Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Disputa de pênaltis da dupla desde 1994 - Internacional

08 de abril de 2010 7

Depois da sofrida classificação do Internacional ontem sobre o Novo Hamburgo na disputa de pênaltis, resolvi relembrar todas as disputas nos últimos anos envolvendo a dupla Gre-Nal. Amanhã publico sobre o Grêmio.


Porquê escolho este ano de 1994? A opção é puramente acidental, já que não tenho memória nem dados do período antes disto (do Gauchão) e eu voltei a morar no RS justamente neste ano. Antes disto, tivemos disputa de pênaltis importantes em 1989 (derrota na semifinal da Libertadores para o Olímpia) e 1992 (vitória sobre o Grêmio na Copa do Brasil).

Se lembrarem de alguma, em torneios OFICIAIS, mandem!

CLASSIFICAÇÕES COLORADAS

  • Internacional 2 (3) x (2) 0 Santos, Copa do Brasil 1997
  • Internacional 2 (4) x (1) 2 Glória, Gauchão 2004
  • Internacional 1 (4) x (2) 1 Figueirense, Copa Sul-Americana 2004
  • Novo Hamburgo 3 (4) x (5) 3 Internacional, Gauchão 2010

ELIMINAÇÕES COLORADAS

  • Internacional 1 (3) x (5) 0 América-MG, Copa do Brasil 1998
  • Paulista 1 (4) x (2) 0 Internacional, Copa do Brasil 2005

Algumas curiosidades dos confrontos colorados:

  • A derrota de 1998 ficou marcada pelo pênalti desperdiçado por Enciso. A bola bateu em uma trave, correu sobre a linha, bateu na outra trave e nas costas do goleiro Gilberto, sem entrar.
  • O triunfo de 1997 pela Copa do Brasil ficou marcado pelas três defesas do arqueiro André.
  • Em 2004, o Inter fez um péssimo jogo contra a sensação Glória, do técnico Bagé. Chegou a estar perdendo na prorrogação. Venceu nos pênaltis e tirou a chance de uma final 100% dos pequenos (a Ulbra foi a outra finalista depois de despachar o Grêmio).
  • Uma das mais surpreendentes disputas foi de 2004 na 1º fase da Copa Sul-Americana. O Inter levou o gol de empate do Figueirense no último minuto. Mas nos pênaltis venceu facilmente.
  • O jogo mais famoso foi o de 2005, quando o futuro campeão Paulista de Jundiaí eliminou o Inter em disputa de penalidades. E nem uma tenebrosa bobagem de Djalma Beltrami (sim, o mesmo juiz fraco de sempre, que no final daquele mesmo ano ano faria outro desastre na “Batalha dos Aflitos“). Perdigão cobrou, a bola bateu no travessão e dentro do gol, mas o árbitro não viu. O bandeirinha viu e assinalou, mas o juiz, depois de invasão de campo da torcida do Paulista, não voltou atrás.

Comentários (7)

  • Teddy diz: 8 de abril de 2010

    Só faltou tu te lembrar de dizer que aquele jogo Inter x Glória foi mais um dos assaltos que o Sr. Simon praticou contra o Glória. Aquele foi o famoso jogo que o Simon deixou de dar um penalti CLARO pro Glória quando o jogo estava no tempo normal, e depois, já perto do final, INVENTOU um penalti pro Inter poder empatar.

    Me lembro até do sala de reação do dia seguinte: O presidente do Glória chegou a ligar ao vivo para o programa, para dizer que após aquilo, estava largando o futebol.

    EDITADO: o pênalti contra o Glória foi bem marcado para mim, especialmente no ângulo que estava no estádio (dentro de campo). O pênalti NÃO marcado este sim eu achei um erro.

  • Érico Ferreira diz: 8 de abril de 2010

    1987(?)Decisão do 1º turno do Gauchão – Inter venceu Grêmio

    1989 – Final do Gauchão – Grêmio vence inter ( mas isso pq o regulamento mandava decidir por penaltys todo jogo que terminasse empatado, lembra?)

    E teve um brasileirão que foi disputado dessa forma, não lembro se o de 88 (anterior a esse gauchão) ou o de 1989.

    Quanto ao grêmio, lembro que em 1993 o grêmio ganhou do Bragantino nos penaltys em 1993, jogo válido pela Conmebol, uma vitória nos penaltys sobre o Palmeiras em 1993, pela Copa do Brasil, e tb, de uma vitoria e derrota nos penaltys para o River, pela Supercopa (89 e 91, respectivamente).

    Devo ter esquecido alguma coisa…

  • Israel Mosar diz: 8 de abril de 2010

    Alexandre, não te esqueça que em disputa de pênaltis, quando a bola bate na trave, volta para frente e bate no goleiro e entra, o gol não é válido.

  • Volnei Perini diz: 8 de abril de 2010

    O inter eliminou o Grêmio nos penaltis numa copa do brasil. Estou errado?

    EDITADO: correto, em 1992 nas quartas-de-final. Foi 3×0 após dois 1×1 no tempo normal

  • Claudio diz: 8 de abril de 2010

    Israel estás errado, o gol é válido, já vi várias vezes isso acontecer. O que não é válido e o rebote, pois o atacante só pode dar um toque (= chute), quando a decisão é por penalidades máximas.

  • Israel diz: 9 de abril de 2010

    Caro Cláudio, quem está errado é o árbitro que valida o gol. Vide a decisão entre Brasil e França em 86, em que o árbitro validou errôneamente o gol, onde a bola bateu na trave, nas costas do Carlos e depois entrou. Foi o maior erro daquela copa.

    EDITADO: Israel e Claudio, eu não tenho opinião formada. Sei que o gol em 1986 foi irregular na época, mas tenho a vaga impressão de que esta regra foi alterada pela Board. Vou pedir ajuda para os universitários, no caso o Chico Garcia.

  • Érico diz: 9 de abril de 2010

    Creio que, o gol de 1986, foi regular, tanto na época como na regra atual.

Envie seu Comentário