Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Páscoa magrinha: descubra o poder dos chocolates funcionais

14 de abril de 2014 0

00377a5e
Foto: Divulgação

Algumas variações de chocolates chegaram ao mercado para agregar as propriedades funcionais do cacau ao poder de outros alimentos, como a linhaça dourada, soja, fibras de frutas, semente de chia, óleo de prímula, chá verde, colágeno hidrolisado, vitamina C, entre outros. São os chocolates funcionais. Em geral, possuem menos calorias do que o chocolate tradicional. A seguir, confira as dicas da nutricionista Ana Carolina Bragança.

NÃO PERCA!
Conheça os tipos de chocolate e descubra a opção mais saudável para a Páscoa

Qual é a composição nutricional média de um chocolate funcional?

Porção 25g (1 tablete de chocolate 50%  marca Chocolife)

Valor Calórico – 106kcal
Carboidratos – 12g (dos quais polióis são 8,6g e outros, 3,4g)
Proteínas – 1,1g
Gorduras totais – 7,9g (dos quais óleo de cártamo, 1g)
Gorduras saturadas – 5g
Gorduras trans – 0g
Fibra alimentar – 4,6g
Sódio – 1,5mg
Vitamina C – 45mg

chocolife50_cacau25g_suanatureza
Foto: Reprodução

O QUE O CHOCOLATE FUNCIONAL PRECISA CONTER
Teor de cacau de, no mínimo, 50% e outro alimento funcional em sua composição.

O QUE O CHOCOLATE FUNCIONAL NÃO PODE TER
Açúcar e leite em excesso.

ALGUNS TIPOS

Chocolate amargo – É rico em flavonóides, antioxidantes que neutralizam a ação de radicais livres e ajudam a proteger o coração, reduzindo o risco de doenças cardiovasculares. Promove estímulo da produção de serotonina no cérebro, um neurotransmissor responsável pelo bem-estar e pela sensação de prazer. É também fonte de cafeína e teobromina, que atuam como estimulante do cérebro e agilizam o raciocínio.

007bf8bd
Foto: Stock Photos

Chocolate amargo com colágeno - Além das propriedades antioxidantes do cacau, o chocolate amargo combinado com uma suplementação específica de colágeno, pode auxiliar no combate à flacidez, pois em geral contém 1g de colágeno por porção.

Chocolate amargo com óleo de cártamo e pimenta vermelha - Além das propriedades antioxidantes do cacau, é termogênico (acelera o metabolismo) pela presença da pimenta e antioxidante em razão do óleo de cártamo. É um chocolate que promete ajudar na redução de medidas.

10155838_298330696991313_1418799945_n
Chocolates Caracol. Foto: Reprodução

Chocolate com óleo de prímula - Rico em ácido linolênico e gama linoléico, promete aliviar os sintomas da TPM.

Chocolate com picolinato de cromo - Possui o mineral cromo e promete potencializar os efeitos da insulina, o que promove a sensação de saciedade e diminuindo o apetite voraz por doce.

Chocolate amargo com semente de chia - Além das propriedades antioxidantes do chocolate amargo, por causa da chia, que é rica em omega-3 (que tem um efeito positivo na prevenção de doenças cardiovasculares), fibras (que são benéficas ao funcionamento intestinal e antioxidantes), além de proteínas e minerais como o ferro, cálcio, magnésio e potássio. Potencializa a absorção de nutrientes pelo organismo e aumenta a sensação de saciedade entre as refeições, fazendo com que a pessoa leve mais tempo para sentir fome novamente.

564898ea882a11e39abe0e3c52cae496_8
Chocolates Hart’s.  Foto: Aline Mendes

Chocolate à base de soja - É feito com extrato de soja no lugar do leite, sem lactose, proteína do leite ou glúten. É 100% vegetal e possui um valor calórico inferior ao chocolate tradicional e dietético. Indicado para pessoas com intolerância à lactose e celíacos. A versão sem açúcar pode ser consumida por diabéticos.

Alfarroba - É uma vagem que, após a trituração e torrefação, resulta numa farinha, utilizada como substituta do cacau. Tem apenas 0,7% de gordura, é fonte de cálcio, potássio, fósforo e vitaminas E, B6 e B12. Além de ser rica em fibras e não conter cafeína. É indicada para celíacos, pessoas com intolerância à lactose. A versão sem açúcar também pode ser consumida por diabéticos.

ovo_de_pascoa_carobhouse_alfarroba
Foto: Reprodução

QUANTIDADE DIÁRIA RECOMENDADA
Costumo recomendar de 15 a 25g ao dia.

CUIDADOS
Os chocolates, inclusive aqueles considerados saudáveis, não devem ser consumidos em excesso. A Organização Mundial da Saúde (OMS) preconiza o consumo de, no máximo, 50 gramas de chocolate ao dia para que não se ultrapasse o limite de gorduras.

Algumas vezes, devido às quantidades limitadas de alguns ingredientes funcionais em apenas uma porção de chocolate (15 g ou 25g), os chocolates funcionais podem não atingir a recomendação diária daquele nutriente. Como é o exemplo do chocolate com colágeno: um tablete costuma ter 1g de colágeno. O recomendado para a suplementação seria de 10 a 15g de colágeno ao dia. Portanto, tais benefícios, muitas vezes precisarão estar combinados com uma dieta específica prescrita por uma nutricionista.
Além disso, gestantes, nutrizes, e crianças devem consumir os chocolates funcionais sob a orientação de nutricionista ou médico.

SUPERDICA DA ANA CAROLINA
- O consumo de 15g de chocolate amargo rico em fibra pode ajudar a reduzir a vontade der doces à noite.

Leia mais
10 alimentos recomendados para quem quer ganhar massa magra
Confira cinco alimentos que ajudam na conquista da barriga sarada
Descubra 10 motivos para incluir a goji berry na sua dieta

Saiba como eliminar os quilinhos extras com a dieta detox
Nutricionista ensina nove cardápios detox para turbinar a sua dieta
Nutricionista tira dúvidas sobre a chia e a linhaça, grãos que ajudam a emagrecer
Conheça os benefícios do chá de hibisco, que auxilia no emagrecimento

_______________________________________________

>>COMO ASSINAR

 Veja como receber as atualizações do blog no seu e-mail

>> REDES SOCIAIS DO BARRA DE CEREAL
(basta clicar nos links abaixo para acessá-las e curti-las)

FACEBOOK: /blogbarradecereal

INSTAGRAM – @blogbarradecereal

PINTEREST – /barradecereal

TWITTER – @barra_de_cereal

Envie seu Comentário