Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Confira 10 mitos e verdades sobre a atividade física

13 de agosto de 2013 8


Foto: Jefferson Botega

O tema de hoje aborda os mitos e as verdades da atividade física. O blog pediu para o personal trainer Matheus Zanchet tirar as principais dúvidas de vocês.

Leia mais
Confira cinco alimentos que ajudam a alcançar pernas bem torneadas
Cinco motivos para consumir o chá verde, mas atenção aos cuidados
Saiba por que a bebida alcoólica é prejudicial para quem pratica exercícios físicos
Personal trainer ensina seis exercícios para deixar suas pernas torneadas
Confira cinco alimentos que ajudam a combater a celulite

1 – A prática de pilates aumenta a massa muscular e a flexibilidade?
VERDADE. O aluno conseguirá definir a musculatura, sem aumentar muito o seu volume. O foco do pilates não é hipertrofia. O resultado não está relacionado ao número de repetições, mas pela qualidade do movimento. A consciência corporal adquirida, somada a um trabalho da estrutura musculoesquelética, permite a execução dos exercícios com eficiência e segurança.

2 – A gordura vira músculo com treinamento físico?
MITO. O exercício não destrói os depósitos de gordura. Na verdade, ele ajuda a queimar calorias provenientes da gordura. Quando você diminui o peso por meio de dieta e exercício, ocorre a redução do volume das células adiposas, ou seja, elas continuam lá, mesmo depois de você ter emagrecido. A diminuição da quantidade de células gordurosas somente é feita por procedimento cirúrgico, como lipoaspiração ou outros métodos.

3 – Correr com agasalho ajuda a emagrecer ?
MITO.
Nunca se agasalhe demais ou enrole plásticos no corpo para se exercitar. A perda de peso ocorrerá devido à desidratação. O volume é reposto imediatamente após o exercício. Roupas ideais permitem a regulação da temperatura corporal, necessária para um bom funcionamento das reações fisiológicas que ocorrem durante o treino.
Inverno - É preciso conservar o calor corporal e evitar sua perda para o ambiente mais frio.
Verão - É necessário vestir roupas que permitam a perda de calor, mantendo a temperatura do corpo confortável.


Foto: Ricardo Jaeger

4 – Após a atividade física, você deve sentir dor para que o exercício surta efeito?
MITO. Não é preciso que você sinta dor muscular para ter bons resultados. Porém, se você está parado (a) há muito tempo, ao iniciar um programa de exercícios, provavelmente sentirá dor muscular devido ao estímulo dado ao músculo que não está acostumado com determinado exercício. Assim, o treino deverá ser progressivo, iniciando de acordo com o seu condicionamento, para não causar lesões. Atletas que trabalham no limite do condicionamento também estão sujeitos a dores e a lesões, por isso, devem fazer um trabalho com acompanhamento e orientação de um profissional competente.

5 – O treinamento funcional promove hipertrofia muscular?
MITO. O treinamento funcional apenas gera ao iniciante um ganho de força expressivo e ligeira hipertrofia, acompanhados de um condicionamento físico excelente. Mas isso ocorre com qualquer pessoa que começa a se exercitar. Então, o treinamento funcional NÃO promove hipertrofia muscular.

6 – Cãibra indica desidratação?
VERDADE. A deficiência de potássio pode ser um diagnóstico precoce demais, pois as contrações estão mais ligadas a baixos níveis de magnésio e sódio.
Além de hidratação insuficiente, falta de alongamento e excesso de esforço também são possíveis causas. Se encher de banana não é a solução para nunca mais ter cãibra. Ao sentir a dor, é melhor parar, beber água ou isotônico, alongar a região afetada e esperar a dor passar.


Foto: stock.xchng

7 – Para aumentar a massa muscular, é necessário repouso?
VERDADE. O aumento da massa muscular não ocorre durante o exercício, mas no período de repouso. É preciso pelo menos 12 horas de descanso para o músculo recuperar o estoque de energia gasto durante o exercício e se refazer dos micro traumas ou lesões provocados pelo esforço. É esse processo que cria volume e definição muscular.

8 – É proibido correr na gravidez?
MITO. O mais comum é reduzir o volume e a intensidade dos treinos – os batimentos cardíacos não devem ultrapassar media de 140 por minuto. Mas, se a gestação vai bem e seu médico liberou a corrida, é possível ir em frente até o oitavo mês, quando o melhor é mudar para uma caminhada leve. Complementar a corrida com uma modalidade de baixa intensidade (como ginástica funcional ou localizada sem carga) é uma boa para reforçar a musculatura, pois a oscilação dos hormônios neste período deixa as articulações sensíveis e carentes de sustentação. Outra medida importante é ficar atenta a dores nas regiões lombar e pélvica, estabilidade da frequência cardíaca e perda de urina quando corre, que podem indicar se é necessário interromper ou adaptar o exercício.


Foto: Germano Rorato

9 – Exercício localizado auxilia na redução de medidas?
MITO. O que faz reduzir as circunferências em excesso é uma boa dieta. Atividade aeróbica também ajuda, porque aumenta o gasto calórico.
No treino aeróbico, a pessoa perde gordura no corpo todo, não apenas no abdômen. E os exercícios localizados não fazem com que a perda de gordura ocorra em uma região específica. O gasto calórico dos abdominais é irrisório, não serve para emagrecer.

10 – Quanto maior a passada, melhor a corrida?
MITO.
A amplitude da passada varia de acordo com o perfil e o tipo físico de cada corredor. Se suas pernas são curtas, por exemplo, a passada longa vai exigir um esforço excessivo. Nesse caso, o ideal é dar passadas mais curtas, em maior número. Assim, você economiza esforço e o exercício rende mais. Mesmo para quem tem pernas compridas, passadas abertas demais podem resultar em um gasto maior de energia e maior perigo de lesão por causa do impacto com o solo. Conheça seu corpo, seus limites e teste diferentes tamanhos de passada até encontrar o ritmo mais confortável.

Já seguiu o blog no Facebook? Corre lá e fique por dentro das últimas notícias saudáveis de Aline Mendes

Comentários (8)

  • Leonardo diz: 13 de agosto de 2013

    A pergunta 9, afinal, é VERDADE ou MITO???????

  • Rodrigo diz: 13 de agosto de 2013

    Ótima matéria, principalmente o mito número 6 sobre cãibras.

  • Gustavo diz: 13 de agosto de 2013

    Gostei muito da matéria. Especialmente da segunda foto.

  • Pitt diz: 13 de agosto de 2013

    A pergunta 9 não ficou claro se é mito ou verdade. A resposta está certa, o que deve ser mudado é colocar a palavra MITO ou invés de VERDADE.

  • Roni Madeira diz: 14 de agosto de 2013

    Quero um ganho de massa magra com ajuda de suplementos, que alimentos são os mais ricos em proteinas e fibras?
    Quais os suplementos ideais para reforçar essa dieta?

  • Alex diz: 14 de agosto de 2013

    Boa materia. Soh fiquei meio curioso com a numero 2. Quer dizer que se eu peso 400kg (e 120kg eh gordura), e emagrecer 200kg, ainda terei a mesma quantidade de gordura no meu corpo, somente com celulas reduzidas?

  • philips diz: 14 de agosto de 2013

    Pergunta numero 2 é uma e a resposta é outra.

    Pensando dessa forma, levo a crer que:

    Que quem faz um concurso de hipertrofia fez cirurgia plastica para diminuir o nivel de gordura corporal ?

    Tambem a pessoa nasce com um percentual de gordura e só consegue aumentar/diminuir o tamanho das celular de gordura, mas “erradicar” elas não existe.

    Aline, assim como você sou um mero viciado em academia.

  • Dr. Fabio Corsini Motta diz: 15 de outubro de 2013

    Bem dito, pois escutamos cada besteiro por ai…..

Envie seu Comentário