Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts do dia 4 setembro 2007

Enquanto isto, na França...

04 de setembro de 2007 3

E o Lyon, hein? O heptacampeão francês começou muito mal a temporada. Com a saída de Caçapa na zaga (ele foi para o inglês Newcastle), a lesão de Fred (na Copa América), problemas com a venda do ótimo Malouda para o Chelsea e o natural declínio técnico de Juninho Pernambucano (32 anos e sem expectativas maiores na carreira após a Copa do Mundo da Alemanha), o predomínio do time de Gerland pode estar terminando.

 

Impulsionado financeiramente por vendas muito altas, o Lyon ainda tem mais dinheiro que qualquer outro time francês, porém o time pode ter começado a %22virar o fio%22. O Lyon está em 5º com 2 derrotas em 6 jogos, algo impensável em outros anos, quando venceu com larga diferença a competição.

Ainda é muito cedo para um prognóstico definitivo, mas é pouco provável que o time treinado por Gerárd Houllier mantenha o domínio de forma tão gritante como nos outros anos.

Para relembrar os velhos tempos, lances de Juninho Pernambucano no Lyon:

Postado por Alexandre Perin

As maiores torcidas da Itália voltaram

04 de setembro de 2007 0

Pela primeira vez em 12 anos, as 8 maiores torcidas do futebol italiano estão na primeira divisão. Desde a temporada 1994/95, os grandes times italianos não estavam todos na primeira divisão. Faz tanto tempo que na época, o campeão foi a Juventus de Zidane, Del Piero e Vialli.

Os argentinos Gabriel Batistuta, na Fiorentina, e Abel Balbo, na Roma, foram os principais artilheiros da temporada. Craques como Baresi, Maldini, Baggio, Signori, Savicevic, Gullitt, Mancini eram destaques da competição. Os brazucas André Cruz (Napoli) e Márcio Santos (Fiorentina), eram os poucos destaques do país naquele tempo.

Com os retornos de Juventus, Napoli e Genoa, e a sofrida manutenção do Torino na Série A, todas as principais torcidas italianas estão representadas nesta temporada. Juventus, Milan, Inter, Roma, Napoli, Fiorentina, Torino e Genoa estão juntos na primeira divisão.

Se Milan, Inter, Roma e Lazio não caíram neste período, e a Juventus só foi rebaixada por causa do escândalo de corrupção, o mesmo não se pode dizer das demais. Napoli e Torino já foram rebaixados 2 vezes no período, enquanto a Fiorentina chegou a falir, voltar na Quarta Divisão e só agora se firmou na primeira divisão. Pior sorte teve o Genoa, que além de circular pela Série C, ainda ficou 12 anos longe da divisão de elite italiana. 

Postado por Alexandre Perin