Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de outubro 2011

Adele já estaria trabalhando em novo tema de James Bond

04 de outubro de 2011 0

Adele já começou a trabalhar na música tema do novo filme de James Bond. De acordo com o jornal “The Sun”, a cantora inglesa está compondo e gravando com o produtor Paul Epworth.

“Adele é a escolha óbvia para gravar a próxima música tema de Bond. As últimas canções para o filme entraram nas paradas. Depois do sucesso dela deste ano, os produtores do filme sabem que a música é quase uma garantia de ser um enorme hit”, disse uma fonte ao tabloide britânico.

Apesar de a cantora já ter dado pistas de que será a responsável pela música do filme, ainda não há informações oficiais sobre sua participação na trilha sonora da produção.

Madonna pode fazer show do intervalo do Super Bowl em 2012

04 de outubro de 2011 0

Madonna deve ser uma das grandes atrações do principal evento da TV norte-americana no ano que vem. A cantora já teria concordado e assinado contrato para fazer o show do intervalo do Super Bowl 2012.

De acordo com a NME, um porta-voz da liga de futebol americano não quis comentar o assunto. Já um representante de Madonna disse que não há nada a ser confirmado no momento.

O Super Bowl de 2012 será realizado no dia 5 de fevereiro, no Lucas Oil Stadium, em Indianápolis. Entre os artistas que recentemente fizeram o show do intervalo, estão nomes como Black Eyed Peas, Janet Jackson, Prince, Paul McCartney, Rolling Stones, Bruce Springsteen e The Who.

Kiss pode gravar música em parceria com Lady Gaga

04 de outubro de 2011 0

A parceria entre grandes nomes do rock com artistas da música pop parece ser cada vez mais provável. Depois de Alice Cooper e Ke$ha fazerem um dueto, Kiss e Lady Gaga podem gravar uma música juntos.

“Tudo é possível. Ela é ótima, então não é improvável”, disse o guitarrista Paul Stanley ao “LA Weekly” ao ser perguntado sobre a possibilidade de uma parceria. vale lembrar que Lady Gaga já disse publicamente ser fã do quarteto mascarado. As informações são do site Uol.

Veja os destaques 2º fim de semana de Rock in Rio

03 de outubro de 2011 0

O segundo fim de semana de Rock in Rio, que começou na última quinta (29/9) com show de Marcelo Jeneci e Curumin e terminou no domingo (2) com apresentação do Guns n’ Roses, foi bem eclético. 

Quinta-feira (29/9)

Os primeiros acordes da sexta-feira no Rock in Rio rolaram no Palco Sunset, com uma ótima parceria entre Marcelo Jeneci – indicado a 5 VMBs – e Curumin. Em seguida, a brasileira Paula Lima fez o novaiorquino fundador do hip hop Afrika Bambaataa descer até o chão num samba improvisado. Enquanto o sol se punha na Cidade do Rock, o público viu uma Joss Stone completamente tranquila e à vontade no Palco Sunset do festival.

O show que abriu o Palco Mundo, uma homenagem ao Legião Urbana, foi épico. Parou a lanchonete, o camarote, o stand do patrocinador, o ambulante que vende cerveja, até a sala de imprensa. A black music apareceu pela primeira vez no Mundo às 20h19 de maneira espetacular. Com uma banda impecável, Janelle Monáe fez um show vibrante e dançante do começo ao fim. O pop/dance deu as caras na noite com a apresentação de Ke$ha. A cantora não deixou o pessoal não prestar a atenção, sua voz ardida e suas danças pra lá de exóticas fizeram um público cativo na pista da Cidade do Rock. Antes do mestre Stevie Wonder, seu discípulo Jamiroquai foi a quart atração da noite no Palco Mundo do festival.  Para fechar a noite em grande estilo, mestre Stevie Wonder deu uma aula de como se faz um show de música ao público de 100 mil pessoas presentes na Cidade do Rock. Não só o mestre, como toda sua banda, deram grandes exemplos de como fazer música no Palco Mundo do Rock in Rio, vide o solo de guitarra de ‘Living for the City’ e o peso dos metais em todo o show.

Sexta-feira (30/9)

Na sexta, a abertura do Palco Sunset ficou por conta de João Donato e Céu, um encontro de gerações da MPB. Os dois fizeram uma boa apresentação, mas não empolgaram o público que ainda chegava à Cidade do Rock. Em seguida, a parceria entre Emicida, Cidade Negra e Martinho da Vila levou muito rap, samba e reggae ao palco. O carnaval fora de época e o funk carioca dominaram do Monobloco, Macaco e Pepeu Gomes. No palco principal, Marcelo D2 iniciou os trabalhos com muitas participações especiais e tocou hits da época do Planet Hemp. O Jota Quest veio em seguida, comemorando 15 anos de carreira com muitos sucessos cantados em coro pelo público que lotou a Cidade do Rock. O axé voltou novamente à Cidade do Rock no show de Ivete Sangalo, que animou a galera e transformou o local em uma grande micareta.

O rock propriamente dito na sexta-feira ficou por conta de Lenny Kravitz, que não lança nada de muito interessante há muitos anos. Kravitz privilegiou em seu set list músicas dos discos lançados nos anos 90 e começo dos 2000, passando pelos principais momentos de sua carreira. Mas a grande atração da noite era mesmo Shakira. Nem o atraso de mais de meia hora conseguiu tirar o brilho da única apresentação da noite que não extravazou clichês. Sem dançarinos bombados típicos de qualquer show de pop, com encenações teatrais e uma expressão musical sincera, Shakira encantou a Cidade do Rock no fechamento do quinto dia de Rock in Rio.

Sábado (1/10)

No sábado, Cidadão Instigado e Jupiter Maçã, dois dos nomes mais criativos e modernos da música brasileira atual, levaram toda sua psicodelia ao primeiro show do Palco Sunset do Rock in Rio. A cantora Tiê subiu ao palco em seguida, ao lado de Jorge Drexler para dar uma quebra na agitação deixada pelo rock do Cidadão Instigado e fazer sorrir o público presente que derretia sob o sol de mais de 30 graus. A programação do Sunset estava boa e com fortes guitarras e peso particular em sua sonoridade, Zeca Baleiro dividiu o palco com o congolês Lokua Kanza, em um dos poucos shows do festival que teve direito a bis.Para fechar o Palco Sunset, dois importantes nomes da música brasileira – Erasmo Carlos e Arnaldo Antunes – se juntaram para fazer um bailão do rock e da cachaça. Os dois fizeram uma apresentação crua, simples e direta. Começaram de leve para ir crescendo a pegada até explodir com um recado final para a Cidade do Rock: “Rock’n roll é isso, meninada”. No Palco Mundo, o principal do Rock in Rio, Frejat deu início aos trabalhos com um show feito sob medida para um grande festival, lotado de hits grudentos de um passado que não volta mais, especialmente feito para agradar um público sedento por levantar as mãos pra cima e cantar junto. Em seguida, o Skank trouxe muitos hits ao palco. O grupo botou a galera pra cantar alto na grande arena da Cidade do Rock. A música latina também teve vez com o Maná, veteranos do pop rock, que apresentaram hits de suas três décadas de carreira, em uma versão reduzida da turnê do disco ‘Drama Y Luz’, que a banda começou este ano.

O Maroon 5 fez o penúltimo show da noite no Rock in Rio exibindo um instrumental repleto de excelentes quebradas, e pelo menos no que coube à banda, não deixou qualquer impressão de monotonia entre os mais de 90 minutos de música que apresentou. Mas a banda mais esperada da noite era o Coldplay, grupo liderado por Chris Martin. A apresentação dos britânicos contou com muitos efeitos visuais e dividiu bem os hits do passado com as faixas mais recentes.

Domingo (2/10)

O último dia de Rock in Rio começou morno, com a apresentação dos desconhecidos Davi Fonseca e The Monomes no Palco Sunset. A temperatura subiu mesmo com a apresentação de Tom Zé e Mutantes, que levaram ao festival um revival politizado da Tropicália. Logo em seguida, o público pode matar um pouco a saudade do Los Hermanos na apresentação de Marcelo Camelo, em parceria com o The Growlers. O Detonautas abriu o Palco Mundo e conseguiu animar bastante o público, que cantou em coro vários hits da banda. A segunda apresentação da noite no Palco Mundo ficou por conta de Pitty, última atração nacional do festival. Sem floreios, efeitos visuais excessivos ou qualquer efeito que tirasse as atenções da música, a cantora fez o show de rock nacional mais honesto dos sete dias de festival.

Depois de abrir os trabalhos na estreia do Palco Mundo do Rock in Rio, os Titãs voltaram no domingo ao festival para fazer uma das últimas apresentações do Palco Sunset. Como o Sunset teve como propósito apresentar grandes encontros da música, feitos especialmentes para o festival, eles receberam um grande nome do rock português, a banda Xutos e Pontapés. De volta ao palco principal, o Evanescence não precisou recorrer a elementos extra musicais pra animar a galera, nem muitos discursos foram feitos, só som e muito peso. O rock pesado continuou reinando na apresentação do System Of A Down. Com set list idêntico ao apresentado em São Paulo no sábado (1), a banda coesa e impecavelmente intensa tocou 28 músicas que passaram pelos cinco discos da carreira, não deixando pra trás nenhum hit. O encerramento do Rock in Rio ficou por conta do Guns n’ Roses, que demorou mais de 1h30 para subir ao palco. Em mais de duas horas de show, que só acabou às 5h10, quase todos os grandes hits da banda foram executados. No entanto, o atraso e a forte chuva que caiu sobre o Rio de Janeiro desanimaram a plateia, e boa parte já havia ido para casa. Um fim nada apoteótico para o festival que dominou o noticiário musical na última semana.

FESTA ROBOTRON

03 de outubro de 2011 0

DIA 8 DE OUTUBRO NO BIG BOWLLING “ROBOTRON” COM OS DJ´S PIERRE COSTA E DANIEL GRAH. O ROBOTRON TEM 3 METROS DE ALTURA, SHOWS DE LEDS, DISPARO DE LASER, GÁS NITRO E FOGOS INDOOR, ROBOTRON É UMA ATMOSFERA MÁGICA NO DANCING FLOOR. E MAIS PAGODE E FUNK NA PISTA 2 COM O DJ LULA. INGRESSOS ANTECIPADOS NO BIG BOWLLING.

PROMOÇÃO EXCLUSIVA ATLÂNTIDA.

VERIFIQUE CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA.

Tony Bennett diz que Amy Winehouse sabia que ia morrer

03 de outubro de 2011 0

Depois de fazer um dueto com Amy Winehouse naquela que foi a última gravação oficial da cantora, Tony Bennett é perguntado sobre o trabalho com ela. Em entrevista ao jornal “The Daily Show”, o veterano cantor falou que Amy tinha noção de que estava prestes a morrer.

“Ela estava com problemas naquela época. O que as pessoas não perceberam na época é que ela realmente sabia. Na verdade, eu não sabia disso quando estávamos gravando. Ela sabia que estava em meio a vários problemas, que ela não iria sobreviver. E não era nada com drogas. Era o álcool”, disse Tony Bennett.

No dueto, Amy e Bennett gravaram “Body and Soul”, faixa que foi lançada no dia 14 de setembro – data em que a cantora completaria 28 anos. A música faz parte do álbum “Duets II”, que recentemente colocou o norte-americano no topo da parada da “Billboard”.

"Nevermind", do Nirvana, volta ao top 5 no Reino Unido vinte anos depois

03 de outubro de 2011 0

Vinte anos depois de ser lançado, o disco “Nevermind”, do Nirvana, voltou a ser um dos mais vendidos no Reino Unido. A versão comemorativa das duas décadas do álbum clássico da banda ficou em quinto lugar na parada britânica.

O cantor James Morrison foi o artista que mais vendeu na última semana, seguido por “Velociraptor!”, do Kasabian; Ed Sheeran, com “+” e o insistente “21″, de Adele.

Confira o top 10 de discos no Reino Unido:

1. James Morrison – “The Awakening”
2. Kasabian – “Velociraptor!”
3. Ed Sheeran – “+”
4. Adele – “21″
5. Nirvana – “Nevermind”
6. Blink 182 – “Neighborhoods”
7. David Guetta – “Nothing But The Beat”
8. Example – “Playing In The Shadows”
9. Joe McElderry – “Classic”
10. Bruno Mars – “Doo Wops & Hooligans”

Katy Perry divulga capa de novo single

03 de outubro de 2011 0

Depois de shows no Brasil, Katy Perry divulgou via Twiiter a capa de seu próximo single, The One That Got Away.

“Eu estou tão feliz que escolhi The One That Got Away como meu sexto single porque essa música mostra um lado diferente de mim que eu não mostrei nos singles anteriores do disco!”, disse a cantora americana.

Ela ainda explicou o sentimento por trás do novo single: “eu acho que todo mundo pode se identificar com essa música. Eu escrevi essa canção sobre quando você promete estar com para sempre, mas você termina sem conseguir fazer isso”.

A turnê do álbum Teenage Dream segue para Europa, com o primeiro em Sheffield, Inglaterra, no dia 12 de outubro.