Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Salário médio do trabalhador atinge menor valor em 24 anos na Região Metropolitana

25 de janeiro de 2017 1

20178348

 

O salário médio do trabalhador atingiu em 2016 o menor patamar em 24 anos na Região Metropolitana de Porto Alegre. É considerado o valor real, ou seja, atualizado pela inflação.

Ficou em R$ 1.905. O salário mais baixo desde quando começou a pesquisa, em 1993.

- Os dados revelam que os postos de trabalho que estão sendo eliminados são aqueles de maior qualidade. É uma precarização do mercado de trabalho. – explica a economista Iracema Castelo Branco, da FEE.

Este é um dos indicadores negativos apontados na pesquisa de emprego e desemprego que está sendo divulgada nesta quarta-feira. É feita por Fundação de Economia e Estatística, Dieese e FGTAS.

A taxa de desemprego subiu para 10,7% em 2016. Estava em 8,7% em 2015. Mais 33 mil pessoas no contingente de desempregados, que atingiu então 202 mil moradores da Região Metropolitana.

O chamado nível de ocupação caiu 4,7%, o que significa uma redução de 83 mil pessoas com trabalho. Foi a mais intensa queda já registrada pela pesquisa. Segundo a FEE, a taxa de desemprego só não foi pior porque 50 mil pessoas deixaram de procurar emprego e isso diminui a base de cálculo.

Houve redução em todos os setores da atividade econômica:

- serviços (menos 52 mil, ou -5,2%)

- indústria de transformação (menos 21 mil, ou -7,2%)

- no comércio; reparação de veículos automotores e motocicletas (menos 4 mil, ou -1,2%)

- construção (menos 1 mil, ou -0,8%)

A diminuição do emprego assalariado foi determinada pela redução no setor privado e no setor público. No setor privado, ao contrário de 2015, houve retração no emprego com carteira assinada e aumento no trabalho sem carteira.

Tempo de procura por emprego – Aumentou para 35 semanas. Quase três meses a mais do que em 2015.

Dezembro – A taxa caiu para 10,7%. Queda pequena, no entanto. Em novembro estava em 10,8%.

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

E também curta a página Giane Guerra, no Facebook.

 

 

 

Comentários (1)

  • Teresinha Winter diz: 25 de janeiro de 2017

    Ah! Agora estão tirando a maquiagem !!!

Envie seu Comentário