Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Confira os cinco benefícios da dieta alcalina

10 de julho de 2013 11


Foto: Ricardo Wolffenbüttel/Agencia RBS

Você já deve ter ouvido falar na dieta alcalina? Por sugestão da amiga Janaína Ramos fui em busca de informações para explicar para vocês.

Baseia-se no consumo de alimentos que produzem um efeito alcalino no corpo (pH básico), já que alimentação e estilo de vida favorecem muito mais a acidificação do organismo. Trata-se de um conceito novo que caiu nas graças de celebridades porque melhora a qualidade de vida de pessoas que se alimentam mal.

Leia mais:

Confira três combinações para deixar as pernas definidas
Confira cinco alimentos que ajudam a alcançar pernas bem torneadas
Saiba por que a bebida alcoólica é prejudicial para quem pratica exercícios físicos
Conheça a farinha que auxilia na perda de peso
Confira cinco alimentos que ajudam na conquista da barriga sarada

A seguir, confira a entrevista com a nutricionista Danielle Milhão.

O que a dieta alcalina proporciona ao corpo?
Você deve estar se perguntando “e qual o problema se meu pH ficar ácido?”. A acidose é um desequilíbrio que faz seu corpo ficar suscetível a doenças (artrite, diabetes, gota, reumatismo, obesidade, depressão, etc).
Então, a dieta alcalina proporciona um equilíbrio ácido-básico, que influencia em toda a sua saúde. Até o estresse aumenta a acidez, e a dieta alcalina veio para auxiliar na escolha dos alimentos.

CINCO benefícios da dieta alcalina
Além proporcionar estabilidade ao organismo:
1 – Previne doenças
2 - Deixa as unhas mais fortes, e pele e cabelos mais bonitos
3 - Pode reduzir o peso
4 – Diminui retenção hídrica
5 - Desintoxica o corpo

Foto: stock.xchng

Quais são os alimentos permitidos?
Vegetais frescos, tomate, uva, melancia, limão (sim, após a digestão, ele libera vitaminas e minerais que alcalinizam o organismo), batata, castanha-do-pará, semente de girassol, azeite de oliva, óleo de coco, suco verde, água, suco de limão, chás, entre outros.

Foto: Reprodução


Foto: Divulgação

Quais alimentos devem ser consumidos em menor quantidade?
Doces, gorduras saturadas (industrializados, fast-foods, congelados), carnes, bebidas alcoólicas, açúcar, refrigerantes, alimentos refinados (pão branco, arroz branco, farinha branca).

É uma dieta vegetariana?
Os conceitos são completamente diferentes. A dieta vegetariana tem como base o “não-consumo” de alimentos de origem animal, na maior parte das vezes por questões éticas, mas também existem aqueles que a seguem por achar que representa um estilo de vida mais saudável. Já a alcalina, tem o propósito de aumentar o pH do organismo, porque. se não cuidamos, acabamos consumindo a maior parte dos alimentos acidificadores, o que causa uma série de problemas de saúde e doenças. Mas a dieta vegetariana acaba sendo bem alcalinizante.


Foto: Reprodução

Quando a dieta é recomendada?
Fazer uma dieta totalmente alcalina, restringindo ao máximo os alimentos que produzem um baixo pH, é indicado apenas para quem está com algum problema de saúde relacionado ao excesso de acidez.
Para os demais, o ideal é utilizar na alimentação os alimentos alcalinos todos os dias, equilibrando com os ácidos. Por exemplo, quando consumir uma carne (alimento que acidifica), deve ser em conjunto com vegetais variados (alimentos que alcalinizam).

Como medir a nível de pH?
O pH do organismo é medido através de um exame de urina. O profissional de saúde irá avaliar se está dentro dos padrões ou não.

Que cuidados deve-se tomar?
Também seria um problema se ocorresse um aumento excessivo na reserva alcalina ou na perda de ácidos, podendo desencadear uma alcalose e gerar doenças como asma e debilidades nervosas.
E, cuidado para não eliminar totalmente alimentos proteicos, principalmente quem deseja manter ou tonificar a musculatura, eles são importantíssimos para alimentar seus músculos e manter a saúde.
Portanto, você pode perceber que equilíbrio é a palavra-chave quando se trata de alimentos que alcalinizam e acidificam.

ENTENDA
O pH varia de 0 a 14. São considerados neutros valores entre 6,5 e 7,5. Abaixo disso, são ácidos (quanto mais baixo, mais ácido), e, acima, são básicos (quanto mais alto, mais básico). O pH representa a acidez, neutralidade ou alcalinidade das substâncias.


Foto: Stock Photos , Divulgação

Alimentos alcalinizadores
Laranja, banana, cereja, abacaxi, pêssego, figo, melão, kiwi, mirtilo, maçã, pêra, limão, lima, melancia, uva, manga, mamão papaya, cenoura, tomate, milho fresco, cogumelos, repolho, ervilha, casca de batata, azeitona, tofu, quiabo, abóbora, beterraba, aipo, alface, abobrinha, batata doce, aspargo, cebola, alho, salsa, espinafre cru, brócolis, suco de vegetais, castanhas, amêndoas, óleos de canola e de oliva, amaranto, arroz selvagem, quinoa, soja, soro do leite (whey), chá de gengibre chá verde, chá de
ervas, água com limão.

Alimentos acidificadores
Açúcar, amora, ameixa, suco processado, chocolate, batata sem casca, feijão, feijão branco, espinafre cozido, amendoim, nozes, caju, semente de abóbora, semente de girassol, trigo, pasteis, massa, arroz branco, aveia, centeio, queijo, leite, sorvete, ovo, manteiga, iogurte, queijo cottage, carne de gado, porco, marisco, peru, frango, cordeiro, peixe, cerveja, café.


Foto: Gold

Alimentos neutros
Água

SIGA o blog Barra de Cereal no Facebook


Comentários (11)

  • alex diz: 10 de julho de 2013

    No final das contas, Aline, dieta eh quase tudo igual, nao eh? Nao existe segredo para emagrecer. Diminui a gordura, doce e carboidrato, aumenta verdura e frutas. E claro, levanta a bunda do sofa e aumenta o gasto calorico. Mas claro, a maioria das pessoas precisa tornar isso um segredo…um segredo tao secreto para que a propria nao consiga desvendar e claro, nunca ter de colocar em pratica :)

  • Fe diz: 10 de julho de 2013

    Concordo com o Alex, TODOS sabemos o que faz bem, quem repete o prato de salada? porém, quem repete a sobremesa, tudo começa por ai. Consciência!

  • NSR diz: 10 de julho de 2013

    Não acredito que, de toda a reportagem sobre os benefícios sobre a dieta alcalina, os dois comentários se limitaram à questão somente estética. Já tinha lido algumas reportagens sobre o assunto, e o que me chama a atenção é a questão da SAÚDE. Em um vídeo que está disponível pela internet, um médico fala, inclusive, que manter o pH do corpo alcalino aumenta não só a duração da vida, mas a qualidade de vida durante a velhice. O que eu não sabia, antes de ler esta reportagem, era esse risco de alcalose, por isso, é bom não exagerar e eliminar todos os alimentos ácidos.

  • MCRC diz: 10 de julho de 2013

    Concordo com NSR. A questão de diminuir os alimentos ácidos não tem, prima facie, o propósito de perda de peso. Faz anos que evito alimentos ácidos (refrigerantes, por ex., carnes) que podem, acidificando o organismo, provocar doenças. Dieta é uma palavra guarda chuva. Há que se saber o que comer, quando e junto com o quê. Dessa forma, a perda de peso é consequencia.

  • Neide Lima diz: 12 de julho de 2013

    Gostei desta pesquisa, muito bem informada pretendo seguir essas recomendações.
    obrigada.
    Neide Lima

  • AnneJaneavosjaneavos diz: 14 de julho de 2013

    Ola!
    Qual o dia que vc postou o suco verde,por gentileza!
    Obrigada
    Miami/florida

  • Willian diz: 23 de julho de 2013

    Bacana esta matéria.

  • adriano diz: 28 de julho de 2013

    é impressionante, como ainda os nutrologos indicam óleo de Canola, que é o pior óleo que existe.
    Óleo de Canola é uma substância venenosa, um óleo industrial que não pertence ao corpo. Contém “o infame agente do gás mostarda da guerra química”, hemaglutininas e glicosídeos tóxicos; causa a doença da vaca louca, cegueira, desordens nervosas, adesão de hemácias e depressão do sistema imunológico. (Canadian oil – ou óleo canadense).é uma falta de responsabilidade e um perigo a saúde pública.

  • HUMBERTO VIANNA diz: 5 de setembro de 2013

    E é bom que se esclareça que o óleo não é de CANOLA, esta preposição (de) faz toda a diferença, o óleo é CANOLA, pois CANOLA é uma silgla (CANADIAN OIL LOWER ACID), ou seja é um óleo canadense com baixa concentração de ácido erúcico extraído de uma planta que é praga no CANADA que se chama Colza, da família da Mostarda, que mata as pessoas que a consomem de ENFARTO DO MIOCÁRDIO.

  • Carlos Pereira diz: 23 de janeiro de 2014

    Existem várias sementes que são alcalinizantes e que devem ser consumidas pelas pessoas que desejam seguir um estilo de vida alcalino. Por exemplo, as sementes de abóbora são muito alcalinizantes, ao contrário do que é referido no artigo. Assim como as sementes de girassol, as sementes de gergelim e o caju.

Envie seu Comentário