Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts do dia 6 setembro 2007

Que boca, hein?

06 de setembro de 2007 4

Foi só eu dar uma corneteada no Tuta que ele resolveu acordar. Fez 3 gols contra o Botafogo e ontem deu o passe para dois gols contra o Vasco. De boas passagens em Flamengo e Fluminense, parece que o centroavante gremista gosta de marcar contra os antigos rivais.

Vocês sabiam que o Tuta foi protagonista de um lance no mínimo escabroso no Campeonato Italiano? Isto aconteceu quando atuava no Venezia, depois de surgir para o futebol brasileiro no Atlético-PR

Em 24 de janeiro de 1999, no jogo Venezia 2×1 Bari na luta contra o rebaixamento daquela temporada, Tuta fez um gol nos acréscimos e garantiu a vitória do seu time. Inacreditavelmente, ninguém comemorou no seu time, exceto o também brasileiro Fábio Bilica. E o capitão do time, Fillippo Maniero, ainda discutiu com Tuta no vestiário.

Tuta deu uma entrevista informando que achou %22estranho%22 ninguém comemorar, criando a suspeita de um empate arranjado entre os dois times. Porém três dias depois, se desmentiu, afirmando que havia sido %22mal-interpretado%22 em seu básico italiano.

Como habitualmente acontece na Itália (parece aqui), tudo terminou em pizza após interrogatórios com os técnicos de Bari e Venezia, mais alguns jogadores. O jogo era da Loteria Esportiva e depois disto, Tuta rapidamente deixou o futebol italiano.

P.S. Ambos escaparam naquela temporada, mas o Venezia caiu no ano seguinte (já sem o Tuta), e o Bari caiu na temporada 2000/01

Postado por Alexandre Perin