - Modelo de contrato de honorários; e
    - Formulário da CEF para solicitação do extrato analítico;

    Danilo Aaron (ADVOGADO) OAB/RN 12075
    FONE: 84 88932360
    interessados: danilo_aaron@hotmail.com

    VALOR: 25 REAIS (PROMOÇÃO)

  • Danilo Aaron diz: 19 de novembro de 2013

    REPASSO KIT DA AÇÃO DO FGTS POR SOMENTE 28 REAIS

    GRÁTIS MODELO DE AÇÃO DESAPOSENTAÇÃO!

    - 2 Modelos de petição inicial (editável);
    - Planilha de cálculo;
    - Instruções para preenchimento da planilha de cálculo;
    - Impugnação e Contestação;
    - Resoluções do Banco Central sobre a TR;
    - Folheto explicativo sobre a ação;
    - Nota técnica do DIEESE, de junho/2013;
    - Íntegra de decisão do STF que afasta a TR como índice de correção monetária;
    - Modelo de procuração;
    - Modelo de contrato de honorários; e
    - Formulário da CEF para solicitação do extrato analítico;

    interessados: danilo_aaron@hotmail.com

  • Daniela diz: 20 de novembro de 2013

    CONFIRAM PROMOÇÃO ATÉ ( 29/11)
    Kit completo da AÇÃO de CORREÇÃO de CONTAS do FGTS+brinde AÇÃO de DESAPOSENTAÇÃO.
    KIT 01 contem 18 ARQUIVOS.
    KIT 02 contem 31 ARQUIVOS.
    PETIÇÕES no WORD ( editável)
    02 PLANILHAS para apresentar CÁLCULOS.
    APENAS R$ 75,00.
    Qualquer dúvida estamos a disposição.

    assessoramento_munis@hotmail.com

  • Camargo diz: 20 de novembro de 2013

    KIT COMPLETO Ação de Correção de Contas do FGTS – Planilha mais 23 itens pelo valor de R$ R$ 90,00 + ação de desaposentação.
    Material muito bom.

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL

    1) MODELO DE PETIÇÃO INICIAL QUE FOI MODIFICADA PARA INCLUIR FUNDAMENTOS CONSTITUCIONAIS, PREQUESTIONAMENTO, NOVOS ENUNCIADOS, FUNDAMENTOS EM ADI SOBRE A TR, confira:
    – Peça foi alterada após sentença proferida em 05/09/2013 para rebater, já na inicial, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais;
    -Os fundamentos constitucionais e o prequestionamento estão retratados nos fundamentos e nos pedidos. Ainda, os pedidos são bem completos e abordam todas as situações que poderão ocorrer no processo
    – No campo dos honorários advocatícios – elencamos fundamentos em ADI e RE – recentes;
    2) SEGUNDO Modelo de petição inicial para ajuizar sem os extartos e sem a planilha , em formato Word editável, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS. Ao final indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor – COM FUNDAMENTOS E PEDIDO LIMINAR PARA ENTREGA DOS EXTRATOS DO FGTS (para ajuizar a ação sem cálculos e sem extratos);
    3. CÓPIA DE AÇÃO COLETIVA ;
    4. IMPUGNAÇÃO ESPECÍFICA SOBRE OS TÓPICOS DA CONTESTAÇÃO – em formato Word;
    5. Planilha de cálculos, em Excel, de fácil utilização – desenvolvida para advogados; serve para fazer quantos cálculos forem necessários. Perfeita para a tese da correção do FGTS por índice diferente da TR – ATUALIZADA.
    6. Explicativo dos cálculos demonstrando claramente como devem ser elaborados, incluindo site, forma de atualização
    7. Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional;
    8. Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    9. Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    10. Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto;
    11.Requerimento de extratos do FGTS junto a CEF;
    12. Modelo de ação de exibição de documentos;
    13. Artigos e matérias sobre o tema;
    14. Resoluções do Banco Central sobre o tema;
    15.Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;
    16. MODELOS DE: CONTRATO ESPECÍFICO (inclusive para eventual caso de depósito do valor direito em conta vinculada do FGTS),
    17. MODELO DE AGRAVO PARA REQUERER A GRATUIDADE DA JUSTIÇA – em caso de indeferimento do pedido de gratuidade da justiça;
    18. Outros materiais e decisões sobre o tema.
    19. PROCEDIMENTO PARA RECEBER HONORÁRIOS MESMO PARA TRABALHADORES QUE NUNCA LEVANTARAM O FGTS;
    20. Envio de Procuração Específica;
    21. Envio de Declaração para gratuidade – Modelo
    22. Matérias (jornal) da Força sindical com informações sobre a TR;
    23) ENVIAMOS TAMBÉM CÓPIA DE SENTENÇA, EMBARGOS DE DECLARAÇÃO, RECURSO INOMINADO.
    24) Fundamentos da ação, questões processuais, competência, valor da causa, legitimidade, gratuidade da justiça, recebimento de honorários, risco de depósito em conta vinculada do FGTS, pedidos, questões constitucionais, presquestionamento, análise de sentença, embargos etc…):

    Qualquer dúvida estamos a disposição.

    assessoria_camargo@hotmail.com

  • Danilo Aaron da Silva CAvalcante diz: 21 de novembro de 2013

    REPASSO KIT DA AÇÃO DO FGTS POR SOMENTE 28 REAIS

    GRÁTIS MODELO DE AÇÃO DESAPOSENTAÇÃO!

    - 2 Modelos de petição inicial (editável);
    - Planilha de cálculo;
    - Instruções para preenchimento da planilha de cálculo;
    - Impugnação e Contestação;
    - Resoluções do Banco Central sobre a TR;
    - Folheto explicativo sobre a ação;
    - Nota técnica do DIEESE, de junho/2013;
    - Íntegra de decisão do STF que afasta a TR como índice de correção monetária;
    - Modelo de procuração;
    - Modelo de contrato de honorários; e
    - Formulário da CEF para solicitação do extrato analítico;

    interessados: danilo_aaron@hotmail.com

  • Maria diz: 22 de novembro de 2013

    Sou advogada num escritório de assessoria jurídica há sete anos, trabalhando diariamente 8 horas por dia, na área tibutária, meu diretor esta querendo me mandar embora, só que não quer me pagar verbas nenhuma. Não sou registrada, não recolhe nada inss, fgts, não paga vale transporte, não paga vale alimentação, e estou com cinco férias vencidas , gostaria de saber o que tenho direito, e no caso qual sindicato procurar. Por favor se puder me mandar resposta com urgencia pelo meu e-mail. obrigada

  • Fura Olhoooo diz: 23 de novembro de 2013

    CLASSE DE ADVOGADOS DA BAIXARIA…COMO PODE PESSOAL A NOSSA CATEGORIA SER ASSIM??? COMPRA A AÇÃO DE UTROS COLEGAS E REVENDAM POR PREÇO DE BANANA???

    ACHO QUE ESTÃO MORRENDO DE FOME…

  • lissonp diz: 25 de novembro de 2013

    Olá! Repasso material para ação do FGTS, apenas para recuperar valor investido! email: lissonp@gmail.com. Investimento: R$ 40,00

    Modelo de petição inicial: Nova Ação FGTS – Correção das Contas do FGTS não pode se dar pela TR

    NOVIDADE: AJUIZAMENTO DA AÇÃO SEM A JUNTADA DE EXTRATOS.
    ÚNICA AÇÃO NO ML QUE NÃO PRECISA JUNTAR CÁLCULOS
    A Taxa Referencial (TR) é o índice usado para corrigir as contas do FGTS. Desde 1999, o Governo federal não a aplica conforme os números da inflação anual. Com isso, o dinheiro do trabalhador está defasado. A partir de 1999, a TR começou a ser reduzida, gradativamente, até que, em setembro de 2012, chegou a zero. Ou seja, o dinheiro do trabalhador que está no FGTS passou a ficar sem correção.
    No final, a diferença devida ao trabalhador pode chegar a 88,3%.
    Nesse sentido disponibilizamos:

    A. Modelo de petição inicial para revisão da conta do FGTS, em formato word, editável, com 35 laudas, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS.

    Ao final, a petição inicial indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor.
    Modelo de petição inicial que pode ser usada tanto em ação individual quanto em ação coletiva para revisão da correção do FGTS, com requerimento específico para pagamento dos honorários, fundamentando a questão com base em ADI e RE publicados recentemente.
    Atualizada em meados de outubro de acordo com recente decisão inicial e pronta para rebater, desde o início, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais do interior de SP; e mais, com fundamentação constitucional, prequestionamento de artigos constitucionais, e com base nos enunciados, já preparando a ação para futuros recursos (se necessário).
    B. Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto, tais como: cobrança de honorários(como cobrar honorários se o valor final vai para a conta vinculada ao FGTS?), e outros temas: definição do FGTS; remuneração do FGTS; a utilização da TR em outras correções; TR e inflação; perdas das contas do FGTS; principais argumentos do réu em sua defesa;
    C. Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional – muito interessante e ideal para acompanhar a petição inicial;

    D. Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária (decisão recente);

    E. Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária (decisão recente);

    F. Cópia de processo sobre o tema (ação coletiva);

    G. Artigos e matérias sobre o tema – atualizados em 05/11/2013;

    H. Modelo de impugnação a contestação, atacando com argumentos fortes a contestação e as teses invocadas pelo réu;

    I. Resoluções de Banco Oficial sobre a TR demonstrando que a TR foi perdendo as suas características durante o tempo (recomenda-se que sejam juntadas a petição inicial);

    J. Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;

    L. Modelo de procuração ESPECÍFICA para o ajuizamento desta ação revisional do FGTS – com as cláusulas e poderes específicos para a atuação administrativa e judicial;

    M. Modelo de contrato de prestação de prestação de serviço (contrato de honorários) para ajuizamento da ação, PREVENDO A SITUAÇÃO DE QUE OS VALORES FIQUEM RETIDOS NA CONTA VINCULADA AO FGTS, APRESENTANDO UMA SOLUÇÃO LEGAL PARA NÃO FICARMOS SEM O RECEBIMENTO DOS HONORÁRIOS CONTRATUAIS.
    N. PROCEDIMENTO PARA RECEBER HONORÁRIOS MESMO PARA TRABALHADORES QUE NUNCA LEVANTARAM O FGTS – Manual detalhado apresentando caminhos para o recebimento dos honorários contratuais;

    O. Jurisprudências atualizadas sobre o tema;

    P. Envio de Procuração Específica;

    Q. Enunciados para fundamentar suas peças nos juizados especiais federais ;

    R. – Matérias (jornal) da Força sindical sobre com informações sobre a TR;
    S. – Matéria da Gazeta do Povo (PR) sobre o rombo no FGTS.

  • Thiago diz: 25 de novembro de 2013

    Tem advogado se prostituindo.

  • dor de cotovelo diz: 25 de novembro de 2013

    Cada um faz o que quer, o importante é não ter inveja ou rancor. Vergonha é roubar e matar.

  • Daniela diz: 27 de novembro de 2013

    CONFIRAM PROMOÇÃO ATÉ ( 29/11)
    Kit completo da AÇÃO de CORREÇÃO de CONTAS do FGTS+brinde AÇÃO de DESAPOSENTAÇÃO.
    KIT 01 contem 18 ARQUIVOS.
    KIT 02 contem 31 ARQUIVOS.
    PETIÇÕES no WORD ( editável)
    02 PLANILHAS para apresentar CÁLCULOS.
    APENAS R$ 75,00.
    Qualquer dúvida estamos a disposição.

    assessoramento_munis@hotmail.com

  • Camargo diz: 27 de novembro de 2013

    KIT COMPLETO Ação de Correção de Contas do FGTS – Planilha mais 23 itens pelo valor de R$ R$ 90,00 + ação de desaposentação.
    Material muito bom.

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL

    1) MODELO DE PETIÇÃO INICIAL QUE FOI MODIFICADA PARA INCLUIR FUNDAMENTOS CONSTITUCIONAIS, PREQUESTIONAMENTO, NOVOS ENUNCIADOS, FUNDAMENTOS EM ADI SOBRE A TR, confira:
    – Peça foi alterada após sentença proferida em 05/09/2013 para rebater, já na inicial, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais;
    -Os fundamentos constitucionais e o prequestionamento estão retratados nos fundamentos e nos pedidos. Ainda, os pedidos são bem completos e abordam todas as situações que poderão ocorrer no processo
    – No campo dos honorários advocatícios – elencamos fundamentos em ADI e RE – recentes;
    2) SEGUNDO Modelo de petição inicial para ajuizar sem os extartos e sem a planilha , em formato Word editável, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS. Ao final indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor – COM FUNDAMENTOS E PEDIDO LIMINAR PARA ENTREGA DOS EXTRATOS DO FGTS (para ajuizar a ação sem cálculos e sem extratos);
    3. CÓPIA DE AÇÃO COLETIVA ;
    4. IMPUGNAÇÃO ESPECÍFICA SOBRE OS TÓPICOS DA CONTESTAÇÃO – em formato Word;
    5. Planilha de cálculos, em Excel, de fácil utilização – desenvolvida para advogados; serve para fazer quantos cálculos forem necessários. Perfeita para a tese da correção do FGTS por índice diferente da TR – ATUALIZADA.
    6. Explicativo dos cálculos demonstrando claramente como devem ser elaborados, incluindo site, forma de atualização
    7. Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional;
    8. Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    9. Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    10. Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto;
    11.Requerimento de extratos do FGTS junto a CEF;
    12. Modelo de ação de exibição de documentos;
    13. Artigos e matérias sobre o tema;
    14. Resoluções do Banco Central sobre o tema;
    15.Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;
    16. MODELOS DE: CONTRATO ESPECÍFICO (inclusive para eventual caso de depósito do valor direito em conta vinculada do FGTS),
    17. MODELO DE AGRAVO PARA REQUERER A GRATUIDADE DA JUSTIÇA – em caso de indeferimento do pedido de gratuidade da justiça;
    18. Outros materiais e decisões sobre o tema.
    19. PROCEDIMENTO PARA RECEBER HONORÁRIOS MESMO PARA TRABALHADORES QUE NUNCA LEVANTARAM O FGTS;
    20. Envio de Procuração Específica;
    21. Envio de Declaração para gratuidade – Modelo
    22. Matérias (jornal) da Força sindical com informações sobre a TR;
    23) ENVIAMOS TAMBÉM CÓPIA DE SENTENÇA, EMBARGOS DE DECLARAÇÃO, RECURSO INOMINADO.
    24) Fundamentos da ação, questões processuais, competência, valor da causa, legitimidade, gratuidade da justiça, recebimento de honorários, risco de depósito em conta vinculada do FGTS, pedidos, questões constitucionais, presquestionamento, análise de sentença, embargos etc…):

    Qualquer dúvida estamos a disposição.

    assessoria_camargo@hotmail.com

  • Danilo Aaron diz: 27 de novembro de 2013

    Aguem tem alguma sentença favorável da revisão do FGTS que possa mandar para meu e-mail? caso queira negociar somente a sentença eu estou interessado.

    Att.

    Danilo Aaron

    danilo_aaron@hotmail.com

  • Andre diz: 27 de novembro de 2013

    Estaremos repassando o material da AÇÃO do FGTS aos nobres colegas, por um valor simbolico de R$ 40,00
    Dúvidas…

    juridico.consultoria2013@gmail.com

  • Daniela diz: 27 de novembro de 2013

    CONFIRAM PROMOÇÃO ATÉ ( 29/11)
    KIT completo da AÇÃO de CORREÇÃO de CONTAS do FGTS.
    KIT 01 contem 18 ARQUIVOS.
    KIT 02 contem 31 ARQUIVOS.
    PETIÇÕES no WORD ( editável)
    02 PLANILHAS para apresentar CÁLCULOS.
    APENAS R$ 75,00.

    ***AÇÃO DESAPOSENTAÇÃO como BRINDE***

    Qualquer dúvida estamos a disposição.

    assessoramento_munis@hotmail.com

  • Andre diz: 27 de novembro de 2013

    Estaremos repassando o material da AÇÃO DE CORREÇÃO DE CONTAS DO FGTS, por um valor simbolico de R$ 40,00 .
    Dúvidas…

    juridico.consultoria2013@gmail.com

  • Ailson diz: 27 de novembro de 2013

    KIT COMPLETO (2 MODELOS DE INICIAIS EM WORD EDITÁVEL) PLANILHA EM EXCEL (BASTA LANÇAR OS VALORES DOS DEPÓSITOS MENSAIS QUE CALCULA AUTOMATICAMENTE) IMPUGNAÇÃO, ESTUDOS SOBRE O TEMA, REQUERIMENTO EXTRATO CEF, ORIENTAÇÕES CUT, MODELO CONTRATO HONORÁRIOS, DIEESE.
    APENAS 40,00.
    ailsontenorio@yahoo.com.br

  • Danilo Aaron diz: 28 de novembro de 2013

    Tenho o material completo para a nova AÇÃO DE REVISÃO DO FGTS (1999 à 2013)

    Modelo de petição inicial (editável);
    - Planilha de cálculo;
    - Instruções para preenchimento da planilha de cálculo;
    - Impugnação e Contestação;
    - Resoluções do Banco Central sobre a TR;
    - Folheto explicativo sobre a ação;
    - Nota técnica do DIEESE, de junho/2013;
    - Íntegra de decisão do STF que afasta a TR como índice de correção monetária;
    - Modelo de procuração;
    - Modelo de contrato de honorários; e
    - Formulário da CEF para solicitação do extrato analítico;

    O b s e r v a ç õ e s :

    1) A competência para a ação é da Justiça Federal e, por isso, a
    petição está dirigida ao Juizado Especial Federal. Para utilizá-la em
    uma Vara Federal basta modificar o endereçamento e excluir o tópico que
    fala da competência do Juizado Especial Federal.

    2) As resoluções do BACEN servem para entender o cálculo da TR e
    instruir a demanda. Se optar por excluir alguma, recomenda-se que ao
    menos as de nº 3354 e nº 3446 acompanhem a inicial.

    3) A Nota Técnica do DIEESE serve como material de apoio, tendo em
    vista a relevância dos informações que ela contém. Alguns trechos
    inclusive são reproduzidos na petição inicial. Sua juntada na ação
    opcional.

    4) A decisão do Supremo Tribunal Federal não está diretamente ligada ao
    tema das perdas do FGTS, mas seus argumentos são de grande relevância
    para o assunto, pois confirmam que a TR (Taxa Referencial) não pode ser
    utilizada como índice de correção. Serve, também, como material de
    apoio.

    Posso repassar a quem tenha interesse pelo valor de R$28,00.

    O material é auto-explicativo incluindo a planilha excel!!!!!!

  • Danilo Aaron diz: 28 de novembro de 2013

    interessados pelo KIT acima

    danilo_aaron@hotmail.com

  • Rafael diz: 28 de novembro de 2013

    Gostaria de saber dos colegas, e vendedores de materiais (digo isso pois devem ter estudado o caso melhor que todos), como ficará a situação diante da decisão de improcedencia da ação prolatada recentemente.
    Ainda é viável o ingresso e submeter o cliente ao pagamento das despesas recursais (JEFs), ou então na hipótese de honorários sucumbenciais (Ações nas VF).
    Pois tenho alguns clientes com saldos em conta de FGTS bastante vultuosos, e isso pode resultar em um grande prejuízo aos mesmos, decorrente do indeferimento de AJG, e consequente condenação em sucumbencia.

  • Ledio Pereira diz: 28 de novembro de 2013

    Olá bom dia, gostaria de saber se a Dra. poderia, por gentilmente, me enviar o modelo da petição inicial. Sou advogado, um cliente me procurou e gostaria de começar a trabalhar com a matéria, porém, tenho pouco material a respeito. Grato.

  • DRA. Michelle diz: 28 de novembro de 2013

    Temos dois KIT do FGTS, incluindo planilhas e ação de desaposentação.

    Dúvidas por e-mail: suportejuridicosantos@hotmail.com

  • Daniela diz: 2 de dezembro de 2013

    CONFIRAM PROMOÇÃO ATÉ (15/12 )
    KIT completo da AÇÃO de CORREÇÃO de CONTAS do FGTS.
    KIT 01 contem 18 ARQUIVOS.
    KIT 02 contem 31 ARQUIVOS.
    PETIÇÕES no WORD ( editável)
    02 PLANILHAS para apresentar CÁLCULOS.
    APENAS R$ 75,00.

    ***AÇÃO DESAPOSENTAÇÃO como BRINDE***

    Qualquer dúvida estamos a disposição.

    assessoramento_munis@hotmail.com

  • Cristiano diz: 2 de dezembro de 2013

    Quem tiver interesse estou vendo um Kit com material explicativo da Ação de Restituição do FGTS, inclusive com modelo de inicial, contestação, etc, pelo valor de R$100,00. Entre em contato pelo e-mail cristianofidelisrs@hotmail.com e saiba mais.

  • Michell diz: 2 de dezembro de 2013

    Boa tarde,consegui a sentença favorável do FGTS totalmente procedente 22/11/2013,quem quiser negocio sem choro valor de R$1000 qualquer coisa basta no contactar diligencia_judicial@hotmail.com não aceitamos oferta o preço é esse ok.

    Grata

  • Ailson diz: 4 de dezembro de 2013

    Bom dia colegas,

    kit completo para propositura da ação, inclusive a planilha de cálculo, muito fácil e prática. São 2 modelos de iniciais em word, planilha de calculo, DIEESE, Jurisprudência STF e STJ, orientações CUT, estudos sobre o tema, modelo de contrato de honorários para esta ação, requerimento extrato CEF e Ação de desaposentação (Brinde). ailsontenorio@yahoo.com.br – APENAS 40,00.

  • PEDRO CARLOS BUSNELLO diz: 5 de dezembro de 2013

    Sou advogad iniciante em RS e gostaria muito de merecer de algum de vocês a gentileza de enviar-me cópia da petição inicial, bem como dos demais documentos necessários à propositura da ação revisional do FGTS. Ficarei imensamente agradecida se algum colega puder me ajudar.

    Sou aposentado da Brigada Militar do Rio Grande do Sul e estou iniciado na profissão

    desde já obrigado se algum colega me Ajudar…

  • PEDRO CARLOS BUSNELLO diz: 5 de dezembro de 2013

    gostaria que algum colega me enfia-se a petição inicial do FGTS, sou de Santa Rosa RS estou iniciando na carreira jurídica, após ter me aposentado na |Brigada Militar
    desde já grato pela atenção de algum colega.

  • Claudia diz: 5 de dezembro de 2013

    Bom dia colegas,

    kit completo para propositura da ação, inclusive a planilha de cálculo, muito fácil e prática. São 2 modelos de iniciais em word, + 1 modelo inicial sem extratos, planilha de calculo, DIEESE, Jurisprudência STF e STJ, orientações CUT, estudos sobre o tema, modelo de contrato de honorários para esta ação, requerimento extrato CEF e Ação de desaposentação. claudia.adv@gmail.com – APENAS 40,00.

  • Claudia dias diz: 5 de dezembro de 2013

    Bom dia colegas,

    kit completo para propositura da ação, inclusive a planilha de cálculo, muito fácil e prática. São 2 modelos de iniciais em word,+ 1 modelo de inicial sem extratos, planilha de calculo, DIEESE, Jurisprudência STF e STJ, orientações CUT, estudos sobre o tema, modelo de contrato de honorários para esta ação, requerimento extrato CEF e Ação de desaposentação. claudiaadv.dias@gmail.com – APENAS 40,00.

  • Maria Reis diz: 6 de dezembro de 2013

    Bom dia, caros colegas, estou repassando o material compelto que eu comprei da ação do FGTS pelo valor de R$ 30,00, está incluso:

    2 modelos de iniciais em word,+ 1 modelo de inicial sem extratos, planilha de calculo, DIEESE, Jurisprudência STF e STJ, orientações CUT, estudos sobre o tema, modelo de contrato de honorários para esta ação, requerimento extrato CEF e de brinde a Ação de desaposentação.

    Por gentileza entre em contato pelo e-mail: euzinha_mi2006@hotmail.com

  • Daniela diz: 26 de dezembro de 2013

    KIT completo da AÇÃO de CORREÇÃO de CONTAS do FGTS.
    KIT 01 contem 18 ARQUIVOS.
    KIT 02 contem 31 ARQUIVOS.
    PETIÇÕES no WORD ( editável)
    02 PLANILHAS para apresentar CÁLCULOS.
    APENAS R$ 50,00.

    ***AÇÃO DESAPOSENTAÇÃO como BRINDE***

    Qualquer dúvida estamos a disposição.

    assessoramento_munis@hotmail.com

  • lissonp diz: 9 de janeiro de 2014

    Olá! Repasso material para ação do FGTS, apenas para recuperar valor investido! email: lissonp@gmail.com. Investimento: R$ 40,00

    Modelo de petição inicial: Nova Ação FGTS – Correção das Contas do FGTS não pode se dar pela TR

    A Taxa Referencial (TR) é o índice usado para corrigir as contas do FGTS. Desde 1999, o Governo federal não a aplica conforme os números da inflação anual. Com isso, o dinheiro do trabalhador está defasado. A partir de 1999, a TR começou a ser reduzida, gradativamente, até que, em setembro de 2012, chegou a zero. Ou seja, o dinheiro do trabalhador que está no FGTS passou a ficar sem correção.
    No final, a diferença devida ao trabalhador pode chegar a 88,3%.
    Nesse sentido disponibilizamos:

    A. Modelo de petição inicial para revisão da conta do FGTS, em formato word, editável, com 35 laudas, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS.

    Ao final, a petição inicial indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor.
    Modelo de petição inicial que pode ser usada tanto em ação individual quanto em ação coletiva para revisão da correção do FGTS, com requerimento específico para pagamento dos honorários, fundamentando a questão com base em ADI e RE publicados recentemente.
    Atualizada em meados de outubro de acordo com recente decisão inicial e pronta para rebater, desde o início, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais do interior de SP; e mais, com fundamentação constitucional, prequestionamento de artigos constitucionais, e com base nos enunciados, já preparando a ação para futuros recursos (se necessário).
    B. Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto, tais como: cobrança de honorários(como cobrar honorários se o valor final vai para a conta vinculada ao FGTS?), e outros temas: definição do FGTS; remuneração do FGTS; a utilização da TR em outras correções; TR e inflação; perdas das contas do FGTS; principais argumentos do réu em sua defesa;
    C. Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional – muito interessante e ideal para acompanhar a petição inicial;

    D. Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária (decisão recente);

    E. Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária (decisão recente);

    F. Artigos e matérias sobre o tema – atualizados em 05/11/2013;

    G. Modelo de impugnação a contestação, atacando com argumentos fortes a contestação e as teses invocadas pelo réu;

    H. Resoluções de Banco Oficial sobre a TR demonstrando que a TR foi perdendo as suas características durante o tempo (recomenda-se que sejam juntadas a petição inicial);

    I. Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;

    J. Modelo de procuração ESPECÍFICA para o ajuizamento desta ação revisional do FGTS – com as cláusulas e poderes específicos para a atuação administrativa e judicial;

    L. Modelo de contrato de prestação de prestação de serviço (contrato de honorários) para ajuizamento da ação, PREVENDO A SITUAÇÃO DE QUE OS VALORES FIQUEM RETIDOS NA CONTA VINCULADA AO FGTS, APRESENTANDO UMA SOLUÇÃO LEGAL PARA NÃO FICARMOS SEM O RECEBIMENTO DOS HONORÁRIOS CONTRATUAIS.

    M. Jurisprudências atualizadas sobre o tema;

    N. Envio de Procuração Específica;

    O. Enunciados para fundamentar suas peças nos juizados especiais federais ;

    P. – Estudo Técnico DIEESE demonstrando a defasagem da TR no que tange à correção dos saldos de FGTS.

    Acaso necessite de peça de apelação/recurso inominado cobramos individualmente R$ 40,00 pela mesma!

  • diligencia judicial diz: 9 de janeiro de 2014

    Bom dia, Caros colegas estou repassando o material para ação do FGTS pelo valor de R$ 30,00, apenas para recuperar valor investido!

    email: diligencia_judicial@hotmail.com

    Modelo de petição inicial: Nova Ação FGTS – Correção das Contas do FGTS não pode se dar pela TR

    A Taxa Referencial (TR) é o índice usado para corrigir as contas do FGTS. Desde 1999, o Governo federal não a aplica conforme os números da inflação anual. Com isso, o dinheiro do trabalhador está defasado. A partir de 1999, a TR começou a ser reduzida, gradativamente, até que, em setembro de 2012, chegou a zero. Ou seja, o dinheiro do trabalhador que está no FGTS passou a ficar sem correção.
    No final, a diferença devida ao trabalhador pode chegar a 88,3%.
    Nesse sentido disponibilizamos:

    A. Modelo de petição inicial para revisão da conta do FGTS, em formato word, editável, com 35 laudas, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS.

    Ao final, a petição inicial indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor.
    Modelo de petição inicial que pode ser usada tanto em ação individual quanto em ação coletiva para revisão da correção do FGTS, com requerimento específico para pagamento dos honorários, fundamentando a questão com base em ADI e RE publicados recentemente.
    Atualizada em meados de outubro de acordo com recente decisão inicial e pronta para rebater, desde o início, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais do interior de SP; e mais, com fundamentação constitucional, prequestionamento de artigos constitucionais, e com base nos enunciados, já preparando a ação para futuros recursos (se necessário).
    B. Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto, tais como: cobrança de honorários(como cobrar honorários se o valor final vai para a conta vinculada ao FGTS?), e outros temas: definição do FGTS; remuneração do FGTS; a utilização da TR em outras correções; TR e inflação; perdas das contas do FGTS; principais argumentos do réu em sua defesa;
    C. Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional – muito interessante e ideal para acompanhar a petição inicial;

    D. Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária (decisão recente);

    E. Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária (decisão recente);

    F. Artigos e matérias sobre o tema – atualizados em 05/11/2013;

    G. Modelo de impugnação a contestação, atacando com argumentos fortes a contestação e as teses invocadas pelo réu;

    H. Resoluções de Banco Oficial sobre a TR demonstrando que a TR foi perdendo as suas características durante o tempo (recomenda-se que sejam juntadas a petição inicial);

    I. Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;

    J. Modelo de procuração ESPECÍFICA para o ajuizamento desta ação revisional do FGTS – com as cláusulas e poderes específicos para a atuação administrativa e judicial;

    L. Modelo de contrato de prestação de prestação de serviço (contrato de honorários) para ajuizamento da ação, PREVENDO A SITUAÇÃO DE QUE OS VALORES FIQUEM RETIDOS NA CONTA VINCULADA AO FGTS, APRESENTANDO UMA SOLUÇÃO LEGAL PARA NÃO FICARMOS SEM O RECEBIMENTO DOS HONORÁRIOS CONTRATUAIS.

    M. Jurisprudências atualizadas sobre o tema;

    N. Envio de Procuração Específica;

    O. Enunciados para fundamentar suas peças nos juizados especiais federais ;

    P. – Estudo Técnico DIEESE demonstrando a defasagem da TR no que tange à correção dos saldos de FGTS.

  • Aulisson diz: 10 de janeiro de 2014

    Olá! Repasso material para ação do FGTS! email: lissonp@gmail.com. Investimento: R$ 30,00

    Modelo de petição inicial: Nova Ação FGTS – Correção das Contas do FGTS não pode se dar pela TR

    A Taxa Referencial (TR) é o índice usado para corrigir as contas do FGTS. Desde 1999, o Governo federal não a aplica conforme os números da inflação anual. Com isso, o dinheiro do trabalhador está defasado. A partir de 1999, a TR começou a ser reduzida, gradativamente, até que, em setembro de 2012, chegou a zero. Ou seja, o dinheiro do trabalhador que está no FGTS passou a ficar sem correção.
    No final, a diferença devida ao trabalhador pode chegar a 88,3%.
    Nesse sentido disponibilizamos:

    A. Modelo de petição inicial para revisão da conta do FGTS, em formato word, editável, com 35 laudas, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS.

    Ao final, a petição inicial indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor.
    Modelo de petição inicial que pode ser usada tanto em ação individual quanto em ação coletiva para revisão da correção do FGTS, com requerimento específico para pagamento dos honorários, fundamentando a questão com base em ADI e RE publicados recentemente.
    Atualizada em meados de outubro de acordo com recente decisão inicial e pronta para rebater, desde o início, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais do interior de SP; e mais, com fundamentação constitucional, prequestionamento de artigos constitucionais, e com base nos enunciados, já preparando a ação para futuros recursos (se necessário).
    B. Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto, tais como: cobrança de honorários(como cobrar honorários se o valor final vai para a conta vinculada ao FGTS?), e outros temas: definição do FGTS; remuneração do FGTS; a utilização da TR em outras correções; TR e inflação; perdas das contas do FGTS; principais argumentos do réu em sua defesa;
    C. Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional – muito interessante e ideal para acompanhar a petição inicial;

    D. Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária (decisão recente);

    E. Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária (decisão recente);

    F. Artigos e matérias sobre o tema – atualizados em 05/11/2013;

    G. Modelo de impugnação a contestação, atacando com argumentos fortes a contestação e as teses invocadas pelo réu;

    H. Resoluções de Banco Oficial sobre a TR demonstrando que a TR foi perdendo as suas características durante o tempo (recomenda-se que sejam juntadas a petição inicial);

    I. Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;

    J. Modelo de procuração ESPECÍFICA para o ajuizamento desta ação revisional do FGTS – com as cláusulas e poderes específicos para a atuação administrativa e judicial;

    L. Modelo de contrato de prestação de prestação de serviço (contrato de honorários) para ajuizamento da ação, PREVENDO A SITUAÇÃO DE QUE OS VALORES FIQUEM RETIDOS NA CONTA VINCULADA AO FGTS, APRESENTANDO UMA SOLUÇÃO LEGAL PARA NÃO FICARMOS SEM O RECEBIMENTO DOS HONORÁRIOS CONTRATUAIS.

    M. Jurisprudências atualizadas sobre o tema;

    N. Envio de Procuração Específica;

    O. Enunciados para fundamentar suas peças nos juizados especiais federais ;

    P. – Estudo Técnico DIEESE demonstrando a defasagem da TR no que tange à correção dos saldos de FGTS.

    Acaso necessite de peça de apelação/recurso inominado cobramos individualmente R$ 40,00 pela mesma!

  • Aulisson diz: 10 de janeiro de 2014

    Olá! Repasso material para ação do FGTS!
    email: lissonp@gmail.com. Investimento: R$ 30,00

    Modelo de petição inicial: Nova Ação FGTS – Correção das Contas do FGTS não pode se dar pela TR

    A Taxa Referencial (TR) é o índice usado para corrigir as contas do FGTS. Desde 1999, o Governo federal não a aplica conforme os números da inflação anual. Com isso, o dinheiro do trabalhador está defasado. A partir de 1999, a TR começou a ser reduzida, gradativamente, até que, em setembro de 2012, chegou a zero. Ou seja, o dinheiro do trabalhador que está no FGTS passou a ficar sem correção.
    No final, a diferença devida ao trabalhador pode chegar a 88,3%.
    Nesse sentido disponibilizamos:

    A. Modelo de petição inicial para revisão da conta do FGTS, em formato word, editável, com 35 laudas, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS.

    Ao final, a petição inicial indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor.
    Modelo de petição inicial que pode ser usada tanto em ação individual quanto em ação coletiva para revisão da correção do FGTS, com requerimento específico para pagamento dos honorários, fundamentando a questão com base em ADI e RE publicados recentemente.
    Atualizada em meados de outubro de acordo com recente decisão inicial e pronta para rebater, desde o início, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais do interior de SP; e mais, com fundamentação constitucional, prequestionamento de artigos constitucionais, e com base nos enunciados, já preparando a ação para futuros recursos (se necessário).
    B. Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto, tais como: cobrança de honorários(como cobrar honorários se o valor final vai para a conta vinculada ao FGTS?), e outros temas: definição do FGTS; remuneração do FGTS; a utilização da TR em outras correções; TR e inflação; perdas das contas do FGTS; principais argumentos do réu em sua defesa;
    C. Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional – muito interessante e ideal para acompanhar a petição inicial;

    D. Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária (decisão recente);

    E. Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária (decisão recente);

    F. Artigos e matérias sobre o tema – atualizados em 05/11/2013;

    G. Modelo de impugnação a contestação, atacando com argumentos fortes a contestação e as teses invocadas pelo réu;

    H. Resoluções de Banco Oficial sobre a TR demonstrando que a TR foi perdendo as suas características durante o tempo (recomenda-se que sejam juntadas a petição inicial);

    I. Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;

    J. Modelo de procuração ESPECÍFICA para o ajuizamento desta ação revisional do FGTS – com as cláusulas e poderes específicos para a atuação administrativa e judicial;

    L. Modelo de contrato de prestação de prestação de serviço (contrato de honorários) para ajuizamento da ação, PREVENDO A SITUAÇÃO DE QUE OS VALORES FIQUEM RETIDOS NA CONTA VINCULADA AO FGTS, APRESENTANDO UMA SOLUÇÃO LEGAL PARA NÃO FICARMOS SEM O RECEBIMENTO DOS HONORÁRIOS CONTRATUAIS.

    M. Jurisprudências atualizadas sobre o tema;

    N. Envio de Procuração Específica;

    O. Enunciados para fundamentar suas peças nos juizados especiais federais ;

    P. – Estudo Técnico DIEESE demonstrando a defasagem da TR no que tange à correção dos saldos de FGTS.

    Acaso necessite de peça de apelação/recurso inominado cobramos individualmente R$ 40,00 pela mesma!

  • Claudia diz: 10 de janeiro de 2014

    Bom dia colegas,

    kit completo para propositura da ação, inclusive a planilha de cálculo, muito fácil e prática. São 2 modelos de iniciais em word,+ 1 modelo de inicial sem extratos, planilha de calculo, DIEESE, Jurisprudência STF e STJ, orientações CUT, estudos sobre o tema, modelo de contrato de honorários para esta ação, requerimento extrato CEF e Ação de desaposentação. claudiaadv.dias@gmail.com – TUDO POR APENAS 40,00.

  • Rivaldo Ribeiro diz: 11 de janeiro de 2014

    Boa tarde, Caros Advogados
    Não podemos esperar até que o STF se pronuncie, temos que pressionar para fazer valer o direito dos trabalhadores.
    Acreditando nisso estou disponibilizando aos colegas: Inicial FGTS, Tabela Excel, impugnação a contestação, decisão do STF e demais documentos. Se tiver interesse envie me um
    email rivaldo_ribeiro@hotmail.com
    Dr Rivaldo Ribeiro

  • Ailson diz: 11 de janeiro de 2014

    Bom dia colegas,

    kit completo para propositura da ação, inclusive a planilha de cálculo, muito fácil e prática. São 2 modelos de iniciais em word,+ 1 modelo de inicial sem extratos, planilha de calculo, DIEESE, Jurisprudência STF e STJ, orientações CUT, estudos sobre o tema, modelo de contrato de honorários para esta ação, requerimento extrato CEF. ailsontenorio@yahoo.com.br – TUDO POR APENAS 40,00.

  • Aulisson diz: 11 de janeiro de 2014

    Olá! Repasso material para ação do FGTS!
    email: lissonp@gmail.com. Investimento: R$ 30,00

    NOVIDADE:

    **ACASO NECESSITES DA PEÇA DE APELAÇÃO/RECURSO INOMINADO DISPONIBILIZAMOS INDIVIDUALMENTE POR R$ 40,00 !

    *** ACASO NECESSITE DA PEÇA DE RECURSO EXTRAORDINÁRIO, COM ENFOQUE EM TODOS OS DISPOSITIVOS CONSTITUCIONAIS VIOLADOS, BEM COMO PRELIMINAR DE REPERCUSSÃO GERAL, DISPONIBILIZAMOS A MESMA POR R$ 200,00!

    Modelo de petição inicial: Nova Ação FGTS – Correção das Contas do FGTS não pode se dar pela TR

    A Taxa Referencial (TR) é o índice usado para corrigir as contas do FGTS. Desde 1999, o Governo federal não a aplica conforme os números da inflação anual. Com isso, o dinheiro do trabalhador está defasado. A partir de 1999, a TR começou a ser reduzida, gradativamente, até que, em setembro de 2012, chegou a zero. Ou seja, o dinheiro do trabalhador que está no FGTS passou a ficar sem correção.
    No final, a diferença devida ao trabalhador pode chegar a 88,3%.
    Nesse sentido disponibilizamos:

    A. Modelo de petição inicial para revisão da conta do FGTS, em formato word, editável, com 35 laudas, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS.

    Ao final, a petição inicial indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor.
    Modelo de petição inicial que pode ser usada tanto em ação individual quanto em ação coletiva para revisão da correção do FGTS, com requerimento específico para pagamento dos honorários, fundamentando a questão com base em ADI e RE publicados recentemente.
    Atualizada em meados de outubro de acordo com recente decisão inicial e pronta para rebater, desde o início, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais do interior de SP; e mais, com fundamentação constitucional, prequestionamento de artigos constitucionais, e com base nos enunciados, já preparando a ação para futuros recursos (se necessário).
    B. Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto, tais como: cobrança de honorários(como cobrar honorários se o valor final vai para a conta vinculada ao FGTS?), e outros temas: definição do FGTS; remuneração do FGTS; a utilização da TR em outras correções; TR e inflação; perdas das contas do FGTS; principais argumentos do réu em sua defesa;
    C. Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional – muito interessante e ideal para acompanhar a petição inicial;

    D. Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária (decisão recente);

    E. Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária (decisão recente);

    F. Artigos e matérias sobre o tema – atualizados em 05/11/2013;

    G. Modelo de impugnação a contestação, atacando com argumentos fortes a contestação e as teses invocadas pelo réu;

    H. Resoluções de Banco Oficial sobre a TR demonstrando que a TR foi perdendo as suas características durante o tempo (recomenda-se que sejam juntadas a petição inicial);

    I. Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;

    J. Modelo de procuração ESPECÍFICA para o ajuizamento desta ação revisional do FGTS – com as cláusulas e poderes específicos para a atuação administrativa e judicial;

    L. Modelo de contrato de prestação de prestação de serviço (contrato de honorários) para ajuizamento da ação, PREVENDO A SITUAÇÃO DE QUE OS VALORES FIQUEM RETIDOS NA CONTA VINCULADA AO FGTS, APRESENTANDO UMA SOLUÇÃO LEGAL PARA NÃO FICARMOS SEM O RECEBIMENTO DOS HONORÁRIOS CONTRATUAIS.

    M. Jurisprudências atualizadas sobre o tema;

    N. Envio de Procuração Específica;

    O. Enunciados para fundamentar suas peças nos juizados especiais federais ;

    P. – Estudo Técnico DIEESE demonstrando a defasagem da TR no que tange à correção dos saldos de FGTS.

  • Rivaldo Ribeiro diz: 11 de janeiro de 2014

    Estou disponibilizando aos colegas advogados : Inicial FGTS, Tabela Excel, impugnação a contestação, decisão do STF e demais documentos. Se precisar, peça pelo
    email rivaldo_ribeiro@hotmail.com
    Dr Rivaldo Ribeiro

  • Camargo diz: 15 de janeiro de 2014

    KIT COMPLETO Ação de Correção de Contas do FGTS – Planilha mais 23 itens pelo valor de R$ R$ 80,00 + ação de desaposentação.
    Material muito bom.

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL

    1) MODELO DE PETIÇÃO INICIAL QUE FOI MODIFICADA PARA INCLUIR FUNDAMENTOS CONSTITUCIONAIS, PREQUESTIONAMENTO, NOVOS ENUNCIADOS, FUNDAMENTOS EM ADI SOBRE A TR, confira:
    – Peça foi alterada após sentença proferida em 05/09/2013 para rebater, já na inicial, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais;
    -Os fundamentos constitucionais e o prequestionamento estão retratados nos fundamentos e nos pedidos. Ainda, os pedidos são bem completos e abordam todas as situações que poderão ocorrer no processo
    – No campo dos honorários advocatícios – elencamos fundamentos em ADI e RE – recentes;
    2) SEGUNDO Modelo de petição inicial para ajuizar sem os extartos e sem a planilha , em formato Word editável, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS. Ao final indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor – COM FUNDAMENTOS E PEDIDO LIMINAR PARA ENTREGA DOS EXTRATOS DO FGTS (para ajuizar a ação sem cálculos e sem extratos);
    3. CÓPIA DE AÇÃO COLETIVA ;
    4. IMPUGNAÇÃO ESPECÍFICA SOBRE OS TÓPICOS DA CONTESTAÇÃO – em formato Word;
    5. Planilha de cálculos, em Excel, de fácil utilização – desenvolvida para advogados; serve para fazer quantos cálculos forem necessários. Perfeita para a tese da correção do FGTS por índice diferente da TR – ATUALIZADA.
    6. Explicativo dos cálculos demonstrando claramente como devem ser elaborados, incluindo site, forma de atualização
    7. Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional;
    8. Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    9. Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    10. Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto;
    11.Requerimento de extratos do FGTS junto a CEF;
    12. Modelo de ação de exibição de documentos;
    13. Artigos e matérias sobre o tema;
    14. Resoluções do Banco Central sobre o tema;
    15.Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;
    16. MODELOS DE: CONTRATO ESPECÍFICO (inclusive para eventual caso de depósito do valor direito em conta vinculada do FGTS),
    17. MODELO DE AGRAVO PARA REQUERER A GRATUIDADE DA JUSTIÇA – em caso de indeferimento do pedido de gratuidade da justiça;
    18. Outros materiais e decisões sobre o tema.
    19. PROCEDIMENTO PARA RECEBER HONORÁRIOS MESMO PARA TRABALHADORES QUE NUNCA LEVANTARAM O FGTS;
    20. Envio de Procuração Específica;
    21. Envio de Declaração para gratuidade – Modelo
    22. Matérias (jornal) da Força sindical com informações sobre a TR;
    23) ENVIAMOS TAMBÉM CÓPIA DE SENTENÇA, EMBARGOS DE DECLARAÇÃO, RECURSO INOMINADO.
    24) Fundamentos da ação, questões processuais, competência, valor da causa, legitimidade, gratuidade da justiça, recebimento de honorários, risco de depósito em conta vinculada do FGTS, pedidos, questões constitucionais, presquestionamento, análise de sentença, embargos etc…):

    Qualquer dúvida estamos a disposição.

    assessoria_camargo@hotmail.com

  • Daniela diz: 15 de janeiro de 2014

    KIT completo da AÇÃO de CORREÇÃO de CONTAS do FGTS.
    KIT 01 contem 18 ARQUIVOS.
    KIT 02 contem 31 ARQUIVOS.
    PETIÇÕES no WORD ( editável)
    02 PLANILHAS para apresentar CÁLCULOS.
    Valor, R$ 50,00.

    ***AÇÃO DESAPOSENTAÇÃO como BRINDE***

    Qualquer dúvida estamos a disposição.

    assessoramento_munis@hotmail.com

  • Daniela diz: 15 de janeiro de 2014

    27 de novembro de 2013

    KIT completo da AÇÃO de CORREÇÃO de CONTAS do FGTS.
    KIT 01 contem 18 ARQUIVOS.
    KIT 02 contem 31 ARQUIVOS.
    PETIÇÕES no WORD ( editável)
    02 PLANILHAS para apresentar CÁLCULOS.
    Valor,R$ 50,00.

    ***AÇÃO DESAPOSENTAÇÃO como BRINDE***

    Qualquer dúvida estamos a disposição.

    assessoramento_munis@hotmail.com

  • Andre diz: 15 de janeiro de 2014

    Estaremos repassando o material da AÇÃO do FGTS +AÇÃO DESAPOSENTAÇÃO aos nobres colegas, por um valor de R$ 75,00
    Dúvidas…

    juridico.consultoria2013@gmail.com

  • Andre diz: 15 de janeiro de 2014

    Estaremos repassando o material da AÇÃO do FGTS +AÇÃO DESAPOSENTAÇÃO aos nobres colegas, por um valor de R$ R$ 75,00.
    Dúvidas…

    juridico.consultoria2013@gmail.com

  • Claudia diz: 15 de janeiro de 2014

    kit completo para propositura da ação, inclusive a planilha de cálculo, muito fácil e prática. São 2 modelos de iniciais em word,+ 1 modelo de inicial sem extratos, planilha de calculo, DIEESE, Jurisprudência STF e STJ, orientações CUT, estudos sobre o tema, modelo de contrato de honorários para esta ação, requerimento extrato CEF e Ação de desaposentação. claudiaadv.dias@gmail.com – TUDO POR APENAS 40,00.

  • Claudia dias diz: 15 de janeiro de 2014

    kit completo para propositura da ação, inclusive a planilha de cálculo, muito fácil e prática. São 2 modelos de iniciais em word,+ 1 modelo de inicial sem extratos, planilha de calculo, DIEESE, Jurisprudência STF e STJ, orientações CUT, estudos sobre o tema, modelo de contrato de honorários para esta ação, requerimento extrato CEF e Ação de desaposentação. claudiaadv.dias@gmail.com – TUDO POR APENAS 40,00…

  • ATENORIO diz: 15 de janeiro de 2014

    Bom dia a todos,

    kit completo para propositura da ação, inclusive a planilha de cálculo, muito fácil e prática. São 2 modelos de iniciais em word,+ 1 modelo de inicial sem extratos, planilha de calculo, DIEESE, Jurisprudência STF e STJ, orientações CUT, estudos sobre o tema, modelo de contrato de honorários para esta ação, requerimento extrato CEF. ailsontenorio@yahoo.com.br – TUDO POR APENAS 40,00.

  • Dr Rivaldo Ribeiro diz: 15 de janeiro de 2014

    Estou disponibilizando : Inicial FGTS 35 laudas, Tabela Excel ( aprovada pela justiça federal), contestação da caixa impugnação , decisão do STF, STJ e demais documentos. Se tiver interesse peça pelo email rivaldo_ribeiro@hotmail.com Dr Rivaldo Ribeiro

  • vitor diz: 16 de janeiro de 2014

    kit completo AÇÃO DE CORREÇÃO DE CONTAS DO FGTS

    Material completo pelo valor de R$100;00

    Acompanha 02 planilhas para apresentar os cálculos, porém V. Sas. poderá utilizar a que melhor se encaixar no perfil do escritório.

    NÃO ESQUEÇA: BRINDE – AÇÃO DE DESAPOSENTAÇÃO E AÇÃO DE DIFERENÇA DO FGTS SEM EXTRATO ANALÍTICO.

    RESUMO DO MATERIAL 01

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL:
    - Modelo de petição inicial (editável);
    - Planilha de cálculo;
    - Instruções para preenchimento da planilha de cálculo;
    - Impugnação e Contestação;
    - Resoluções do Banco Central sobre a TR;
    - Folheto explicativo sobre a ação;
    - Nota técnica do DIEESE, de junho/2013;
    - Íntegra de decisão do STF que afasta a TR como índice de correção monetária;
    - Modelo de procuração;
    - Modelo de contrato de honorários; e
    - Formulário da CEF para solicitação do extrato analítico;

    O b s e r v a ç õ e s :

    1) A competência para a ação é da Justiça Federal e, por isso, a
    petição está dirigida ao Juizado Especial Federal. Para utilizá-la em
    uma Vara Federal basta modificar o endereçamento e excluir o tópico que
    fala da competência do Juizado Especial Federal.

    2) As resoluções do BACEN servem para entender o cálculo da TR e
    instruir a demanda. Se optar por excluir alguma, recomenda-se que ao
    menos as de nº 3354 e nº 3446 acompanhem a inicial.

    3) A Nota Técnica do DIEESE serve como material de apoio, tendo em
    vista a relevância dos informações que ela contém. Alguns trechos
    inclusive são reproduzidos na petição inicial. Sua juntada na ação
    opcional.

    4) A decisão do Supremo Tribunal Federal não está diretamente ligada ao
    tema das perdas do FGTS, mas seus argumentos são de grande relevância
    para o assunto, pois confirmam que a TR (Taxa Referencial) não pode ser
    utilizada como índice de correção. Serve, também, como material de
    apoio.

    RESUMO DO MATERIAL 02

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL:

    - MODELO DE PETIÇÃO INICIAL QUE FOI MODIFICADA PARA INCLUIR FUNDAMENTOS CONSTITUCIONAIS, PREQUESTIONAMENTO, NOVOS ENUNCIADOS, FUNDAMENTOS EM ADI SOBRE A TR, sendo que:

    a) Peça foi alterada após sentença proferida em 05/09/2013 para rebater, já na inicial, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais;
    b) Os fundamentos constitucionais e o prequestionamento estão retratados nos fundamentos e nos pedidos. Ainda, os pedidos são bem completos e abordam todas as situações que poderão ocorrer no processo
    c) No campo dos honorários advocatícios – elencamos fundamentos em ADI e RE – recentes;
    – SEGUNDO Modelo de petição inicial para ajuizar sem os extartos e sem a planilha , em formato Word editável, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS. Ao final indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor – COM FUNDAMENTOS E PEDIDO LIMINAR PARA ENTREGA DOS EXTRATOS DO FGTS (para ajuizar a ação sem cálculos e sem extratos);
    - CÓPIA DE AÇÃO COLETIVA ;
    - IMPUGNAÇÃO ESPECÍFICA SOBRE OS TÓPICOS DA CONTESTAÇÃO – em formato Word;
    - Planilha de cálculos, em Excel, de fácil utilização – desenvolvida para advogados; serve para fazer quantos cálculos forem necessários. Perfeita para a tese da correção do FGTS por índice diferente da TR – ATUALIZADA.
    – Explicativo dos cálculos demonstrando claramente como devem ser elaborados, incluindo site, forma de atualização
    - Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional;
    - Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    - Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    - Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto;
    - Requerimento de extratos do FGTS junto a CEF;
    - Modelo de ação de exibição de documentos;
    - Artigos e matérias sobre o tema;
    - Resoluções do Banco Central sobre o tema;
    - Autorização/Solicitação para dedução de honorários advocatícios contratados antes do depósito da correção em conta vinculada do FGTS;
    - MODELOS DE: CONTRATO ESPECÍFICO (inclusive para eventual caso de depósito do valor direito em conta vinculada do FGTS),
    - MODELO DE AGRAVO PARA REQUERER A GRATUIDADE DA JUSTIÇA – em caso de indeferimento do pedido de gratuidade da justiça;
    - Outros materiais e decisões sobre o tema.
    - PROCEDIMENTO PARA RECEBER HONORÁRIOS MESMO PARA TRABALHADORES QUE NUNCA LEVANTARAM O FGTS;
    - Envio de Procuração Específica;
    - Envio de Declaração para gratuidade – Modelo
    - Matérias (jornal) da Força sindical com informações sobre a TR;
    - ENVIAMOS TAMBÉM CÓPIA DE SENTENÇA, EMBARGOS DE DECLARAÇÃO, RECURSO INOMINADO.
    – Fundamentos da ação, questões processuais, competência, valor da causa, legitimidade, gratuidade da justiça, recebimento de honorários, risco de depósito em conta vinculada do FGTS, pedidos, questões constitucionais, presquestionamento, análise de sentença, embargos etc…)

    assessoramento_vitorcs@hotmail.com

    Estamos á disposição de V. Sas.

  • Dr Rivaldo Ribeiro diz: 16 de janeiro de 2014

    Boa tarde, Caros Advogados Não podemos esperar até que o STF se pronuncie, temos que pressionar para fazer valer o direito dos trabalhadores. Acreditando nisso estou disponibilizando aos colegas: Inicial FGTS 35 laudas, Tabela Excel ( aprovada pela justiça federal), contestação da caixa, impugnação , decisão do STF, STJ, recurso Inominado e demais documentos. Se tiver interesse
    Peça pelo email rivaldo_ribeiro@hotmail.com
    Dr Rivaldo Ribeiro

  • Suporte Juridico diz: 16 de janeiro de 2014

    Bom dia, Nobres colegas,

    Temos o material completo do FGTS e de brinde inclui ação de desaposentação, quer saber mais envie e-mail para: suportejuridicosantos@hotmail.com

    02 kits completos para propositura da ação, inclusive a planilha de cálculo, muito fácil e prática. São 2 modelos de iniciais em word,+ 1 modelo de inicial sem extratos, planilha de calculo, DIEESE, Jurisprudência STF e STJ, orientações CUT, estudos sobre o tema, modelo de contrato de honorários para esta ação, requerimento extrato CEF.

  • DR RIVALDO RIBEIRO diz: 28 de janeiro de 2014

    Começam a aflorar ações procedentes, as coisas estão mudando… Estou disponibilizando
    Inicial FGTS 1999 a 2013
    SENTENÇAS PROCEDENTES de jan./14
    Tabela Excel (aprovada pela justiça Federal) atualizada
    Impugnação a contestação
    Contestação da caixa
    Decisão do STF, STJ,
    Recurso Inominado e demais documentos
    Peça para rivaldo_ribeiro@hotmail.com
    Dr Rivaldo Ribeiro

  • Dr. Aulisson diz: 29 de janeiro de 2014

    Olá! Disponibilizo material jurídico para ajuizamento acerca da Ação FGTS, com modelos e documentação suporte, inclusive com sentença procedente, e recursos às instâncias superiores. Valores do mesmo e maiores informações: lissonp@gmail.com

  • Michelle Leão diz: 29 de janeiro de 2014

    Bom dia, Dr!!

    Custo do envio do material é de R$100,00, composto por 03 (três) KIts e brinde a ação de desaposentação. Salienta-se que enviamos cópia da SENTENÇA PROCEDENTE e a peça inicial alterada com a decisão recente favorável ATUALIZADO ATÉ JANEIRO DE 2014!!!!!

    O material é disponibilizado através do seu e-mail,
    DESTACAMOS QUE O NOSSO MATERIAL É O MAIS COMPLETO DO MERCADO.

    TODAS AS PETIÇÕES SÃO NO WORD (editável) para facilitar;

    NÃO ESQUEÇA: BRINDE – AÇÃO DE DESAPOSENTAÇÃO E AÇÃO DE DIFERENÇA DO FGTS SEM EXTRATO ANALÍTICO.

    RESUMO DO MATERIAL 01

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL:

    - Modelo de petição inicial (editável);
    - Planilha de cálculo;
    - Instruções para preenchimento da planilha de cálculo;
    - Impugnação e Contestação;
    - Resoluções do Banco Central sobre a TR;
    - Folheto explicativo sobre a ação;
    - Nota técnica do DIEESE, de junho/2013;
    - Íntegra de decisão do STF que afasta a TR como índice de correção monetária;
    - Modelo de procuração;
    - Modelo de contrato de honorários; e
    - Formulário da CEF para solicitação do extrato analítico;

    O b s e r v a ç õ e s :

    1) A competência para a ação é da Justiça Federal e, por isso, a
    petição está dirigida ao Juizado Especial Federal. Para utilizá-la em
    uma Vara Federal basta modificar o endereçamento e excluir o tópico que
    fala da competência do Juizado Especial Federal.

    2) As resoluções do BACEN servem para entender o cálculo da TR e
    instruir a demanda. Se optar por excluir alguma, recomenda-se que ao
    menos as de nº 3354 e nº 3446 acompanhem a inicial.

    3) A Nota Técnica do DIEESE serve como material de apoio, tendo em
    vista a relevância dos informações que ela contém. Alguns trechos
    inclusive são reproduzidos na petição inicial. Sua juntada na ação
    opcional.

    4) A decisão do Supremo Tribunal Federal não está diretamente ligada ao
    tema das perdas do FGTS, mas seus argumentos são de grande relevância
    para o assunto, pois confirmam que a TR (Taxa Referencial) não pode ser
    utilizada como índice de correção. Serve, também, como material de
    apoio.

    RESUMO DO MATERIAL 02

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL:

    - MODELO DE PETIÇÃO INICIAL QUE FOI MODIFICADA PARA INCLUIR FUNDAMENTOS CONSTITUCIONAIS, PREQUESTIONAMENTO, NOVOS ENUNCIADOS, FUNDAMENTOS EM ADI SOBRE A TR, sendo que:

    a) Peça foi alterada após sentença proferida em 05/09/2013 para rebater, já na inicial, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais;
    b) Os fundamentos constitucionais e o prequestionamento estão retratados nos fundamentos e nos pedidos. Ainda, os pedidos são bem completos e abordam todas as situações que poderão ocorrer no processo
    c) No campo dos honorários advocatícios – elencamos fundamentos em ADI e RE – recentes;
    - SEGUNDO Modelo de petição inicial para ajuizar sem os extratos e sem a planilha , em formato Word editável, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS. Ao final indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor – COM FUNDAMENTOS E PEDIDO LIMINAR PARA ENTREGA DOS EXTRATOS DO FGTS (para ajuizar a ação sem cálculos e sem extratos);
    - CÓPIA DE AÇÃO COLETIVA ;
    - IMPUGNAÇÃO ESPECÍFICA SOBRE OS TÓPICOS DA CONTESTAÇÃO – em formato Word;
    - Planilha de cálculos, em Excel, de fácil utilização – desenvolvida para advogados; serve para fazer quantos cálculos forem necessários. Perfeita para a tese da correção do FGTS por índice diferente da TR – ATUALIZADA.
    - Explicativo dos cálculos demonstrando claramente como devem ser elaborados, incluindo site, forma de atualização
    - Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional;
    - Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    - Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    - Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto.

    Att.

    Suporte Jurídico Santos.

  • Michelle Leão diz: 29 de janeiro de 2014

    Bom dia, Dr!!

    Custo do envio do material é de R$100,00, composto por 03 (três) KIts e brinde a ação de desaposentação. Salienta-se que enviamos cópia da SENTENÇA PROCEDENTE e a peça inicial alterada com a decisão recente favorável ATUALIZADO ATE 2014.

    O material é disponibilizado através do seu e-mail, após o depósito bancário na seguinte conta:

    DESTACAMOS QUE O NOSSO MATERIAL É O MAIS COMPLETO DO MERCADO.

    TODAS AS PETIÇÕES SÃO NO WORD (editável) para facilitar;

    NÃO ESQUEÇA: BRINDE – AÇÃO DE DESAPOSENTAÇÃO E AÇÃO DE DIFERENÇA DO FGTS SEM EXTRATO ANALÍTICO.

    RESUMO DO MATERIAL 01

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL:

    - Modelo de petição inicial (editável);
    - Planilha de cálculo;
    - Instruções para preenchimento da planilha de cálculo;
    - Impugnação e Contestação;
    - Resoluções do Banco Central sobre a TR;
    - Folheto explicativo sobre a ação;
    - Nota técnica do DIEESE, de junho/2013;
    - Íntegra de decisão do STF que afasta a TR como índice de correção monetária;
    - Modelo de procuração;
    - Modelo de contrato de honorários; e
    - Formulário da CEF para solicitação do extrato analítico;

    O b s e r v a ç õ e s :

    1) A competência para a ação é da Justiça Federal e, por isso, a
    petição está dirigida ao Juizado Especial Federal. Para utilizá-la em
    uma Vara Federal basta modificar o endereçamento e excluir o tópico que
    fala da competência do Juizado Especial Federal.

    2) As resoluções do BACEN servem para entender o cálculo da TR e
    instruir a demanda. Se optar por excluir alguma, recomenda-se que ao
    menos as de nº 3354 e nº 3446 acompanhem a inicial.

    3) A Nota Técnica do DIEESE serve como material de apoio, tendo em
    vista a relevância dos informações que ela contém. Alguns trechos
    inclusive são reproduzidos na petição inicial. Sua juntada na ação
    opcional.

    4) A decisão do Supremo Tribunal Federal não está diretamente ligada ao
    tema das perdas do FGTS, mas seus argumentos são de grande relevância
    para o assunto, pois confirmam que a TR (Taxa Referencial) não pode ser
    utilizada como índice de correção. Serve, também, como material de
    apoio.

    RESUMO DO MATERIAL 02

    COMPOSIÇÃO DO MATERIAL:

    - MODELO DE PETIÇÃO INICIAL QUE FOI MODIFICADA PARA INCLUIR FUNDAMENTOS CONSTITUCIONAIS, PREQUESTIONAMENTO, NOVOS ENUNCIADOS, FUNDAMENTOS EM ADI SOBRE A TR, sendo que:

    a) Peça foi alterada após sentença proferida em 05/09/2013 para rebater, já na inicial, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais;
    b) Os fundamentos constitucionais e o prequestionamento estão retratados nos fundamentos e nos pedidos. Ainda, os pedidos são bem completos e abordam todas as situações que poderão ocorrer no processo
    c) No campo dos honorários advocatícios – elencamos fundamentos em ADI e RE – recentes;
    - SEGUNDO Modelo de petição inicial para ajuizar sem os extratos e sem a planilha , em formato Word editável, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS. Ao final indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor – COM FUNDAMENTOS E PEDIDO LIMINAR PARA ENTREGA DOS EXTRATOS DO FGTS (para ajuizar a ação sem cálculos e sem extratos);
    - CÓPIA DE AÇÃO COLETIVA ;
    - IMPUGNAÇÃO ESPECÍFICA SOBRE OS TÓPICOS DA CONTESTAÇÃO – em formato Word;
    - Planilha de cálculos, em Excel, de fácil utilização – desenvolvida para advogados; serve para fazer quantos cálculos forem necessários. Perfeita para a tese da correção do FGTS por índice diferente da TR – ATUALIZADA.
    - Explicativo dos cálculos demonstrando claramente como devem ser elaborados, incluindo site, forma de atualização
    - Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional;
    - Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    - Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    - Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto.

    Att.

    Suporte Jurídico Santos.

  • Dr Rivaldo Ribeiro diz: 29 de janeiro de 2014

    Começam a aflorar ações procedentes, as coisas estão mudando…
    Vale a pena entrar com a ação
    Disponibilizo a todos Inicial FGTS 1999 a 2013 e demais documentos
    Peça para rivaldo_ribeiro@hotmail.com
    Dr. Rivaldo Ribeiro

  • Oscar Pedroso Filho diz: 6 de fevereiro de 2014

    Dr. Voce teria como me enviar uma cópia da ação do FGTS 1999 a 2013, por favor, grato.

    Oscar

  • DR RIVALDO RIBEIRO diz: 6 de fevereiro de 2014

    Sim Oscar qual o seu email para envio?
    rivaldo_ribeiro@hotmail.com
    Dr Rivaldo Ribeiro

  • AÇÃO DO FGTS diz: 8 de fevereiro de 2014

    Caros advogados estou repassando o material do FGTS pelo valor de R$ 40,00, destaca-se que A SENTENÇA FOI TOTALMENTE PROCEDENTE.

    O material é composto por:

    - Modelo de petição inicial, atualizada em 18/01/2014;
    - Impugnação à contestação, atualizada em 18/01/2014; e
    - Sentença de procedência da ação, de janeiro de 2014, em formato pdf.

    SENTENÇA TOTALMENTE PROCEDENTE!!!

    Nosso e-mail: EUZINHA_MI2006@HOTMAIL.COM

  • DR RIVALDO RIBEIRO diz: 8 de fevereiro de 2014

    Começam a aflorar ações procedentes, as coisas estão mudando…
    Vale a pena entrar com a ação
    Disponibilizo a todos Inicial FGTS 1999 a 2013 e demais documentos
    Peça para rivaldo_ribeiro@hotmail.com
    Dr. Rivaldo Ribeiro

  • Michelle Leão diz: 14 de fevereiro de 2014

    Custo do envio do material é de R$100,00, composto por 03 (três) KIts e brinde a ação de desaposentação.

    Salienta-se que enviamos 02 cópias de SENTENÇA PROCEDENTE e a peça inicial alterada com a decisão recente favorável EM JANEIRO DE 2014.

    O material é disponibilizado através do seu e-mail, após o depósito bancário na

    DESTACAMOS QUE O NOSSO MATERIAL É O MAIS COMPLETO DO MERCADO.
    TODAS AS PETIÇÕES SÃO NO WORD (editável) para facilitar;
    NÃO ESQUEÇA: BRINDE – AÇÃO DE DESAPOSENTAÇÃO E AÇÃO DE DIFERENÇA DO FGTS SEM EXTRATO ANALÍTICO.

    RESUMO DO MATERIAL 01
    - Modelo de petição inicial (editável);
    - Planilha de cálculo;
    - Instruções para preenchimento da planilha de cálculo;
    - Impugnação e Contestação;
    - Resoluções do Banco Central sobre a TR;
    - Folheto explicativo sobre a ação;
    - Nota técnica do DIEESE, de junho/2013;
    - Íntegra de decisão do STF que afasta a TR como índice de correção monetária;
    - Modelo de procuração;
    - Modelo de contrato de honorários; e
    - Formulário da CEF para solicitação do extrato analítico;

    O b s e r v a ç õ e s :
    1) A competência para a ação é da Justiça Federal e, por isso, a
    petição está dirigida ao Juizado Especial Federal. Para utilizá-la em
    uma Vara Federal basta modificar o endereçamento e excluir o tópico que
    fala da competência do Juizado Especial Federal.
    2) As resoluções do BACEN servem para entender o cálculo da TR e
    instruir a demanda. Se optar por excluir alguma, recomenda-se que ao
    menos as de nº 3354 e nº 3446 acompanhem a inicial.
    3) A Nota Técnica do DIEESE serve como material de apoio, tendo em
    vista a relevância dos informações que ela contém. Alguns trechos
    inclusive são reproduzidos na petição inicial. Sua juntada na ação
    opcional.
    4) A decisão do Supremo Tribunal Federal não está diretamente ligada ao
    tema das perdas do FGTS, mas seus argumentos são de grande relevância
    para o assunto, pois confirmam que a TR (Taxa Referencial) não pode ser
    utilizada como índice de correção. Serve, também, como material de
    apoio.

    RESUMO DO MATERIAL 02
    - MODELO DE PETIÇÃO INICIAL QUE FOI MODIFICADA PARA INCLUIR FUNDAMENTOS CONSTITUCIONAIS, PREQUESTIONAMENTO, NOVOS ENUNCIADOS, FUNDAMENTOS EM ADI SOBRE A TR, sendo que:

    a) Peça foi alterada após sentença proferida em 05/09/2013 para rebater, já na inicial, fundamentos das sentenças que vem sendo proferidas nos juizados especiais federais;
    b) Os fundamentos constitucionais e o prequestionamento estão retratados nos fundamentos e nos pedidos. Ainda, os pedidos são bem completos e abordam todas as situações que poderão ocorrer no processo
    c) No campo dos honorários advocatícios – elencamos fundamentos em ADI e RE – recentes;
    - SEGUNDO Modelo de petição inicial para ajuizar sem os extratos e sem a planilha , em formato Word editável, demonstrando graficamente e juridicamente que a TR não serve de índice de correção para as contas do FGTS. Ao final indica todos os documentos que devem acompanhar a peça vestibular, bastando qualificar o autor – COM FUNDAMENTOS E PEDIDO LIMINAR PARA ENTREGA DOS EXTRATOS DO FGTS (para ajuizar a ação sem cálculos e sem extratos);
    - CÓPIA DE AÇÃO COLETIVA ;
    - IMPUGNAÇÃO ESPECÍFICA SOBRE OS TÓPICOS DA CONTESTAÇÃO – em formato Word;
    - Planilha de cálculos, em Excel, de fácil utilização – desenvolvida para advogados; serve para fazer quantos cálculos forem necessários. Perfeita para a tese da correção do FGTS por índice diferente da TR – ATUALIZADA.
    - Explicativo dos cálculos demonstrando claramente como devem ser elaborados, incluindo site, forma de atualização
    - Estudo sobre o FGTS e a TR, elaborado por instituto idôneo, de fama nacional;
    - Decisão STJ, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    - Decisão STF, no sentido de que a TR não serve como índice de correção monetária;
    - Explicativo da ação, apontando os principais temas do assunto.

    RESUMO DO MATERIAL 3

    - Modelo de petição inicial, atualizada em 18/01/2014;
    - Impugnação à contestação, atualizada em 18/01/2014; e
    - Sentença de procedência da ação, de janeiro de 2014, em formato pdf.

    SENTENÇA TOTALMENTE PROCEDENTE

    Dúvidas: suportejuridicosantos@hotmail.com

    Att
    SUPORTE JURÍDICO SANTOS

  • Dr. Aulisson diz: 15 de fevereiro de 2014

    Olá nobres colegas advogados! Disponibilizo material jurídico para ajuizamento acerca da Ação FGTS, com modelos de inicial e documentação suporte, inclusive com sentença procedente, bem como recurso inominado/apelação, Edcl, Agravo Regimental e de Instrumento, além de Recurso Extraordinário. Melhor material e melhores preços! Valores do pacote/peças e maiores informações: lissonp@gmail.com

  • Rivaldo Ribeiro diz: 16 de fevereiro de 2014

    Como auxílio estou disponibilizando a quem precisar entrar com a ação correção FGTS 1999 a 2013:
    Inicial FGTS
    Impugnação a contestação,
    Contestação da caixa,
    Sentenças procedentes de 3 estados PR, MG e RS,
    Recurso inominado,
    Tabela Excel para cálculos(aprovada pela justiça federal),
    Procuração,
    Contrato de honorários,
    solicitação de extrato analítico e demais documentos
    rivaldo_ribeiro@hotmail.com
    Dr Rivaldo Ribeiro

  • Claudia dias diz: 20 de fevereiro de 2014

    kit completo para propositura da ação, inclusive a planilha de cálculo, muito fácil e prática. São 2 modelos de iniciais em word,+ 1 modelo de inicial sem extratos, planilha de calculo, DIEESE, Jurisprudência STF e STJ, orientações CUT, estudos sobre o tema, modelo de contrato de honorários para esta ação, requerimento extrato CEF e Ação de desaposentação. claudiaadv.dias@gmail.com – TUDO APENAS 40,00…

  • wdnei barbosa diz: 20 de fevereiro de 2014

    gostaria de saber como fasso para entrar nesta atualisasao do fgts trabalhei de 2000a207 e depois 2009a2011 e agora de 2012 para ca sou de minas gerais e gostaria de saber se voces podem entrar pra mim.

Envie seu Comentário