Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Boate Corujão não reabrirá mais em Santa Maria

01 de outubro de 2012 21

A boate Corujão, às margens da BR-158, na subida da Serra, não realiza mais festas desde o início de agosto. Porém, o fechamento não é temporário. A direção decidiu fechar de vez o Corujão e também o Eventual Bar, que fica em frente e tinha uma trajetória de 18 anos. Os motivos seriam a queda no movimento de clientes após as blitze mais frequentes feitas pela polícia (nas rodovias e dentro da cidade) e também a constatação de que, devido à localização das boates, não há alternativas para resolver esse impasse.

A direção do Corujão já demitiu os 25 funcionários e deixou também de contratar os serviços de 40 seguranças que trabalhavam aos sábados.

Uma das principais e mais conhecidas boates de Santa Maria, o Corujão chegava a receber de 800 a mil pessoas por sábado. A direção da empresa reclama principalmente do fato de as polícias fazerem operações ostensivas nas noites em que a boate funcionava, com testes de bafômetro em todos os motoristas, mas não dar o mesmo tratamento a outros eventos da cidade e nas saídas de outras boates e restaurantes, onde também há o consumo de álcool.

Conforme a inspetora-chefe da PRF em Santa Maria, Liana Comassetto, a fiscalização ocorre em todos os locais da mesma forma. Não há privilégio de ninguém, a ideia é coibir os que beberam seja onde for, garantiu a inspetora.

Comentários (21)

  • Ariane diz: 1 de outubro de 2012

    Nunca vi blitz na Bozano ou na Av. Fernando Ferrari… Se coloca alí, minha gente… Não sobra um. Infelizmente perdemos com um dos melhores lugares pra ser ir a Santa Maria. Aliás… Dois né.. Porque só quem conheceu o Corujão e o Eventual sabe o quão lindo e bacana era aquilo lá. Mas enfim… Até onde é “para todos” como disse a inspetora-chefe da PRF? Dois pesos e duas medidas. Deixará saudades.

  • Camila diz: 1 de outubro de 2012

    Um erro não deve justificar o outro. Não é porque não se realizam blitzen na Fernando Ferrari ou na Bozano que se deve deixar de realizá-las na descida da serra. Em relação a alternativas para a fiscalização, se as casas oferecessem DE FATO o serviço de direção segura ATÉ A CASA DO CLIENTE, a história poderia ser bem diferente.

  • fabio diz: 1 de outubro de 2012

    infelizmente a inspetora acha que as pessoas estao na epoca da pedra , eu como condutor, e muitas vezes saindo no final de semana a noite, sei todos os locais onda ha blitz na cidade. inverdade as palavras dela, pois existem vaaarios pontos da cidade que se vc fizer, (o que nunca vi) uma blitz, mais da metade fica apreendido. a sim, claro, na9o da pra fazer blitz na bozzano ne, nem na ferrari, senao nao havera guincho pra tanto carro e o expidiente vai passar da hroa da troca, ai nao da pra deixar de ir pra casa ne? ta certo.

  • Regis diz: 1 de outubro de 2012

    Enquanto procuram uns bebuns na madrugada, outros seguem se matando `a luz do dia mesmo…

  • Danieli diz: 1 de outubro de 2012

    Não sei pq essa preocupaçãp com o transito, sendo qu eo deveria ser feito é uma educação dos condutores, se eles mesmos nao se preocupam com suas atitudes, o problems é q afetam os outros, mas há tanto no que se investir, cmo educação e saúde.

  • Vania diz: 1 de outubro de 2012

    Acho lamentável a maneira que esta sendo conduzida esta questão.
    O corujão e o Eventual são dois locais de diversão e de alegria.
    Quando as bebidas de álcool, todos são adultos e cada um cuida de si.
    Os testes dos bafometros deverão ser feitos em todos os locais e não somente nesta área onde funciona a boate.
    Pois , por informações ou julgamentos erroneos, Santa Maria esta perdendo mais um local para diversão o que jã nao possui muito.

  • Tiago da Maia Miranda diz: 2 de outubro de 2012

    Bom dia a todos os leitores do diário, estou aqui para dizer que sou sim a favor que acabem com as bebedeiras enfrente das boates, mas como disseste outros leitores tem sim lugares sim blitz. E só pensar no dia 20/09 dia do gaúcho onde tinha blitz para coibir o uso d o álcool? O pessoal já saem alto de tanto álcool dos ctgs para o desfile vamos cuidar certo de nossa cidade afinal somos nós que pagamos os salários dos funcionário públicos ou federais seja o que for.

  • lio diz: 2 de outubro de 2012

    A grande maioria das pessoas acham que deve haver/ter mais educação no transito e por parte dos motoristas. Discordo totalmente , pelo fato simples de serem habilitados.O médico cirurgião e o piloto de um avião, se não cumprirem as regras, todos nós sabemos das consequências.Será que alguns motoristas não sabem o que é negligência, desrespeito e desprezo a vida ? Campanhas educativas não diminuem estatísticas.

  • Pedro diz: 2 de outubro de 2012

    Quanto as BLITZ somente gostaria de registrar que a PRF não tem como fazê-las nas ruas dentro da cidade de Santa Maria, pois sua competência limita-se as Rodovias Federais. A competência nas ruas da cidade é da Brigada Militar.

  • Luiz diz: 2 de outubro de 2012

    Eu Dirijo melhor bedado, uiqui,uiqui uiqui…..

  • Alexsando diz: 2 de outubro de 2012

    Mas que barbaridade… Quer dizer que quando eu for para Santa Maria não vai ter mais subidas a Serra.. Tá na hora do Bombinho “Corujão>>Taperinha”..

    Negócio é usar a criatividade, por exemplo: Estamos numa onda das ciclovias nas grandes cidades, certo? Então vamos criar a via do bebum, com velocidade máx de 40km/h. Velocidade da auto-escola, assim será somente prejuizos materiais.. ahahah

    Tá dada a dica.

  • Giovana diz: 2 de outubro de 2012

    O que eu não consigo entender é o porquê da preocupação somente com o trânsito próximo a casa noturna Corujão. È só lá que as pessoas bebem? Nas demais casas noturnas da cidade só consomem sucos, refrigerantes e água? E a blitz desses demais locais acontece ? Quando? Ou nos demais locais todos os condutores são educados e segue a risca a frase “Se beber não dirija e se dirigir não beba” Pois é amigos …. Por ser somente lá que as pessoas consomem bebida alcoólica …. muitas pessoas que precisam trabalhar, perderam seus empregos.
    Uma casa noturna que vai deixar saudades, boas lembranças local para encontrar com amigos, dançar e dar muitas risadas.

  • claudio caetano Martins diz: 2 de outubro de 2012

    Nesse Brasil do vale tudo é isso aí,país da demagogia,não da democracia,país do faz de conta,aonde criam leis sem mesmo regulament´-las,´como lei seca,descanso dos cami nhoneiros etc,etc.só falam em bebida alcólica, e fiscalizam aonde melhor covem.cadê as fiscalizações dos abusos de velocidade,feitos por pessoas sem alcool?das imprudências dentro e fora da cidade?esse sim é o pior problema.em santa maria, o código de transito deveria ser lido novamente,estudado,porque maioria não sabe trafegar em vias de mão duplificada,ex:fx de camobi é um caos e qtos acidentes já ocorream por isso.só p lembrar: pista da esquerda é para se fazer as ultrapassagens,retornando á direita tão logo seja feito.motoqueiros ultrapassam nas laterais direita e esquerda,dentro da faixa à qual o carro está deslocando.e quem cuida isso?quem passa a caneta nesses absurdos?a melhor maneira de ensinar é a caneta, é a dor que dói mais,a dor do bolso,infelizmente.formas p se fazer isso?eu sei.

  • filipe diz: 2 de outubro de 2012

    Único lugar que prestava pra sai em Santa Maria foi fechado as portas, não entendo porque só agora depois de tanto tempo a PRF se manifestou sabendo que avia motorista que conduziam o veiculo até a trevo do castelinho. Os agentes da PRF abordavam no posto policial e quem estava dirigindo os carros? os seguranças da casa noturna depois de um ano oferecendo motorista, mas tudo bem, é o trabalho da PRF É MELHOR PREVENIR DO QUE REMEDIAR.
    Mas que seja feita em toda a cidade como espelho perante a lei todos são iguais sendo assim que seja fiscalizadas todas as saídas de casas noturnas da cidade, todas vende bebidas alcoólicas oferecendo o mesmo risco que a descida do corujão até pior.
    É só olhar no jornal da cidade todos os dias principalmente na segunda feira de manhã de acordo com o jornal sempre tem gente embriagada conduzindo carros pela cidade envolvidas em acidestes graves, mas só aparece depois que ta feita a colisão com vitimas presas na ferragens racha na Walter jobim pedestre atropelado na frente do cilon, sinaleiras destruídas por pessoas embreagadas e por ai vai…

    Conforme a inspetora-chefe da PRF em Santa Maria, Liana Comassetto, a fiscalização ocorre em todos os locais da mesma forma. Não há privilégio de ninguém, a ideia é coibir os que beberam seja onde for, garantiu a inspetora.

  • Fabio diz: 2 de outubro de 2012

    Caetano, concordo plenamente com vc, viajo o estado a trabalho e afirmo com toda certeza, exceto bage, santa maria e a cidade onde ha mais condutores mal formados ou acostumados com o transito! Sinal abre e demoram a sair, falta de atencao, guiam a 30 , 40 por hora na faixa da esquerda, como se a via fosse apenas do seu proprio uso! Motociclistas passando no vermelho, pela direita, outro diaenviei um email pro DMT , sujerindo que ps cidadaos tambem pudem colaborar, dando flagras no transito e enviando fotos, videos , para uma posterior multa ou advertencia, responderam meu email? Logico q nao! E assim, as pessoal hj vivem em uma cidade de mais de 100 mil veiculos, 300 mil pessoas na cidade, e parece q ainda acham q estao na epoca da colonizacao! Sera q as cameras instaladas em varias partes da cidade, muitas em rotulas, semaforos, tambem vao auxiliar na fiscalizacao dos infratores? Espero q sim! Pois se depender da BM, qq bebum ja sabe onde eles fazem a fiscalizacao, qdO fazem, e de la desviam suas rotas! Mas e isso! Agora a PF vai fiscalizar o que? Nao tem mais corujao! E todos sabemoa que ha metas na fiscalizacao! Precisam fiscalizar, multar! Tem ate patrulheiro q ganha reconhecimento por efetividade sabiam? Pois e! Enqto a BM fica gastando combustivel a toa, batendo em cidadao! Tenho certeza q tem vilas e bairros q eles nao passam nem perto!

  • regina diz: 2 de outubro de 2012

    Que pena fecharem a boate corujao e o eventual bar, pois era a melhor opçao de final de semana em santa maria, gostaria de saber porque os policiais nao fazem blitz na fernando ferrari onde se localiza a danceteria absinto, porque ali sim iriam pegar infratores bebados e drogados.

  • luis ricardo menezes diz: 2 de outubro de 2012

    A PRF agora vai ficar botando radar ali perto do antigo oasis, pra pegar motoristas , digamos a 55km por hora, que pra eles é um excesso, e passivel de multa, tbem ficam enchendo o saco dos motoristas, olhando triangulos, extintores e outras acessorios qualquer, pois a estatistica tem q aparecer, as abordagens, multas e tudo mais, tem que mostrar serviço e ligar pras radios passando essas informaçoes. Ao longo das rodovias federais tem tanto absurdo praticado principalmente por grandes caminhoes, que se acham donos das estradas e ai nao acontece nada, eles nao estao la pra ver.

  • ALINE MARIA FERNANDES VENDRUSCOLO diz: 18 de novembro de 2012

    VOLTA CORUJÃO! ESTOU FORA DE SM HÁ TEMPOS MAS ADOREI O CORUJAO QUERO LEVAR UMAS AMIGAS DE BRASÍLIA !!! HAHAHHA ABRAM E FAÇAM HORÁRIOS DE DIA KKKK NA H DO ALMOÇO KKKK

  • Maurício diz: 2 de dezembro de 2012

    Na minha opinião, e de muitos, acabou a alegria do fim de semana em Santa Maria.
    Mas a direção do Corujão poderia ser mais esperta e comprar aquela ”porcaria” do Absinto, ou Reduto, por exemplo, já que na região destas outras casas noturnas eu nunca vi fiscalização.

  • cyrillo diz: 7 de janeiro de 2013

    Ta certo te que fechar mesmo…nao so la mas como em outros lugares que a baderna e pior.

  • juliano pors diz: 11 de fevereiro de 2013

    Sertamente ha melhor casa de bailes de santa maria foi fechada.
    Sou musico e toquei varias vezes na casa,éra incrivel!!
    Nao deve ser definitivo,pois o nome (corujão) é muito forte e
    ali ou em qualquer lugar que reabrir sera um sucesso.
    O proprietário sabe disso.

Envie seu Comentário