Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Ranking de Eleições - As maiores eleições do futebol brasileiro

09 de novembro de 2010 2

Confira agora as maiores eleições da história do futebol brasileiro. Isto inclui eleições majoritárias para presidência dos grandes clubes do país e também eleições para os Conselhos Deliberativos.

A dupla Internacional e Grêmio, com os maiores quadros de associados do país, possuem seis sete das dez maiores eleições do futebol brasileiro, incluindo as quatro cinco primeiras. Isto já era esperado, com o último pleito colorado sendo o mais expressivo de todos, com 7.473 votos.

Em quinto sexto lugar, surpreendentemente, está o Sport, que mobilizou quase 3.500 associados em 2008. Com a eleição do Conselho Deliberativo do Grêmio em 11 de setembro, os dados sobre eleições diretas no futebol brasileiro mudaram um pouco. Santos e Flamengo completam esta sequência, enquanto Atlético-PR e São Paulo não fizeram eleições diretas (outros clubes com um expressivo número de sócios)

A eleição presidencial do Internacional dia 04 de dezembro, com votos por correspondência e 47 mil aptos, deve obliterar os números anteriores.

RANKING DAS MAIORES VOTAÇÕES – atualizado até 09/11/2010

  1. Internacional – 2008 – 7.473 votos – Reeleição de Vittorio Píffero
  2. Grêmio – 2008 – 5.365 votos – Eleição de Duda Kroeff
  3. Internacional – 2001 – 4.171 – Eleição de Fernando Carvalho
  4. Internacional – 2004 – 3.977 votos – Reeleição de Fernando Carvalho
  5. Internacional – 2006 – 3.500 votos – Renovação do Conselho Deliberativo (OBS: correção enviada por Caio de Santi)
  6. Sport – 2008 – 3.457 sócios – Eleição de Sílvio Guimarães
  7. Grêmio – 2010 – 3.063 votos – Renovação do Conselho Deliberativo
  8. Santos – 2009 – 3.204 votos – Eleição de Luís Álvaro de Oliveira Ribeiro
  9. Grêmio – 2004 – 2.427 votos – Eleição de Paulo Odone
  10. Flamengo – 2001 – 2.367 votos – Eleição de Edmundo Santos Silva

OBS: estes números podem ser atualizados, basta que os internautas enviem os dados com fontes jornalísticas.

Comentários (2)

  • Mário Gayer do Amaral diz: 14 de novembro de 2010

    Olá, amigo Perin.

    Não precisa mais se entristecer pelas maracutaias do Fernando Alonso, pois a justiça foi feita hoje.

    O Vettel foi campeão e a Red Bull deu uma bela lição de moral no Cavallino Rampante.

    Você viu a cara do Alonso hoje? e mostrou que é um palhaço mesmo em não cumprimentar o Vettel e ainda teve a cara-de-pau de xingar o Petrov por tê-lo fechado limpamente. Qual é a dele!!!

    Por isso que eu queria fazer um pedido a ti, amigo Perin.

    Se tu não quiseres mais fazer as Premiações Especiais da F1, tudo bem, eu te entendo. Mas não podes deixar passar esse momento glorioso que por instantes, nos fez voltar ao tempo da F1 de antigamente onde a justiça e a lisura do esporte era respeitada.

    E graças a Vettel, a Webber e a Red Bull que no final, o bem venceu o mal, Perin.

    E a justiça pode até tardar mas nunca costuma falhar, meu amigo.

    Gostaria que tu fizesse um post sobre esse título do Vettel, que representou a vitória da honestidade e da atitude de um campeão de verdade.

    É esse o meu pedido.

    Até a próxima.

  • admin diz: 15 de novembro de 2010

    Eu ia voltar a escrever ano que vem… Mas depois da justiça feita hoje, escreverei na segunda-feira.

Envie seu Comentário