Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "varejo"

Rede espanhola abre supermercado em Alvorada

23 de abril de 2014 0

A rede de supermercados Dia% inaugura uma nova em Alvorada nesta quinta-feira. Ficará na Avenida Getulio Vargas, 5117 – Residencial São Pedro.

Com a unidade, serão 53 mercados da empresa no Rio Grande do Sul. A rede espanhola chegou ao Estado em 2011.

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

Vendas do varejo de informática caem há cinco meses

23 de abril de 2014 0

As vendas das lojas de informática e material de escritório enfrentam queda continuada. Há cinco meses, há retração no volume comercializado.

O alerta é da Federação das CDLs do Rio Grande do Sul. A entidade comparou dados do IBGE até fevereiro, relacionando com o mesmo mês do ano anterior. A última queda foi de 23%.

Presidente da FCDL-RS, Vitor Koch observa que é um dos setores mais dinâmicos da economia hoje. Nacionalmente, no entanto, as vendas crescem. Quedas ocorreram, além do Rio Grande do Sul, no Espírito Santo e em Minas Gerais.

- Na verdade, estão bem as lojas dos Estados que privilegiaram o comércio via internet. Registram expansão de dois dígitos.

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

Sul deve ganhar mais 16 shoppings até 2017

23 de abril de 2014 2

A Região Sul deve ter mais 16 shoppings até 2017. O levantamento é do Ibope.

Atualmente, o Sul tem 82 shoppings. Fica atrás apenas da Região Sudeste.

No País, serão 103 novos centros comerciais até 2017. No ano passado, foi inaugurado um shopping a cada duas semanas.

Há dois fatores principais que levam os novos empreendimentos para fora dos grandes centros, de acordo com o coordenador de geonegócios do Ibope Inteligência, Fabio Caldas.

- O primeiro é a falta de espaço nas metrópoles, já que um shopping requer um terreno com ao menos 10 mil metros quadrados. O segundo aspecto é que quando existem esses espaços, o preço do terreno é tão alto que inviabiliza o projeto.

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

Lojistas gaúchos reclamam da perda de vendas para Santa Catarina com o Imposto de Fronteira

22 de abril de 2014 0
Foto: Agência RBS.

Foto: Agência RBS.

A Federação das CDLs do Rio Grande do Sul afirma que o Imposto de Fronteira está afetando, principalmente, os municípios do Norte do Estado. O custo maior de ICMS para pequenos lojistas estaria elevando preços e fazendo os consumidores irem comprar em Santa Catarina.

Segundo o economista da entidade, Eduardo Starosta, a situação afeta principalmente móveis e eletrodomésticos. Conforme dados enviados pela FCDL-RS ao Acerto de Conta$, as vendas deste segmento crescem o dobro em Santa Catarina do que aqui no Rio Grande do Sul.

- Vale a pena o consumidor rodar 30 quilômetros para pagar preços de 4,5% a 11% menores. Afeta o comércio de cidades como Passo Fundo e Erechim.

Em fevereiro, as vendas de móveis e eletrodomésticos no Rio Grande do Sul cresceram 12,7% em volume na comparação com o mesmo mês do ano passado. Em Santa Catarina, o avanço foi de 27,4%.

- Se não houvesse a distorção tributária, aumentaria ainda mais as vendas gaúchas e a arredacação de ICMS, que está indo para Santa Catarina. – complementa Starosta.

Leia mais:

Justiça renova liminar que desobrigava lojistas de pagarem Imposto de Fronteira

Fazenda vai colocar na dívida ativa quem não pagar Imposto de Fronteira

Promulgada lei que proíbe cobrança do Imposto de Fronteira

Governo gaúcho vai discutir Imposto de Fronteira no Judiciário

Lojistas dizem que governo gaúcho age com soberba

Tarso não vai vetar projeto de lei contra o Imposto de Fronteira

Governo não deve sancionar lei que acaba com o Imposto de Fronteira

Aprovado projeto de lei que proíbe cobrança do Imposto de Fronteira de pequenas empresas

Federações não entram em acordo sobre lista para isenção do Imposto de Fronteira

Renegociação de dívidas de ICMS é prorrogada

Pequenos lojistas gaúchos pagam quase o dobro em tributo do que os paranaenses

Projeto contra retorno do Imposto de Fronteira deve ser votado em dezembro no Plenário da Assembleia

Advogado recomenda que lojistas façam depósito judicial do Imposto de Fronteira

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

 

Shopping será inaugurado na semana que vem em Rio Grande. Veja fotos.

16 de abril de 2014 0

O Praça Rio Grande Shopping será inaugurado na próxima quarta-feira, dia 23. Abre ao público com 55% das lojas funcionando. As demais estarão prontas até o fim de junho.

Do total da área, 85% foi comercializado. O investimento feito pela 5R Shopping Centers chegou a R$ 150 milhões.

Veja as fotos de hoje enviadas ao Acerto de Conta$:

Fotos: Divulgação 5R.

Fotos: Divulgação 5R.

 

DSCN2590

DSCN2599

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

 

Vendas do varejo gaúcho têm pequeno crescimento em fevereiro

15 de abril de 2014 0

As vendas do varejo do Rio Grande do Sul tiveram pequeno crescimento em fevereiro. A alta foi de 0,3% em relação a janeiro. A pesquisa é do IBGE e já considera o ajuste sazonal.

Em janeiro, o crescimento foi de 1,7%. Veio, no entanto, após uma retração de 0,3% em dezembro.

12 meses

No acumulado de 12 meses, o varejo gaúcho acumula avanço de 4,6% no volume de vendas. Móveis têm o maior aumento: +10%. Equipamentos e materiais para escritório, informática e comunicação têm a maior queda: -0,4%.

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

Walmart busca mais de 200 trabalhadores para o Rio Grande do Sul

10 de abril de 2014 0

O Walmart está buscando mais de 200 trabalhadores para o supermercado Nacional. São lojas no Rio Grande do Sul. Há vagas para cargos de chefia e operacionais.

Cargos operacionais – Vagas para caixa operador, operador de loja, fiscal de prevenção de perdas, empacotador, farmacéutico e encarregado de seção. Os benefícios são vale-transporte, seguro de vida em grupo, assistência médica e odontológica, desconto nas compras, maior prazo para pagamento, participação nos resultados e alimentação. Deixar currículo no balcão de informações de uma loja Nacional.

Programa Líderes Walmart Brasil – Vagas para diretores, gerente geral trainee, gerente de área, encarregados e chefes. Alguns exigem Ensino Médio e outros Superior. Imprescindível ter disponibilidade para viagens e transferências. Enviar currículo para recrutamento@wmsul.com.br. Os selecionados serão treinados. Terão direito à assistência médica e odontológica, seguro de vida, vale-transporte, refeitório, cartão de descontos e bônus por metas.

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

Vitrines da Copa

10 de abril de 2014 0
Foto: Júlia Merker/Divulgação FCDL-RS.

Foto: Júlia Merker/Divulgação FCDL-RS.

Vitrines de lojas do interior já expõem produtos com temática da Copa do Mundo. Na loja Kari Modas, de Frederico Westphalen, a aposta foi nos calçados.

- Investimos em sapatilhas para as mulheres e estamos vendendo modelos nas cores verde, amarelo e azul, com a bandeira do Brasil. O produto está na loja desde março, mas acredito que a procura será maior no mês de junho. – diz a proprietária e diretora distrital da FCDL-RS na cidade, Sandra Prado.

218749_390805_moda_copa_julia_merker__2__web_

As crianças também são alvo.

- Estamos vendendo camisetas e bonés com estampa do Fuleco, o mascote da Copa do Mundo. Além disso, temos bodies para bebês com temas do Brasil. – conta a dona da Nuvem de Mel, de Pelotas, Tatiane Fischer.

218749_390806_moda_copa_julia_merker__3__web_ (1)

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

Rede gaúcha de varejo inaugura quatro lojas na Região Sul

07 de abril de 2014 0

A Lojas Colombo inaugura em abril mais quatro lojas na Região Sul. Em Santa Catarina, serão três novas filias. As cidades são: Timbó, Camboriú e São José. O Estado já têm 41 operações da empresa.

No Rio Grande do Sul, será aberta uma nova loja no Praça Rio Grande, em Rio Grande. Com esta, serão 150 lojas da Colombo no Estado.

A empresa quer crescer 12% em 2014. A Colombo vendeu as operações no Sudeste.

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.

Desânimo na prateleira e imposto de volta

03 de abril de 2014 0

Confira a coluna Acerto de Conta$, no Diário Gaúcho. Todas as terças.

image2

Desânimo na prateleira

Ir a lojas aqui nos Estados Unidos chega a ser desanimador. O problema está nos preços… Não nos daqui, mas sim no que se paga aí no Brasil.

A coluna está no Texas acompanhando uma conferencia do setor petroquímico. Mas, em uma passada em duas lojas e em uma farmácia, encontrou preços 75% menores para um remédio, 55% mais baixos para um celular e até 150% para algumas roupas.

Além de algumas empresas que esticam o quanto dá a margem de lucro, o imposto é um grande vilão. A carga tributária e de quase 36% no Brasil. Nos Estados Unidos, e de 25%.

O cidadão tem que pagar imposto. Mas o brasileiro paga demais. E o pior é não ver isso de volta naquilo que deveria receber já que paga tanto tributo. O que vê é escândalos todos os dias no noticiário de corrupção e desvio de dinheiro público.

Imposto de volta

Aqui no Texas, o estrangeiro que compra pode pedir parte dos 8,25% de imposto de volta. O consumidor vai nos postos do governo com as notinhas, apresenta passaporte, passagem e recebe os dólares que pagou.

É bem comum na Europa. Aqui nos Estados Unidos, acontece em poucos Estados. Tem o objetivo de estimular o consumo.  Mas também se baseia na ideia de que o estrangeiro não mora no país para vir a se beneficiar do imposto que o governo investirá, por exemplo, em educação e saúde.

Giane Guerra viajou aos Estados Unidos a convite da Braskem.

===

Siga @GianeGuerra no Twitter.