Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Devemos ou não devemos nos preocupar com as calorias dos alimentos? Tire suas dúvidas

24 de março de 2014 0

009b1adc
Foto: Andréa Graiz

Desde que comecei a frequentar o consultório do nutricionista com mais afinco, parei de prestar atenção nas calorias e passei a me preocupar mais com itens como gordura, sódio, açúcar. Como muitas pessoas se preocupam com as calorias de um alimento, pedi para a nutricionista Marcele Policarpo tirar as dúvidas de vocês.

O post é longo, mas vale a leitura. No final, ainda tem uma comparação das calorias de alimentos saudáveis e não saudáveis. Não perca!

Leia mais
10 alimentos recomendados para quem quer ganhar massa magra
Confira cinco alimentos que ajudam na conquista da barriga sarada
Descubra 10 motivos para incluir a goji berry na sua dieta

Saiba como eliminar os quilinhos extras com a dieta detox
Nutricionista ensina nove cardápios detox para turbinar a sua dieta
Nutricionista tira dúvidas sobre a chia e a linhaça, grãos que ajudam a emagrecer
Conheça os benefícios do chá de hibisco, que auxilia no emagrecimento

Devemos nos preocupar com as calorias de um alimento? Por quê?
As calorias em uma dieta são importantes para chegarmos a objetivos específicos (redução de gordura corporal, definição muscular, aumento de massa muscular, maior rendimento no treino, manter uma alimentação saudável). Contudo, não podemos nos preocupar somente com a quantidade de calorias, mas, também, em observar os nutrientes e os benefícios que os alimentos podem proporcionar ao organismo.

Contar calorias é coisa do passado ou deve ser mais um item a observar? Por quê?
Sempre indico no consultório a não contar calorias, pois existem muitos alimentos que contêm baixa quantidade de calorias, mas que não trazem tantos benefícios ao organismo.

005566a9
Foto: Frances Magee/Stock.xchng

Exemplo:
Pão de forma light com farinha de trigo refinada e pão integral.
O pão integral terá maior quantidade de calorias, mas, em contrapartida, trará mais benefícios ao organismo por conter mais fibras, diferentemente do pão light com farinha refinada.

Leia mais
PROJETO VERÃO: confira dicas para perder os quilinhos indesejados

Ao comprar um alimento, devemos atentar para os itens na tabela nutricional nos ingredientes?
Sim. Para itens como valor energético, proteínas, gorduras (gorduras totais, saturadas, trans, monoinsaturadas, poli-insaturadas), carboidratos, fibras, sódio. As pessoas que possuem doenças restritivas devem ter atenção aos nutrientes de acordo com as suas necessidades (Ex: doença celíaca deve observar se o produto não contém glúten). Importante observar, também, que as quantidades informadas no rótulo dizem respeito a uma determinada porção fracionária do produto contido na embalagem.

foto-32
Foto: Aline Mendes

Observando o rótulo, quais são as características de um alimento saudável?
Importante lembrar que os ingredientes utilizados para a fabricação do alimento estão dispostos em ordem decrescente de quantidade. O primeiro ingrediente é aquele que está em maior quantidade no produto e o último, em menor quantidade. Então, por exemplo, se no rótulo de determinado alimento está escrito que o produto é um farináceo integral, o primeiro ingrediente deve ser farinha integral e não farinha de trigo refinada.
Outros itens importantes que devem ser observados são a quantidade de sódio, fibras, gorduras.

Quais são as características de um alimento não saudável?
Depende de pessoa para pessoa – se ela tem ou não alguma doença restritiva. De modo geral, é importante observar a quantidade de sódio. Ele está presente em embutidos e alimentos industrializados. Deve ser consumido com moderação, pois o consumo excessivo pode levar a um aumento da pressão arterial.
Se a quantidade de sódio for superior a 400mg em 100g do alimento, ele pode ser considerado um alimento rico em sódio, devendo ser evitado.
Outro ponto importante a ser observado é a presença de aditivos químicos, que acabam tornando os alimentos não tão saudáveis. Alguns exemplos são: corantes, conservantes, edulcorantes.

00768050
Foto: Michal Zacharzewski

Alimentos pouco calóricos são sempre saudáveis?
Nem sempre, pois para serem considerados saudáveis, devem trazer benefícios ao organismo. Como por exemplo: compostos antioxidantes, alto teor de fibras.

Exemplos de alimentos pouco calóricos ricos em gordura:
Biscoitos doces e salgados de baixas calorias, torradinhas de baixas calorias.

Exemplo de alimento pouco calóricos ricos em sódio:
Molhos de salada light.

CINCO comparações de alimentos (um saudável e outro não, mas que possuem a mesma quantidade de calorias).

1 - 1 unidade de maçã (82 kcal) X 5 unidades de bala de caramelo com chocolate (83,6 kcal).

00053fcb-1024x645     caramelo

2 -4 unidades de nozes (139 kcal) X 2 unidades de biscoito recheado (144 kcal).

nozes11    008f49c5

3 - 3 colheres de sopa de aveia (162 kcal) X 3 quadradinhos (30g) de chocolate branco (170 kcal).

0081c643    chocolate-branco-chocolate-ao-leite-169257978-T-650x350

4 - 1 prato completo: saladas à vontade + 4 colheres de sopa de legumes cozidos + 4 colheres de sopa de arroz integral + 1 concha de feijão + 1 filé (100g) de frango grelhado (421 kcal) X 1 fatia (150g) de pizza napolitana (436 kcal).

001fb6ce    000772d0

5 - 1 copo de suco detox (200ml de água de coco + ½ maçã + 2 fatias de abacaxi + 2 rodelas de gengibre + 1 folha de hortelã) (150 kcal) X 1 bola de sorvete de creme (170 kcal).

Entenda

O que dita a quantidade de calorias de um alimento?
Existem grupos fornecedores de calorias, que são os macronutrientes (principais grupos: carboidratos, proteínas e gorduras). Cada nutriente tem sua quantidade específica de calorias: Carboidratos e proteínas fornecem 4kcal por grama e gorduras, 9kcal por grama. Para calcular o valor energético de cada alimento, multiplica-se a quantidade em gramas de cada nutriente existente dentro do produto pelas respectivas calorias.

Preste atenção:
Importante ressaltar que 1g de álcool fornece 7kcal.

Qual o objetivo delas em uma dieta?
As calorias são importantes para manter a saúde do organismo e para realizar funções como: estudar, trabalhar, praticar exercícios físicos. Precisamos de energia para fazer as atividades cotidianas. As calorias são importantes, também, para atingir objetivos em relação à composição corporal.

_______________________________________________

>>COMO ASSINAR
 Veja como receber as atualizações do blog no seu e-mail

>> REDES SOCIAIS DO BARRA DE CEREAL
(basta clicar nos links abaixo para acessá-las e curti-las)


FACEBOOK: /blogbarradecereal

INSTAGRAM – @blogbarradecereal

PINTEREST – /barradecereal

TWITTER – @barra_de_cereal

Envie seu Comentário