Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "literatura infantil"

Galerinha, Curumim já sabe ler!

26 de maio de 2017 0
Divulgação, Brinque-Book

Divulgação, Brinque-Book

Fiel ao seu objetivo de estimular e fixar o processo de alfabetização, o abecedário do livro “ABC — Curumim já Sabe Ler!”, organizado por Bia Hetzel e Silvia Negreiros, traz muitas palavras que já fazem parte do universo infantil e também outras, que enriquecerão o vocabulário dos jovens leitores.

A escolha cuidadosa das palavras equilibra aquelas de leitura mais simples com as de média e maior dificuldade. O projeto gráfico motiva o interesse e desperta a curiosidade das crianças, enquanto os desenhos têm apelo singelo e lúdico, encantando os leitores de imagens.

Aos professores e às professoras, a sugestão é apresentar o livro aos alunos: eles já estão familiarizados com todas as letras do alfabeto? Alguma é novidade para eles? Eles conhecem todas as palavras apresentadas? Caso haja alguma palavra desconhecida, esclareça seu significado e depois proponha que sugiram novas palavras para cada letra.

Esta divertida história permite trabalhar temas como: alfabetização e vocabulário.

“ABC — Curumim já Sabe Ler!”, com organização Bia Hetzel e Silvia Negreiros, com ilustrações de Mariana Massarani. Coleção Brinque-Book na Mochila, Editora Brinque-Book, 64 páginas, R$ 35,00.

Tão afetuoso quanto colo de avó

12 de maio de 2017 0
Divulgação, Brinque-Book

Divulgação, Brinque-Book

Tem avó que a gente conhece, tem avó que a gente não chega a conhecer. Tem avó de sangue, tem avó por adoção. De um jeito ou de outro, nossas avós estão sempre com a gente: é delas que vem nosso jeito especial ou aquele ditado que ninguém da família esquece.

No livro “Colo de Avó”, a autora Roseana Murray e a ilustradora Elisabeth Teixeira fazem uma divertida e poética homenagem a todos os tipos de avós! Os poemas deste livro exploram, de modo singelo e afetuoso, a figura da avó e a presença que ela tem na vida das crianças.

Para os professores e as professoras, a sugestão é ler o texto junto aos alunos e dialogar com eles: o que a figura da avó representa para eles (aconchego ou diversão, por exemplo)? Que atividades eles normalmente realizam com suas avós? Os textos apresentados os fazem se lembrar de suas próprias avós, ou talvez de algum outro membro da família? Os textos deste livro são poemas. Discuta com os alunos em que consiste essa forma e no que ela difere de textos em prosa, por exemplo.

“Colo de Avó”, de Roseana Murray, com ilustrações de Elisabeth Teixeira. Editora Brinque-Book, 36 páginas, R$ 35,00.

A infância contada em uma caixa de brinquedos

18 de abril de 2017 0
Divulgação, SM

Divulgação, SM

Hoje, 18 de abril, é o Dia Nacional do Livro Infantil, nada melhor para comemorar do que sugerir uma obra para os pequenos, não é mesmo? Então, olha só!…

Em novo livro voltado ao público infantil, o autor João Anzanello Carrascoza mostra, na obra “Caixa de Brinquedos”, a capacidade imaginativa das crianças na superação dos problemas.

Para iluminar o escuro da noite, o menino põe o mundo no papel. Longe das coisas esquecidas em casa, faz da praia sua caixa de brinquedos. Com saudades do mar, recria o oceano… Quantos universos mais ele é capaz de inventar?

Com um olhar poético sobre a infância, o livro reúne contos curtos tendo como eixo a capacidade imaginativa e os recursos lúdicos por meio dos quais as crianças veem e lidam com o mundo. O premiado autor aborda ainda outros temas importantes para o desenvolvimento infantil, como percepção de si mesmo e dos outros, ciclo da vida, autonomia e criatividade.

Tão delicadas quanto os contos, as ilustrações de Larissa Ribeiro, feitas de colagem, conseguem captar o espírito poético do texto, expandindo seus sentidos narrativos.

“Caixa de Brinquedos”, de João Anzanello Carrascoza, com ilustrações de Larissa Ribeiro. Coleção Barco a Vapor, Editora SM, 56 páginas, R$ 41,00.

 

A poesia e o lúdico de mãos dadas no livro em "Cada Coisa que Parece"

05 de abril de 2017 0
Divulgação, Cortez

Divulgação, Cortez

Vinte oito poemas compõem o livro “Cada Coisa que Parece”, do escritor e ilustrador catarinense Sérgio Meurer, publicado pela Cortez Editora. De maneira lúdica e poética, as poesias do  livro abordam vários temas, em torno de um eixo em comum: as relações de analogia — entre palavras, formas, sons, narrativas etc.

Sua leitura permite potencializar a observação de semelhanças e contrastes, elementos fundamentais da poesia. Assim, trata-se de um livro de poemas infantil sobre a criatividade e sobre a própria percepção poética. A relação marcante entre poemas e ilustrações é também uma característica evidente do livro, permitindo a apreciação criativa tanto do texto quanto das imagens.

Há muitas referências a vários temas: artes, ciências, mitologia, com riquíssimo e vasto conteúdo, podendo ser apreciado em várias fases da  infância e inclusive pelo público adulto. “Cada Coisa que Parece” venceu, anos atrás, o Prêmio Adolfo Aizen de literatura infantil e serviu de base para o encontro Entre Formas e Rimas, realizado pelo autor em escolas e instituições de vários Estados brasileiros.

“Cada Coisa que Parece”, textos e ilustrações de Sérgio Meurer. Cortez Editora, 44 páginas, R$ 38,00.

 

Livro trata do tamanho da imaginação

04 de abril de 2017 0

Divulgação, Paulinas

Depois de uma longa temporada na Inglaterra, o escritor e ilustrador , autor de “No Mundo do Faz de Conta”, “Ki-som-será?”, “Brinconto” e “O Reizinho Comilão”, todos publicados pela Paulinas Editora, está de volta ao Brasil e lança mais um livro infantil.

“Cabe…”, que é parte da coleção “Criantiva”, é um convite à diversão, à criatividade e ao lúdico. Com texto descontraído, as crianças descobrem que na barriga de um gatinho guloso cabe tudo o que a imaginação quiser. As ilustrações são divertidas e misturam imagens reais com desenhos e traços feitos à mão, técnicas de recorte e colagem.

, que é conhecido por aproximar as histórias das crianças de maneira bem lúdica, afirma que “a literatura infantil, bem como o teatro, tem a fantasia como mola e motor da existência. É a fantasia que põe a literatura infantil em movimento. Sem fantasia não há literatura infantil, não há criação”.

O livro “Cabe…” já está à venda em todas as livrarias Paulinas, pelo telefone 0800 701-0081 e pelo site www.paulinas.com.br.

“Cabe”, texto e ilustrações de Fê. Editora Paulinas, 34 páginas, R$ 34,50.

Uma Páscoa sem ovos de chocolate?!

30 de março de 2017 0
Divulgação, Boa Nova

Divulgação, Boa Nova

Já que a Páscoa está chegando, que tal um livro que tenha uma história infantil que lembre a data? Antes, eu pergunto: e se não tivesse ovos de Páscoa? Já pensou!? Continue lendo para saber mais.

O livro “Uma Páscoa sem Ovos de Chocolate”, de Etna Lacerda, com que em uma cidade chamada Barba Longa, um mago de mesmo nome e que morava na montanha mais alta da cidade realizava muitas mágicas para os moradores. Quando os bichinhos da cidade precisavam de alguma mágica, chegavam ao pé da Montanha Branca e gritavam seu pedido. Barba Longa realizava tudo num piscar de olhos. Os bichos, acostumados a ver todos os seus sonhos realizados, se tornaram preguiçosos, exigentes, invejosos, desocupados e faziam muitas travessuras, jamais se esforçando para resolver as próprias dificuldades.

Por sua vez, a cada mágica que Barba Longa fazia, sua barba crescia, e com uma rapidez espantosa. Para não abafar a cidade, o mago cortava pedaços da barba e jogava para cima, rumo ao céu. Cada pedaço se transformava em nuvem de barba. Eram tantas nuvens de barba, que elas quase encobriam o Sol.

O mago percebeu que suas mágicas estavam provocando um grande problema. Barba Longa, então, resolveu criar uma regra: cada bicho só tinha direito a uma mágica durante todo o ano.

Foi isso que deixou o coelho Leleco muito preocupado. Tudo porque sua chocomáquina, a incrível máquina de fazer ovos de chocolate, quebrou, e o mago Barba Longa, o único que seria capaz de consertá-la, resolveu não fazer mais suas espetaculares mágicas.

Com essa notícia, a maioria dos animais da cidade Barba Longa ficou em total alvoroço. Mas, como para tudo há uma solução, o coelho Leleco e os animais trabalharam juntos e conseguiram resolver o problema antes do Domingo de Páscoa. Afinal, nenhuma criança merece ficar sem seus ovinhos de chocolate.

“Uma Páscoa sem Ovos de Chocolate”, de Etna Lacerda. Editora Boa Nova, 28 páginas, R$ 10,90.

Leia e brinque com sua princesinha

27 de março de 2017 0
Divulgação

Divulgação

Contos de fada sempre encantaram as crianças. Prova disso é que eles vêm se mantendo vivos na memória das pessoas geração após geração. E que tal se, com as belas histórias, pais e filhos possam interagir brincando com o livro?

Essa é uma das propostas do livro “Cinderela”, publicado pela Editora Vale das Letras, de Blumenau. Com texto de Patrícia Amorim e ilustrações de Jean C. Ferreira, a obra traz a história da moça que perdeu a mãe e, nas mãos da madrasta, passa por maus bocados. Até que a sorte lhe sorri e ela encontra um príncipe que vai amá-la para sempre. Além de contar esta bela história, a publicação tem os cenários em seis quebra-cabeças, permitindo que pais e filhos interajam.

O livro faz parte da coleção “Princesas”, que tem ainda as histórias da “Bela Adormecida”, “Pequena Sereia” e “Rapunzel”. As obras são feitas com material acartonado, o que o deixa mais resistente, e capa almofadada.

“Cinderela”, texto de Patrícia Amorim e ilustrações de Jean C. Ferreira. Editora Vale das Letras, 12 páginas, R$ 19,90.

 

Conheça as viagens do pãozinho até chegar a sua mesa

23 de março de 2017 0
Divulgação, Cortez

Divulgação, Cortez

Eu não conheço alguém que nunca tenha comido um pãozinho. Você conhece? Difícil, não é mesmo? Mas agora responda: quem conhece a trajetória desse alimento tão presente nas nossas mesas? A dica de hoje, “As Viagens de um Pãozinho”, escrito e ilustrado pelo manezinho Sérgio Meurer, conta isso para nós.

Aliás, o livro é uma delícia, como o próprio título sugere.  A obra tem como personagem principal um simpático pãozinho, apresentando toda a sua trajetória do campo de trigo à mesa da casa e um pouco mais, com final surpresa. A narrativa é leve, com o texto em versos com rimas, tendo como tema um objeto tão presente no cotidiano. “As pequenas coisas do dia a dia passam por grandes histórias” — assim é a jornada do pãozinho, sugerindo também a importância das coisas cotidianas. As ilustrações combinam perfeitamente  com o texto — são também leves, com predomínio de suaves cores quentes, que remetem ao calor do pãozinho quando sai do forno.

O personagem é capaz de nos cativar não apenas pelo sabor, mas também pela personalidade de uma história que vai além das padarias… Um “prato feito” para que os educadores trabalhem com as crianças as tradições, os hábitos alimentares, os sentidos, além da importância do pão na vida de todos.

O livro foi selecionado no PNLD 2013 — Obras complementares, tendo alcançado milhares de leitores em várias regiões do Brasil. Além do prazer da leitura, o livro é indicado para enfatizar a noção de processo, da importância das coisas do dia a dia, de  hábitos alimentares, com referências também à arte e possibilitando boas análises de imagem. Indicado especialmente para a faixa de sete e oito anos, a fruição da leitura é possível para todas as idades.

“As Viagens de um Pãozinho”, texto e ilustrações de Sérgio Meurer. Cortez Editora, 36 páginas, R$ 36,00.

A história de Pedro Coelho

21 de março de 2017 0
Divulgação, Barbatana

Divulgação, Barbatana

Em tradução da escritora Rosana Rios, a Edições Barbatana lança o grande clássico da escritora britânica Beatrix Potter (1866-1943), “A História de Pedro Coelho”, sucesso publicado originalmente em 1902. A pré-venda acontece no site da editora (http://www.edicoesbarbatana.com.br/pd-426f70) até 29 de março, para entrega a partir de 18 de abril, Dia Nacional do Livro Infantil.

Beatrix Potter é um dos maiores nomes da literatura infantil mundial. Nesta edição, o livro é publicado do modo como a autora o imaginou, com as aquarelas em página inteira dialogando pausadamente com os textos, em formato pequeno para caber nas mãos das crianças — o que, por si só, é uma novidade, porque não há atualmente edições brasileiras com esta característica fundamental. A publicação de “A História de Pedro Coelho” dá sequência à celebração dos 150 anos de nascimento de Beatrix Potter, iniciada pela Barbatana em 2016 com a publicação de “A História do Esquilo Nutkin.

A edição trará exemplares numerados e ilustrações de capa diferentes. Os livros adquiridos na pré-venda serão autografados por Rosana Rios.

“A História de Pedro Coelho”, de Beatrix Potter, com tradução de Rosana Rios. Edições Barbatana, 64 páginas, R$ 30,00.

Série ilustrada "Xandrinha e Seus Amigos" promove o gosto pela leitura e pela poesia

08 de março de 2017 0
Divulgação

Divulgação

Com a proposta de levar para o público infantojuvenil boas histórias e poesias, a escritora e poeta Alexandra Vieira de Almeida e a artista plástica Giselle Vieira lançam a série ilustrada de livros “Xandrinha e Seus Amigos”. O primeiro volume está disponível gratuitamente para download, em formato PDF, no site www.xandrinhaeseusamigos.com.br.

Segundo a escritora, as obras terão grande importância pedagógica, fornecendo aos leitores a aprendizagem a partir do lúdico e da imaginação. Durante as histórias, as crianças vão ver a personagem principal buscando sempre sanar suas curiosidades por meio dos livros. “Dessa forma, vamos incentivar o gosto pelos estudos e pela literatura, em especial, as poesias”.

– Pretendemos fazer com que os pais leiam mais para os filhos e que as crianças estudem mais e desenvolvam a criatividade – comenta.

Além do lado pedagógico, haverá muitos momentos de diversão. A autora fala que as crianças vão curtir bastante as travessuras não só da Xandrinha, como também dos outros amiguinhos que surgirão nas próximas edições, como o arteiro Beto, os gêmeos Duda e Dudu e a florzinha Cecília.

– Queremos dosar o conhecimento com boas doses de peraltices com o lado crescidinho da Xandrinha e ainda ensinar importantes valores para educação por meio das historinhas com a turminha – comenta.

Alexandra diz que a ideia surgiu durante o lançamento do seu livro de poesias “Dormindo no Verbo”, em 2016. Foi ali que recebeu o convite da ilustradora Giselle Vieira para que produzissem juntas livros infantis ilustrados. “Inicialmente, seriam publicações com poemas que escrevi durante minha infância e adolescência. Daí, veio a ideia de usar uma personagem infantil para levar a poesia para outras crianças. Então, nasceu a Xandrinha” – relata.

Próxima edição

O segundo volume da série ilustrada será lançado no início de maio em versão impressa. Publicada pela Editora Penalux, a obra terá o título de “Xandrinha em: o Jardim Aberto” e custará R$ 30.

“Xandrinha em: Imaginação de Criança”, volume 1, de Alexandra Vieira de Almeida, com ilustrações de Giselle Vieira. Edição em PDF com download gratuito pelo site www.xandrinhaeseusamigos.com.br