Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Você conhece esse cão? Ele foi encontrado na Redenção! ADOTADO!

08 de setembro de 2011 18

Foto: arquivo pessoal

Pessoal, tudo bem? Como foram de feriado?

Bom, para começar essa quinta-feira vou fazer um post sobre esse cãozinho que foi encontrado na Redenção no dia 03/09. Ele estava com coleira e muito assustado. Certamente se perdeu dos donos. O Diego o resgatou e agora está em busca dos donos desse fofo.

Por acaso você o conhece? Então, fale com o Diego pelo telefone (51) 9644-2708 e ajude!

>>>> Curta o Bicharada também no Facebook! Participe!

ADOTADO!

Bookmark and Share

Comentários (18)

  • lisandra diz: 8 de setembro de 2011

    olá, bom dia, eu sou a lisandra, uma pessoa que adora bixinhos, tenho a mia e o diego, que achei na rua, na verdade não foi bem eu que achei, foi meu filho mais velho o yan, ele pegou a gata, brasina e o amigo dele pegou o gato diego, só que com o passar dos anos o amigo do meu filho não quiz mais o gato diego, e me disse que ia colocar o diego fora, e eu peguei o diego tbm pra mim, agora tenho outro filho o kailan, que vai fazer um aninho no dia 30/09/11, e eu queria dar pra ele esse chachorrinho que o diego achou na redenção, se claro os verdadeiros donos dele não apareçer pra buscar, vou ficar na torcida! bjus, e um otimo dia.lisandra maya!

  • MERIANE diz: 8 de setembro de 2011

    OI LIZANDRA TENHO UM CACHORRINHO PARECIDO COM ESTE PARA DOAR, PEGAMOS ELE DE UM VIZINHO QUE O MALTRATAVA É PEQUENO SO POREM TEM OS PELOS MAIS ESCUROS COM ALGUMAS PARTES BRANCO,É MACHINHO SE ESTIVER INTERESSADA MEU CONTATO.

    merianepadilha@hotmail.com 96954745 / 34592590. apos as 19:00

    ainda não tenho fotos mais vou provicenciar.

  • FRANCISCO W. DA ROCHA diz: 8 de setembro de 2011

    Coitadinho do brother! Parece um shih-tzu! Deus abençoe quem o acolheu no momento de dificuldade e ilumine seus donos para que possam o encontrar!

    Parabens ao pessoal do bicharada, como sempre fazendo um excelente trabalho!

    Paz a todos

  • Ana Maria diz: 8 de setembro de 2011

    Tomara que ele so tenha se perdido dos donos!
    Pois infelizmente tem pessoas que usam a Redençao para abandonar animais!
    Seguidamente abandonam caes e gatos lá!

  • Amy diz: 8 de setembro de 2011

    Um “filhinho de um aninho” não tem condições de ter um cachorro! Criança não sabe cuidar de um cão…e muitas vezes acaba judiando! Não suporto essas mães sem noção que colocam cães nas mãos de crianças! A foto desse cão está aqui para que sejam encontrados os donos. Caso os donos não sejam encontrados aí sim talvez ele necessite de adotantes, não é? Há vários e vários animais no blog esperando um dono…mas como esse é de raça….sempre aparece uma mãe usando um filho como desculpa para conseguir um cão de raça de graça.

  • Bia diz: 8 de setembro de 2011

    Mas c ela que mesmo um cãozinhu tem varios lugares para adotar só que pelo jeito essa moça que facilidade e depois a criança cresce esquece do cachorro e vão acabar jogando ele fora esperem com certeza os donos dele vão aprecer……bjussss

  • meriane diz: 8 de setembro de 2011

    oi não devemos julgar sem antes conhecer a pessoa, as vezes é uma otima pessoa e um otimo dono. não quer dizer que se tenha filho não possa cuidar de um cãozinho,mais tudo isto a protetora tem que ver antes de doar.
    mais também não acho certo dar animais para crianças pequenas, pois não são brinquedos.

  • Andreia diz: 8 de setembro de 2011

    Concordo com a Amy

    Tem pessoas q dão de presente animaisinhos, é uma judiaria, pq com 1 aninho, eles não sabem cuidar e até judiam
    Mas se o responsável (pais) forem cuidadosos, pode-se tentar
    Sinceramente, eu não doo animais para crianças tão novinhas .

  • Diego diz: 13 de setembro de 2011

    Bom dia.

    Venho informar que o dono do cãozinho não apareceu e ele foi adotado.
    Um casal da cidade de Feliz o adotou neste domingo e tenho mantido contato.
    Segundo os atuais donos ele está muito feliz.
    Confesso que já estava apegado ao bichinho e ainda sofro com as lembranças.
    Espero que ele seja feliz e muito bem cuidado.

    Muito obrigado as pessoas que mostraram interesse em adotado e obrigado a gestora do Blog, Karen Sica

  • Marlise diz: 13 de setembro de 2011

    Fico indignada com este tipo de coisa. Se dizem “amigos” dos animais e “protetores”. Protetores de quem? Acham que fazem grande coisa achando um lar rapidamente para os animais. Até concordo no caso de cães abandonados pequenos, ou claramento passando necessidade. Um cãozinho com guia, desesperado, claramento PERDIDO, vocês acham que achar um lar ao invés do dono é a solução???? Tivemos duas cadelas que fugiram (da zona norte) quando o portão eletrônico de minha sogra abriu (ninguém sabe como) e foi “resgatada” na zona sul (Tristeza) e prontamente encontraram um sítio em Taquara uns 10 dias depois. Sorte que a Mel (cadela) não queria um novo lar, e sim voltar para casa, e fugiu na hora de colocarem no carro (só não conseguiram pois ela é grande e devem ter ficado com medo). Encontramos ela depois de 20 dias, caminhando feito louca no Parque Marinha (também estavam pensando quem teria “abandonado” elas. E o melhor, a foto dela estava em praticamente TODOS os sites de protetores, mas é mais fácil se fazer de “bonzinho” e achar um novo lar rapidamente do que perder tempo procurando se tem dono. A outra cadela foi reencontrada numa praça, depois de 3 meses, isto mesmo, 3 meses de procura. Ambas estão em CASA e felizes.
    Já pensaram que este cãozinho pode ser de uma senhorinha, que o tem como único companheiro e que não tem toda esta extertise com internet para em, apenas 10 dias, conseguir encontrá-lo???
    Fica o alerta.
    Méd. Vet. Marlise Germer

  • beatriz diz: 13 de setembro de 2011

    Marlise até entendo tua posição,mas acontece que muitas vezes os donos não aparecem,tem um desdo dia 20 de julho,e outro do dia 11 de agosto,e nada de aparecer.como vc falou se for de uma senhorinha,e ela não ter extertise com internet.mas tambem este blog é frequentado por poucas pessoas,somente aquelas que se inportam com animais.se os donos deste do dia 20 de julho,e 11 de agosto,será que eles se esforçaram para achar seus bichos de estimação.eu acho que temos que torcer para eles acharem um dono.por favor nada contra tua opinião.em 19 de janeiro de 2011,perdi um,e procurei 7 dias sem parar,dia e noite.para saber que ele havia sido atropelado,eu sofri muito,e me culpo até hoje por ele ter fugido e ao atravesar a rua morreu.mas faz parte.abraço a todos deste blog.

  • Fernanda diz: 13 de setembro de 2011

    Acho que não podemos julgar as pessoas! Só a pessoa que recolheu este cachorrinho sabe de suas dificuldades. E acredito que ela deva ter dado muito carinho e proteção…já que foi a única pessoa que teve a capacidade de resgatá-lo para tentar encontrar seus donos. Já pensaram nas quantas pessoas que passaram por este cachorrinho na redenção e nem bola deram? Enfim…não julgo quem recolhe um animal, cuida, divulga, faz de tudo para encontrar um lar para ele…não importando com as despesas financeiras. Julgo quem maltrata, quem sente pena e fecha os olhos. E não digo que para ajudar um animal abandonado deve recolhê-lo…há muitas formas de ajudar. Se não tem um lugar, ajude com auxílio financeiro (se cada um que esta aqui seguindo este blog doasse R$5,00 por mês para as protetoras…faria toda a diferença), se não tem como ajudar financeiramente, ajude divulgando, visitando as casas de passagem para passear com os animais, enfim…há mtas maneiras! Por isso…julgo sim as pessoas que falam, sentem pena…mas fecham completamente os olhos,

  • andreza diz: 16 de setembro de 2011

    Marilise sou totalmente contra o que tu escrevestes ai ! graças a Deus existem ainda pessoas de bom coração é que ajudem os bichinhos, e protetores pois se não fossem eles estaria muito mais cachorro nas ruas passando fome e frio.
    se o cachorro fugiu do patio da sua sogra ela não cuidou direito, pois tenho dois cachorros e eles nunca passam do portão mesmo aberto..
    acho que vc deveria cuidar o que escreve pois a tua opinião não éa mesma minha e nem de quem está lendo esse comentário…

    Karen continue ajudando os nossos bichinhos pois eles precisam muito de nós infelizmente ainda exite muita gente ignorante nesse pais !

  • Marlise diz: 16 de setembro de 2011

    Andreza, se tu não gostas de críticas, só posso lamentar… a verdade foi o que eu escrevi.

  • Ana Maria diz: 18 de setembro de 2011

    O que mais me revolta nesse blog, é que pessoas que nao querem nem ajudar nem adotar, tem o costume de visitar o blog para criticar!
    Quem gosta de bater boca na internet que vá ao facebook orkut e se junte com a corja de desocupados que ficam lá se ofendendo diariamente!
    Admiro o trabalho de todos os protetores que realmente se interessam pelos animais!
    E´ muito fácil fcar em casa e nao fazer nada pelos animais, e ainda ter a cara de pau de vir aqui ofender quem faz um trabalho tão bonito e digno!

  • Diego diz: 21 de setembro de 2011

    A/C Marlise.

    Cara Marlise. Venho aqui lhe dizer que aceito críticas, porém qdo essas são provenientes de uma pessoa que saiba dos fatos.

    Pois bem. No dia que achei esse cachorrinho, fiquei na Redenção das 10:30 da manhã até as 18 horas procurando pelo dono, e andando nas pets da redondeza. Idem aconteceu no domingo pela manhã e pela tarde.

    Fui em pets na José Bonifácio, Oswaldo Aranha, Santana, Protásio Alves, Venâncio Aires, Perimetral, Lima e Silva, José do Patrocínio, e República. Em NENHUMA dessas pets conheciam o bicho e tb. não haviam recados dele perdido.

    Na segunda feira anunciei o cão no Bicharada, No Duas Mãos Quatro Patas, e no Bicho de Rua.

    Passaram-se 7 dias e eu já era detentor de uma lista de 15 pessoas querendo adotá-lo, todas me contaram dados a respeito de suas vidas para que eu pudesse avaliar as condições que o animal viveria.

    Por critérios por mim estabelecidos escolhi um casal de Feliz, e fiz questão de leva-lo nesta cidade para ver as condições, e como achei que seriam boas, o deixe lá.

    Tudo bem que o cachorro poderia ser uma “senhorinha”, porém esta pessoa foi a única que NÃO me ligou, NÃO me mandou mensagem e tampouco anunciou a perda do cãozinho em sites, e talvez este cão estaria na rua até agora aguardando o seu dono.

    Sra Veterinária, seria bem melhor vc direcionar suas forças para algo positivo, que venha ajudar e acrescentar ao mundo. Quem sabe, feche uma parceria com o Blog e ofereça consultas gratuitas, castrações a preço de custo, etc…

    COMO JÁ FOI DITO ACIMA, ESTE BLOG TEM O OBJETIVO DE AJUDAR OS ANIMAIS. E VC NÃO É A DONA DA VERDADE.

    MAIS RESPEITO!!!

    Quem sabe assim o mundo se tornará um pouco menos ruim!

    Obs.Portões Eletrônicos não abrem sozinhos ou sem a mão humana.

  • Jessica Adotante do cãozinho diz: 23 de setembro de 2011

    Marlize!
    Não sai falando besteiras como tu deve estar acostumada!
    Eu sou quem adotou o Ruffus cão da foto!
    Eu perdi minha cadelinha a pink e estava muito triste procurei muito ela e não achei.
    Depois de algum tempo vi o anuncio do Ruffus e liguei para o Diego pedindo para ele o cão,ele nao queria doar o cão
    de jeito nem um.Como ele ja estava se apegando no cão e nao podia ficar com ele, o Diego decidio me ligar e ver se ainda estava interesada.
    Não tenho filhos e me dedico a cuidar de bichinhus!
    AMO O RUFFUS DE PAIXÃO!
    Então pesso seu respeito a minha pessoae a pessoa do Diego.Pois o meu cachorro esta otimo e por favor, nunca fale o que voce nao sabe!

  • Marlise diz: 23 de setembro de 2011

    Diego,

    acredito este sser um espaço público e LIVRE, ou seja, não só quem concorda pode escrever aqui.
    Em nenhum momento estava direcionando minha crítica a A ou B, mas era um alerta em cima de uma realidade que vivi e que outros poderiam passar. Agora se este espaço é só para elogiar, devo ter escolhido o local errado mesmo.

    Não vou mudar o que escrevi, gostando ou não. Nem vou me sentir “amedrontada” por receber este mesmo comentário seu acima, diretamente no meu e-mail particular. Gostes ou não, é meu comentário e não vou mudá-lo. Para isto serve a liberdade de expressão.

Envie seu Comentário