Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

O que fazer com o dinheiro do FGTS?

13 de fevereiro de 2017 0

fgts

 

Tudo indica que sai nesta terça-feira o calendário de saque das contas inativas do FGTS. Vale para contas do fundo de garantia sem depósitos depois de dezembro de 2015. Pagamento será feito até julho, adiantaram ministros.

Quem deve aproveitar para sacar o FGTS? Veja como consultar seu saldo:

A renda extra vem em boa hora para muita gente e para a economia. O Governo Federal espera injetar R$ 30 bilhões no mercado, em pagamento de contas e novo consumo.

Mas é preciso cuidado para não colocar em risco a reserva financeira construída pelo trabalhador, alerta o presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros, Reinaldo Domingos.

- Tenha consciência se está em situação de equilíbrio, endividamento, inadimplência ou se é investidor. O ideal é que a quantia possa melhorar a qualidade de vida da pessoa e família, não apenas agora, mas especialmente no futuro. Afinal, o objetivo principal da existência desse fundo é ser um arrimo para o trabalhador em caso de demissão.

Domingos orienta quem está:

Inadimplente:

Caso o valor a ser resgatado seja suficiente para quitar alguma dívida em atraso totalmente, faça isso. Ainda assim, negocie para conseguir descontos, diminuindo parte da dívida, para então fazer o pagamento à vista. Por outro lado, se não for para quitar 100% da dívida, avalie a opção de investir o valor para ter força para negociar no futuro. E aproveita para mudar o comportamento para não ficar inadimplente novamente. O primeiro passo é olhar para a sua situação de forma honesta e levantar todos os números, traçando um planejamento para renegociar a dívida – agora ou no futuro – em parcelas quem respeitem o orçamento mensal.

Equilibrado para fazer novas compras e até podendo investir:

Ainda não ter um objetivo estabelecido para o uso dessa renda extra é preocupante, segundo o educador financeiro. Se a pessoa não tem meta, o valor pode acabar sendo usado em compras supérfluas e de pouca importância, ao invés de contribuir para a conquista de um sonho. Cada pessoa deve ter no mínimo três sonhos: um de curto prazo (a ser realizado em um ano), outro de médio prazo (entre um e dez anos) e outro de longo prazo (a ser realizado a partir de dez anos).
Tanto na situação de equilibrado ou de investidor, a pessoa deve fazer o saque das contas inativas e aplicar o valor em investimentos como poupança, CDB ou Tesouro Direto, entre outros, que rendam mais do que o FGTS. A modalidade escolhida precisa corresponder ao prazo em que se deseja realizar o sonho, considerando a possibilidade de resgatar no momento desejado sem perder rendimentos.

===
Para quem tem de R$ 15 mil a R$ 20 mil, a Spinelli Corretora sugere fazer um colchão financeiro e investir em produtos de renda fixa, como o Tesouro Direto, CDBs e as LCIs e LCAs.

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

E também curta a página Giane Guerra, no Facebook.

Envie seu Comentário