Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

O trem de Osório

01 de novembro de 2011 2

Viajar de trem tornou-se algo raro, quase exótico. Mas a ferrovia já foi importantíssima para levar cargas e pessoas. Na primeira metade do século passado, por exemplo, as cidades de Osório e Palmares do Sul tiveram sua ligação por via férrea, construída em 1921 pelo STPT (Serviços de Transportes entre Palmares do Sul e Torres) para complementar o transporte lacustre entre Torres e Osório.

Foto: a estação Urbana nos anos 1940. Foto: acervo do APASF

O trecho de 53 quilômetros, com cinco estações (na foto, a Urbana, no centro de Osório), era percorrido em quase três horas por locomotivas com vagões de passageiros, cargas, gado e lenha.

O complexo lacustre-ferroviário foi desativado no início da década de 1960, quando o país passou a investir maciçamente na construção e na utilização de rodovias. Pouco sobrou daquela época: uma das locomotivas, a 203, foi salva da sucata pelo empresário Lauro Febernatti e atualmente se encontra no parque Pampas Safari, em Gravataí.

A locomotiva 203 em ação. Foto: Dietz, reprodução

A locomotiva 203 em Gravataí. Foto: Rossano Teixeira, divulgação

Recentemente, o município de Osório construiu uma réplica da Estação Urbana, no centro da cidade, e espera agora poder repatriar a 203 e um elo com seu passado.

Museu da Estação Urbana, em Osório. Foto: Tiago Trespach, divulgação

Você lembra da linha de trens entre Osório e Palmares? Comente.

(Colaborou Rodrigo Trespach)

Comentários (2)

  • nadir luiz beckeer diz: 10 de agosto de 2013

    Nasci em dez de 1942 em Morro Azul então município de Torres, quando criança lembro das viagens de meus pais Luiz Francisco Becker e Benta Rufina Becker faziam de barco para Porto Alegre através das lagoas que ligam Torres a Osorio, e de trem à Palmares e de Vapor desta para a capital. Eu tinha muito medo, pois havia muitos naufrágios com as constante mudança dos ventos.

  • Alberto Severo diz: 1 de dezembro de 2013

    Num período de férias que passei em Osório, nos anos 44 ou 45, andei no trem dentro de Osório. Tinha eu 8 ou 9 anos. Tenho lembrança que a “locomotiva” naquela época já não era a vapor; era com motor a gasolina. A linha férrea me pareceu de bitola menor que 1 metro e os trilhos eram do tipo leve, parecido com os usados para vagonetas de minas.
    Havia transporte público ou regular pelas lagoas de Osório para Torres?

Envie seu Comentário