Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Bike, trilha, barco e carapeva – Um passeio pela Costa da Lagoa

22 de fevereiro de 2015 1

Por Carol Macário

post 4

A Costa da Lagoa é uma comunidade tradicional na beira da Lagoa da Conceição. É um dos últimos redutos da cultura açoriana no Estado, com rendeiras e pescadores, e por essa razão a região é tombada como patrimônio cultural de Florianópolis. Chegar até lá só é possível de duas formas: trilha ou barco. Ou bike, trilha e barco. :)

A menos que você tenha uma Mountain Bike e tenha muita, mas muita experiência em pedaladas radicais e trilhas, faça o caminho de cerca de 5 km do Canto dos Araçás até a Costa da Lagoa pedalando. Caso contrário não recomendo, mas sugiro uma opção que combina as três coisas.

>> ASSISTA - Bike, barco e trilha:


Canto dos Araçás

Os barcos de transporte público operados pela Cooperbarco não levam bicicletas por motivos de segurança (os barcos partem do Centrinho da Lagoa no Terminal de Transporte Lacustre localizado ao lado da ponte). A dica então é pedalar até o Canto dos Araçás, conforme o mapa.

Canto dos Araçás

Canto dos Araçás

O trajeto tem poucas subidas e descidas em rua de paralelepípedo. Ao longo do caminho estão mansões que cobrem, infelizmente o visual da Lagoa, e casas de moradores nativos, mais simples.

Carona de Barco

Apenas barcos particulares levam bicicletas até a Costa e, geralmente, são cortesia de alguns restaurantes tradicionais da comunidade. Ao chegar no Ponto 3, no Canto dos Araçás, converse com algum pescador que estiver por ali e combine o transporte. Os restaurantes Bela Ilha e Recanto da Natureza são alguns que oferecem a cortesia, desde que você almoce por lá, claro. O trajeto de barco dura cerca de 25 minutos.

post 2

post 1

Freguesia da Costa

Entre os pontos de barco 13 e 18 fica a Freguesia da Costa. É a área mais urbanizada, onde se concentra o maior número de casas e restaurantes. É por ali que fica também a cachoeira da e a Capela Santa Cruz.

Desci no Ponto 13 e segui caminho pela trilha até lá, um pouco passando pelo barro, ora por pedras e degraus improvisados, tendo que levar a bike nos braços, e finalmente por vias calçadas.

post 5


Restaurantes de frutos do mar

Além do passeio pela mata, pelo antigo engenho de farinha, pela cachoeira e a capela, a principal atração da comunidade é a gastronomia. Há dezenas de restaurantes de frutos do mar. Os donos são nativos da região e esbanjam simpatia.

post 11

A simpatia do Jajá

Difícil recomendar apenas um, mas não deixe de provar o bolinho de siri da dona Marlene, do restaurante La Costa, o peixe grelhado ao molho de manga do Jajá, o pastel de camarão do Bela Ilha e a carapeva frita no Recanto da Natureza (carapeva é um peixe comum na lagoa).

Na volta, apenas descanse no barco e curta a paisagem.

Cachoeira da Costa

Cachoeira da Costa

 

post 10

Capelinha da Freguesia

Comentários (1)

  • MFernando diz: 23 de fevereiro de 2015

    Bela reportagem! O local é maravilhoso!
    Faltou informar o tempo +- da caminhada e as opções de onde partir.

Envie seu Comentário