Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

GP DO JAPÃO: Show de trapalhadas dos candidatos ao título

20 de outubro de 2008 0


Desculpem pelo atraso
, mas aí vai a análise do GP do Japão de Fórmula-1, disputado na semana passada. Um final de semana na Oktoberfest em Igrejinha e uma semana atribulada me impediram de escrever sobre a prova…

Em uma corrida repleta de alternativas, com muita coisa acontecendo nas duas primeiras voltas, Fernando Alonso conquistou sua segunda vitória consecutiva na temporada, e desta vez sem contar com o fator “sorte”, e aproveitando os erros de Lewis Hamilton e Felipe Massa, que culminaram com problemas para Kimi Raikkonen. A Renault provou que tem atualmente o terceiro melhor carro da prova, e ainda deixou Nélson Ângelo Piquet, muito contestado nas provas anteriores, com um ótimo e consistente quarto lugar.

Para os líderes do campeonato, uma corrida a esquecer. Hamilton largou mal, freou pior ainda na primeira curva e espalhou, atrapalhando Kimi Raikkonen. Depois errou sozinho ao tentar passar Alonso.

Na volta seguinte, Massa errou a freada, saiu da pista e ao retornar, bateu em Hamilton. Os dois, Massa e Hamilton, foram punidos por suas respectivas bobagens. Melhor para o polonês Robert Kubica e para Alonso, que disputaram a vitória, decidida entre eles na primeira parada nos boxes. Raikkonen, em uma recuperação tardia, fez uma bela prova e chegou em terceiro lugar.

Se Nelsinho foi muito bem, Rubens Barrichello teve mais uma corrida execrável no cágado ambulante da Honda. Largou mal e ficou a corrida inteira na rabeira, se arrastando até o final da prova.

Buenas, vamos aos prêmios do final de semana:

Troféu “Jim Clark”Fernando Alonso. O bicampeão mundial segue dando show, correndo sem compromisso mas com talento de sobra. Menção honrosa para Nélson Ângelo Piquet e para Robert Kubica, que fizeram belas corridas.

Troféu “Rouge & Blanc” – Para Felipe Massa, pela magnífica e ousada ultrapassagem sobre Mark Webber no final da prova.

Troféu “Dick Vigarista” – Para Felipe Massa, pela burrice do toque com Lewis Hamilton. Menção (des)honrosa para Webber, que jogou Massa para cima da saída dos boxes.

Troféu “Fiofó de Ouro” – Para David Coulthard, que em sua antepenúltima prova da carreira deu uma porrada forte no muro e não se machucou.

Troféu “Chris Amon” – Para Adrian Sutil e Timo Glock, os alemães que vinham muito bem mas quebraram no final.

Troféu “Porquê Não Fiquei Com Minha Boca Fechada” – Para ninguém, não falaram nada demais nos últimos dias…

Troféu “Didi Mocó Prize for Technical Achievements” – Para Lewis Hamilton, que cometeu os mesmos erros primários que lhe custaram o título de 2007.

Troféu “Porquê Não Fiquei Com Minha Boca Fechada” – Para ninguém, não falaram nada demais nos últimos dias…

A corrida seguinte (que na real já aconteceu e teve sua análise destrinchada ontem aqui no Almanaque Esportivo) seria na bela pista de Xangai: o GP da China.

Todos esperavam um passeio das Ferraris, mas não foi o que aconteceu…

Envie seu Comentário