clicRBS
Nova busca - outros

Economia

13 set16:00

Bento levará empresários à China atrás de investimentos

A China não para. Com uma população de 1,336 bilhão de habitantes a República Popular da China, que faz fronteira com 15 países, se prepara para alcançar um quinto da economia mundial. Hoje, o comércio Brasil-China representa US$ 56,6 bilhões com uma projeção de chegar a US$ 300 bilhões em 2015 se o ritmo for mantido.

Com o objetivo de estabelecer relações institucionais com a potência oriental, atraindo investimentos para Bento Gonçalves e região, o Centro da Indústria, Comércio e Serviços de Bento Gonçalves (CIC/BG), juntamente com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, realizaram hoje uma palestra-almoço para apresentar o projeto da missão empresarial “Bento vai à China”. Empresários interessados devem confirmar participação até a próxima semana.

Empresários de diferentes setores produtivos assistiram atentos à apresentação feita pelo diretor de negócios da BWP S/A, Vladimir Milton Pomar. Segundo ele, os chineses não dão conta de atender a demanda em diversas áreas. Ele explica que com a migração de pessoas do interior para as áreas urbanas o crescimento da construção civil é impressionante, exigindo atendimento no que diz respeito a móveis residenciais e corporativos, um exemplo que revela um importante nicho para as empresas gaúchas. Em 30 anos – de 1980 a 2010 – 500 milhões de pessoas migraram para a área urbana. “É impressionante a verticalização e a aceleração das construções. É quase um estado de São Paulo por ano”, destacou o consultor.

Atualmente a China vê o Brasil como um ‘colega de clube’, o que mudou a forma de tratamento ao país verde e amarelo. Com diversos problemas decorrentes do avanço econômico e da super população, a China busca parceiros para enfrentar a situação. Neste ritmo, o país oriental pode ver suas reservas naturais se acabarem em 40 anos. Todo carvão de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul, por exemplo, não é suficiente para gerar a energia que os chineses precisam em apenas um ano. Além da energia, outro drama chinês é o petróleo. Hoje, a China importa mais da metade do petróleo que utiliza. A economia do dragão se prepara para aumentar seu consumo doméstico e prioriza a importação de alimentos, bebidas, energia e setores ligados a construção civil.

A distância é um dos principais entraves na hora de negociar com a China. Entretanto, conforme Vladimir Milton Pomar, não tem como negociar com a China sem ir até lá. “É preciso entender os chineses e as diferenças culturais no consumo”, ressaltou. Vladimir disse que no ano passado a China importou um bilhão de garrafas de vinho de diversos países. O Brasil não está nesta lista. O poder de competitividade deles está diretamente ligado a estrutura de custos que além de ser diferentes é bem menor.

O Produto Interno Bruto (PIB) da China em 2010 foi de US$ 6 trilhões (em 1978 era de US$ 178 bilhões). Se for levado em consideração o critério da Paridade do Poder Compra o PIB chega a US$ 14 trilhões, equiparando-se com o dos Estados Unidos que é de US$ 14,7 trilhões. Hoje, a China possui a maior liquidez do mundo, detendo o maior volume de dinheiro.

O presidente do CIC/BG, Henrique Tecchio, disse que atualmente nem todos os setores produtivos sofrem com a China, mas se utilizam de algum componente fabricado pelos chineses. “Esta iniciativa prospecta exportações e estabelece relações que podem firmar excelentes parcerias e trazer bons negócios para nossas empresas”, enfatizou.

Como participar?

Empresários interessados em participar da missão ‘Bento vai à China’ devem se apressar. O contato deve ser feito com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico através do telefone (54) 3055.7115 ou 3055.7102. A ação segue um cronograma de providências. Diante disso, o grupo deve estar fechado em 10 dias, ou seja, antes do final da próxima semana. A saída está prevista para o final de outubro com duas possibilidades: de 29 de outubro a 10 de novembro ou de 31 de outubro a 10 de novembro. O secretário de Desenvolvimento Econômico, Leandro Santarossa, garantiu que esta é a primeira de uma série de ações com este propósito.

—————————————————————-

Informações: Conceitocom Assessoria


Comente aqui
13 set14:45

Meber recebe Portaria de Louvor da Câmara de Vereadores

Foi entregue na noite de ontem, no Plenário Fernando Ferrari, a Portaria de Louvor e Agradecimento para a Direção e Colaboradores da Metalúrgica Meber. A distinção foi recebida pelos diretores da empresa, Carlos Bertuol e Márcio Chiaramonte.

A homenagem foi proposta pelo vereador José Élvio Atzler de Lima (PMDB), pela passagem do cinquentenário de fundação da empresa, e aprovada em plenário por todos os vereadores. “A história da Meber serve como exemplo que comprova a força e a representatividade do setor metalmecânico em nosso município”, destacou Lima.

Em seu discurso, o empresário Carlos Bertuol falou sobre a história da metalúrgica. “Este é um ano muito importante para a Meber. Estamos completando 50 anos de história. Chegar a um marco como esse é motivo de alegria para qualquer empresa. Para nós, é também um grande orgulho. Contabilizar cinco décadas de atuação significa que tivemos a competência de encontrar os caminhos para ultrapassar barreiras e vencer desafios”, disse Bertuol.

O presidente da Câmara de Vereadores, Valdecir Rubbo (PDT), destacou a liderança dos diretores da empresa. “Os senhores Carlos Bertuol e Márcio Chiaramonte lideram uma equipe de futuro. Olhando o histórico da empresa, as propostas e a visão empreendedora da direção, só posso afirmar que a Meber segue por um caminho de crescimento constante”.

Também participaram da sessão solene os vereadores Delarci Martins de Lima (PPS), Gilmar Pessutto (PSDB), Ivar Castagnetti (PMDB), Marcos Barbosa (PPS), Mário Gabardo (PMDB) e Neri Mazocchin (DEM).

Comente aqui
09 set16:38

Aurora presente nos cinco continentes

Com o seu primeiro embarque de produtos para a Oceania, realizado ontem, a Vinícola Aurora está, agora, presente em todos os continentes. Foram exportados para a Nova Zelândia espumantes e a linha completa do Keep Cooler Classic, encomendas para as celebrações do fim de ano naquele país.

A Aurora, que já exporta para mais de 20 países, conseguiu, só neste ano, cinco novos destinos no Exterior para seus vinhos, espumantes, coolers e sucos.

Comente aqui
08 set19:45

Miolo entre as "embaixadoras" do vinho brasileiro em NY

Informe Econômico, Zero Hora

A Miolo Wine Group está entre as cinco vinícolas escolhidas como embaixadoras do vinho brasileiro para uma degustação especial com um dos maiores consultores de vinhos da atualidade, Jay Miller, em Nova York.

O evento é parte da agenda da Miolo em uma viagem neste mês, nos Estados Unidos e no Canadá, que servirá também para prospectar novos negócios e definir estratégias de exportação para 2012. O mercado canadense é visto como um dos mais importantes para a vinícola, enquanto os EUA lideram, pela primeira vez na história, o consumo de vinhos no mundo.

Comente aqui
31 ago12:15

Secretário apresenta projeto do Pró-Transporte no CIC

O Secretário de Gestão Integrada e Mobilidade Urbana Heber Moacir dos Santos apresentou, na manhã de terça-feira (30), para o Presidente do CIC, Henrique Téchio, e diretoria, os projetos que serão realizados através do Programa de Infraestrutura de Transporte e Mobilidade Urbana – Pró-Transporte, que já teve o valor aprovado pela Câmara de Vereadores de Bento Gonçalves.

O montante de R$ 113.155.245,26 será aplicado em obras referentes ao Pró-Trasnsporte, sendo que o repasse do Governo Federal é na ordem de R$ 107.497.483,00 e o restante é contrapartida da Prefeitura. O valor será para novos investimentos específicos para a mobilidade urbana, como ligações viárias, rótulas, modernização do sistema semafórico, prolongamento de vias, pavimentação de vias, recapeamento de vias, novos abrigos de ônibus, quadrilátero central entre outros que estão em discussão.

Comente aqui
25 ago19:45

Inscrições para Programa de Qualificação do Micro Empreendedor Individual seguem até este sábado

A Prefeitura de Bento Gonçalves, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Estado do Rio Grande do Sul (SEBRAE-RS) promovem o Programa de Qualificação do Micro Empreendedor Individual. As inscrições para os interessados em participar do programa, seguem até este sábado, 27 de agosto.

O Programa de qualificação do microempreendedor individual tem por objetivo oferecer gratuitamente a microempreendedores individuais formalizados no município de Bento Gonçalves, qualificação em gestão empresarial, através de consultorias e capacitações do SEBRAE-RS, a serem realizadas entre o período de 29 de agosto a 15 de dezembro de 2011, conforme programação que será disponibilizada para o participante no ato da inscrição no programa.

Serão contemplados com a participação gratuita no programa de qualificação os 50 primeiros microempreendedores individuais que realizarem sua inscrição e que comparecerem a primeira atividade do programa, com agendamento a ser realizado também no ato de inscrição. Conforme a secretaria de Desenvolvimento Econômico, até o momento foram inscritos 32 microempreendedores para participar no programa.

Poderão participar do programa os microempreendedores individuais com sede no município de Bento Gonçalves e data de abertura da empresa anterior a 30 de junho de 2011. As inscrições serão realizadas na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, localizada junto a Prefeitura Municipal, à Rua Marechal Deodoro, 70, centro, nos dias úteis e aos sábados, das 9h às 17h, mediante a apresentação dos seguintes documentos: certificado de registro como Microempreendedor Individual, cadastro de pessoa física – CPF e carteira de identidade. No ato da inscrição o participante deverá assinar termo de responsabilidade de participação no programa.

Maiores informações no site da Prefeitura de Bento Gonçalves (www.bentogoncalves.rs.gov.br), no link “Arquivos/Donwload”, Secretaria de Desenvolvimento Econômico – Programa de Qualificação do Micro Empreendedor Individual ou na Secretaria de Desenvolvimento Econômico: 3055.7102.

Comente aqui
24 ago14:46

Bento Convention Bureau reelege Gilberto Durante

Por unanimidade de votos Gilberto Durante foi reeleito presidente do Bento Convention Bureau (BCB). A Assembleia Geral Ordinária realizada ontem no Auditório do Centro da Indústria, Comércio e Serviços de Bento Gonçalves (CIC/BG) reuniu 70 associados. Mudanças no Estatuto da entidade e a fusão de duas chapas marcaram o evento. A nova diretoria toma posse dia 1º de setembro com gestão até 31 de agosto de 2013.

Diante da apresentação de duas chapas – uma liderada por Gilberto Durante e outra por Simone Ferri -, a decisão foi pela fusão de ambas para o fortalecimento da entidade. A ideia, liderada por Durante, foi apoiada pelos demais membros da diretoria e pelos próprios associados. “Quando um grupo de pessoas empenha seu trabalho em prol de um todo é preciso valorizar cada voluntário, pois nem sempre essa é a realidade. Sabemos o quanto é difícil poder contar com a disponibilidade das pessoas. E quando isso acontece é preciso aproveitar o talento e o conhecimento de cada uma delas para o bem coletivo”, destaca Gilberto Durante.

Gilberto Durante, ao centro, e a diretoria Diretoria que assumirá a entidade partir de 1° de setembro

Durante a Assembleia, também foi sugerida a alteração do Estatuto da entidade com a inclusão de um terceiro vice-presidente na diretoria, proposta também aprovada pelos associados. Sendo assim, a equipe de 12 empresários estará a frente do Bento Convention Bureau representando setores como hotelaria, eventos, turismo, consultoria, móveis e restaurantes.

A capacidade de mobilização e articulação do Bento Convention Bureau ficou estampada na representatividade de seu quadro social no evento. Dos 113 associados, 70 se fizeram presentes, ou seja, 62%. Uma adesão invejável, ainda mais para uma entidade com apenas 2 anos de atuação. “Sempre que planejamos uma ação, pensamos no nosso associado, no bem coletivo. Cada opinião é muito importante para nós, pois quando um ganha todos ganham. E a prova disso tudo é essa expressiva participação, uma bom exemplo de democracia”, comemora Gilberto Durante. A Assembleia reuniu não só associados de Bento Gonçalves como também de municípios como Gramado, Farroupilha e Garibaldi.

Diretoria Gestão 2011-2013

Presidente – Gilberto Durante (DSC Consultoria)

1ª Vice-presidente – Maria Alice Farina (Farina Park Hotel)

2ª Vice-presidente – Estela Pompermayer Nilsson (Módulo Eventos)

3º Vice-presidente – Hermes Basso (Rede Dall’Onder de Hoteis)

Tesoureira: Andréia Zucchi (Giordani Turismo)

Secretária: Neusa Furlanetto (Fundaparque)


Conselho Fiscal:

Moysés Luiz Michelon (Hotel Villa Michelon)

Simone Ferri (Agência Mundo do Vinho)

Rogério Carlos Valduga (Aprovale)


Suplentes:

Deyvi Santarosa (Movergs)

Márcia Ferronato (SHRBS)

Kelly Somensi (Hotel Somensi)

Comente aqui
24 ago12:00

Suvalan lança suco "caseiro" na Expoagas

O suco de laranja pronto para beber, mas com aquele gostinho de feito na hora, em casa. É isso o que promete o Suvalan Caseiro, mais novo produto da fabricante de sucos localizada no Vale dos Vinhedos, em Bento Gonçalves. Com cara “vintage”, gosto de suco caseiro e até pedacinhos de laranja, o produto promete sacudir o mercado a partir de seu lançamento, em agosto na Feira Expoagas. A novidade está sendo lançada na Expoagas, em Porto Alegre.

O objetivo da Suvalan com o produto é oferecer ao consumidor um néctar de laranja que, literalmente, provoca a sensação de suco feito na hora. No processo de produção foram preservadas características típicas da laranja, inclusive os gomos da fruta. “Estamos inovando e oferecendo ao consumidor um produto que une elementos como modernidade e aconchego de casa. A embalagem é prática, segura e ambientalmente correta. O produto vem pronto para beber e ao mesmo tempo proporciona uma experiência caseira, até familiar. É suco de gôndola de mercado, mas com as características da laranja recém colhida do pé e espremida na hora”, explica Vlademir Grechi, gerente comercial da Suvalan.

E não é apenas o suco que apresenta diferenciais. As embalagens cartonadas assépticas Tetra Pak também trazem novo conceito e mais praticidade. Para marcar o estilo “vintage” do suco a Suvalan criou embalagens que lembram a textura de um pano de linho, com bordados e costuras feitos a mão. Outra novidade na embalagem do Suvalan Caseiro é a tampa com rosca, que promete proporcionar maior praticidade ao consumidor.

Mais

Disponíveis nos principais pontos de venda do Brasil, especialmente da Região Sul, os Sucos Suvalan podem ser encontrados sem adição de açúcar nos sabores Uva, Maçã, Mix de Maçã com Acerola e Mix de Maçã, Laranja e Manga; néctar nos sabores de Abacaxi, Maracujá, Uva, Laranja, Pêssego e Tangerina e na versão light em Uva, Laranja e Pêssego.

Os Sucos Suvalan de Uva e de Maçã, e agora também o Mix de Maçã, Laranja e Manga, ostentam o Selo de Aprovação da Associação Brasileira de Cardiologia, o que garante mais saúde a quem os consome e atesta a qualidade permanente.

Comente aqui
23 ago17:25

Lei da Solidariedade pode manter 75% do ICMS no município

“A Lei da Solidariedade é para a assistência social como a LIC é para a cultura”. Foi assim que o secretário de Estado do Trabalho e Desenvolvimento Social, Luiz Augusto Lara, chamou a atenção dos empresários na palestra-almoço promovida ontem pelo Centro da Indústria, Comércio e Serviços de Bento Gonçalves (CIC/BG). Lara também anunciou um aumento de 40% nos recursos destinados pelo governo estadual a assistência social.

A Lei da Solidariedade permite que 75% do ICMS devido possa permanecer no município, beneficiando projetos sociais da cidade. O Governo do Estado tem R$ 21 milhões disponíveis para serem empregados na área social. Entretanto, segundo Lara, falta projetos por falta de conhecimento da lei. “Estamos aqui hoje para divulgar a Lei da Solidariedade e também porque queremos ensinar o município e as empresas interessadas a fazer projetos”, destacou.

O secretário também garantiu que o Estado está ampliando em 40% os recursos destinados ao setor, em comparação ao ano passado, através do Fundo Estadual de Assistência Social. “Estamos incentivando os municípios a construir hortas, cozinhas e padarias comunitárias. Além de qualificar a mão de obra, também estamos colocando no mercado produtos que podem ser adquiridos para servir, por exemplo, a merenda escolar”, salientou.

Tanto a Lei da Solidariedade quanto a possibilidade de repasse ao município foram tratados com o prefeito Roberto Lunelli, em audiência que antecedeu o encontro com a classe empresarial. Atualmente, recursos estão sendo destinados a projetos da Abraçaí, além do encaminhamento de destinação para o Projeto Acorde, do Instituto Tarcísio Michelon.

Ao afirmar que o gargalo do Rio Grande do Sul é a falta de qualificação da mão de obra, Lara assegura que emprego existe. A secretaria trabalha para mapear quais as vagas disponíveis para quem se qualifica. Diante disso, quem possui Bolsa Família e tiver algum membro participando de um curso profissionalizante receberá do Estado mais R$ 50. “Ninguém vive do Bolsa Família. Ela é um complemento”.

————————————————————–

Informações:  Conceitocom Comunicação

Comente aqui
22 ago17:52

Bento confirma adesão ao Programa Gaúcho de Microcrédito

Na última quinta-feira (18) o Secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico, Leandro Santarosa, participou da solenidade de Lançamento do Programa Gaúcho de Microcrédito, pelo Governo do Estado , realizada no Salão Negrinho do Pastoreio do Palácio Piratini, em Porto Alegre.

Santarosa destaca que Bento Gonçalves vai aderir ao programa e estará, a partir de agora, cumprindo as etapas necessárias para poder criar oportunidades de crescimento para os pequenos e microempreendedores e atender a demanda que existe no município. O primeiro passo é a articulação com uma instituição financeira.

O Programa Gaúcho de Microcrédito, lançado, tem como meta oferecer até R$ 2 bilhões em financiamentos às micro e pequenas empresas nos próximos quatro anos. A ideia é apoiar iniciativas na área do Microempreendedor Individual (MEI), Empresa de Pequeno Porte (EPP) e de Empreendimentos da Economia Solidária (EES).

Este ano, o Programa disponibilizará R$ 200 milhões, com valores que variam entre R$ 300 e R$ 15 mil, com taxas de juros de 1,49% a 3,49%, dependendo do valor sacado e da modalidade do empréstimo. Conforme Tarso, a maioria dos empréstimos deverá ficar entre R$ 5 mil a R$ 7 mil.

Comente aqui