Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Posts com a tag "proteína"

Nutricionista ensina a preparar 15 lanchinhos que ajudam a deixar o corpo definido

17 de fevereiro de 2014 2

Attachment-1
Foto: Guto Kuerten/Agência RBS

Preparados para dar início à terceira semana do projeto carnaval? A dica de hoje da nutricionista Vanessa Leite são lanchinhos proteicos.
Quem busca aumentar massa muscular, reduzir gordura corporal e melhorar a performance deve fazer, no mínimo, cinco refeições diárias com proteínas (pode ser de origem animal e/ou vegetal). Este nutriente é o verdadeiro segredo.
Não basta as proteínas estarem presente somente no almoço e no jantar. É fundamental que estejam nos lanches intermediários também. Comer somente uma fruta não vale, pois ela contém somente carboidratos. Neste caso, faltaria um acompanhamento proteíco.
Para fazermos a síntese proteica ou o anabolismo não vale comer proteínas somente antes e/ou depois do treino, é preciso distrubuir (comer) ao longo do dia (café da manhã, lanche, almoço, lanche, janta, ceia). Lembre-se que o nosso organismo não tem reservas de proteínas, então se você não ingerir pode causar catabolismo (perda de massa muscular).

Leia os dois primeiros posts
Conheça os alimentos “amigos” do biquíni e da sunga
Nutricionista dá dicas para reduzir a gordura abdominal

A seguir, a nutricionista Vanessa Leite lista 15 opções de lanches intermediários completos com proteínas (as quantidades devem variar de acordo com seu peso, altura, sexo, objetivo).

Captura de Tela 2014-02-16 às 17.33.10
Foto: Dulce Helfer

1)
1 iogurte light
2 colher de sopa de granola integral

2)
2 fatias de pão integral ou 1 tapioca
2 fatias de peito de peru
1 fatia de queijo light
Saladas à vontade
0-1 colher de sopa de maionese industrializada light ou sem colesterol

3)
1 copo de bebida à base de soja light/diet/zero

4)
1 barra de proteína

5)
1 scoop de whey com água

Musse-de-whey-225x300

6)
Mousse de whey (foto)

Ingredientes
2 colheres de sopa de leite desnatado em pó
2 colheres de sopa de whey protein sabor chocolate
Água gelada bem pouca quantidade (o necessário)

Modo de preparo
Junte o leite, o whey e a água até ficar um creme grosso. Leve ao freezer até firmar (aproximadamente 10 minutos. Se passar, fica duro, aí basta deixar na temperature ambiente 3 minutos).
Rende: 1 taça
Calorias: 140

Leia mais
10 alimentos recomendados para quem quer ganhar massa magra
Confira cinco alimentos que ajudam na conquista da barriga sarada
Descubra 10 motivos para incluir a goji berry na sua dieta

Saiba como eliminar os quilinhos extras com a dieta detox
Nutricionista ensina nove cardápios detox para turbinar a sua dieta
Nutricionista tira dúvidas sobre a chia e a linhaça, grãos que ajudam a emagrecer
Conheça os benefícios do chá de hibisco, que auxilia no emagrecimento

7)
1 xícara de leite desnatado com café ou com 1 colher de sopa de whey (quente ou gelado)


8)

1 ovo cozido

9)
1 fatia de pão integral
Peito de frango desfiado

0081bf4e

10)
50g de batata-doce assada (aproximadamente ½ batata doce pequena)
Peito de frango grelhado (aproximadamente 1 filé, do tamanho da palma da mão)

11)
1 scoop de caseína com água

12)
1 polenguinho de fibras e cálcio light

13)
Panqueca de claras com aveia, banana e canela

14)
1 fatia de pão integral
½ lata de atum light

15)
1 scoop de proteína isolada de soja com água

Leia mais
PROJETO VERÃO: confira dicas para perder os quilinhos indesejados

Já seguiu o blog no Facebook? Corre lá e fique por dentro das últimas notícias saudáveis de Aline Mendes

Descubra os seis benefícios da albumina, que auxilia no ganho de massa magra

22 de outubro de 2013 14

albumina3

Nas últimas semanas, recebi vários e-mails de leitores sugerindo que eu publicasse um post sobre a albumina. A pedido do blog, a nutricionista esportiva Marina Cargnin, da Clínica Nutrissoma, tira todas as dúvidas.

Leia mais
Confira 10 alimentos industrializados do bem escolhidos por uma nutricionista
Conheça os benefícios do chá de hibisco, que auxilia no emagrecimento
10 alimentos recomendados para quem quer ganhar massa magra

Descubra 10 motivos para incluir a goji berry na sua dieta
Nutricionista tira dúvidas sobre a chia e a linhaça, grãos que ajudam a emagrecer

Personal trainer ensina 12 exercícios para definir o abdômen

ALBUMINA
A albumina é um alimento hiperprotéico, à base exclusivamente de proteína com alto valor biológico (boa e lenta absorção), contendo aminoácidos essenciais e não essenciais, além das vitaminas do complexo B e 12, minerias como zinco e manganês. Pode ser encontrada no ovo (ovolbumina), no sangue humano (seroalbumina) e no leite (lactoalbumina). É comercialmente extraída da clara do ovo , onde é encontrada em abundância.

SETE BENEFÍCIOS DA ALBUMINA
1 – Auxilia o metabolismo - É rica em ácido glutâmico, ácido aspártico e leucina, nutrientes responsáveis pelo funcionamento do metabolismo.
2 – Promove o ganho de massa muscular - Contém uma grande quantidade de aminoácidos essenciais, que contribuem para a recuperação do tecido muscular, ou seja, para a síntese de proteínas e aumento do volume (hipertrofia).
3 – É rica em vitaminas do complexo B, potássio, fósforo e ferro, fornecendo energia e disposição ao organismo.
4 – Útil para manutenção e perda de peso - Por ser uma proteína de lenta absorção, prolonga o processo digestivo, aumentando o poder de saciedade, retardando a sensação de fome, fundamental para dietas de manutenção ou perda de peso.
5 – Possui um custo baixo - É forma eficaz e mais barata de suprir as necessidades de proteína do corpo, pois a albumina é uma proteína de alto valor biológico (que tem boa absorção pelo organismo) e que possui um custo bastante acessível, diferente de outras fontes de suplementos disponíveis no mercado.
6 – Boa para recuperação após cirurgias estéticas, como a lipoaspiração – Como toda a proteína, auxilia na cicatrização, porém por ter a digestão mais lenta, diminui o risco de fibrose (também causada pelo excesso de proteína da dieta). Ela também ajuda o corpo a diminuir o inchaço, comum no pós cirúrgico.

albumina

SUBSTITUI O OVO
A albumina é a clara de ovo, só que na forma desidratada (em forma de pó). Na forma de pó, ela poder ser incorporada de forma mais fácil na dieta como shakes, igourtes, sucos ou no leite.

QUANDO É RECOMENDADA
A albumina pode ser recomendada para completar a proteína da dieta de pessoas saudáveis que não atingem a necessidade de proteína através da ingestão alimentar, vegetarianos, anêmicos e desnutridos. Algumas nutricionistas prescrevem albumina após intervenções estéticas, como lipoaspiração, e em casos de queimaduras e hemorragias. É mais comum recomendar a albumina para praticantes de atividade física, quando se tem a necessidade de complementar a dieta com um suplemento à base de proteína.

ALÉM DA ATIVIDADE FÍSICA
Quem suplementa albumina e pratica exercícios físicos de forma regular, poderá ganhar massa muscular pela suplementação e estímulo à síntese proteica. Mas a albumina poderá ser suplementada para aumentar a aporte proteico de determinada dieta sem que o indivíduo seja praticante de atividade física.

MELHOR PERÍODO PARA TOMAR
Como a albumina tem uma absorção mais lenta, os horários mais indicados são pela manhã no desjejum ou antes de dormi, para ter uma liberação gradativa desta proteína, evitando catabolismo proteico no período do sono.

1374925_10151683884442361_562776504_n

ALBUMINA E CLARA DE OVO
Desde que ambos estejam previstos no cálculo total da dieta, evitando que essa ingestão proteica seja exagerada, evitando o risco de restrição hídrica, e uma sobrecarga renal.

CUIDADOS
A prescrição da albumina, como qualquer outro suplemento proteico, deve ser feita por uma nutricionista que introduza essa suplementação no cálculo total da dieta. É fundamental conhecer padrão alimentar, estilo de vida, objetivo de cada indivíduo, para que, com a suplementação, os resultados possam ser realmente atingidos sem causar prejuízos ao corpo, como uma sobrecarga renal, por exemplo.

CONTRAINDICAÇÃO
Como qualquer proteína, a albumina, em excesso, pode sobrecarregar os rins que terão que metabolizar seus excessos proteicos, aumentando o risco de insuficiência renal. Algumas pesquisas têm relacionado o excesso de proteínas a uma menor absorção de cálcio, favorecendo a osteoporose.
Como a albumina é derivada do ovo, é comum que a pessoa que utiliza a albumina passe a acumule gases intestinais com mais frequência e com odor mais desagradável que o de costume. Não é recomendado para pessoas com intestino mais sensível pois pode causar diarreia.

MARCAS RECOMENDADAS
Saltos, Naturovos e Probiótica.

Já seguiu o blog no Facebook? Corre lá e fique por dentro das últimas notícias saudáveis de Aline Mendes

Livro mostra as vantagens do whey protein para a saúde

30 de setembro de 2013 3

Dieta com Whey Protein

Whey Protein – ou proteína do soro do leite – é considerada a melhor fonte proteica para consumo. A ação antioxidante e sua atuação para a manutenção de um sistema imunológico fortalecido são alguns dos benefícios disponíveis para que busca uma vida mais saudável e também alcançar a boa forma.

10 alimentos recomendados para quem quer ganhar massa magra
Descubra 10 motivos para incluir a goji berry na sua dieta
Nutricionista tira dúvidas sobre a chia e a linhaça, grãos que ajudam a emagrecer
Cinco motivos para consumir o chá verde, mas atenção aos cuidados
Saiba como eliminar os quilinhos extras com a dieta detox
Confira sete tratamentos estéticos para evitar e combater a celulite

Em busca de esclarecer melhor o assunto, a nutricionista Geórgia Bachi acaba de lançar o livro Dieta com Whey Protein – Os benefícios do soro do leite para a sua saúde.

- Meu objetivo é apresentar um novo conceito de dieta, bastante comum entre atletas e que pode trazer grande benefício à saúde de qualquer indivíduo, independente das metas pessoais e da atividade que pratica – afirma.

Na obra, além de dicas sobre o suplemento, a autora apresenta receitas com whey protein, que vão desde shakes e vitaminas até bolos e tortas.

- Somente quando comecei a estudar a dieta de fisiculturistas é que compreendi a importância de ingerir fontes proteicas de alto valor biológico nas refeições. Existem itens básicos no cardápio desses profissionais que todos deveriam conhecer e seguir – sugere.

Segundo a nutricionista, esses suplementos não farão ninguém ficar magro ou forte milagrosamente. Eles irão trabalhar única e exclusivamente na função suplementar da alimentação.

- Precisamos nos nutrir com o combustível que o organismo necessita. Caso contrário, a consequência será o envelhecimento precoce, a má qualidade de vida e a propensão a diversas doenças –  finaliza Geórgia.

398364_361078063974358_1003462758_n

Sobre a autora
Geórgia Bachi é mestranda em Nutrição e Alimentos pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (RS), com formação em nutrição pela Universidade Feevale. Tem experiência profissional em nutrição hospitalar e social. Atualmente, é palestrante e realiza atendimento em clínica e em academias desportivas.

Saiba mais
Dieta com Whey Protein – Os benefícios do soro do leite para a sua saúde
Matrix Editora
120 páginas
R$ 24,00

Já seguiu o blog no Facebook? Corre lá e fique por dentro das últimas notícias saudáveis de Aline Mendes

Dieta da proteína requer cuidados, alerta nutricionista

27 de setembro de 2013 24

002d9433
Foto: stock.xchng

Você já ouviu falar na dieta da proteína? A pedido dos leitores, pedi ajuda da nutricionista Antoniela Vieira para explica as restrições do plano alimentar e os cuidados.

Leia mais

10 alimentos recomendados para quem quer ganhar massa magra
Descubra 10 motivos para incluir a goji berry na sua dieta
Nutricionista tira dúvidas sobre a chia e a linhaça, grãos que ajudam a emagrecer
Cinco motivos para consumir o chá verde, mas atenção aos cuidados
Saiba como eliminar os quilinhos extras com a dieta detox
Confira sete tratamentos estéticos para evitar e combater a celulite

DIETA DA PROTEÍNA
Existem muitos tipos de dietas da proteína. A mais popular é aquela onde há restrição total de carboidratos, com consumo apenas de proteínas e gorduras. Geralmente não há preocupação com a qualidade da proteína consumida, e há elevada ingestão de gorduras saturadas. Por não permitir o consumo de frutas e muitos tipos de vegetais, é pobre em fibras e líquidos. É muito restritiva, há extrema dificuldade de mantê-la. Geralmente seus seguidores recuperam o peso perdido rapidamente após a dieta.
Existem planos alimentadores que limitam um valor energético e controlam a qualidade da proteína consumida, porém, os resultados posteriores ao período da dieta são os mesmos: há emagrecimento rápido, porém muitos prejuízos à saúde.

BENEFÍCIO
O único benefício é o rápido emagrecimento. Mas há elevada perda de massa muscular. Para alimentar o músculo, é necessário o consumo de carboidratos em conjunto com proteínas. Os carboidratos funcionam como uma espécie de “veículo” que carrega as proteínas para dentro do músculo. Sem eles, há degradação da massa muscular por ausência de nutrientes.

EXERCÍCIOS FÍSICOS
Como não prescrevo esse tipo de dieta, aconselho acompanhamento médico para a autorização da prática de exercícios.

O QUE É LIBERADO
Consumo de proteínas, não importando a qualidade. Pode-se consumir bacon, carnes gordurosas, ovos fritos, salames, presunto, queijos amarelos, frango, carne bovina, suína, peixes e frutos do mar.

0072be18

O QUE NÃO É RECOMENDADO
Não é permitido o consumo de qualquer tipo de carboidratos, como: pães, doces, cereais, frutas e vegetais, como cenoura, moranga, beterraba etc.

RISCOS
A dieta aumenta os riscos de desenvolvimento de doenças cardiovasculares, gota, elevação do colesterol e triglicerídeos, insuficiência renal, hipertensão e problemas intestinais.

DIETA DUKAN
A dieta Dukan é composta por fases. Uma delas, chamada de “proteínas puras”, limita o consumo à apenas um dos três macronutrientes alimentares: a proteína. Na segunda etapa, há o incremento de legumes verdes ou cozidos. Os ciclos “proteína pura” e “proteína mais legumes” são alternados. Após, são realizadas mais duas etapas. As duas primeiras são extremamente restritivas quanto à variedade e qualidade de alimentos. Na terceira, há liberação total, mas uma vez por semana o paciente deve seguir a dieta das proteínas puras, o que gera grande prejuízo ao organismo humano.

A dieta Dukan baseia-se no consumo somente de proteínas e vegetais, totalizando 100 alimentos no cardápio – 72 de origem animal e 28 de origem vegetal. Entre os malefícios da dieta Dukan, estão:
1- Esgotamento das reservas de glicogênio muscular e consequente perda de massa muscular
2 – Desidratação, pois cada molécula de glicogênio leva consigo uma quantidade significativa de água ao ser catabolizada
3 – Pelo incremento proteico ser muito elevado, contribui para o desenvolvimento de diversas doenças: gota, doenças cardiovasculares, problemas intestinais, renais etc.

00833777

O que geralmente é consumido na dieta da proteína
Café da manhã - Presunto, salame, ovos, queijos amarelos (a quantidade de queijo é, geralmente, controlada). Suco (apenas de limão) e café (somente o descafeinado).
Almoço e jantar- Carne bovina, suína, frango, peixes, frutos do mar, ovos e vegetais (apenas folhas verdes).
Lanches intermediários - Gelatina diet, presunto, queijos, atum enlatado, salames.

Já seguiu o blog no Facebook? Corre lá e fique por dentro das últimas notícias saudáveis de Aline Mendes

Quem pratica corrida pode consumir que tipo de suplemento? Nutricionista responde

14 de julho de 2013 0


Foto: Jessé Giotti

Desde que lancei o Blog Barra de Cereal, tenho recebido várias mensagens de leitores que gostam de correr e têm dúvida sobre quais suplementos ingerir antes, durante e depois do treinamento.

Leia mais:

Confira três combinações para deixar as pernas definidas
Confira cinco alimentos que ajudam a alcançar pernas bem torneadas
Saiba por que a bebida alcoólica é prejudicial para quem pratica exercícios físicos
Conheça a farinha que auxilia na perda de peso
Confira cinco alimentos que ajudam na conquista da barriga sarada

Confira as dicas da nutricionista esportiva Marina Cargnin, da Clínica Nutrissoma.

Que tipos suplementos são recomendados para quem corre?

Bebidas isotônicas - Garantem a reposição dos carboidratos e eletrólitos, nutrientes fundamentais para manter um alto padrão de energia. Beba durante a corrida ou logo após o término.

Polivitamínicos - Comprimidos que contêm diversas vitaminas em sua fórmula. Durante uma corrida intensa você perde vitaminas e minerais muito rapidamente. Caso não haja a reposição dos nutrientes perdidos, o cansaço se manifesta antes da hora e provoca uma diminuição no ritmo da atividade.

Glutamina - Ajuda a manter o sistema imunológico fortalecido, promove o ganho de massa muscular e é excelente também para a recuperação dos músculos depois da corrida. Deve ser ingerida no pós-treino.

Gel de carboidrato - Indicados para repor a energia. A recomendação é ingerir um sache a cada 45 minutos de atividade física intensa, sempre seguido de água, para evitar a desidratação.

Whey protein - Produto derivado da proteína do leite, é sinônimo de ganho e manutenção da massa muscular. Pode ser usado tanto antes como depois da corrida.

BCAA - Aminoácido de cadeia ramificada que compreende três aminoácidos essenciais. Atua como fonte de energia para o músculo durante períodos de estresse metabólico, ajudando a poupar o glicogênio muscular.


Foto: Divulgação

Que tipo de dieta você indica para quem é muito magro e corre, mas não quer perder peso?
Indicaria uma dieta hiperproteíca (rica em proteína) e hiperglicíca (rica em carboidratos complexos). Além disso, deverá haver um balanço energético positivo, fazendo a reposição das calorias gastas durante o treinamento para que você não perca peso. Além de uma dieta balanceada, é fundamental organizar e distribuir as calorias ingeridas ao longo do dia principalmente em relação as refeições pré e pós treino para acelerar a fase de recuperação e evitar perdas indesejadas. Dependendo do tempo e intensidade das sessões de trenos, haverá necessidade de reposições inclusive durante a sessão de treinamento.

Siga o Blog Barra de Cereal no Facebook

Confira cinco alimentos que ajudam a alcançar pernas bem torneadas

03 de julho de 2013 32


A apresentadora Sabrina Sato, conhecida por suas pernas torneadas. Foto: Divulgação

A conquista de pernas torneadas, com aumento do volume ou apenas definição, está relacionada a dois fatores:
1 – Rotina de treinos intensos para a musculatura das suas pernas, com duração e intervalos de tempo adequados para você.
2 - Alimentação adaptada ao seu treinamento, rotina e metabolismo. Este fator irá fornecer o “combustível” para seus músculos tonificarem, antes e após sua fibra ter sido trabalhada durante o exercício, e ao longo do dia todo.

Leia mais:

Saiba por que a bebida alcoólica é prejudicial para quem pratica exercícios físicos
Conheça a farinha que auxilia na perda de peso
Conheça oito benefícios do amaranto, que auxilia no emagrecimento
Confira os 10 chás amigos da dieta e da saúde
Conheça a raiz que ajuda a queimar gordura
Confira cinco alimentos que ajudam na conquista da barriga sarada

O Blog Barra de Cereal escalou a nutricionista Danielle Milhão para tirar todas as dúvidas de vocês. Confiram:

COMO A ALIMENTAÇÃO PODE AJUDAR
Pernas torneadas exigem cuidados com a alimentação, não só para adquiri-las, mas para mantê-las. E não basta uma dieta para perder gordura para que elas fiquem firmes da maneira desejada. Isso também é importante, mas o que proporciona forma às pernas são os músculos, então é importante que eles ganhem definição (quem apenas perde gordura, corre o risco ficar com flacidez). A alimentação adequada ao seu estilo de vida fará com que a musculatura esteja bem nutrida, e que ocorra perda de gordura, evitando que ela fique com a aparência “inchada”.

CINCO ALIMENTOS RECOMENDADOS


Foto: Divulgação

1 – Carnes (gado, frango, peixe)
2 – Sanduíche
3 – Omelete
4 - Batida de frutas
5 – Vegetais de todas as cores

O QUE ESSES ALIMENTOS PROPORCIONAM
Esses alimentos devem fazer parte do dia-a-dia de quem quer alcançar pernas bem torneadas. Eles possuem carboidratos, proteínas, vitaminas e minerais, nutrientes necessários para alimentar os músculos, perder gordura e o mais importante: sem ficar com fome. Já que a fome não auxilia em nada no processo.

CINCO ALIMENTOS QUE IRÃO ATRASAR OS GANHOS (NA ROTINA)


Foto: Reprodução

1 - Biscoitos
2 – Molhos gordurosos
3 - Frituras (tudo que é mergulhado no óleo durante o preparo)
4 – Bebida alcoólica
5 - Salgados

DE QUE FORMA ESSES ALIMENTOS PREJUDICAM OS GANHOS
Eles são ricos em gordura, sal e açúcar, nutrientes que retêm líquido e aumentam gordura e celulite, além de não saciarem o apetite, e a pessoa continuar com fome.


Foto: Arte ZH Online

UMA SUPERDICA DA NUTRI

A minha superdica para quem quer adquirir pernas bem torneadas é uma sugestão sobre o que comer antes e após o treino, as refeições mais importantes do seu dia:
– Pré-treino – Um sanduíche com presunto, queijo e ovo.
– Pós-treino – Logo após o término do treino, consumir uma batida de frutas. E 45 minutos depois, uma refeição com algum tipo de carne ou omelete e um mix de vegetais.

AMANHÃ: personal trainer ensina combinação para deixar suas pernas torneadas.

SIGA o blog Barra de Cereal no Facebook

Conheça os alimentos recomendados para quem costuma correr

29 de junho de 2013 7


Ricardo Wolffenbüttel, Agência RBS

Quem gosta de correr costuma se preocupar em se alimentar corretamente para o treino render e também evitar a perda de músculo. Aprendi que, além dos alimentos recomendados, também é importante respeitarmos o intervalo entre a refeição e a prática do exercício físico.

Leia mais:

Conheça a farinha que auxilia na perda de peso
Conheça oito benefícios do amaranto, que auxilia no emagrecimento

10 motivos para incluir o ômega 3 na dieta
Confira os 10 chás amigos da dieta e da saúde
Conheça a raiz que ajuda a queimar gordura
Confira cinco alimentos que ajudam na conquista da barriga sarada

A seguir, a nutricionista Danielle Milhão tira todas as dúvidas sobre a alimentação adequada para quem gostar praticar corrida.

Qual a importância de nos alimentarmos bem antes e depois do exercício?
A alimentação é como um combustível para o corpo. Comer adequadamente antes e após os treinos de corrida irá garantir o bom rendimento e a recuperação da fibra muscular, além de evitar lesões.

Uma boa notícia: consumindo o alimento certo, aqueles que participam de competições poderão, inclusive, evoluir na questão do tempo para cada percurso durante os treinamentos.

É normal as pessoas ficarem sem comer muito tempo pensando que estão fazendo bem para o corpo?
É bem comum praticantes de exercícios ficarem muito tempo sem comer ou, até mesmo, se exercitar sem ter comido nada, com o pensamento que desta forma irão emagrecer mais rápido. Em geral, correr sem ter comido nada não faz com que a gordura diminua. Pelo contrário, é mais provável que ocorra diminuição na massa muscular (provocando flacidez) sem diminuir em quase nada a gordura. Algumas pessoas não comem nada antes do treino e chegam em casa “morrendo de fome”, assim, acabam consumindo carboidratos e gorduras em excesso, e engordam.

Devemos comer quanto tempo antes do exercício?
Depende do tipo de treino, objetivo, rotina e do metabolismo do esportista. No geral, quem se alimenta cerca de uma hora e meia antes do treino de corrida, está fazendo a coisa certa. Existem estratégias para quem acorda muito cedo e logo em seguida pratica o seu exercício.

Que alimentos são recomendados para quem costuma correr?


- Pão
- Macarrão
- Aveia
- Carnes magras
- Alimentos termogênicos (veja mais aqui)

Que alimentos devem ser ingeridos antes e depois do exercício.
– Antes: carboidratos de absorção lenta: pão, aveia, macarrão, batata (principalmente doce).
– Depois: proteínas de absorção lenta (principalmente para quem quer queimar gordurinhas): carnes magras, clara de ovo e, dependendo do caso, uma suplementação com este perfil.

É necessário comer algo se o tempo de exercício ultrapassar um determinando tempo?
- Quem quer perder peso e faz um treino de até 1h30min não tem a necessidade de consumir nada durante a atividade.
- Se a corrida durar mais tempo, talvez aminoácidos sejam necessários, e carboidratos para treinos e provas longas.
- Não é difícil ver pessoas na academia tomando bebidas isotônicas. Ela possui muito carboidrato e sódio, podendo engordar e reter líquidos. A pessoa só está repondo tudo que perde, imediatamente.

Sucesso no Instagram, Déborah Viana conta como perdeu 13 quilos e ainda ficou sarada

22 de junho de 2013 6

Déborah Viana, 37 anos, é uma dentista que largou tudo para ter mais tempo para filha. Hoje ela é sócia de uma empresa de eventos e divide o tempo entre o trabalho, a família e sua vida saudável. Quem vê Déborah no Instagram @blogdadebs exibindo uma barriga definida e arrasando nos treinos de corrida, não imagina que ela já teve 13 quilos a mais a ponto de sentir vergonha. O corpo sarado foi conquistado em 13 meses com muito exercício e alimentação saudável.

Leia mais:

10 motivos para incluir o ômega 3 na dieta
Confira os 10 chás amigos da dieta e da saúde

Conheça a raiz que ajuda a queimar gordura

Personal trainer ensina 12 exercícios para definir o abdômen
Confira cinco alimentos que ajudam na conquista da barriga sarada

Confira a entrevista:

O que foi fundamental para você alcançar sucesso na perda de peso?
O primeiro passo foi eu me enxergar. Eu me olhava todos os dias com 13 quilos a mais, só que não me enxergava. Eu acho que dado esse primeiro passo, eu tinha meio caminho andado. Depois disso, muito foco e disciplina.

Você já tinha feito dietas antes?
Sim. Quando eu tinha 20 anos, engordei 12 quilos durante a faculdade. Naquela época, para emagrecer fiz Vigilantes do Peso.

A corrida foi importante neste processo?
Muito! Primeiro porque é um esporte que eu amo, então não fazia para emagrecer. Acho que quando você corre apenas com o intuito de emagrecer, o esporte acaba virando um fardo e, por isso, muitas pessoas desistem no meio do processo, quando incluem alguma atividade que não gostam. Segundo porque é um dos que mais têm gasto calórico. É impressionante a diferença na perda de medidas quando você corre. Só que no começo, como estava muito acima do meu peso, não corria, fazia apenas caminhava. À medida em que fui perdendo peso, comecei a trotar, até chegar a correr.


Déborah (1ª da esq. p/ a dir.) praticamente não tem fotos no período em que estava acima do peso.

Em que momento você decidiu que não queria mais ser gordinha?
Foram dois momentos, na realidade. O primeiro, quando tinha 20 anos, em que engordei 12 quilos. No último ano, não queria me formar gordinha, foi o motivo que eu precisava para emagrecer. O segundo momento, foi no pós-parto. Na gravidez eu engordei apenas oito quilos. Quando estava amamentando, logo após a quarentena, eu já queria voltar logo ao meu corpo, comecei a correr em alta intensidade e meu leite começou a secar. Eu queria muito amamentar, então, o pediatra da minha filha me proibiu de correr e me prescreveu um remédio para estimular a produção de leite. Nesse período, tranquei a academia e fiquei sendo mãe full time. Durante sete meses esqueci quem era a Déborah mulher, esposa, profissional, vivi para a minha filha. Um dia, tínhamos uma festa (e a Duda já tinha parado de mamar), fui me vestir e percebi que não tinha mais nenhuma roupa. Só as de grávida. Foi quando me dei conta que “me queria de volta”. Sempre fui supervaidosa, jamais poderia imaginar chegar ao ponto que cheguei. Então, foi nesse dia que acho que me enxerguei de verdade e resolvi mudar.

Qual foi o momento mais difícil da dieta?
Sem dúvida nenhuma, o começo. No primeiro mês, como eu não podia ainda fazer atividades de alta intensidade, a nutricionista restringiu bem a dieta. Eu passei sete meses comendo o que queria, na quantidade que queria. Não é que a dieta fosse de passar fome, mas eu estava acostumada com uma quantidade absurda de comida. Os dois primeiros meses foram horríveis, porque além de estar me readaptando, reaprendendo a comer, eu não via tantos resultados.

Você chega a levar alimento para algum evento para seguir a dieta?
Não. Nem quando eu estava na fase de emagrecimento eu fazia isso. No começo, quando minha dieta era bem restrita, abri mão da minha vida social. Eu acho que é extremamente deselegante você ser convidado pra uma pizza e levar um pote de salada. Depois do terceiro mês, a nutricionista me dava uma refeição “livre” (sem exageros, obviamente) e eu a usava nesses eventos sociais. Sempre antes de sair de casa comia alguma coisa pra não chegar no lugar morrendo de fome.

Você fez alguma cirurgia plástica ou tomou medicamento antes ou depois do emagrecimento?
Só para colocar prótese de silicone em 2010, antes da minha filha nascer. Nunca tomei medicação, foi tudo na dieta e nos exercícios.


Déborah e a filha, Duda

Existem alimentos que você não come em hipótese alguma?
Não. A reeducação alimentar me mostrou que você pode sim, comer de tudo um pouco. Basta não exagerar e saber fazer “trocas” inteligentes.

Você costuma ingerir bebida alcoólica?
Adoro vinho, então, depois que atingi meu peso ideal, eu tomo umas duas tacinhas no final de semana. Mas durante 13 meses, que foi o período do emagrecimento, não coloquei uma gota de álcool na boca.

Poderia descrever a sua dieta hoje?
Estou no meu peso ideal e treinando pra uma maratona (42 quilômetros).Então, meu gasto energético é muito grande. Sempre tomo um suco verde de manhã em jejum. Antes de treinar um shake com whey, aveia, cacau e canela em só. Depois do treino é que tomo meu café. Como mais proteínas, deixando os carboidratos para a hora do almoço. Até costumo brincar com as minhas seguidoras, faço um prato de “pedreiro”, bem grande e sortido mesmo. À tarde, tomo dois lanches e à noite janto com menos carboidrato do que no almoço. Se sinto muita fome, ainda tem uma ceia onde posso comer cookies integrais e chá.

Quando você decidiu compartilhar seu dia a dia no Instagram?
Numa brincadeira com as minhas amigas, elas disseram: “Você não tem coragem de postar suas fotos na internet gordinha desse jeito”. Dai falei pra elas: “Não só tenho, como vou! Vai ser meu estímulo pra ser uma noiva sarada(porque iria casar em abril)”. Eu sempre fui muito brincalhona, não tenho vergonha de mostrar o que já fui, mas os meus primeiros seguidores eram do meu Instagram pessoal. Eu tinha o IG @blogdadebs como uma forma de não furar a reeducação alimentar e a academia.

Uma superdica da Debs?
Não importa o esporte que você vai praticar. Procure um que te faça bem, que seja seu momento de lazer. O ser humano não nasceu para ser sedentário. Sem neuras, exercitem-se!

Que recado você daria para os leitores do blog Barra de Cereal?
Não existe segredo, fórmula milagrosa ou simpatia. Existe sim, uma mudança de comportamento e de estilo de vida. Emagrecer de forma saudável, não é só restringir a alimentação, é mudar a forma de pensar.

RECEITA DA DEBS


Quibe de salmão

Ingredientes
Óleo de coco para untar
300 gramas de salmão
1/2 cebola
1/2 dente de alho
1 xicara de quinoa cozida
2 colheres de sobremesa de mostarda Dijon
1 pote de iogurte desnatado (200ml)
2 claras
Sal a gosto

Modo de preparo
Bata tudo no processador e coloque no forno médio por mais ou menos 30 min ou ate dourar. Sirva com salada ou legumes cozidos no vapor

Confira cinco alimentos que ajudam na conquista da barriga sarada

10 de junho de 2013 34


Fotos: Ricardo Wolffenbüttel, Agência RBS

Ter uma barriga definida é desejo de muitos homens e mulheres. A conquista está aliada à rotina saudável, com uma alimentação balanceada e a prática de exercícios físicos com regularidade.
O blog escalou a nutricionista Danielle Milhão para explicar como a alimentação pode ajudá-los na conquista de uma barriga sarada. Espero que gostem!

Leia mais
Confira sete motivos para incluir a quinoa na alimentação
Confira 10 dicas para ter sucesso em uma dieta
Conheça o alimento que promove uma verdadeira faxina no organismo
Saiba por que o pilates é o queridinho das academias
Saiba quais são os 10 inimigos da dieta

Cinco alimentos que você pode incorporar à dieta
• Carne magra (gado, frango ou peixe)
• Ovo
• Integrais (arroz integral e pão integral)
• Fibra de maracujá
• Linhaça

(Obs.: Não esqueça de beber muita água!)

DICA DA NUTRI
- Alimentos ricos em proteínas são recomendados para quem deseja uma barriga sarada e fazem a musculatura ficar tonificada em conjunto com um bom treino, deixando a barriga mais durinha.
- Já a fibra de maracujá, a linhaça e os alimentos integrais auxiliam no melhor funcionamento intestinal, fazendo liberar hormônios que mantêm o equilíbrio do corpo e a pessoa perde gordura com maior facilidade ( principalmente arroz e pão integrais, que são os mais presentes no nosso dia-a-dia).
- Se você conseguir substituir os refinados por alimentos integrais será uma ótima escolha, já que possuem fibras, um dos principais segredos para diminuir a gordura da barriga, já que ela elimina as toxinas e absorve as gorduras ingeridas.


Fotos: Ricardo Wolffenbüttel, Agência RBS

Cinco alimentos que irão atrasar seus ganhos:
• Açúcar
• Doces
• Alimentos congelados
• Refinados (pão branco e arroz branco)
• Biscoitinhos

DICA DA NUTRI
Os alimentos que devem ser evitados possuem grande quantidade de carboidratos de rápida absorção, que facilitam o acúmulo de gordura, principalmente abdominal. Outra característica que estes alimentos possuem é o fato de não proporcionar saciedade como os integrais, então a tendência é você comer mais. Os congelados possuem muito sódio e gorduras não saudáveis.

SAÚDE EM DIA
Os cuidados que você tiver serão válidos não apenas para sua barriga, mas para deixar o corpo todo em forma!

EXERCÍCIOS PARA DEIXAR A BARRIGA SARADA


Fotos: Ricardo Wolffenbüttel, Agência RBS

Os exercícios em circuito ou intervalados está em alta quando o foco é a perda de peso e a redução do percentual de gordura. Eles evitam rotinas monótonas, desafiam e logo motivam mais. São atividades em que o corpo tem de lidar com uma demanda grande de energia, o que proporciona um gasto calórico mais acentuado. Os batimentos cardíacos se aceleram, onde ocorre aumento da temperatura corporal e uso maciço de substratos energéticos para execução das atividades. Depois do exercício, a temperatura corporal permanece acima do normal durante algum tempo, gerando maior consumo de calorias.

AMANHÃ NO BARRA DE CEREAL
O blog publicará dicas de uma personal trainer para fortalecer o tônus muscular. Não perca!

Siga o blog no Facebook

Tire suas dúvidas sobre o whey protein e outros suplementos

08 de junho de 2013 15

No segundo post sobre suplementos – relatei alguns tipos no dia 25 de maio – destaco seis variações. Segundo a nutricionista Danielle Milhão, alguns suplementos são utilizados nos planejamentos para quem deseja emagrecer, outros para quem quer aumentar a massa muscular e ainda pode ser feita uma combinação para quem quer definir a musculatura, diminuindo gordura e tonificando os músculos sem aumentá-los.

- Horário da suplementação, quantidade, combinação e tipos de suplementos utilizados influenciam nos resultados – observa a nutricionista.

Leia mais

Confira 10 dicas para ter sucesso em uma dieta
Conheça o alimento que promove uma verdadeira faxina no organismo
Saiba por que o pilates é o queridinho das academias
Saiba quais são os 10 inimigos da dieta


Abaixo, a nutricionista Danielle Milhão destaca outras seis variações de suplementos. Confira:


WHEY PROTEIN

Importante, principalmente, na alimentação de quem tem como objetivo principal o aumento da massa muscular. O suplemento irá auxiliar no anabolismo (crescimento da musculatura), utilizado principalmente após o treino. É absorvido rapidamente pelo organismo e, em conjunto com carboidratos que também possuam rápida absorção, ocasiona um aumento nos níveis de insulina, fazendo com que seus músculos captem uma maior quantidade de glicose para crescer e se recuperar.

Algumas marcas: Whey Protein Hardcore (MuscleTech), Ultra Whey Pro (Universal), Protizyme (Metabolic Nutrition) e Proto Whey (BNRG)


COLÁGENO EM PÓ

É outro suplemento na linha das proteínas, e que a mulheres adoram. Em conjunto com uma alimentação adequada, e na quantidade certa, você certamente perceberá seu corpo mais definido e a musculatura mais tonificada.

Marca sugerida pela nutricionista: Collagen Sport – NeoCell


C
ASEÍNA

Uma proteína que é absorvida lentamente pelo corpo. Ajuda a evitar o catabolismo (quebra muscular que ocorre durante várias horas sem se alimentar). Sendo assim, é conveniente consumi-la antes de dormir, ou até mesmo nos lanches entre as refeições.Você estará alimentando seus músculos e ficando sem fome por bastante tempo.

Algumas marcas: 100% Casein Complex (Scitec Nutrition), Casein (Musclepharm)


MALTODEXTRINA, DEXTROSE E WAXY MAIZE

São carboidratos, utilizados no planejamento de quem deseja aumentar o percentual muscular. Quando consumidos após o treino, em combinação com proteínas e aminoácidos, proporcionam este ganho. Cada um deles possui uma função diferente em cada tipo de treino.

Algumas marcas: Endurox R4 – Pacific Health, Waxy Maize Xtreme – Xpharma, Waxy Maize – Allmax Nutrition, CellTech – MuscleTech


HIPERCALÓRICO

Formado por um composto de proteínas e carboidratos, é indicado para aquelas pessoas que têm dificuldade em ganhar músculos, para complementar a dieta.

Algumas marcas: Giant Gains ou Stealth – VPX Sports, Weight Gainer Hardcore – MuscleTech, Up Your Mass – MHP


MULTIVITAMÍNICO

Vitaminas e minerais, complementa a alimentação, caso esteja faltando algum micronutriente. O suplemento não possui calorias, mas melhora a saúde geral, fortalece unhas e cabelos e ainda ajuda você a atingir os objetivos de perda de gordura ou aumento de massa muscular.

Marca sugerida (possui até antioxidantes): Dr. Feel Good – San Nutrition


CUIDADOS

É fundamental consultar o profissional de saúde antes de comprar seu suplemento, já que é necessário saber a quantidade indicada para você. Os nutrientes do suplemento serão incluídos no cálculo total necessário para atingir os objetivos.

Suplementos mal utilizados podem fazer você não atingir resultado nenhum, é daí que vêm aqueles falsos paradigmas de que alguns suplementos engordam e fazem mal, isso acontece com quem utiliza errado. Consumindo-os da maneira certa ajudarão você a ficar com o “shape” perfeito e aumentar em 100% a qualidade de vida.