Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Posts do dia 27 agosto 2007

Solskjaer se aposenta

27 de agosto de 2007 0

O atacante norueguês Ole Gunnar Solskjaer, de 34 anos e há 11 no Manchester United, irá anunciar sua aposentadoria nesta terça-feira. Com problemas no joelho desde 2004, Solskjaer vai trabalhar nas categorias de base do time inglês.

 

Foram 366 jogos e 126 gols em uma vitoriosa carreira de uma dezena de conquistas. Na última temporada, mesmo sendo usado sempre como reserva e retornando após 20 meses parado, Solskjaer marcou 11 gols e conquistou seu sétimo título inglês.

 

Muito querido pela torcida, Ole entrou na história do clube especialmente por dois jogos. Em 1999 ele marcou 4 gols em 13 minutos, entrando como reserva aos 34 do segundo tempo no massacre de 8×1 sobre o Nottingham Forest. Isto lhe garantiu um registro no Livro dos Recordes, o %22The Guiness Book%22.

No mesmo ano, em maio, Solskjaer fez o gol do título europeu aos 47 minutos do segundo tempo sobre o Bayern de Munique, na vitória de virada de 2×1 no Camp Nou. Dois minutos antes, o veterano Teddy Sheringham empatara o jogo, em uma reação ainda sem igual em decisões continentais.

Quatro gols em 10 minutos, e Solskjaer vai para o “The Guinnes Book”:

 

Compilação com os melhores lances da carreira do grande artilheiro norueguês e do Manchester United(by Videos de Futebol Europeu):

Postado por Alexandre Perin

Há 20 anos: Brasil vence os EUA no basquete na final do Pan em Indianápolis!

27 de agosto de 2007 0

Na última quinta-feira, dia 23 de agosto, completaram-se 20 anos da maior vitória do basquete brasileiro de todos os tempos. Em uma atuação inacreditável de Marcel e Oscar, com 55 pontos somados no 2º tempo, o Brasil bateu os Estados Unidos por 120 a 115 na Market Square Arena em Indianápolis na final do Pan-Americano de 1987. Lembro de ter visto este jogo muito criança.

Ninguém acreditava na vitória, talvez nem os brasileiros. Apesar de universitário, o time norte-americano era fortíssimo com craques como David Robinson, Rex Chapman e Danny Manning. Mas 46 pontos de Oscar e 31 de Marcel derrubaram a invencibilidade americana em casa. Os EUA chegaram a abrir 14 pontos no primeiro tempo, mas uma grande atuação defensiva do time de Ary Vidal, e dezenas de cestas de 3 pontos de Marcel, Oscar e Cadum garantiram a maior zebra do basquete em muitas décadas.

Foi a primeira derrota dos EUA em solo pátrio em todos os tempos. Este resultado, mais a derrota nas semifinais da Olimpíada do ano seguinte em Seul, decretaram a entrada dos atletas da NBA no esporte. Aí veio o Dream Team de 1992 em Barcelona, considerado por muitos o mais fantástico time já reunido no esporte mundial.

Para lembrar, o time dos Estados Unidos tinha: Michael Jordan, Magic Johnson, Larry Bird, Pat Ewing, Charles Barkley, Scottie Pippen, o próprio David Robinson, Clyde Drexler, John Stockton, Karl Malone, Chris Mullin e Christian Laettner. Fora Laettner, que era o único universitário e não se firmou na carreira, todos os demais eram lendas da NBA.

ESTADOS UNIDOS – 115
Smart (12 pontos), Richardson (7), Lebo (7), Nerry (2), Dembo (3), Lane, Anderson (16), Chapman (17), Ellison (13), Manning (14), Garret (4) e Robinson (20).
Técnico: Denny Crum

BRASIL 120
Oscar (46 pontos), Israel (12), Pipoca (2), Marcel (31), Guerrinha (2), Cadum (8), Gérson (12), Paulinho Vilas Boas (7) e Rolando.
Técnico: Ary Vidal
Público: 16 mil espectadores (estimado)
Local: Market Square Arena, em Indianápolis (Estados Unidos).

ESTADOS UNIDOS – 115Smart (12 pontos), Richardson (7), Lebo (7), Nerry (2), Dembo (3), Lane, Anderson (16), Chapman (17), Ellison (13), Manning (14), Garret (4) e Robinson (20).Técnico: Denny Crum
BRASIL 120
Oscar (46 pontos), Israel (12), Pipoca (2), Marcel (31), Guerrinha (2), Cadum (8), Gérson (12), Paulinho Vilas Boas (7) e Rolando.
Técnico: Ary Vidal
Público: 16 mil espectadores (estimado)
Local: Market Square Arena, em Indianápolis (Estados Unidos).

Tal Pai, Tal Filho: os Schmeichel`s

27 de agosto de 2007 4

Peter e Kasper: talento em família
Neste final de semana, o Arsenal bateu o Manchester City (então líder do Inglês) por 1×0. O gol no final da partida marcado pelo espanhol Césc Fábregas acabou com a invencibilidade dos “Blues” e do goleiro Kasper Schmeichel, que mesmo assim foi o melhor em campo e ainda pegou um pênalti. Ah, e nos acréscimos, Schmeichel cabeceou no ataque e quase empatou o jogo, obrigando o goleiro do Arsenal praticar uma grande defesa.

Peraí? Schmeichel?? Sim… Ele é filho do lendário Peter Schmeichel, que por quase uma década fechou o gol da Dinamarca e do Manchester United, antes de ganhar título no Sporting Lisboa e encerrar a carreira no próprio Manchester City. Kasper é parecido com o pai somente na aparência, pois o estilo é distinto.

Enquanto Peter, um dos maiores goleiros de todos os tempos, era um gigante de 1.95m e uma agilidade e força incomuns, Kasper tem somente 1.82m e se destaca pela velocidade. Em comum, o mesmo senso de colocação e o espírito de liderança.

Kasper já tem sido convocado para a Dinamarca e se mostra um goleiro de futuro. Mas será igual ao pai? Acho impossível. Tá certo que eu sou suspeito2, pois o velho Schmeichel era um dos meus ídolos de infância (ao lado de Taffarel e Van Basten), mas ainda assim creio ser impossível.

Para matar as saudades, um vídeo com os grandes lances de Peter ‘The Great Dane’ Schmeichel na carreira:

E estes:

Agora lances de Kasper:

Postado por Perin, direto do túnel do tempo

Estréia!

27 de agosto de 2007 7

Este é meu post de estréia no Almanaque Esportivo… A intenção aqui é comentar fatos curiosos, bizarros, estatísticas interessantes e todo o tipo de loucura relacionada com esportes pelo mundo.

Vou rechear com fotos e vídeos a maioria das postagens, ilustrando com conteúdo multimídia os textos e trazendo à tona %22causos%22 ocorridos no futebol, no basquete, no automobilismo, recheados com um pouco de opinião.

 

 

Postado por Alexandre Perin