Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Batalha do Carajazinho é relembrada 90 anos depois

25 de outubro de 2013 1
Uma placa e uma cruz colocadas em 2007 assinalam o local da sangrenta Batalha do Carajazinho. Foto: Rui Gonzalez, Arquivo Pessoal

Uma placa e uma cruz colocadas em 2007 assinalam o local da sangrenta Batalha do Carajazinho. Foto: Rui Gonzalez, Arquivo Pessoal

 

Para quem vê esta quieta paisagem na fazenda São João Mirim, propriedade de Laida Kruel, no município de Eugênio de Castro, próximo a Santo Ângelo, fica difícil imaginar que esse mesmo cenário foi o palco da Batalha do Carajazinho, ocorrida 90 anos atrás, no dia 17 de outubro, durante a Revolução de 1923. Uma placa e uma cruz, colocadas em 2007, são o único registro visual, mas as histórias são muitas. Após o sangrento combate, os corpos de maragatos e chimangos, comandados respectivamente por Honório Lemes e José Antonio Flores da Cunha, teriam sido jogados na lagoa. Uma simulação da peleia, uma bênção e pronunciamentos marcaram a data do confronto, relembrado sábado último.

Colaborou Rui Gonzalez

 

A forte estiagem de 2012 quase secou a histórica lagoa.
Foto: Rui Gonzalez, Arquivo Pessoal

 

Comentários (1)

  • Marcelo Xavier diz: 25 de outubro de 2013

    Dois dias depois, ocorreria a batalha da ponte do Ibirapuitã, onde o general Flores foi vitorioso, embora com a perda do irmão dele, Guilherme. Acho que o duelo entre ele e o Honório foi o momento mais dramático de 23. Esses combates compreendem o movimento de retirada do Leão do Caverá, que culminou no massacre de São Chico, pouco antes do fim da guerra.

Envie seu Comentário