Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Resultados da pesquisa por "estrela azul"

Estrela Azul mantém técnico para o Municipal

02 de junho de 2016 Comentários desativados

Nádio vai preparar a equipe para o Estadual  Foto: Leonardo Cardoso

Nádio vai preparar a equipe para o Estadual Foto: Leonardo Cardoso

Em conversa com o dirigente e torcedor do Estrela Azul, Fábio Pelegrini, que conquistou a Copa Interligas, ele confirmou a manutenção do técnico Nádio Rachadel no comando da equipe para o Municipal de Santo Amaro da Imperatriz. Mesmo assim, ele afirmou que não terá como segurar a maioria dos jogadores.

_ Perderemos alguns atletas, porque eles estão valorizados e pretendem disputar outras competições. Quem for da nossa região deve permanecer, mas ainda não pensamos no Estadual. Por enquanto, só queremos comemorar _ revelou o homem do futebol do Estrela Azul.

No próximo dia 11, a equipe do bairro Sul do Rio promove um jantar dançante em comemoração ao título inédito.

Estrela Azul é campeão da Copa Interligas 2016

29 de maio de 2016 Comentários desativados
estrela_azul_campeão

Time de Santo Amaro fez a festa em casa. Foto: Marcus Bruno/Ag.RBS

Por Marcus Bruno

Nem a chuva e nem a lama afastaram os moradores de Santo Amaro da Imperatiz do campo de Longino Horstmann neste domingo, onde o Estrela Azul conquistou o primeiro título no torneio Interligas, que reúne os melhores times do futebol amador da Grande Florianópolis. A equipe da casa bateu o Fundos de Biguaçu por 1×0. O visitante era favorito por ter vencido o então campeão Grêmio Cachoeira nas semifinais. Até por isso, a conquista foi tão celebrada pelos jogadores e comissão técnica.

— Esse título foi uma benção, porque deixou a cidade feliz. E eu estou muito contente por ter feito o gol do título – comemorou o atacante Marcelo Silva, o Marcelinho. O heroi da partida começou a carreira no Figueirense, teve destaque no Joinville e hoje, aos 37 anos, brilha no futebol amador.

Mas o jogo começou complicado para o campeão. Havia parado de chover há poucos instantes do início da partida, e o campo estava pesado. O time de Biguaçu entrou pressionando e forçou o Estrela a cometer duas faltas na entrada da área. As duas cobranças foram perigosas. O adversário ainda teria uma chance clara: em uma bola cruzada na pequena área do Estrela, Higor sozinho com o goleiro chutou para fora.

A equipe da casa só teve uma chance, aos 17 minutos, com um chute cruzado do jogador Diego, espalmado pelo goleiro. Mas nos minutos finais, o Estrela Azul conseguiu reter a bola e fazer pressão. Com isso dois defensores do Fundos fizeram falta e levaram cartão amarelo: Ricardo e Carlos Alberto. A primeira etapa foi marcada por muita reclamação contra o árbitro Rodrigo David da Silva.

No segundo tempo, a chuva apertou. Isso não atrapalhou Marcelinho, que balançou as redes logo aos 4 minutos num chute rasteiro. Depois do gol, o time da casa segurou o jogo. Nos quase 30 minutos seguintes, não houve chances claras de nenhuma equipe, mas sim muitas faltas no gramado enlamaçado e substituições. Foram três trocas feitas pelo Fundos e quatro pelo Estrela.

Essas mudanças fizeram bem aos visitantes, que nos minutos finais puseram muita pressão, deixando a torcida aflita e impaciente.  Foram três boas chances quando o cronômetro já chegava aos 40 minutos. Teve um chute forte de fora da área defendido pelo goleiro, outro chute perigoso para fora e a última oportunidade foi do jogador Jonatan, o Playboy, que arriscou uma puxeta dentro da área. Mas já era tarde. O árbitro apitou para o centro de campo, que logo foi invadido pelo banco e diretoria do Estrela.

— A emoção é muito grande de entregar o título não só para o Estrela Azul, mas para todo o município. Para mim, foi o auge da minha carreira. Obrigado Santo Amaro por me dar a oportunidade de estar aqui — celebrou Nádio Rachadel, treinador da equipe campeã.

Já anoitecia quando os jogadores davam a volta olímpica com a taça do Interligas. A festa seguiu no Longino Horstmann com churrasco, cerveja e carros de som. Este ano, o troféu fica em Santo Amaro da Imperatriz.

Estrela Azul encara o desfalcado Fundos na final da Interligas

21 de maio de 2016 Comentários desativados
Kaká (e) desfalca a equipe de Biguaçu  Foto: Eduardo Pauli/Divulgação

Kaká (e) desfalca a equipe de Biguaçu Foto: Eduardo Pauli/Divulgação

O Estrela Azul tomou apenas um cartão amarelo nas últimas três partidas da Copa Interligas. O time de Santo Amaro da Imperatriz é um dos mais disciplinados na competição. Atual vice-campeão da competição, o Estrela Azul vai até Biguaçu enfrentar o desfalcado Fundos neste domingo, às 15h.

O clube do técnico Silvano Mello tem três desfalques. O zagueiro Ricardo, o Kaká, o meia Vanderson e o lateral Kowalsky estão fora da decisão. Os dois primeiros pelo terceiro amarelo e o último pela expulsão no banco de reservas. Na defesa, a solução é mais simples, porque o time de Biguaçu tem vários zagueiros de qualidade no banco. No meio, a solução seria recuar Cheirinho e colocar mais um atacante.

Fundos elimina bicampeão da Interligas e pega Estrela Azul

15 de maio de 2016 Comentários desativados
Carlinhos (d) fez dois gols no tempo normal  Foto: Ricardo Moura/Divulgação

Carlinhos (d) fez dois gols no tempo normal Foto: Ricardo Moura/Divulgação

Fundos e Estrela Azul são os finalistas da Copa Interligas. A equipe de Santo Amaro da Imperatriz suou para passar sobre o Campinas com o empate em 1 a 1 e pelo segundo ano consecutivo decide a competição, agora, com a última partida em seus domínios. André marcou para o time da Capital e Anderson Mainha para a equipe de Santo Amaro.

Já o Fundos sofreu para voltar a decisão da Copa Interligas. O time de Biguaçu perdeu no tempo normal por 3 a 2 para o Grêmio Cachoeira, que é o bicampeão do torneio, no mesmo resultado do 1º duelo. Carlinhos, duas vezes, e o zagueiro Marquinhos anotaram para o time da Capital.

Vanderson, em cobrança de falta, e Cheirinho, aos 43 minutos do 2º tempo, marcaram para o Fundos. Antes do apito final, o técnico Djone Kammers tirou o goleiro Peu e colocou André, que garantiu os últimos títulos do Grêmio Cachoeira nas penalidades.

O problema é que o meia Itauê e o volante Lucatoni pararam no goleiro Nei, do Fundos. O time de Biguaçu converteu as quatro primeiras cobranças e venceu por 4 a 2. O lateral Kowalsky, do Fundos, foi expulso do banco de reservas aos 17 minutos do 1º tempo.

Hoje, Estrela Azul faria a final da Interligas em casa

11 de maio de 2016 Comentários desativados
Campinas, do goleiro Jeferson, não tem chance de sediar a final da Interligas  Foto: Michael Gonçalves

Campinas, do goleiro Jeferson, não tem chance de sediar a final da Interligas Foto: Michael Gonçalves

Com os resultados da 1ª rodada da fase semifinal da Copa Interligas, apenas o Campinas não tem como fazer a decisão em casa caso passe para a final. Com 16 pontos na classificação geral, a equipe do Campeche não alcançaria o Fundos, que tem a 3ª melhor campanha com 20 pontos e está em vantagem no outro confronto. O time de Biguaçu joga pelo empate contra o Grêmio Cachoeira neste sábado, às 15h30min, no Norte da Ilha.

Os favoritos para fazer a decisão em casa são as equipes do Estrela Azul e do Grêmio Cachoeira, que possuem as duas melhores campanhas respectivamente. Empatados com 21 pontos, o time de Santo Amaro da Imperatriz tem um saldo positivo de 20 gols, contra 17 do clube de Florianópolis. Nos últimos dois anos, o Grêmio Cachoeira teve o mando de campo da finalíssima.

Estrela Azul abre vantagem diante do Campinas

09 de maio de 2016 Comentários desativados

Anderson Mainha (e) fez o segundo gol neste lance  Foto: Michael Gonçalves

Anderson Mainha (e) fez o segundo gol neste lance Foto: Michael Gonçalves

No Campeche, o Estrela Azul derrotou o Campinas por 3 a 1, sábado, pela semifinal da Copa Interligas. Agora, o time de Santo Amaro da Imperatriz pode perder a partida de volta no próximo domingo pela diferença de um gol.

Aos seis minutos, o atacante Alemão abriu o placar na segunda tentativa. O Campinas ficou reclamando de impedimento e o meia Caio e o goleiro Jeferson foram amarelados neste lance.

O time da Capital continuava reclamando quando tomou o segundo gol, aos 18 minutos. O lateral-esquerdo Wellington fez um lançamento do meio de campo nas costas do zagueiro. Anderson Mainha, que recém havia entrado no jogo, dominou e bateu rasteiro.

Cinco minutos mais tarde, o goleiro Jeferson salvou o Campinas no chute à queima roupa de Anderson Mainha. Aos 28, o meia Anderson partiu livre no contra-ataque, mas o goleiro da equipe do Sul da Ilha fechou o ângulo e evitou o chute.

Na primeira jogada de ataque do Campinas, aos 33 minutos, o lateral Romarinho foi na linha de fundo e cruzou para o meia João Eduardo marcar de peixinho. Aos 44, Mainha tentou por cobertura, mas a bola bateu no travessão, na trave lateral e não entrou. Na etapa final, o lateral Wellington fez o terceiro gol do Estrela Azul.  

João Eduardo (c) fez um gol de peixinho  Foto: Michael Gonçalves

João Eduardo (c) fez um gol de peixinho Foto: Michael Gonçalves

Bolão e Ike disputam uma vaga no Estrela Azul

07 de maio de 2016 Comentários desativados
Zagueiro Bolão (e) ainda não foi confirmado  Foto: Michael Gonçalves

Zagueiro Bolão (e) ainda não foi confirmado Foto: Michael Gonçalves

Começa neste sábado a fase semifinal da Copa Interligas. No bairro Campeche, na Capital, às 15h30min, o Campinas recebe o Estrela Azul. O técnico Nádio Rachadel, da equipe de Santo Amaro da Imperatriz, tem uma dúvida no sistema defensivo. Quem será o parceiro de Michel Nunes na defesa: Bolão ou Ike?

_ Quando enfrentamos o Campinas em 2015 eu não estive presente. Vou tomar a decisão apenas quando estiver no estádio e verificar o tamanho do campo _ explicou o treinador.

As duas equipes realizaram um amistoso antes do início da Interligas, em Santo Amaro da Imperatriz, e o Estrela Azul foi o vencedor.

Grêmio Cachoeira pega Fundos e Estrela Azul enfrenta Campinas na Interligas

01 de maio de 2016 Comentários desativados

Felipinho (e) fez o gol da vitória e da classificação  Foto: Michael Gonçalves

Felipinho (e) fez o gol da vitória e da classificação Foto: Michael Gonçalves

Definidos os semifinalistas da Copa Interligas. O Fundos bateu o Cerâmica Silveira por 1 a 0, sábado, e enfrenta o Grêmio Cachoeira. A equipe da Capital venceu o Juventus por 5 a 3, sábado, na Cachoeira do Bom Jesus, e confirmou a melhor campanha da competição.

Na outra semifinal, o Campinas empatou com o Cometa em 1 a 1, sábado, no Campeche. Como a equipe do Sul da Ilha já tinha vencido em Santo Amaro da Imperatriz por 1 a 0, ela ficou com a vaga e enfrenta o Estrela Azul.

O time do bairro Sul do Rio, em Santo Amaro classificou ontem com mais uma goleada sobre o Náutico, desta vez, por 5 a 0. As duas semifinais devem ocorrer no próximo sábado, em Florianópolis e em Biguaçu.

Felipinho fez a festa novamente 

A coluna esteve na vitória do Fundos sobre o Cerâmica Silveira por 1 a 0, com o gol do atacante Felipinho, aos 36 minutos do 1º tempo. A defesa do time palhocense perdeu a bola e o atacante partiu em velocidade para bater cruzado.

Aos seis minutos da etapa final, o Fundos teve a chance de ampliar. O lateral Claudio Adão foi na linha de fundo e cruzou para o meia Vanderson cabecear no travessão. Dez minutos depois, o goleiro Deivid faz boa defesa em chute de Vanderson.

A melhor chance do Cerâmica Silveira veio em uma bola parada. Aos 24, o volante Queixo acertou o travessão. Nos acréscimos, o meia Marcelo, do Fundos, foi expulso pelo 2º amarelo após isolar a bola após o apito.

Saiu faísca entre Jardel (e) e Higor  Foto: Michael Gonçalves

Saiu faísca entre Jardel (e) e Higor Foto: Michael Gonçalves

Estrela Azul atropela Náutico na Capital

24 de abril de 2016 Comentários desativados
Zagueiro Jean Diogo (4) fez o gol contra de cabeça  Foto: Michael Gonçalves

Zagueiro Jean Diogo (4) fez o gol contra de cabeça Foto: Michael Gonçalves

Em Florianópolis, o Náutico foi goleado pelo Estrela Azul por 4 a 0, sábado, no campo do Avante, pela Copa Interligas. Com a vitória, a equipe de Santo Amaro da Imperatriz pode perder por até três gols de diferença.

O Estrela Azul começou pressionando e o jovem goleiro Gustavo fez boas defesas. Isso durou até os 22 minutos, quando o lateral Wellington cobrou uma falta e o zagueiro Jean Carlos Diogo fez contra.

Onze minutos depois, o meia Anderson arriscou de fora da área, a bola desviou novamente no zagueiro Jean Carlos Diogo e enganou o goleiro Gustavo. Na etapa final, o time do Santinho começou a criar mais oportunidades, mas o atacante Neném aproveitou um contra-ataque e fez o terceiro. Neném também fez o quarto em cobrança de pênalti.

Apesar da goleada, Náutico revelou o jovem goleiro Gustavo  Foto: Michael Gonçalves

Apesar da goleada, Náutico revelou o jovem goleiro Gustavo Foto: Michael Gonçalves

Estrela Azul, Vila Doze e Rachadel vencem em Antônio Carlos

18 de abril de 2016 Comentários desativados
Estrela Azul disparou na liderança isolada  Foto: Arquivo Pessoal

Estrela Azul disparou na liderança isolada Foto: Arquivo Pessoal

A Associação de Árbitros da Liga Josefense assumiu a arbitragem do campeonato municipal de Antônio Carlos. Com as arbitragens de Marcelo Melo, Leandro Fagundes e Cleber Souza, a informação é de que os jogos transcorreram na normalidade no campo do Rachadel. O Estrela Azul bateu o Cruzeiro por 2 a 1 e disparou na liderança isolada.

O Vila Doze derrotou o Grêmio Louro também por 2 a 1 e somou os primeiros pontos da competição. Vale lembrar que o Vila Doze ainda aguarda os três pontos da partida contra o Internacional, que foi encerrada aos 25 minutos do 2º tempo pela falta de segurança.

Diante da sua torcida, o Rachadel venceu de virada o Internacional em mais um 2 a 1. O Inter saiu na frente com o atacante Matheus. O atacante Kleyffer empatou e virou o jogo ainda no 1º tempo. Temporariamente, o Rachadel assumiu a vice-liderança.