Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

GP DA EUROPA: Enfim, a 100° vitória brasileira!

07 de setembro de 2009 0

As 100 vitórias brasileiras/Blog `Voando Baixo`, GloboEsporte.com

Finalmente saímos da 99° vitória. Desde o triunfo de Felipe Massa no GP do Brasil ano passado, a centésima vitória não tinha chegado nem perto de ocorrer na temporada 2009. Mas Rubens Barrichello, em uma corrida perfeita na tática dos boxes e em seu desempenho na pista, triunfou de maneira soberana em Valencia e conquistou a centésima vitória. Melhor ainda, tirou bastante diferença para seu companheiro Jenson Button e voltou à briga do campeonato.

A corrida em si foi boa (melhor que a chatice do ano passado), e Lewis Hamilton esteve muito próximo da vitória. Mas um grande desempenho de Rubinho no segundo `stint` somado a um erro da McLaren nos boxes eliminaram as chances de vitória do atual campeão mundial. Bela corrida de Nico Rosberg com sua evoluída Williams. Pena que corre sozinho, já que o Nakajima…

Lista completa de prêmios aqui:
ALMANAQUE ESPORTIVO – PREMIAÇÕES ESPECIAIS F-1 2009

Troféu “Jim Clark” – Rubens Barrichello, sem dúvida o melhor da prova. Menção honrosa para a bela prova da McLaren..
Troféu “Rouge & Blanc” – Fernando Alonso, que se esforçou a prova inteira correndo em casa.
Troféu “Chris Amon” – Lewis Hamilton, que deixou de brigar pela vitória por causa de uma trapalhada da equipe na segunda parada de boxes.
Troféu “Fiofó de Ouro” - Para Rubinho, que viu os rivais Vettel e Webber mal, enquanto Button fez uma corrida patética.
Troféu “Didi Mocó Prize For Technical Achievements” - Para Luca Badoer, que só deu vexame na prova e os treinos. Simplesmente patético. Menção honrosa para os mecânicos da McLaren e da RBR que erraram em paradas.
Troféu “Porquê Eu Não Fiquei Com Minha Boca Fechada” - Pessoal se comportou.
Troféu “Dick Vigarista” - Ninguém, as manobras foram comportadas.

Fim do jejum de Rubinho, que durava quase cinco anos (dados do Blog do Capelli):

OS MAIORES:
1º Riccardo Patrese – 6 anos, 6 meses e 28 dias – África do Sul/1983 – San Marino/1990
2º Bruce McLaren – 6 anos e 6 dias (Mônaco/1962 – Bélgica/1968)
3º Jack Brabham – 5 anos, 10 meses e 19 dias (Portugal/1960 – França/1966)
4º Mario Andretti – 5 anos, 7 meses e 18 dias (África do Sul/1971 – Japão/1976)
5º John Watson – 4 anos, 11 meses e 3 dias (Áustria/1976 – Inglaterra/1981)

Postado por Perin, que viu 70% das vitórias brazucas!

Envie seu Comentário