clicRBS
Nova busca - outros
21 jun16:02

Presidente do Consepro pede maior apoio do Estado para a segurança pública

A pedido da Câmara de Vereadores de Bento Gonçalves, o presidente da Fundação Consepro de Apoio a Segurança Pública de Bento Gonçalves, Geraldo Antônio Leite, se manifestou no Plenário Fernando Ferrari e respondeu a inúmeras perguntas feitas pelos vereadores.

Leite começou a sua manifestação falando sobre todos os investimentos que foram feitos pelo Consepro nos órgãos de segurança de Bento. Logo em seguida, respondendo ao questionamento dos vereadores, o presidente do Consepro disse que ao longo dos 30 anos que acompanha a entidade, a maioria dos investimentos em segurança pública de Bento foram feitos com o apoio da comunidade. “Quem vai nas empresas pedir ajuda é a Fundação Consepro, com campanhas. Ir bater na porta do prefeito, do presidente da Câmara, e toda hora estar pedindo dinheiro para aplicar na segurança pública. Nesses 30 anos eu vi muita conversa, muito papel, mas coisa de útil do Estado para cá, muito pouco”, disse o presidente do Consepro.

Leite ainda revelou o estado das viaturas que são usadas pelos órgãos de segurança em Bento. “Segurança pública é diária e não para daqui a dois meses. Hoje, por exemplo, às 9h30min, já haviam entrado nove requisições para conserto de viaturas, tanto da Polícia Civil quanto da Brigada Militar. As viaturas não esperam para amanhã, elas tem que ser arrumadas hoje.  Nós tivemos um final de semana em que oito viaturas ficaram paradas por falta de recursos. E para fazer um projeto no Estado para trocar quatro pneus demora 60 dias. E vocês sabem qual é o tipo de viaturas que nós temos: uma frota velha e desgastada”, explicou.

Por

Um Comentário »

  • ANTÔNIO disse:

    Bom comentário do presidente do CONSEPRO. O Estado está falido. Não dá salários justos nem os reajusta, não contrata servidores através de concursos, enfim, o que falta na verdade, é efetivo, pessoal pra trabalhar. Se havia alguém com interesse para vir pra BG, trabalhar na PC ou na BM, já desistiu, pois aqui, não há ajuda para moradia, diferente das demais cidades da serra gaúcha. Ajuda para aluguel nas cidades: Garibaldi: R$540,00; Veranópolis: R$500,00; Farroupiha: R$350,00, e assim por diante. Além de conserto e/ou viaturas novas, os policiais devem cuidá-las melhor, como se fossem seus veículos, assim, garanto, os automóveis durariam bem mais.

Comentários