Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Multisom vai fechar 30 lojas e já dispensou 700 funcionários

14 de fevereiro de 2017 61
Foto: Divulgação.

Foto: Divulgação.

 

A Multisom já fechou sete lojas desde o início de 2017. Nos próximos meses, vai atingir o número de 30 operações encerradas. Está com 127 unidades hoje.

A informação é do presidente da rede de lojas, que já existe há 23 anos. Francisco Novelletto também conta que dispensou 700 funcionários nos últimos meses. De 2 mil, passou a empregar 1,3 mil pessoas.

Segundo o empresário, 80% das lojas que serão fechadas ficam em shoppings. Aliás, deu entrevista para a Rádio Gaúcha minutos depois da reunião em um shopping de Porto Alegre.

- Estamos negociando com os empreendimentos. Mas, se não avança, temos que fechar.

Novelletto cita, principalmente, o problema da cobrança do 13º aluguel no fim do ano.

- A nossa conta nas empresas não está mais fechando. E não é a crise a culpada.

Eram 12 a 15 funcionários por loja. Atualmente, a estrutura da Multisom foi bastante enxugada. São cerca de sete trabalhadores por unidade.

Leia mais:

Preço do aluguel faz Colombo fechar loja em shopping de Porto Alegre

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

E também curta a página Giane Guerra, no Facebook.

 

 

 

 

Comentários (61)

  • felipe diz: 14 de fevereiro de 2017

    Loja de péssimo gosto, com péssimo atendimento e péssimo preço. Só tem UM destino e é esse mesmo que estamos vendo.

  • Régis diz: 14 de fevereiro de 2017

    Arquitetura defasada e desinteressante para o cliente, mercadão de eletrônicos, preços caros, vendedores com pouco preparo, não resiste!!!

  • Denis diz: 14 de fevereiro de 2017

    Também acho que durou muito, tive uma péssima experiencia uma vez onde não honraram o preço da vitrine.

    Além da crise, o mal cuidado ao cliente também tem fator preponderante para o fim destas lojas. Lamento pelos Pais de familia que perdem seus empregos.

  • Rafael diz: 14 de fevereiro de 2017

    MULTISOM = Lavagem de dinheiro.

    Nunca notaram como sempre as lojas estão vazias, com milhares de funcionários em pé? Só foi ter crise agora.

  • Fábio Stachlewski diz: 14 de fevereiro de 2017

    Já tentei comprar na loja de Camaquã/RS e foi um terror, eles só querem te empurrar a mercadoria, péssimo atendimento

  • Fraga diz: 14 de fevereiro de 2017

    Os preços são absurdos e o atendimento muito ruim.

  • davi diz: 14 de fevereiro de 2017

    não sabia que a empresa era deste sujeito, agora que sei, nunca mais compro nada!!!!!!

  • Daniel diz: 14 de fevereiro de 2017

    O Estado esta quebrando,as empresas estão saindo daqui,a Dell esta indo embora e logo vai a Coca cola e a Gm.
    independente da qualidade do serviço isso mostra o quanto estamos virando um estado sem produtividade nenhuma.
    por muito menos a Yeda foi crussificada.
    Estado onde foi orgulho agora beira a ruinas e o povo assiste tudo quieto.

  • Lucas Morais Almeida diz: 14 de fevereiro de 2017

    Demorou a explodir a bomba… Loja mau caráter, uma vez minha mãe buscava um fone de ouvido pra PC, empurraram um fone pra celular e ela sem conhecer, comprou na boa fé… resultado: não serviu para o que queria, e tentando voltar na loja pra trocar o vendedor (e o gerente também!!! aquele safado e mal educado) só faltaram chamar ela de burra, dizendo que se não sabia comprar tinha que levar prejuízo! Espero que o corte tenha atendido essa unidade!!!! Lamento pelos pais de família, que honestamente, levavam o pão pra casa. Má gestão e pessoas despreparadas infelizmente podem colocar toda uma rede de lojas ABAIXO!

  • Pietro Pedroso Perini diz: 14 de fevereiro de 2017

    Com o descenso do Inter, a verba deve ter sido cortada e o Sr Noveletto ficou de mãos atadas… pobrezinho

  • Virgulino diz: 14 de fevereiro de 2017

    Vim do futuro e vou contar uma coisa proceis: Primeiro quebrará a Multisom, depois quebrará o filhote do Noveletto/FGF, o Sport Club 2006!
    É só aguardar o final de 2017 que o caixão já tá pronto, a Série B vai providenciar os últimos pregos e a marreta!
    Aguardem!

  • COPIÃO DE TUDO diz: 14 de fevereiro de 2017

    BBINTER CAIU, MULTISOM FALIU

    Que situação, hein !!!!!
    Durou demais essa rede de lojas tão ridícula quanto o histórico de seu dono, pois tinha um atendimento horrível com funcionários muito mal treinados e preparados para lidar com o público. Demorou dimoaaaaaiiiiisssss ….. !!!!!

    Pedro Ernesto Denardin & Cia vão ter seus vencimentos reduzidos à partir de agora, pois estavam na folha da Multison desde 2004.

    Este Rebaixamento do BBinter está derrubando muita gente, e tem ainda os emails falsificados em PDF que vai feder muito no Circo Remendado.

    QUE FASE ….. QUE ANO ….. !!!!!

  • ronan wittée diz: 14 de fevereiro de 2017

    … será …
    … que já não conseguem roubar tanto quanto antes ? …
    … a resposta pode estar com os 700 que foram pro olho da rua …

  • Amadeu Bandeira diz: 14 de fevereiro de 2017

    Na verdade não sei como estas lojas não fecharam antes, pois tinham tudo para não dar certo. Além de terem um visual obsoleto, praticam preços acima de mercado, possuem um número excessivo de funcionários e pelo menos no shopping Iguatemi, até pouco tempo atrás tinham 3 lojas, que estavam sempre vazias.
    Não sei se é lavagem de dinheiro como citado acima, mas que é um CASE a ser estudado, não há dúvidas.

  • nelsonpoa diz: 14 de fevereiro de 2017

    Pelos comentários, a Multisom até que durou muito tempo, quem será que patrocina o São José agora?

  • Gabiru diz: 14 de fevereiro de 2017

    Loja com péssimo atendimento, vendedores com má vontade em dar informações sobre o produto e ainda acham ruim se vc não comprar

  • David Madruga diz: 14 de fevereiro de 2017

    Sempre foi uma loja muito careira cujo dono ainda é o Noveletto, aí só pode fechar mesmo.

  • Vinicius Moraes diz: 14 de fevereiro de 2017

    Nunca comprei NADA e nunca vou comprar NADA desse lixo de loja comandada por um elemento como o Vermelhetto.. Tu tem de falir junto seu palhaço..

  • Fabio diz: 14 de fevereiro de 2017

    Triste situação. Mais triste ainda é ver pessoas comemorando o desemprego de 700 pessoas por motivações clubísticas ou porque foi mal atendido. Reclamam dos corruptos mas no fundo a maioria tem a mesma essência: olham somente para o seu próprio umbigo.

  • Marcio Silva diz: 14 de fevereiro de 2017

    Atendimento sempre foi ruim. Não me surpreende. Preços também caros. Digimir semanas atrás e agora a Multisom. Quem será a próxima ?

  • careca diz: 14 de fevereiro de 2017

    Neste estado aonde só tem bebum, a única que vai sobreviver é a Ambev. Caminhões e Caminhões de engradados saindo diariamente da fabrica para abastecer a guela seca dos gaúchos. Seseparem do resto do país que vcs não fazem falta. Bebuns !!!

  • Roberto diz: 14 de fevereiro de 2017

    Antigamente a gente entrava na loja e ficava a vontade, olhando os cds. Depois que entrou os eletrônicos, virou uma neurose só. Agente não se sente bem na loja, os funcionários ficam te cuidando como se você estivesse querendo roubar. Depois eu descobri o porque, ouvi dizer que cada coisa que sumisse os funcionários teriam que pagar. Deste jeito só pode estar vazia mesmo. E não adianta dizer que é a crise. Lamento pelos desempregados.

  • Bruno Vargas diz: 14 de fevereiro de 2017

    Realmente esse povo brasileiro não tem mais jeito.
    Quanto comentário ridículo.
    Como podem afirmar tanta besteira.
    Realmente nem todas lojas dão tanto movimento mas todas vendem o necessário para os “varios” funcionarios terem seu salario digno.

    Eu tive o prazer de trabalhar nessa rede por vários anos e só tenho a agradecer e discordo da maioria desses comentários.

  • Vander Lei diz: 14 de fevereiro de 2017

    “Fabio diz:
    14 de fevereiro de 2017
    Triste situação. Mais triste ainda é ver pessoas comemorando o desemprego de 700 pessoas por motivações clubísticas ou porque foi mal atendido. Reclamam dos corruptos mas no fundo a maioria tem a mesma essência: olham somente para o seu próprio umbigo.”

    Fábio: resumiste tudo. Por isso larguei de mão desse Brasil. Povinho medonho e arrogante. Causa espanto até no capiroto, tamanha a maldade. Brasileiro tem mais é que se f* mesmo. Venezuela é pouco pra esse povo canalha.

  • kolorado diz: 14 de fevereiro de 2017

    Que pena,uma grande loja de um grande empresario visionário .O resto é recalque puro.

  • Luiz diz: 14 de fevereiro de 2017

    Fabio, as pessoas tem toda a razão em reclamar de mau atendimento, né? E se alguém trabalha mal, perder empego pode ser a consequência.

    A empresa é tudo o que já foi dito porque é o retrato do seu dono.
    A torcida Gremista bem poderia dar uma mãozinha e ajudar a encerrar as atividades do dono da FGF, pois se sua conduta é bem duvidosa no futebol, não será também como empresário?

  • Arthur Almeida diz: 14 de fevereiro de 2017

    Essa Loja nunca deu lucro.
    Só comprava DVD porno gay nos balaios porque eram antigos e baratos, de mais tudo o resto era mais caro que qualquer outra loja.

  • Luma Oliveira diz: 14 de fevereiro de 2017

    Péssima loja, péssimo atendimento, péssimo gerenciamento e péssimo preço. Até que demorou! BEM FEITO!! E não tenho pena dos demitidos, afinal, pq não atenderam de forma satisfatória a clientela

  • Akermann diz: 14 de fevereiro de 2017

    Trabalhar mal, de má vontade e não querer ir pra rua só acontece no serviço público. Não tenho pena.

  • denis diz: 14 de fevereiro de 2017

    Há muitos anos atrás até tinham coisas interessantes…em instrumentos musicais sempre foram péssimas…mas há muitos anos eu comentava sobre a bizarra situação: Trocentos vendedores, meia- dúzia de clientes, preços caros…só podia ser lavagem de dinheiro mesmo…sinto pelos trabalhadores…

  • Valter diz: 14 de fevereiro de 2017

    Pelos comentários aqui‚ pouco produtivos e carregados de coisas negativas‚ a culpa é da loja‚ gestão ‚ preço e blá blá blá. Falam isso porque não administram nada. Esquecem de comentar sobre o principal: crise e cobrança escorchante dos shoppings. Para os comentaristas daqui ‚ a culpa do fechamento em massa de empresas é delas. Vê-se que temos excelentes administradores aqui. Balela! O empresário e empresas dependem da saúde financeira dos consumidores. Se estes não têm dinheiro para comprar a economia começa a ruir. Simples assim. E manter gastos fixos como antes fica tarefa quase impossível. Lamento que fechem as lojas. Lamento por outras empresas que fecharam e outras que fecharão. Triste o momento porque não se vive numa bolha e as empresas dependem muito mas muito do que ocorrem além de suas paredes. Gestão faz o que pode. Ser eficiente não garante também. Enfim; dependemos da economia.. do governo..e isso foge ao nosso esforço. Triste!

  • joca machado diz: 14 de fevereiro de 2017

    Essa loja era muito relevante na época dos CD’S, DVD’S e etc…
    hoje em dia é complicado, um modelo de negócios que ficou atrelado ao passado..
    só de instrumentos musicais, fones e alguns poucos eletrônicos é difícil sobreviver
    essa loja me lembra os tempos áureos dos balaios de cd’s,
    acho que a única saída para tornar-se viável seria diversificar os produtos e largar mão da identidade visual antiga

  • Carlos Hilleshain – SAP PP diz: 14 de fevereiro de 2017

    Loja de péssimo gosto. Tinha uma perto da minha casa mas só ia pra paquerar o vendedor.

  • Ubiratan Viana – Bira diz: 14 de fevereiro de 2017

    Muito certo o comentário do Arthur Almeida. Íamos juntos escolher os DVD que não eram pornos, eram eróticos gay, e depois víamos juntinho.

  • Comprador diz: 14 de fevereiro de 2017

    Puxa… onde mais vou comprar um cd do Galpao Criolo 11 riscado, com o case quebrado e o panfleto todo ensebado por 35 reais? Logicamente depois de pedir com licensa 3x para os 2 funcionarios gordos que estão encostados no balcão de CDs atrapalhando a escolha sabendo que estou olhando os CDs.. enquanto escuto algum sertanejo tocando a todo volume

  • Fabio diz: 14 de fevereiro de 2017

    Tenho prazer em trabalhar nesta rede de lojas,e nada temos a reclamar do nosso patrão..
    Falha no atendimento?Algum preço em abundância?
    Sim..
    Pois nenhuma loja nunca terá o melhor preço e nem o melhor atendimento..afinal,é uma loja comandada por pessoas,e pessoas tem falhas e defeitos…e nada justifica os comentários maldosos 4a cima..
    Acho que deveriam pensar um pouco antes de falar,pois o povo brasileiro só gosta de enxergar os defeitos,qualidades que a loja tem ninguém lembra..engraçado né??

  • Lrubens pavito diz: 14 de fevereiro de 2017

    So otario compra nessa merda. Todos.os preços absurdamente caros. Tem.mais q falir mesmo.

  • Nicolau Skli diz: 14 de fevereiro de 2017

    Crise que nada é o péssimo atendimento e claro as lojas virtuais que estão acabando com estas lojas fisicas.

  • Paulo Brasil diz: 14 de fevereiro de 2017

    Trabalhei por 5 anos em uma loja da Multisom, me considerava (e meus clientes também) um ótimo vendedor, pois alem do dom da venda, fiz vários cursos de técnicas de vendas em outras empresas e particularmente, foram 20 anos neste ramo.
    Comecei na Colombo (3 anos), e após varias empresas de porte, encerrei o comercio também na colombo (+1 ano).
    Hoje após anos estudando a noite, trabalho no meu escritório de Contabilidade (muito feliz), da experiencia que tive nesta rede Multisom, só levo algumas raras amizades virtuais, e muitas horas de trabalho gratuito (não pagos), premiações não entregues, descontos ilegais, comissões mal pagas por fora, salários errado, 13º e férias que eram mais castigo, muitos gerentes sem capacidade promovidos por nepotismo ou por serem grandes puxa sacos.
    Mas deixei pra recordarem que nem todo funcionário é palhaço, PRINCIPALMENTE um processo trabalhista que já perderam em todas as estancias do TRT, foi de todas que trabalhei a que mais explorava os empregados.

  • Adauto diz: 14 de fevereiro de 2017

    Entrar na Multisom é a sensação que mais se aproxima, em vida, de chegar às portas do inferno.
    Vendedores preguiçosos, pó por toda parte, CDs e DVDs velhos, mal cuidados, fora de ordem; o caos em forma de loja!
    E os preços?! Comprei uma caixa de DVDs por 39,90, dias atrás. A mesma coleção custava 60 reais nesse lixo!
    Aliás, alguém sabe como a Multisom cresceu tanto até aqui? Alguém falou em CDs e DVDs piratas??? BINGO!

  • greBBio e greBBistas em extase? diz: 14 de fevereiro de 2017

    INCRÍVEL A MORDEÇÃO DA COLYGAYZADA BI-REBAIXADA LANTERNA VERGONHOSA 1991-2004 E PORTA DOS FUNDOS DA B DE 1992 SENÃO TAVAM ATÉ HOJE LÁ ( 9º!)…

    ARRUMAM ESPAÇO PRA MESCLAR TUDO QUE É TIPO DE IDIOTICE NOS COMMENTES…

    O QUE NÃO FEZ ANOS E ANOS DE RECALQUE…

  • Paulo diz: 14 de fevereiro de 2017

    Não escuto panelas batendo……

  • Luiz diz: 14 de fevereiro de 2017

    Tô nem aí, que se danem.

  • Eduardo Pet ry diz: 14 de fevereiro de 2017

    Esta loja serviu apenas para completar minha coleção de cds do Angra e Black Sabbath, por míseros 10 pilas cada. Só para isso e mais nada! Kkkkkkk

  • Susumu Kodai diz: 14 de fevereiro de 2017

    Tomara que o Novelhaco tenha o mesmo fim do Eike Batista.

  • Elsa Mourão Pereira diz: 14 de fevereiro de 2017

    Sempre fui bem atendida nas lojas da Multisson! Que mania que certas pessoas tem de colocar defeito em tudo. Certamente são os “mirandas” que só olham e andam! E não acho que os preços sejam caros. E quanto ao atendimento também nunca tive do que me queixar. Mas a Multisson vai fechar algumas lojas , a rede vai continuar , porém mais enxuta. Até passar esta enorme crise , que está atingindo os possiveis compradores! Mas vai sobreviver , com certeza, apesar de comentários negativos.

  • Carlos Migué diz: 14 de fevereiro de 2017

    É migué dele, ele está fazendo terror com os shoppings para não pagar aluguel. Deve mais de 5 milhões aos cofres úblicos do RS, sonega e está cheio de processos trabalhistas. Paga fortunas para ter espaço na mídia. Essa conta dele de 700 funcionários leva em conta os temporários de dezembro. Esse cara é desonesto… a empresa esta em nome de laranjas, quem quiser que veja o contrato social na Junta Comercial.

  • paulo crispim diz: 14 de fevereiro de 2017

    Trabalho para esta empresa a muito tempo, e fico indignado com as coisas que falam da MULTISOM e do presidente.
    Um lider ou coordenador de uma empresa deve motivar atravès do exemplo, seja na vida profissional ou pessoal,deve ser a base moral e intelectual da empresa, e isto eu posso dizer do sr Francisco novelleto.
    Acredito sim, que o que esta dificultando, e fazendo com que o Chico Novelleto encerre algumas operações, seja culpa desta politica sem moral e corrupta de nossos governantes do Paìs.

  • Paulo Roberto diz: 14 de fevereiro de 2017

    Multisom estacionou no século XX a horas, tem repensar no atendimento com alto preparo e modernizar o estabelecimento. A loja a horas é muito Chinelo…concordo com a maioria dos comentários!

  • Marcelo diz: 14 de fevereiro de 2017

    Péssimo atendimento.

  • Ricardo Michel diz: 14 de fevereiro de 2017

    Aos pitaqueiros entendidos, leiam o link abaixo e reflitam: http://zh.clicrbs.com.br/rs/noticias/economia/noticia/2017/02/quase-oito-mil-lojas-fecharam-as-portas-no-rio-grande-do-sul-em-2016-9720465.html O país passa por um momento terrível, no estado não é diferente. O varejo sofre com a perda do poder de compra dos consumidores, que não deve melhorar tão cedo. Essa é apenas uma matéria entre as centenas sobre a crise instalada. Antes de opinar, informe-se.

  • Joao Luís diz: 14 de fevereiro de 2017

    Impressionante o povo brasileiro.
    Como confundem os assuntos (Economia e Clubismo) e adoram jogar pedra nas vitrines dos outros sem ter a menor noção do que acontece.
    Trabalhei por 10 anos na empresa, conheço de perto a luta do pessoal que trabalha, administra e gerência a Multisom. Sei da grande responsabilidade que o seu Presidente carrega sobre as famílias que a Multisom garante o sustento. Para ter de eliminar tantos empregos, ele provavelmente viu como única saída para garantir o empregos dos demais. Lá não se é um número de registro e sim pessoas que muitos o presidente sabe até o nome dos filhos.
    Não tenho nada a reclamar da empresa. EM 30 anos de carteira assinada não vi nada de ruim lá que não tenha em outras empresas que trabalhei. E eu ( e com certeza a maioria dos funcionários) tivemos reconhecimentos e oportunidades que poucas empresas dão. Grande quantidade de funcionários inclusive circulou por redes maiores e retornou para a Multisom por falta de oportunidade nas demais redes.
    Só por que é uma empresa tipicamente gaúcha o pessoal malha, num bairrismo ao contrário que da dó.
    Se escondem por trás de nomes fantasia( esquecem que tudo na web fica identificado por IPS) e transforma toda a sua ira contra a vida em ofensas a pessoas que não conhecem nada.

  • COPIÃO DE TUDO diz: 15 de fevereiro de 2017

    BBINTER CAIU, MULTISOM FALIU

    Que situação, hein !!!!!
    Durou demais essa rede de lojas tão ridícula quanto o histórico de seu dono, pois tinha um atendimento horrível com funcionários muito mal treinados e preparados para lidar com o público. Demorou dimoaaaaaiiiiisssss ….. !!!!!

    Pedro Ernesto Denardin & Cia vão ter seus vencimentos reduzidos à partir de agora, pois estavam na folha da Multison desde 2004.

    Este Rebaixamento do BBinter está derrubando muita gente, e tem ainda os emails falsificados em PDF que vai feder muito no Circo Remendado.

    QUE FASE ….. QUE ANO ….. !!!!!

  • Vitor Dahm diz: 15 de fevereiro de 2017

    A noticia não é boa, mas é o esperado para todos os negocios nesse ramo. É uma crise natural com a facilidade e preço dos mesmos produtos via Internet. Em determinado momento haverá um equilibrio, pois há necessidade de manusear alguns produtos antes para ver se realmente serve para seu interesse. O que faltou na matéria é a lista de locais onde fecharam as lojas e as demais onde estão? Quanto a citação de alguém – lavandaria de dinheiro em lojas vazias, o que dizer da quantidade incrível de farmácias que existem nas cidades! Como pagam as contas estando todas perto uma das outras e sempre vazias?

  • Carlos diz: 15 de fevereiro de 2017

    Fui lesado nesta loja, atendimento terrível e produtos com preços longe do real. Depois que inventaram a internet acabou para essas lojas de vigaristas.

  • Susumu Kodai diz: 15 de fevereiro de 2017

    Segundo o tal presidente, “No ano passado, a rede diminuiu seu quadro de colaboradores de 2 mil para 1,3 mil. Dos 700 postos de trabalho fechados, cerca de 100 foram casos de demissão por conta da crise da economia. Os outros 600 não foram dispensas.”

  • Eduardo diz: 15 de fevereiro de 2017

    -Oi gostaria de comprar esse violão, posso testar?
    -Não.

    isso resume a Multisom.

  • Alyson Antunes diz: 15 de fevereiro de 2017

    Quantas pessoas mesquinhas. Falando bobagens sem pensar, apenas por instinto de atacar o q nao conhece. Atendimento ruim TODAS as lojas têm. TODAS. Principalmente quando o fluxo de clientes aumenta como por exemplo em uma black friday. Consumidores parecendo zumbis em busca as vezes nem sabe do quê. Gente sem noção.

  • Carlos diz: 15 de fevereiro de 2017

    Como tem pessoas ignorantes neste país, nenhum país de primeiro mundo aceita mau atendimento, serviço ruim e muito menos mercadoria com defeito, e como eles fazem para serem consumidores que não são lesados? Reclamam, reclamam muito e deixam de comprar, basta ver os níveis de comentários em sites de lojas americanas. Mas aqui na república das bananas, tem um povo que se contenta com os piores carros, as piores mercadorias, os piores atendimentos e ainda gostam de pagar caro por tudo isso, verdadeiros estúpidos.

    Quem compra pela internet a pelo menos uns 10 anos, sabe que pela net a coisa tem se equiparado a lojas de primeiro mundo aqui no Brasil (sem contar o preço), graças a que? A sites como RECLAMEAQUI, e outras mídias a qual o povo pode meter a boca no trombone.

    Se você gosta de ser mau atendido, pelo menos cale a boca e deixe quem tem direito de reclamar por um mercado melhor.

  • Alyson Antunes diz: 15 de fevereiro de 2017

    Eu sou vendedor e prezo pelo melhor atendimento. Muitos clientes meus fecham a venda comigo somente pelo meu atendimento. Eu sou um dos que fazem a diferença. Nao fico em rede social malhando o cacete no que eu nao conheço. E nem em quem eu nao conheço. Seu fake babaca.

  • Gauchão Ortiz diz: 18 de fevereiro de 2017

    O Novellinter tá mais preocupado com o mercado imobiliário. Havia um prédio em Rio Grande, que estava sendo construido em parceria com o Fernandão. É sócio em construções de um dirigente do Veranópolis, e fez um proposta para o Farrapo de Pelotas, de fazer um estádio novo na entrada do Laranjal em troca do Nicolau Fico. Acham que ele esta preocupado com cds e aparelhos eletrônicos? Trabalhei no Itaú nos anos 80, e já tinha esta loja, que era correntista. Conversa mole. Sem falar que “está fodendo” financeiramente os clubes do interior, como o São Paulo-RG (nos jogos do Gremio e Brasil ano passado).

Envie seu Comentário