Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Pontos corridos no último jogo, parte I

27 de novembro de 2008 0

Ontem falamos de reações espetaculares em campeonatos de pontos corridos. Hoje o assunto é “últimas rodadas dramáticas”, temporadas nas quais um longo campeonato terminou sendo decidido nos instantes finais.

Para manter viva a esperança gremista, hoje duas histórias da Alemanha, amanhã uma da Argentina e outra da Itália. Na quinta-feira, a história mais sensacional: a decisão do Campeonato Inglês de 1989 entre Arsenal e Liverpool.


1992 – Borussia Dortmund, Eintracht Frankfurt e Stuttgart

O Campeonato Alemão começou a ser transmitido em 1991 pela TV Cultura. As transmissões da TV Alemã eram inovadoras na época, com super câmeras de slowmotion e placares ao vivo na tela no instante dos gols. Naquela época, o brasileiro Dunga jogava no Stuttgart, enquanto o Eintracht tinha como estrela o liberiano Anthony Yeboah e o Borussia o suíço Stepháne Chapuisat. E aconteciam dúzias de gols nos minutos finais, e isto se repetiria até o instante derradeiro da temporada…


Depois de liderar por grande parte da competição, o Borussia tinha perdido a liderança para o surpreendente Eintracht antes de quatro rodadas. Faltando duas rodadas, a equipe de Frankfurt tinha vantagem no saldo de gols e liderava por pontos.

Na penúltima rodada, o Eintracht empatou com Werder Bremen, o mesmo com o Stuttgart contra o Wattenscheid. Ao bater o Bayer Leverkusen por 3×1, o Borussia se igualava aos outros dois: 50 pontos. Na ordem de saldo de gols: Stuttgart, Eintracht e Dortmund.


RODADA FINAL

Hansa Rostock x Eintracht Frankfurt

Duisburg x Borussia Dortmund

Bayer Leverkusen x Stuttgart


A decisão teve 3 campeões e 6 mudanças de posição em 90 minutos (o jogo do Stuttgart começou por último e o do Borussia primeiro):

  1. 0 minutos de jogo – Eintracht, Stuttgart e Borussia.
  2. 9 minutos de jogo – Gol do Borussia - Dortmund, Eintracht e Stuttgart
  3. 20 minutos – Gol do Leverkusen - Dortmund, Eintracht e Stuttugart
  4. 43 minutos – Gol do Stuttgart - Dortmund, Eintracht e Stuttgart
  5. 18 do 2° tempo – Gol do Hansa - Dortmund, Stuttgart e Eintracht
  6. 21 do 2° tempo – Gol do Eintracht - Dortmund, Eintracht e Stuttgart
  7. 43 do 2° tempo – Gol do Hansa – Dortmund, Stuttgart e Eintracht
  8. 45 do 2° tempo – Gol do Stuttgart – STUTTGART (campeão), Dortmund e Eintracht!

FINAL

Hansa Rostock 2×1 Eintracht Frankfurt

Duisburg 0×1 Borussia Dortmund

Bayer Leverkusen 1×2 Stuttgart


2001 – Schalke 04 e Bayern de Munique – Título decidido nos acréscimos


Depois de perder um título europeu para o Manchester United nos acréscimos, a poderosa equipe de Ottmar Hitzfeld chegava a mais um título nacional, desta vez também depois dos 90 minutos… Uma semana depois, o Bayern seria campeão europeu ao bater o Valencia nos pênaltis.


Também na Alemanha, mas em 2001, o Schalke 04 disputava o título com o Bayern de Munique. Virtualmente sem chances, o time de Gelsenkirchen precisava vencer o fraco Unterhaching e torcer por uma derrota do Bayern de Munique para o Hamburgo, fora de casa. Na época eu trabalhava no extinto site FutBrasil e era minha responsabilidade cobrir esta decisão.


Pois bem, o Schalke perdia por 3×2 em casa, enquanto o Bayern empatava em 0×0 com o Hamburgo faltando 25 minutos e era campeão. Eu fazia a matéria do título do Bayern, quando fui verificar de novo os places.


Pois bem, nos instantes finais, o Schalke enfiou três gols seguidos e fechou o jogo por 5×3. No exato instante que a partida terminava em Gelsenkirchen, o Hamburgo fez 1×0 nos acréscimos, gol do bósnio Sergej Barbarez. Eu apaguei quase tudo e voltei a fazer a matéria, já enaltecendo a incrível sorte do Schalke. Seria o primeiro título em décadas da maior torcida alemã.


Porém inacreditavelmente, aos 49 minutos do 2° tempo, o goleiro do Hamburgo fez a besteira de pegar com a mão um recuo da zaga. Na cobrança do tiro livre indireto, o zagueiro sueco Patrik Andersson fez o gol, empatou o jogo e deu o título para o Bayern de Munique.


E vai lá o tio Perin aqui fazer pela TERCEIRA VEZ a matéria do título, e toda a repercussão posterior… Vejam os últimos seis minutos daquela noite em Hamburgo:


Quinta-feira: o inesquecível Campeonato Inglês de 1989

Envie seu Comentário