Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Quem foi Émerson Fittipaldi?

10 de setembro de 2007 0

Pioneiro, gênio da mecânica, raríssimos erros, multicampeão. Nestas quatro afirmações, podemos resumir o que foi Émerson Fittipaldi para o automobilismo brasileiro. Neste 10 de setembro que comemoramos 35 anos do primeiro título de %22Emmo%22 ou %22Rato%22 na Fórmula-1, nada mais justo que reverenciar este paulista de 60 anos.

Émerson e seu irmão Wílson são filhos de Wílson Fittipaldi (%22O Barão%22), ele mesmo um percursor, radialista que transmitiu as 12 horas de Interlagos de Motociclismo a bordo de uma moto e disputando a corrida! Seu sobrinho Christian seguiu o clã Fittipaldi e correu na F-1 e F-Indy, com relativo sucesso.

Dentro das pistas, Emerson sempre foi famoso por um traçado limpo, às vezes pouco ousado, mas quase sempre sem erros e muito rápido.Também ficou notabilizado por defender os direitos dos pilotos em uma época que um de cada oito pilotos de F-1 morreram em acidentes.

Em um desastroso GP da Espanha em Montjuich, 1975, Emerson se recusou a correr por considerar inseguras as barreiras de proteção. O mexicano Arturo Mezario e o irmão de Emerson, Wilson, só deram uma volta e também abandonaram. A prova continuou e o Hill-Cosworth de Rolf Stommelen decolou justamente nas barreiras, caindo no público. Cinco espectadores morreram e o piloto alemão ficou gravemente ferido.

Emerson também foi um inovador na mecânica. Ele inventou as ranhuras no volante, da mudança de posição nos volantes dos carros e ainda fundiu rodas de magnésio e alumínio usando sucata de avião, criando rodas mais leves para corridas.

Émerson ainda contribuiu para a fama dos pilotos brasileiros acertadores de carro. Ele, Nélson Piquet, Roberto Moreno e Rubens Barrichello ficaram famosos por desenvolverem os carros e darem informações importantes para os engenheiros.

Resumo das principais façanhas de Émerson:

- Primeira vitória brasileira na Fórmula-1.
- Primeiro título brasileiro na F-1 – 1972.
- Mais jovem piloto campeão e bicampeão da categoria – 72 e 74.
- Primeira dobradinha brasileira na F-1 – Brasil – 1975
- Primeira equipe brasileira – Coopersucar/Fittipaldi – 1976
- Primeira vitória brasileira na F-Indy – Michigan - 1985
- Primeira vitória brasileira nas 500 milhas de Indianápolis – 1989 (repetiu em 1992)
- Primeiro título brasileiro na F-Indy – 1989
- Primeiro estrangeiro campeão na F-Indy – 1989
- Primeiro brasileiro a fundir rodas de magnésio e alumínio para automóveis
- Inventor das ranhuras no volante para facilitar a direção.
- Inventor da posição %2210 para as 2%22 ao invés das %229 e 15%22 nos volantes.

Meus respeitos e parabéns ÉMERSON!

Postado por Alexandre Perin

Envie seu Comentário