Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "emprego"

Agenda Econômica e Vagas de Emprego 25.04

25 de abril de 2017 0

Banco Central esclarece financiamento do saldo devedor da fatura de cartão de crédito. Circular publicada pelo Ministério da Fazenda no Diário Oficial da União:

“CARTA CIRCULAR Nº 3.816, DE 20 DE ABRIL DE 2017
Esclarece acerca da implementação da norma
que trata do financiamento do saldo
devedor da fatura de cartão de crédito e de
demais instrumentos de pagamento pós-pagos.

A Chefe do Departamento de Regulação do Sistema Financeiro
(Denor), no uso da atribuição que lhe confere o art. 23,
inciso I, alínea “a”, do Regimento Interno do Banco Central do Brasil,
anexo à Portaria nº 84.287, de 27 de fevereiro de 2015, e tendo em
vista o disposto na Resolução nº 4.549, de 26 de janeiro de 2017,
resolve:

Art. 1º O saldo remanescente do crédito rotativo objeto das
operações de financiamento mediante linha de crédito parcelado, de
que trata o art. 2º da Resolução nº 4.549, de 26 de janeiro de 2017,
corresponde ao saldo devedor da fatura não liquidado, acrescido dos
respectivos juros incidentes no período.

Art. 2º O montante a ser pago a cada vencimento da fatura
pelo cliente deve ser composto pelo somatório dos seguintes valores:
I – saldo do crédito rotativo acrescido dos respectivos juros
incidentes no período;
II – prestações referentes a parcelamentos do saldo devedor
de períodos anteriores, realizados na forma do art. 2º da Resolução nº
4.549, de 2017; e
III – no mínimo, 15% das compras e dos demais lançamentos
realizados no período.

Art. 3º A instituição emissora de instrumento de pagamento
pós-pago deverá prestar aos clientes, nos contratos e nos respectivos
demonstrativos ou faturas mensais, as informações necessárias para
fins de entendimento da nova sistemática instituída pela Resolução nº
4.549, de 2017, e das opções disponíveis para liquidação das obrigações
financeiras, evidenciando a possibilidade de realização do
financiamento da fatura a qualquer tempo, bem como de sua quitação
por outras modalidades de crédito.
Parágrafo único. As instituições devem assegurar condições
adequadas para o exercício da opção pelo cliente de liquidação da
fatura a qualquer tempo antes do vencimento subsequente.

Art. 4º As disposições da Resolução nº 4.549, de 2017,
aplicam-se aos cartões emitidos por loja (conhecidos como private
label) quando o financiamento da fatura envolver instituição financeira.

Art. 5º Esta Carta Circular entra em vigor na data de sua
publicação.”

Fundação de Economia e Estatística (FEE) divulga os dados das exportações do primeiro trimestre de 2017. Mostrarão que as exportações gaúchas cresceram em valor, volume e preço no primeiro trimestre, impulsionadas pelo volume histórico para um primeiro trimestre e pela maior receita desde 2013, principalmente pelas vendas externas recordes de soja em grãos e de automóveis de passageiros.

FGV divulga IPC-S Capitais e Indicador de Expectativa de Inflação dos Consumidores.

Sai o Índice FipeZAP Comercial | Março 2017 – Preços dos imóveis comerciais encerram primeiro trimestre em queda.

Instituto Aço Brasil divulga fechamento do 1º trimestre e previsões do mercado brasileiro de aço para 2017.

Cerimônia do Ranking Agas premia supermercados que mais se destacaram em 2016. Evento da Associação Gaúcha de Supermercados.

Criatividade na Gestão: A Faísca da Inovação é tema de workshop que a Fecomércio-RS promove em Porto Alegre hoje.

Palestra online “Entendendo Franquias – Você já pensou em franquear o seu negócio?”, promovida pelo SEBRAE/RS. A atividade é gratuita.

Palestra “Nova Lei da Terceirização: benefícios e riscos”, às 18h, no Martinelli Advogados (Av. Soledade, 550, cobertura – Porto Alegre). Inscrições gratuitas e limitadas pelo recepcaopoa@martinelli.adv.br e 51.33932800.

Conselho Regional de Contabilidade do RS completa 70 anos. Tem homenagem na Assembleia e na Câmara de Vereadores.

Vagas de Emprego:

Walmart está com 100 vagas de emprego abertas no Rio Grande do Sul. São para os cargos de Operador de Caixa, Técnica de Manutenção, Empacotador, Fiscal de Prevenção de Perdas, Auxiliar de Televendas, Promotor de Vendas Externas, Aprendiz. Todas as vagas também estão abertas para Pessoas com Deficiência (PCD’s). Saiba aqui como se inscrever para as vagas de emprego. 

Mais Econômica quer reabrir lojas e dobrar funcionários ainda na recuperação judicial

24 de abril de 2017 0
Foto: Divulgação Mais Econômica.

Foto: Divulgação Mais Econômica.

 

 

A rede de farmácias Mais Econômica quer reabrir as lojas fechadas e voltar a contratar funcionários ainda em 2017. São planos de expansão que ocorreriam durante o processo de recuperação judicial.

A empresa ingressou na Justiça com o pedido na semana passada e aguarda autorização. Após a decisão, a Mais Econômica apresentará o plano de recuperação judicial no prazo de 60 dias para ser aprovado pelos credores.

A empresa passa por uma séria crise financeira, com dívida de R$ 152 milhões: Rede de farmácias Mais Econômica pede recuperação judicial

Em entrevista ao programa Destaque Econômico, o presidente e sócio da Mais Econômica, Cauê Cardoso, contou que está encaminhando financiamento para renegociar dívidas com fornecedores e reabastecer farmácias. Quer reabrir as 50 lojas que foram fechadas, sendo que atualmente cerca de 100 ainda estão em operação. E acha que pode elevar de 850 para 1,8 mil o número de funcionários. A rede chegou a ter 2 mil empregados.

Ouça a entrevista completa com o empresário:

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

E também curta a página Giane Guerra, no Facebook.

 

Três empresas oferecem mais de 170 vagas de emprego no Rio Grande do Sul

15 de fevereiro de 2017 0

17945283

 

O blog Acerto de Conta$ reuniu informações de três empresas que estão contratando trabalhadores. Em época de desemprego ainda alto, é preciso compartilhar estas informações.

Pedimos, mas pena que as empresas não quiseram informar faixa salarial. Aliás, quem souber, pode colocar os comentários para ajudar outros leitores.

Seguem algumas informações das vagas:

Walmart

O Walmart está com 100 vagas no Rio Grande do Sul para o cargo de Fiscal de Prevenção de Perdas. Função: controle da entrada e saída de funcionários, promotores de venda, segurança do local, ronda em lojas e estacionamento, auditagem de processos nos diferentes departamentos e acompanhamento da rotina de lojas.

As oportunidades são para as lojas Big, Nacional e Walmart na cidades de Porto Alegre, Novo Hamburgo, Canoas, Alvorada, Gravataí, Cachoeirinha e São Leopoldo. As inscrições devem ser feitas até 28 de fevereiro.

Os currículos para Porto Alegre e Região Metropolitana devem ser encaminhados para os e-mails recrutamentozn@walmart.com. Para São Leopoldo e região, o e-mail é recrutavs@walmart.com. Informações: 51.21026926 ramal 1026.

Para concorrer, os candidatos devem ter o ensino médio completo. Os contratados participarão de treinamento e terão direito à assistência médica e odontológica, seguro de vida em grupo, restaurante na empresa, vale-transporte e participação no lucro da empresa.

===

Contax

A Contax está com 50 vagas de emprego em Porto Alegre. São para operador de atendimento.

Para se candidatar, é necessário ter idade mínima de 18 anos, ensino médio completo e conhecimentos básicos de informática. Não é exigida experiência, mas conhecimentos das novas tecnologias e canais de relacionamento, como mídias digitais, chats e aplicativos são diferencias.

Os interessados devem agendar pelo site da Contax, na aba Trabalhe Conosco: www.contax.com.br/trabalheconosco.

Além do salário, a empresa oferece vale transporte, vale alimentação e/ou refeição, assistência médica, odontológica e treinamento remunerado de 15 dias.
===

SAP

A SAP Labs Latin America está com 26 vagas abertas para a sua nova equipe de desenvolvimento: SAP HANA Vora (link para candidatar-se). Há vagas para dois perfis: desenvolvedorback-end (20 vagas) e desenvolvedor front-end Javascript (seis vagas).

É preciso ter bacharelado em Ciência da Computação ou áreas afins (concluído ou quase), inglês avançado ou fluente, conhecimento e experiência com desenvolvimento e grande habilidade em análise de algoritmos. A SAP Labs Latin America tem sede em São Leopoldo.

Principais benefícios: previdência privada, assistência médica (sem descontos), bônus por mérito e investimento em ações, seguro de vida, horário flexível, férias flexíveis, vale refeição (R$ 20) e vale-transporte.

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

 

 

Salário médio do trabalhador atinge menor valor em 24 anos na Região Metropolitana

25 de janeiro de 2017 1

20178348

 

O salário médio do trabalhador atingiu em 2016 o menor patamar em 24 anos na Região Metropolitana de Porto Alegre. É considerado o valor real, ou seja, atualizado pela inflação.

Ficou em R$ 1.905. O salário mais baixo desde quando começou a pesquisa, em 1993.

- Os dados revelam que os postos de trabalho que estão sendo eliminados são aqueles de maior qualidade. É uma precarização do mercado de trabalho. – explica a economista Iracema Castelo Branco, da FEE.

Este é um dos indicadores negativos apontados na pesquisa de emprego e desemprego que está sendo divulgada nesta quarta-feira. É feita por Fundação de Economia e Estatística, Dieese e FGTAS.

A taxa de desemprego subiu para 10,7% em 2016. Estava em 8,7% em 2015. Mais 33 mil pessoas no contingente de desempregados, que atingiu então 202 mil moradores da Região Metropolitana.

O chamado nível de ocupação caiu 4,7%, o que significa uma redução de 83 mil pessoas com trabalho. Foi a mais intensa queda já registrada pela pesquisa. Segundo a FEE, a taxa de desemprego só não foi pior porque 50 mil pessoas deixaram de procurar emprego e isso diminui a base de cálculo.

Houve redução em todos os setores da atividade econômica:

- serviços (menos 52 mil, ou -5,2%)

- indústria de transformação (menos 21 mil, ou -7,2%)

- no comércio; reparação de veículos automotores e motocicletas (menos 4 mil, ou -1,2%)

- construção (menos 1 mil, ou -0,8%)

A diminuição do emprego assalariado foi determinada pela redução no setor privado e no setor público. No setor privado, ao contrário de 2015, houve retração no emprego com carteira assinada e aumento no trabalho sem carteira.

Tempo de procura por emprego – Aumentou para 35 semanas. Quase três meses a mais do que em 2015.

Dezembro – A taxa caiu para 10,7%. Queda pequena, no entanto. Em novembro estava em 10,8%.

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

E também curta a página Giane Guerra, no Facebook.

 

 

 

Indústria calçadista foi a única a criar empregos em 2016 no Rio Grande do Sul

23 de janeiro de 2017 1
Foto: Divulgação Abicalçados.

Foto: Divulgação Abicalçados.

 

 

Apenas um segmento da indústria gaúcha fechou 2016 com resultado positivo no mercado de trabalho. Foi o setor calçadista.

As indústrias de calçados criaram 1.344 postos de trabalho. Sendo que o setor industrial como um todo amargou um saldo negativo de 26.467 vagas.

Não recupera nem de longe o resultado negativo de 2015, quando foram cortados quase 7 mil empregos, segundo o Ministério do Trabalho. Mas é um resultado positivo.

As vendas no mercado brasileiro foram decepcionantes. Então, o que sustentou mesmo o resultado foi a exportação. O Rio Grande do Sul teve o maior faturamento do País com embarques de calçados ao exterior. Segundo o presidente da Abicalçados, Heitor Klein, a grande expectativa é para a política econômica do novo governo dos Estados Unidos, que foram o principal destino do calçado gaúcho.

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

E também curta a página Giane Guerra, no Facebook.

Walmart tem 30 vagas de emprego para pessoas com deficiência

30 de dezembro de 2016 0

O Walmart Brasil está recrutando Pessoas Com Deficiência (PCD). São 30 vagas de emprego na Região Sul.

São vagas para vários cargos: operador de caixa, repositor, inspetor de qualidade e auxiliar de carrinhos. São nas lojas Big, Nacional, Bompreço e TodoDia.

No Rio Grande do Sul, há vagas para as cidades de Porto Alegre (Bairro Humaitá), Caxias do Sul, Gravataí, Lajeado, Novo Hamburgo, Pelotas, Santo Ângelo e Viamão. 

Os candidatos precisam ser maiores de 18 anos e possuir ensino fundamental completo. Não é exigida experiência no setor varejista.

Os interessados devem enviar currículo para o e-mail diversidade@walmart.com, ou entregar o currículo no balcão de informações do Walmart (Big, Nacional, TodoDia) mais próximo, indicando o interesse pela vaga destinada a PCD.

Os contratados pela rede de supermercados participarão de treinamento e terão direito à Assistência Médica e Odontológica, Seguro de Vida em grupo, PPR e vale-transporte. Informações: diversidade@walmart.com ou pelo telefone 11.37922237.

 

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

E também curta a página Giane Guerra, no Facebook.

Cai número de desempregados, mas taxa se mantém na Região Metropolitana

19 de dezembro de 2016 0

Novembro fechou com três mil desempregados a menos na Região Metropolitana de Porto Alegre. O contingente estimado está em 206 mil pessoas sem trabalho.

Apesar disso, a taxa de desemprego se manteve em 10,8%, a mesma de outubro. A redução da ocupação (menos 25 mil pessoas, -1,4%) foi inferior ao número de pessoas que saíram do mercado de trabalho (menos 28 mil, -1,4%).

- O nível ocupacional continua se retraindo em consequência da recessão econômica, desestimulando a procura por trabalho. A saída de pessoas do mercado de trabalho tem arrefecido o crescimento da taxa de desemprego. – explica a economista da FEE Iracema Castelo Branco, coordenadora do Núcleo de Análise Socioeconômica e Estatística.

Indústria de transformação (menos 22 mil ocupados, ou -7,6%)
Comércio (menos 8 mil ocupados, ou -2,3%)
Construção (menos 5 mil ocupados, ou -3,8%)
Serviços (mais 14 mil ocupados +1,5%)

O rendimento médio real subiu para os ocupados e para os assalariados. A pesquisa é feita junto com Dieese e FGTAS.

Tendência 2017

- Diante da perspectiva de um cenário de fraco crescimento econômico para 2017, a tendência mais provável é de que a taxa de desemprego se mantenha elevada, o que contribui para um agravamento do processo de deterioração do mercado de trabalho. – analisa Iracema Castelo Branco.

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

E também curta a página Giane Guerra, no Facebook.

 

Banco gaúcho vai investir R$ 100 milhões e contratar 500 trabalhadores em 2017

19 de dezembro de 2016 7

Quadro Na Contramão da Crise

Programa Destaque Econômico, na Rádio Gaúcha

 

agiplan

 

 

Com sede em Porto Alegre, o Banco Agiplan já tem planos definidos para 2017. E os destaques são: investir R$ 100 milhões e contratar 500 trabalhadores. A informação é do presidente, Marciano Testa, em entrevista ao programa Destaque Econômico, da Rádio Gaúcha.

A Agiplan lançará em janeiro um novo ambiente para o desenvolvimento de projetos digitais e inovadores. Entre eles, a estrutura e equipe do aplicativo Agipag, a criação de um banco digital e uma incubadora de startups.

Ainda em 2017, a empresa abrirá o processo seletivo para escolher projetos em inovação e tecnologia. Receberão orientação e aporte financeiro para iniciar as operações.

E os empregos?

As 500 contratações ocorrerão ao longo de 2017. São vagas em áreas como administrativo, comercial e operacional. No Rio Grande do Sul e fora também. Não divulgam faixa salarial. Currículos podem ser enviados pelo link Vagas Agiplan.

 

agiplan2

 

Entrevista completa com o empresário Marciano Testa:

 

Ouça também o programa Destaque Econômico, que vai ao ar nos domingos, às 9h:

 

 

Mais sobre vagas de emprego: Empresa gaúcha de tecnologia tem 71 vagas de emprego com salário de até R$ 7 mil

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

E também curta a página Giane Guerra, no Facebook.

Litoral Norte tem 5 mil vagas de emprego temporário para o verão

14 de dezembro de 2016 1
Foto: Rafaela Martins / Agência RBS.

Foto: Rafaela Martins / Agência RBS.

 

A temporada de verão 2017 começa oficialmente no próximo sábado, 19 de dezembro. E são 5 mil vagas de emprego temporárias no Litoral Norte do Rio Grande do Sul. A estimativa é do Sindicato de Hotéis, Bares, Restaurantes e Similares do Litoral Norte do Rio Grande do Sul.

O cálculo é feito a partir de uma previsão de aumento de até 50% na circulação de turistas na região. É uma percepção que apareceu também na pesquisa da Fecomércio-RS. As entrevistas mostraram que o Litoral Gaúcho voltou a ser o destino principal neste verão.

As praias gaúchas foram citadas por 49,8% das pessoas que pretendem viajar na próxima temporada. No ano passado, a mesma pesquisa apontou que roteiros em outros estados estavam na preferência dos gaúchos (40,4%). É sinal do dinheiro mais curto.

Em Arroio do Sal, por exemplo, são 500 vagas. O presidente da Associação Comercial Industrial e Agropecuária de Arroio do Sal e proprietário de um hotel no município, César Firpo Santos, destaca que sua equipe triplica na alta temporada.

- As oportunidades são variadas, já que abrimos vagas para trabalhar na recepção, cozinha ou como camareira.

Em praias como Torres e Capão da Canoa, a remuneração para camareira, por exemplo, gira em torno de R$ 1,6 mil. Já para vagas junto à gerência, o salário pode chegar a R$ 2,5 mil durante o verão.

Os interessados podem buscar as vagas no Sine ou nas agências de empregos do litoral norte. Os contratos temporários seguem até março.

Leia mais: Acqua Lokos abre 360 vagas de emprego e passa a funcionar o ano inteiro no Litoral

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

E também curta a página Giane Guerra, no Facebook.

Rio Grande do Sul cria empregos com carteira assinada pela primeira vez em sete meses

25 de novembro de 2016 0
Foto: Roni Rigon / Agencia RBS.

Foto: Roni Rigon / Agencia RBS.

 

 

O Rio Grande do Sul fechou outubro com a criação de 2.386 postos de trabalho com carteira assinada. Foi o primeiro saldo positivo entre contratações e demissões em sete meses.

Desde abril, os meses só fechavam no negativo no mercado de trabalho gaúcho. Os dados são divulgados mensalmente pelo Ministério do Trabalho. Dois fatores foram essenciais: a indústria cortou menos vagas e o comércio acelerou o ritmo de contratações.

O comércio criou 2.616 postos de trabalho. O número ficou bem dividido entre varejo e atacado. Começam, nesta época, as tradicionais contratações de fim de ano.

Na indústria, foram fechadas apenas 21 vagas. No mês anterior, tinham sido extintas mais de 2,7 mil.

Mas o resultado de outubro ainda está longe de reverter o ano. O acumulado de 2016 ainda aponta o corte de 26.839 empregos no Rio Grande do Sul. Número que sobe para 63.798, se considerarmos o acumulado de 12 meses.

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

E também curta a página Giane Guerra, no Facebook.