Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Disputas de pênaltis ao longo da história - Internacional (com vídeos!)

09 de maio de 2013 4

O Internacional se sagrou campeão gaúcho no último domingo ao bater, nos pênaltis, o Juventude por 4×3, levantando o tricampeonato estadual. Repetindo 2011, quando conquistou o Gauchão na disputa de pênaltis contra o Grêmio, o título veio nas mãos de um goleiro: Muriel, que repetiu Renan e defendeu a cobrança decisiva.

Muriel pega o pênalti decisivo do tricampeonato - Foto: Ricardo Duarte/Zero Hora

Ao longo da história, foram 28 disputas, contabilizando-se apenas jogos oficiais e divididos assim: Campeonato Gaúcho (13), Copa do Brasil (4), Brasileirão (9 ), Copa Sul-Americana (1) e Copa Libertadores (1).

O Internacional venceu em 19 oportunidades: Campeonato Gaúcho (10), Copa do Brasil (2), Brasileirão (5) e Copa Sul-Americana (1). As derrotas: Campeonato Gaúcho (3), Copa do Brasil (2), Brasileirão (4) e Copa Libertadores (1).

VITÓRIAS COLORADAS NOS PÊNALTIS (19)


DERROTAS COLORADAS NOS PÊNALTIS


ALGUMAS CURIOSIDADES

  • No Brasileiro de 1988 e no Gauchão de 1989, jogos terminados em empate eram decididos em disputas de pênaltis. Por isto tantas repetições nestas duas competições.
  • O Inter se sagrou campeão nos pênaltis em 2011 no Gauchão e 2013, também no Gauchão.
  • Em compensação, perdeu o título na derrota de 1989 no Campeonato Gaúcho.
  • Nesta competição, o Colorado venceu seis disputas. Só não podia perder a que perdeu, na última rodada do hexagonal final contra o Grêmio.
  • A derrota mais significativa foi de 1989, quando o Internacional perdeu nos pênaltis a semifinal da Libertadores contra o paraguaio Olímpia, depois de já perder no tempo normal por 3×2, com direito a pênalti desperdiçado pelo artilheiro colorado Nílson com o marcador em 2×2.

VEJA TAMBÉM

Comentários (4)

  • felipe detanico diz: 10 de maio de 2013

    A maioria destas disputas em gauchao e brasileirão não eram decisivas e sim uma regra instituida pela CBF em que em caso de empate no tempo normal a partida iria para os penaltis e os pontos serim distribuidos assim – vitória tempo normal 3 pontos, vitoria nos penaltis 2 pontos, derrota nos penaltis 1 ponto e derrota tempo normal 0 pontos. regra criada depois da derrota na copa do méxico nos penaltis para França. Portanto muitos destes jogos não eram decisoes ( mata-mata) e sim jogos de turno.

  • Felipe Detanico diz: 10 de maio de 2013

    Me corrija na questão dos pontos, pois esta é minha dúvida

  • André Luiz Freitas diz: 11 de maio de 2013

    em grnais, 4×1 para o inter

Envie seu Comentário