Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts do dia 18 setembro 2008

Ronaldo Nazário em seus velhos tempos

18 de setembro de 2008 1

Em 1993, Ronaldo Luís Nazário de Lima não era o “Ronaldo Fenômeno”. Também não era o “Gornaldo” e tampouco estava envolvido em lamentáveis incidentes com travestis. Era um garoto que todos chamávamos de “Ronaldinho“…

Há 15 anos atrás, o menino franzino de 16 anos era um atacante fluminense que começava a brilhar nos gramados brasileiros. Jogando pelo Cruzeiro, Ronaldo foi um dos principais artilheiros daquele Campeonato Brasileiro. Fez 12 gols em 14 partidas, só atrás de Guga (Santos, artilheiro máximo com 14 gols em 18 jogos) e Clóvis (Guarani, 13 gols em 18 jogos).

Ronaldo ainda menino no Cruzeiro

Seu auge naquela temporada foram os cinco gols sobre o Bahia, do mítico goleiro Rodolfo Rodriguez, já em final de carreira. Na goleada de 6×0, ele deu o passe para o gol de Careca Bianchesi, e fez os outros cinco.

O último foi sensacional: Ronaldo ficou escondido atrás do goleiro uruguaio. Este soltou a bola, Ronaldo roubou e marcou o gol, totalmente livre. Vejam todos os gols, na narração do saudoso FernandoTá no FilóSasso:


Vários outros lances parecidos:

Tem este ainda:

E o mais conhecido de todos(o mais antigo vídeo bizarro do meu HD):


(matéria sugerida pela leitora Mariana, obrigado pela participação!)

Postado por Perin, saudando Ronaldo ETERNO!