Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de março 2008

Vídeo para começar bem a semana!

31 de março de 2008 0

Eu estou de férias (ainda, hehe), mas lembrando dos amigos que estão no trabalho neste instante lendo este humilde blog, gostaria de dar boas alegrias a todos. 

Vejam este vídeo e lembrem que existe solução para tudo (até para a crise no Tibete), mas pagar um mico destes ao vivo é algo que pode perdurar eternamente.

Divirtam-se!

Postado por Alexandre Perin, “on vacation”

O Show do Mago: Cristiano Ronaldo faz gol de letra e humilha Aston Villa no Inglês!

30 de março de 2008 6

Ontem, na goleada de 4×0 contra o Aston Villa pelo Campeonato Inglês, o meia português Cristiano Ronaldo se superou. O craque do Manchester United fez um lindíssimo gol de letra, deu um passe de calcanhar ainda mais espetacular para um golaço de Wayne Rooney, e ainda outros dois passes perfeitos para os gols de Carlos Tévez e outro de Rooney.

Com absurdos 35 gols na temporada, Ronaldo lidera na artilharia européia e já bateu alguns recordes no ano, como ser o meia com o maior número de gols em uma temporada pelo Manchester United e na Premier League.
Ano passado ele era o favorito ao título de “Melhor do Mundo” pela FIFA, porém foi apático nas semifinais da Liga dos Campeões contra o Milan e viu um show do brasileiro Kaká, que acabou recebendo o título no final do ano.

Porém… se continuar jogando como está atuando, é bastante (OBS: corrigi, tinha escrito o inverso por falta de atenção, valeu Cássio!) provável que, pela primeira vez na história, o melhor jogador do mundo seja um atleta atuando no Campeonato Inglês, e este será: CRISTIANO RONALDO

Veja o vídeo com o show de Ronaldo ontem:

<iframe width=”560″ height=”315″ src=”http://www.youtube.com/embed/N84HEUfTsbU” frameborder=”0″ allowfullscreen></iframe>

P.S. Pessoal, mantenho a posição: Cristiano Ronaldo é o que os ingleses chamam de “winger”, um meia bem aberto, um “attacking midfielder”, meia-atacante.

No caso dele, ele joga pelos dois lados do campo, ao contrário do ex-astro David Beckham (destro) e Ryan Giggs (canhoto). Os atacantes do Man Utd na atualidade são: Carlos Tévez e Wayne Rooney.

CRISTIANO RONALDO, para mim e para a maioria (wikipedia, site oficial do Manchester United, principais sites esportivos como Football 365, Sporting Life, BBC, SkySports) é meia-atacante.

Se ele faz muitos gols, bom para ele… E obrigado, leitor Tiago, por expor tua opinião. Se algum dia você ou qualquer pessoa colocar uma opinião que me faça mudar de idéia, não terei problema algum em registrar aqui! Fico feliz quando vocês participam… :)

Postado por Perin, com coração dividido nas quartas da Liga

Gol de placa: a origem da expressão

29 de março de 2008 2

Não existem registros, apenas a lembrança de quem viu ou participou, o registro dos meios de comunicação. Mas a expressão %22Gol de Placa%22 surgiu por causa de um gol de Pelé (imagina se não seria ele…)

Na Rua Javari frente ao Juventus, por 4 a 2, no dia 2 de agosto de 1959 pelo Campeonato Paulista. Por este gol, Pelé ganhou placa, busto de bronze e virou mito. Sem registro visual, há poucos anos recriou-se o gol por computador, e o resultado final foi este:

Três décadas depois, o ponteiro vascaíno (e botafoguense), Vivinho, ficou famoso em todo o Brasil por um golaço na vitória de 4×2 sobre a Portuguesa pelo Brasileirão de 1989. Ele deu três balõezinhos no volante Capitão (que jogou no Grêmio em 1998 e 1999), e fez o gol mais bonito daquele ano.

Anos depois, o sempre polêmico e talentoso Marcelinho Carioca também ganhou placa. Ironicamente, contra o Santos fazendo gol em Edinho, filho de Pelé, pelo Paulistão 1996. Este a maioria conhece, vejam:

Alex, então no Palmeiras e hoje lenda no Fenerbahce, também gostou da idéia e fez um assim no Morumbi contra o São Paulo na Libertadores de 2002:



EDITADO: o leitor Romeu Luiz disse que a expressão %22gol de placa%22 foi atribuída depois de um gol de Pelé no Maracanã que o então jornalista esportivo Joelmir Beting pressionou para que fosse feito uma placa alusiva à beleza da jogada.

Procurei informações e de fato isto procede, fica aqui a correção do leitor atento e muito obrigado pela ajuda!

Postado por Alexandre Perin, escarafunchando o passado

Cristiano Ronaldo vs. Juninho Pernambucano

28 de março de 2008 0

Quem bate melhor falta: Cristiano Ronaldo ou Juninho Pernambucano? O meia-atacante português e o meia brasileiro são reconhecidos como sendo os dois principais cobradores de falta da atualidade.

 

Cristiano Ronaldo vive fase esplendorosa no Manchester United: já marcou 34 gols na atual temporada, superando o recorde de George Best, o lendário meiocampista norte-irlandês que fez 33 em 1967. Dos gols de Ronaldo em 2007/08, pelo menos seis gols foram de falta (dos que eu me lembro).

Juninho Pernambucano, já em final de carreira, não vive uma fase tão boa pelo Olympique Lyonnais, mas seu longo histórico de gols magistrais fala por si só.

Quantas vezes, o ex-astro da Seleção Brasileira, Vasco da Gama e Sport, hoje uma lenda viva no futebol francês, decidiu partidas importantes no Campeonato Francês ou na Liga dos Campeões cobrando faltas? Desde que chegou a Lyon, o clube conquistou TODOS os campeonatos nacionais e se tornou um dos principais time do continente.

Sobre os estilos: Juninho, ao melhor estilo Sinisa Mihajlovic (o polêmico, violento mas ótimo zagueiro sérvio que marcou época na Lazio e na Internazionale) sempre bateu aliando colocação e força. Já Ronaldo tem uma batida peculiar, de três dedos, com muita curva e força. Além disto, tem variado suas cobranças e já fez gol inclusive passando por baixo da barreira.

E quem é O MELHOR? Eu não vou opinar nada, apenas deliciem-se:

Juninho Pernambucano

Cristiano Ronaldo

De lambuja, um craque acima dos dois, um tal %22Zico%22, um baixinho invocado de Quintino…

Postado por Alexandre Perin

A CBF `esqueceu`, mas eu não!

27 de março de 2008 1

A CBF pode ter %27esquecido%27 dos 50 anos da partida de 1958 em Estocolmo no estádio Rasunda contra a anfitriã Suécia. Naquela ocasião, a Seleção Brasileira conquistou sua primeira Copa do Mundo de Futebol em um time que brilharam Garrincha e Pelé.

A entidade máxima do futebol brasileiro simplesmente não relacionou em nenhum momento o amistoso de ontem, vitória do Brasil de 1×0 sobre a Suécia em Londres, com o jogo mais famoso entre estas duas equipes. Mas o Almanaque Esportivo não é tão relapso com relação à história do esporte nacional.

Foi há 50 anos que o time treinado por Vicente Feola conquistou a Copa do Mundo. Naquele time alguns jogadores já eram lendários, como Didi e Nílton Santos, porém outros apenas haviam brilhado em solo nacional. Um deles, chamado por Nélson Rodrigues de %22O Anjo das Pernas Tortas%22, era chamado de Manuel. Virou mito com o apelido Garrincha, um passarinho, e atendia por um dos mais brasileiros de todos os apelidos: Mané. Preciso falar algo?

O outro, bem… Édson Arantes do Nascimento. Um tal Pelé, 17 anos. Por um esquecimento da CBF (então CBD), não mandaram o número das camisetas. Um funcionário da FIFA colocou aleatoriamente e… Saiu a camisa 10 para Pelé. Sabe quando dizemos que o craque do time é o 10? E que coisa boa é %22DEZ%22? Isto começou lá na Suécia, há 50 anos…

Vejam um compacto desta partida:



Parabéns aos campeões mundiais:
GILMAR dos Santos Neves (Santos).
DJALMA dos SANTOS (Palmeiras).
Hideraldo Luiz BELINI (Vasco).
ORLANDO Peçanha de Carvalho (Vasco).
NILTON SANTOS (Botafogo).
ZITO José Ely de Miranda (Santos).
GARRINCHA Manoel Francisco dos Santos (Botafogo).
DIDI Valdir Pereira (Botafogo).
VAVÁ Edvaldo Izidio Neto (Palmeiras).
PELÉ Edson Arantes do Nascimento (Santos).
Mario Jorge Lobo ZAGALO (Botafogo).
José Carlos CASTILHO (Fluminense).
DINO SANI (São Paulo).
DIDA Edvaldo Alves de Santa Rosa (Flamengo).
JOEL Antonio Martin (Flamengo)ç.
MAURO Ramos de Oliveira (São Paulo).
MOACIR Claudino Pinto (Flamengo).
MAZZOLA José João Altafini (Palmeiras).
ORECO Waldemar Rodrigues Martins (Corinthians).
Newton DE SORDI (São Paulo).
PEPE José Macia (Santos).
ZOZIMO Alves Calazans (Bangu).

Comissão Técnica –
Chefe da delegação: Paulo Machado de Carvalho.
Técnico: Vicente Ítalo Feola.
Supervisor: Carlos Nascimento.
Médico: Dr. Hilton Gosling.
Preparador Fisico: Paulo Amaral.
Psicólogo: Professor Cavalhares.
Dentista: Dr. Mario Trigo.
Massagista: Mario Américo.

Postado por Alexandre Perin

Férias!

21 de março de 2008 0

Estou de férias, semana que vem eu posto algo aqui!

Abraços e Feliz Páscoa a todos que ficam!

Postado por Alexandre Perin

Mondo Bizarro, parte II: a vez dos gandulas

14 de março de 2008 1

Hoje a homenagem é para personagem importante do futebol: o gandula. Baseado no nome de um jogador argentino, Gandula, que jogou no Vasco da Gama nos anos 40, ele já teve participação ativa em muitos jogos de futebol, seja sendo expulso, brigando com jogador ou causando confusão fora de campo na reposição de bola

Lembro que uma vez o goleiro Zetti deu uma rasteira em um abusado invasor, e em outra um goleiro levou com uma barra de ferro nas costas de um gandula marginal, que saiu preso e foi processado. Já o goleiro colorado Clemer jogou a bola em um deles, e foi expulso em um jogo da Copa do Brasil de 2004.

Quando eu era criança, um gandula de um jogo do Araçatuba em sei lá que divisão, ano ou adversário, tirou um gol feito. Lembrei disto, procurei e achei a imagem:

 

Alguns anos depois, um jogador do Tupi de Juiz de Fora, MG tinha sido substituído e fez a mesma coisa, entrou correndo e tirou um gol.

Nos dois casos, como são %27corpos neutros%27, o juiz nada pode fazer a não ser expulsar ambos do jogo. Lembro que o atacante pegou uma punição bem pesada. Deste eu não tenho vídeo…

Pior foi o ocorrido há poucos anos, em São Paulo. A pavorosa juíza Sílvia Regina, famosa por ser a primeira árbitra na Série A do Brasileirão (e para mim, terrível apitando), fez uma bobagem monstruosa em um jogo da Série C do Campeonato Paulista.

No jogo Atlético Sorocaba 1×1 Santacruzense, o atacante Samuel chuta para fora. Um gandula chuta a bola para dentro do gol antes da reposição e mexe na rede, fingindo que havia feito o gol. A juiza e o bandeirinha confirmam o gol.

Postado por Alexandre Perin

Mondo Bizarro: juízes artilheiros!

13 de março de 2008 0

O post de hoje é em homenagem aos juízes artilheiros pelo mundo… O famoso juiz paulista José de Assis Aragão, conhecido nos anos 80 pelo apelido de %22AraMengão%22 por sua predileção de cometer erros em favor do Flamengo, conseguiu a proeza de marcar um gol no jogo Santos 2×2 Palmeiras, pelo Brasileiro de 1983. Vejam o lance:

 

Na Turquia, repetiram isto. No jogo Ankaragücü 1×0 Besiktas há muitos anos atrás, o árbitro do jogo também decidiu a partida… São inclusive dois lances muito parecidos, vejam:

Postado por Perin, achando suas tosquices

"You Never Walk Alone" - A música mágica do Liverpool

11 de março de 2008 4

Esta é uma das músicas mais bonitas da história do futebol mundial. Escrita para o musical Carousel, e famosa ao ser interpretada por Gerry and the Pacemakers e pelo “Rei” Elvis Presley, a canção se tornou um hino da torcida do Liverpool nas conquistas dos anos 60, 70 e 80 ao longo da Inglaterra e Europa.

No revival continental do clube nos últimos 5 anos, com títulos em todas as competições européias, a força de “You Never Walk Alone” está de volta.

Vejam abaixo duas exibições fantásticas da torcida do pentacampeão europeu: contra o Barcelona nas quartas-de-final da Liga dos Campeões de 2007, quando seria vice-campeão na final contra o Milan.

Contra o Barcelona, em 2007:

E contra o Chelsea, nas semifinais de 2005, após eliminar o rival de Londres. Três semanas depois, o Liverpool conquistava a Europa na histórica final contra o Milan, quando perdia de 3×0, empatou e levou o título nos pênaltis.

Contra o Chelsea, em 2005:

De tão popular, já vi torcedores do Borussia Dortmund, do Milan e do Ajax cantando a canção em seus estádios. Uma homenagem para o time que eliminou nesta terça-feira a Internazionale da Liga dos Campeões, garantindo quatro times ingleses nas quartas-de-final da competição.

Letra original:

You’ll Never Walk Alone

Liverpool F.C

When you walk through a storm
Hold your head up high
And don’t be afraid of the dark
At the end of the storm
There’s a golden star (sky)
And the sweet silver song of a lark

Walk on…
Through the rain…
Walk on…
Through the rain
Walk through the wind
And your dreams be tossed and blown…

Walk on… (walk on)
Walk on… (walk on)
With hope (with hope)
In your heart…
And you’ll never walk alone
You’ll never walk alone.
Alone…

Walk on… (walk on)
Walk on… (walk on)
With hope (with hope)
In your heart…
And you’ll never walk alone
You’ll never walk alone.
Alone…

You’ll never…
You’ll never walk alone…

Walk on… (walk on)
Walk on… (walk on)
With hope (with hope)
In your heart…
And you’ll never walk alone
You’ll never walk alone.
Alone…

You’ll never walk…
You’ll never walk alone…

Postado por Alexandre Perin

Vídeo para alegrar a semana de todos

10 de março de 2008 1

Sabe aquela segunda-feira, que você chega no trabalho e está estressado com os problemas do final de semana? Que brigou com a família da esposa, teu time perdeu ou teu filho deu prejuízo de novo no colégio?

Que o chefe já começa a semana reclamando? Com o projeto atrasado e precisando ficar pronto até sexta-feira? Ou a namorada mala que liga o tempo todo e acha que você está traindo ela pelo orkut?

Então vejam o vídeo abaixo e relaxem… Boa semana a todos!

Trilha sonora by Monty Pyhton no filme A Vida de Brian, música: Always look the bright side of life (Veja sempre o lado bom da vida), uma campeã de repetecos aqui no Almanaque Esportivo