Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts na categoria "Romeu e Julieta"

Romeu e Julieta em linguagem “palhacês”

13 de outubro de 2014 0

Por Betina Humeres *

O Dia das Crianças é de alegria e nada mais propício que encerrar o dia lindo de domingo no teatro – com sorrisos (e suspiros) ‘shakespeareanos’. Com público diversificado, Romeu e Julieta – Shakespeare para todos, do Elefants Núcleo de Arte, é realmente uma peça democrática e encantadora.

Fotos: Betina Humeres / Agência RBS

Fotos: Betina Humeres / Agência RBS

Em comemoração aos 450 anos do nascimento do dramaturgo e poeta inglês William Shakespeare, o grupo dirigido por Márcio Cabral escolheu um dos textos mais conhecidos e traduzidos no mundo, Romeu e Julieta, para brindar o artista com um espetáculo romântico, cheio de cores e humor, adaptando o texto clássico à linguagem clown.

A inovação é surpreendente e leva o público de qualquer idade a embarcar nessa viagem até Verona do século 16, um pouco mais leve, descontraída e moderna. Grande parte do texto original está ali, no verbo ou no corpo dos atores. O grupo teve a preocupação de não se prender à verborragia sem perder a essência da obra e dos personagens. A plateia de grandes e pequenos espectadores estava imersa nesse universo novo e antigo, lúdico, criado cuidadosamente com poucos elementos cênicos e um figurino com “cores de pirulito”, como disse uma das crianças.

rOMEU E jULIETA 2

Para o público que começa a ir ao teatro, conhecer Shakespeare desta maneira é um privilégio. Mesmo com o texto rebuscado e palavreado difícil para muitos em alguns momentos, o essencial estava ali. As escolhas estéticas do grupo facilitaram essa interlocução com a criançada, que interagiu bastante com os atores e com a história, dando conselhos aos personagens e muita risada. Nada escapou aos olhos dos pequenos novos espectadores de teatro. Todos os personagens davam vontade de tocar, é bem verdade.

rOMEU E jULIETA 3

Romeu e Julieta é universal, mesmo falado em ‘palhacês‘. Os sorrisos estampados no rosto do público é a melhor resposta que o grupo poderia ter. Pais e filhos experienciaram o teatro de outro jeito – e juntos -neste domingo.

 

* Betina Humeres é repórter fotográfica do Diário Catarinense.

rOMEU E jULIETA 4