Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Sábado, depois de CONTOS DE NATAL, chat com Evandro Elias.

09 de dezembro de 2010 1

Desconfiança? Paranóia? Preconceito? Assista a CONTOS DE NATAL deste sábado, na RBS TV, logo depois do Jornal do Almoço, e tire suas conclusões. Aproveite para bater um papo com o ator Evandro Elias que vai conversar com os internautas logo depois do programa. É só acessar www.rbstv.com.br/contosdenatal

“Presente de Natal” começa quando um homem desconfia de outro passageiro, dentro de um lotação, e aciona a polícia. Bom, mas as coisas nem sempre são o que parecerem. No elenco: Evandro Elias, Felipe Mônaco, Rogério Beretta e Jeffersonn Silveira. Roteiro e direção de Paulo Nascimento e Voltaire Danckwardt.

Para assistir ao trailer, clique AQUI.

Para ver depoimentos do atores, AQUI.

Comentários (1)

  • solenir diz: 11 de dezembro de 2010

    Conto de natal? A mim me parceue mais um típico caso de racismo escancarado.
    Pior que no final o policial ainda diz pra vítma que não se meta em encrenca.af deplorável.

    Comentário de um dos roteiristas e diretor da série: “Como um dos autores e diretores deste episódio faço questão de te dar uma explicação pois sei que realmente trabalhamos com um tema polêmico e essa era nossa intenção. Digo isso porque, não se vc concorda, mas tenho convicção que vivemos uma sociedade muito hipócrita que é caracterizada pelo nosso personagem engravatado na lotação. Todos dizem não ter preconceito, mas o que se vê na real é o oposto. E não precisa ser engravatado, (customizamos ele para ser mais clara a compreensão) mas muita gente fala da boca pra fora que não é preconceituoso e acaba sendo no dia-a-dia um grande discriminador, não só contra negros, mas contra pobres, mal vestidos e assim por diante. Nós apresentamos exatamente este problema sem filtros, ou seja, a hipocrisia. Mexemos no ponto de um jovem, negro, que comprou um presente para a namorada, acaba sendo acusado de um “possível crime” que não tem justificativa nenhuma. quanto a dar indicações de que ele realmente poderia ser um assaltante é um teste com o público, como ele lida com isso. quantos em casa já não julgavam o rapaz desde o início. o final é um ajuste de contas. como diz o Evandro, o próprio ator que interpreta o menino, “todos levam um tapa de luva”.
    veja que o que buscamos foi trazer a luz, esta ação desrespeitosa e injustificável do racismo e preconceito que nossa sociedade tem.
    agradeço seus comentários e leve esta polêmica adiante pois este tema tem que ser abordado sem tapar o sol com a peneira
    abraços,
    Paulo Nascimento

Envie seu Comentário