Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Frase do dia: Buñuel

22 de fevereiro de 2013 0

Foto: reprodução

O surrealismo literário de André Breton inspirou artistas de outras linguagens, e um dos mais importantes deles é o cineasta hispano-mexicano Luis Buñuel (1900-1983), cujo nascimento completa hoje 113 anos. Diretor de filmes como A Bela da Tarde (1967) e O Discreto Charme da Burguesia (1972), ele é reconhecido como um dos criadores mais impactantes e originais do cinema do século 20, apostando em uma obra que refletia sua personalidade transgressora e provocativa.

Essa intenção artística ficou evidente logo no primeiro filme de Buñuel, Um Cão Andaluz (1929), com 17 minutos de duração e pelo menos uma cena chocante: um olho sendo cortado com uma navalha. O curta, com colaboração do pintor Salvador Dalí, garantiu ao jovem cineasta o respeito de outros grandes artistas, com quem passou a conviver em Paris – como Magritte, Max Ernst e o próprio Breton.

Nascido no interior da Espanha, Buñuel morou em diferentes países ao longo da vida – especialmente a França, onde começou sua trajetória, e o México, onde morreu em decorrência de um câncer. “O mistério é o elemento-chave em toda obra de arte” é a frase reproduzida no Almanaque Gaúcho desta sexta-feira.

Envie seu Comentário