Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts do dia 22 junho 2008

Grêmio reafirma superioridade sobre Inter em 2007

22 de junho de 2008 0

Hoje iremos falar sobre o último clássico disputado. Ano passado, no dia 16 de setembro de 2007, Grêmio e Internacional se enfrentaram pelo Segundo Turno do Campeonato Brasileiro. O Tricolor foi amplamente superior e venceu por 1×0, gol marcado pelo zagueiro Léo.

Na minha visão, o resultado foi simplesmente a síntese da temporada 2007 colorada, e comprovou a supremacia tricolor em todos os sentidos. Afinal, nas três competições do ano que gremistas e colorados disputaram, o Grêmio terminou à frente. E nos dois clássicos Gre-Nal do Brasileirão, a vitória foi gremista e incontestável.

Naquela tarde/noite, o Grêmio superou o Internacional técnica e taticamente. Abel Braga perdeu o duelo contra Mano Menezes, ao escalar um esdrúxulo 3-5-2 com o baixo volante Magal de zagueiro, Wellington Monteiro de ala-direita. No ataque, Fernandão voltava de longa parada, mas jogou até o final, mesmo tendo péssima atuação no segundo tempo.

Do lado gremista, Mano jogou em um ortodoxo 4-4-2 e aproveitou a péssima atuação da dupla de zaga colorada, Sidnei e Índio. Eles perderam todos os lances individuais e ainda cometeram erros em praticamente todas as bolas aéreas, inclusive no gol, marcado pelo zagueiro Léo aos 12 minutos do primeiro tempo. Tecnicamente, Sandro Goiano e William tiveram grandes atuações, assim como o atacante Tuta.

O segundo tempo foi tão fácil para o Grêmio que o Tricolor chegou a ser displicente, perdendo ótimas oportunidades e parando em duas grandes defesas do goleiro colorado Renan. Já o Inter, que tinha tido uma ótima chance no primeiro tempo, empilhou atacantes sem nenhuma consistência, pouco ameaçando o gol do goleiro argentino Saja. Vejam o compacto da partida:

Ao final daquela rodada, o Grêmio seguia na luta por uma vaga na Libertadores 2008. Seis pontos atrás, o Internacional só via com binóculo uma remota possibilidade de classificação, que virtualmente desapareceria nas duas rodadas seguintes, quando empatou com o Atlético-MG e perdeu para o São Paulo.

Postado por Perin, que considera o Tricolor superior em 2007

Dez defesaças de goleiros em Copa do Mundo

22 de junho de 2008 0

Hoje é dia de endeusar grandes defesas de goleiros em Copas do Mundo. Como defensor da posição, e admirador de arqueiros ao redor do planeta (dois dos meus ídolos foram Taffarel e Peter Schmeichel), estes lances são da coleção de DVD`s “Fifa Fever” (Febre de FIFA).

Nas primeiras imagens, defesas dos brasileiros Marcos e Taffarel. Na sequência selecionada do DVD, me chamou a atenção que a Bélgica teve mais um grande goleiro em Copas, Christian Piot na Copa de 1970, o antecessor dos míticos Jean-Marie Pfaff e Michel Preud`homme, que brilharam intensamente nas Copas de 82, 86, 90 e 94.

Outra bem legal é a de número 9, do goleiro norte-coreano Lee Myung no jogo contra a França. Também imagens raras do maior goleiro de todos os tempos, o soviético Lev Yashin, em um jogo contra o Chile na Copa de 1962 em Santiago.

A número 1, claro, o duelo entre o goleiro inglês Gordon Banks e o imortal brasileiro Pelé, no jogo Brasil 1×0 Inglaterra pela Copa do Mundo de 1970.

Postado por Perin, que acha goleiro melhor que centroavante