Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts do dia 24 setembro 2008

Lei Pelé tirou Possebon do Inter + vídeo da lesão

24 de setembro de 2008 0

Carrinho assassino do austríaco Pogatetz sobre o brasileiro Possebon

O desconhecido brasileiro Rodrigo Possebon se tornou notícia ontem após sofrer uma entrada criminosa em um jogo do Manchester United contra o Middlesbrough ontem, vitória de 3×1 pela Copa da Liga Inglesa. 

Ele saiu de campo com máscara de oxigênio e foi para o hospital, mas hoje informou-se que a lesão não é tão grave quanto o esperado. Porém Possebon ficou marcado também por ser o primeiro jogador promissor ou de destaque que o Internacional perdeu por causa da Lei Pelé. 

Muito se diz que Internacional , Atlético-PR e São Paulo foram os times que melhor se estruturaram para as profundas mudanças causadas pela Lei Pelé, em vigor desde 2001. Muitos jogadores foram contratados pelo Colorado com contratos com outros times se encerrando, vindo por preço reduzido.

Nas categorias de base, o Colorado não teve grandes problemas, com contratos longos e vendas vultosas como Alexandre Pato, Nilmar, Lúcio e Fábio Rochemback. Enquanto isto, o rival Grêmio, assim como Corinthians e Vasco da Gama, perderam inúmeros jogadores de Seleção Brasileira por valores irrisórios, como Ronaldinho, Tinga, Juninho Pernambucano, Liédson e Gilberto.

Porém o Internacional um dia perderia um jogador que se recusasse a renovar contrato e isto aconteceu com Possebon. Com cidadania italiana, o garoto se destacou em um Mundial Sub-15 observado por olheiros do Manchester United em 2005 (a Nike Premier Cup U-15) e foi analisado por dois anos pela direção do clube inglês.

Visando uma transferência, seu empresário forçou a barra pedindo valores absurdos e dizendo que ele iria para a Europa, não aceitando renovar contrato. Irritado após uma dicussão final, o então presidente Fernando Carvalho chegou a expulsar o mesmo de sua sala ainda em 2006

O jogador ficou “na geladeira” por praticamente um ano. Possebon tinha contrato até metade de 2008, mas teve sua liberação antecipada em janeiro por um valor em torno de R$ 910 mil.

O Manchester United manteve a proposta e Possebon foi anunciado, treinando desde então com os times de base do Manchester. Ele estreou no time principal na primeira rodada do Campeonato Inglês, 1×1 contra o Newcastle.

Muito elogiado pelo técnico Alex Ferguson, Possebon tem sido muito comparado com o veterano Paul Scholes. Como prêmio pelas atuações, ao invés de

Postado por Perin, horrorizado pela entrada criminosa

Que susto, hein Sir Alex Ferguson?

24 de setembro de 2008 1

Chelsea vs. Manchester United, “showdown” em Stamford Bridge no último domingo pelo Campeonato Inglês 2008/09. O jogo seguia extremamente tenso para Alex Ferguson, o legendário treinador dos “Red Devils“. De tão compenetrado na partida, Sir Alex (justiça seja feita: o banco inteiro) não percebeu quando o auxiliar Mike Phelan pegou um balão, que voava a esmo no gramado, pisou em cima e estourou.

Olhem o resultado:

 

O jogo, que terminou em 1×1, foi o primeiro clássico do técnico brasileiro Luiz Felipe Scolari no comando do Chelsea. O sul-coreano Ji-Park Sung abriu o marcador para o Manchester, mas o marfinês Salomon Kalou empatou no final do jogo para o time da casa. Os “Blues” mantiveram uma invencibilidade de quatro anos em casa pelo Campeonato Inglês, e de dois anos em todas as competições.

Postado por Perin, que fica compenetrado que nem Sir Alex

Uma volta virtual nas ruas de Cingapura!

24 de setembro de 2008 2

Traçado virtual do GP de Cingapura

Bem bacana o que a Red Bull Racing fez para o GP de Cingapura. A primeira prova de Fórmula-1 a ser disputada à noite pode ter ainda chuva. Como rigorosamente ninguém conhece a pista de rua asiática, exceto por simuladores, a RBR produziu e divulgou uma “volta virtual” na pista, comentada pelo australiano Mark Webber:


Pista que, aliás, lembra muito os traçados de Detroit e Phoenix, circuitos de rua utilizados pela Fórmula-1 no final dos anos 80 e início dos anos 90 nos Estados Unidos.

O traçado parece ser muito travado, ótimo para a Ferrari que dominou em Mônaco e Valencia. Porém se estiver frio ou chovendo, a McLaren terá vantagens…

Postado por Perin, ansioso para o final de semana