Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Cem anos de estudo

06 de julho de 2013 0

Este domingo, dia 7, é data histórica na educação gaúcha. É quando a Escola Estadual de Ensino Fundamental Rivadávia Corrêa, que seria a primeira escola pública da cidade de Santana do Livramento, vai completar um século de existência. Em 1913, com o nome de Colégio Elementar, a instituição começou a funcionar em um prédio alugado, contando com cinco professores para atender 212 alunos.

Uma turma de alunos com o primeiro uniforme da escola, em 1913. Foto: Shamy dos Reis, Ponto Photo, divulgação

O prédio atual, em estilo arquitetônico português colonial com traços romanos, foi concluído entre 1917 e 1920.

A comunidade escolar abraça o edifício, em 1936. Foto: Shamy dos Reis, Ponto Photo, divulgação

Ao longo das décadas, a escola passou por reformas, chegou a emprestar salas de aula para outros colégios e também teve diferentes nomes. A homenagem ao político santanense Rivadávia da Cunha Corrêa (1866-1920) – ministro da Justiça e Interior de 1910 a 1913 e, depois, titular da pasta da Fazenda – foi oficializada em 1940.

Rivadávia da Cunha Corrêa. Foto: reprodução

Hoje com 44 professores e cerca de 700 alunos, a escola tem turmas do 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental, além de aulas noturnas na modalidade de Educação de Jovens e Adultos.

Aspecto atual da fachada da escola. Foto: acervo Escola Rivadávia Corrêa

(colaborou Ida Larruscain)

Envie seu Comentário