Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts do dia 26 outubro 2007

Os dez momentos mais marcantes de 2007 - Parte II

26 de outubro de 2007 2

Continuando a série, outros momentos marcantes do ano. Sobretudo trapalhadas…

6º) Albers sai dos boxes com o tubo de combustível preso no carro - Sem dúvida, a mais patética cena da temporada. O fraco holandês Christian Albers, da Spyker, abandona o GP da França após sair dos boxes antes da hora. A equipe ainda estava reabastecendo o carro e ele saiu sem autorização, arrancando o tubo de combustível do tanque. Foi a gota d%27água para sua demissão por insuficiência técnica.



7º) Atropelamento de mecânico no GP do Brasil - Kazuke Nakajima, filho de Satoru Nakajima, é um piloto promissor. Fez uma excelente temporada na GP2 e disputou a última prova da F-1 pela Williams. Fazia boa prova e provavelmente chegaria aos pontos em Interlagos, mas cometeu um erro grotesco. Calculou mal a entrada nos pits e atropelou dois mecânicos no último domingo. Nada grave, mas foi ridículo.




8º) Bate-Boca entre Felipe Massa e Fernando Alonso - Após o GP da Europa em Nurburgring, Fernando Alonso e Felipe Massa discutiram ásperamente. Massa chegou a chamar Alonso de idiota depois de acusações de Alonso de ter jogado ele para fora em uma disputa da corrida. Alguns dias depois, Alonso confessou que exagerou.



9º) Princípio de incêndio nos boxes, Takuma Sato - Vazou um pouco de combustível na troca de pneus e reabastecimento do japonês Takuma Sato no GP do Japão. Ao sair, sua SuperAguri aqueceu a gasolina e começou a pegar fogo na carenagem. Mas o piloto seguiu em frente e acabou debelando o incêndio.



10º) Acidente com Coulthard e Wurz - Os dois experientes pilotos bateram no início da primeira prova da temporada, o GP da Austrália. O acidente foi muito mais perigoso do que parece, pois o carro de Coulthard passou a centímetros da cabeça de Wurz. As consequências poderiam ter sido dramáticas.



Obrigado a todos, espero que tenham gostado!

Postado por Alexandre Perin