Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Posts do dia 24 agosto 2009

Seleção do Brasileirão 2009 (até agora)

24 de agosto de 2009 43

Gostei da idéia do Eduardo Cecconi em seu genial “Preleção“, e vou escalar a minha seleção do Campeonato Brasileiro, primeiro turno. Ao contrário dele, vou fazer no ortodoxo 4-4-2, pois vi menos zagueiros com destaque na Série A do que ele. E não coloco ninguém que foi pro exterior.

Após Santos x Internacional, quando os times oficialmente fecham o primeiro turno e todos terão números iguais de jogos dentro e fora de casa, mandarei curiosidades estatísticas e também minhas impressões sobre os times do Brasileirão até aquele momento.

 

OBSERVAÇÕES: eu não revisei antes de postar, leiam este post. Minha seleção tinha Réver e Sorondo, e a Seleção do Brasileirão era só com o Réver.

 

AGORA: Eduardo Martini SIM. O Victor é um golerio muito melhor que ele, mas o Eduardo Martini foi ótimo pro Avaí toda a competição, enquanto o Victor só voltou a velha forma nos últimos 5 jogos.

Eu vi jogos do Avaí (vários, é o time que joga um futebol mais atraente) e sei do que estou falando. Eduardo Martini foi um goleiro marcado por uma ruindade histórica ao longo de QUASE toda a carreira, mas seus últimos 18 meses tem sido excepcionais.

Como bem disse o Cecconi, boa parte dos internautasnão consegue separar: `melhor jogador` de “jogador que vem jogando melhor”

Meu time seria:

Eduardo Martini (Avaí); Apodi (Vitória), Réver (Grêmio) (estava errado, escrevi Sorondo – Grêmio), Danilo (Palmeiras), Júlio César (Goiás); Sandro (Internacional), Pierre (Palmeiras), Cleiton Xavier (Palmeiras) e Leandro Domingues (Vitória); Marcelinho Paraíba (Coritiba) e Fernandinho (Barueri). Treinador: Silas (Avaí)

A Seleção Gre-Nal + Avaí do 1º turno seria:

Eduardo Martini (Avaí); Mário Fernandes (Grêmio), Sorondo (Internacional), Réver (Grêmio) (estava errado, escrevi Rafael Marques) e Kléber (Internacional); Sandro (Internacional), Léo Gago (Avaí), Souza (Grêmio) e Andrezinho (Internacional); Muriqui (Avaí) e Máxi López (Grêmio). Treinador: Silas (Avaí)

Apenas algumas observações sobre opiniões mais radicais:

Eduardo Martini (Avaí): O Eduardo Martini teve atuações espetaculares em pelo menos quatro jogos que eu vi do time. Mesmo o Victor sendo um goleiro fora de série e merecedor de Seleção Brasileira (algo que o avaiano não o é), é Martini quem tem feito mais a diferença para seu time.

Muriqui: Taison, Jonas e Herrera estão bem abaixo do jogador avaiano
Mário Fernandes: Joílson, Bolívar, Danilo Silva? Neim… E o Avaí joga com um atacante aberto por ali…

Postado por Perin, escalando sua seleção do Brasileirão…

Grêmio repete brilho de 2008 no Olímpico

24 de agosto de 2009 5

Grêmio segue imbatível em seus domínio/Daniel Marenco, grupo RBS

Se as partidas fora do estádio Olímpico são motivo de pavor para a torcida do Grêmio, o inverso ocorre em jogos em Porto Alegre. Repetindo a temporada 2008, o Tricolor completa um turno inteiro sem perder em casa pelo Campeonato Brasileiro. Além disto, não perdeu nenhuma outra partida, por competição alguma na temporada. Ontem, o tricolor conseguiu mais uma goleada no Olímpico: 4×1 no Atlético-MG.

São nove vitórias e dois empates, com 32 gols marcados e somente dez sofridos. Foi a quinta goleada em casa: 3×0 no Corinthians e 4×1 no Atlético-MG, Atlético-PR, Cruzeiro e Flamengo.

A campanha é superior à de 2008, quando o Tricolor obteve oito vitórias e três empates nos primeiros onze jogos no Olímpico. A diferença é o poderio ofensivo: ano passado fez dezesseis, somente a metade dos gols de 2009. A defesa levou seis em 2008, contra dez este ano.

A última derrota foi há quase um ano, quando levou 2×1 do Goiás de virada. Aliás, foi o mesmo Goiás que quase repetiu o feito este ano, quando novamente vencia por 2×1 no Olímpico mas um gol salvador de Máxi López impediu a derrota tricolor em casa.

As melhores campanhas em casa nos Brasileiros de pontos-corridos ocorreram em 2008 e 2003, quando Grêmio e Cruzeiro só perderam um jogo em casa.

Postado por Perin, com dados do I.P.E.