clicRBS
Nova busca - outros
27 out13:22

Economia de Bento cresce 20% e geração de empregos dobra em relação a 2009

A economia de Bento Gonçalves cresceu 20% no ano passado em relação a 2009.  A geração de emprego no período também foi positiva, dobrando o número de novas vagas. O diagnóstico foi apresentado nessa quarta-feira (26) pelo Centro da Indústria, Comércio e Serviços de Bento Gonçalves (CIC/BG), durante o lançamento da 40ª Revista Panorama Socioeconômico de Bento Gonçalves.

A Indústria foi o setor que apresentou o melhor desempenho, com um acréscimo de 19% no seu faturamento, passando de R$ 3,74 bi em 2009 para R$ 4,45 em 2010. O crescimento no faturamento foi ainda maior em termos percentuais no Comércio, que saiu de R$ 1,02 bi para R$ 1,29 (26%). Já nos Serviços o crescimento foi de 23% passando de R$ 259 mi para R$ 318 mi. No global o faturamento em 2009 foi de R$ 5,026 bi e no ano passado R$ 6,063 bi, um incremento de 21%.

O secretário de Desenvolvimento Econômico Leandro Santarossa, Alexandre Michelin,  Henrique Tecchio e o presidente da Câmara de Vereadores de Bento Gonçalves, Valdecir Rubbo

O quadro refletiu diretamente na geração de empregos, que dobrou a abertura de novas vagas no mesmo intervalo. Em 2009 foram 1.357 novas vagas. Já no ano passado este número subiu para 2.853, mais que o dobro do ano anterior.

Na avaliação do 1º vice-presidente para Assuntos de Prestação de Serviços da entidade e coordenador do projeto, Alexandre Michelin, os números refletem o aquecimento econômico vivido pelas empresas no período, mesmo com os entraves apontados pelas empresas no estudo como carga tributária elevada, concorrência e falta de mão-de-obra qualificada.

Com uma representatividade 20% superior a edição anterior, a publicação traz uma amostragem que corresponde a 58% do Produto Interno Bruto (PIB) de Bento Gonçalves.

Hoje, existem 10.537 empresas em Bento Gonçalves, sendo 4.730 prestadores de serviços (44,9%), 3.118 estabelecimentos comerciais (29,6%), 1.172 profissionais autônomos (11,1%), 1.048 indústrias (9,9%) e 469 profissionais liberais (4,5%).

Representatividade por setor

O setor metalúrgico é o mais representativo no número de empresas no município com 352 organizações (41,5%), seguido pelo moveleiro com 300 empresas (35,4%), vestuário com 79 (9,3%), vinícola com 79 (9,3%) e alimentação com 38 (4,5%).

O setor que mais faturou em 2010 foi o moveleiro com R$ 2,1 bi, superando os R$ 1,8 bi do ano anterior. O volume de exportações passou de US$ 54 mi para US$ 63 mi. Na indústria metalúrgica houve crescimento no faturamento de R$ 540 mi para R$ 630 mi, porém uma queda nas exportações de US$ 28 mi em 2009 para US$ 12 mi no ano passado.

Quanto à indústria vinícola a participação de Bento Gonçalves na produção estadual de vinhos, sucos e derivados se manteve praticamente estável no percentual com uma representatividade de 29%. Entretanto, o volume passou de 98,60 milhões de litros em 2009 para 88,94 milhões em 2010. Já este ano deverá atingir o volume de 116,09 milhões de litros. Mesmo assim, a participação fica em 25,7%, isso porque a produção cresceu mais em outros municípios.

Por

Comentários