Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Pinho Moreira vai a Balneário Camboriú, mas não convence Piriquito a desistir de renunciar

11 de março de 2014 1

O vice-governador Eduardo Pinho Moreira (PMDB) foi até Balneário Camboriú, conversou por quase três horas com Édson Piriquito e não conseguiu convencê-lo a desistir da ideia de renunciar ao cargo para tentar concorrer ao governo do Estado. O encontro acabou agora à noite.

— Nós temos uma relação de muito respeito. Ele veio tentar me convencer dos argumentos dele, em favor da aliança com o governador, mas minha decisão é irreversível.

Piriquito confirmou que vai renunciar ao cargo de prefeito no dia 5 de abril, um sábado, prazo final de desincompatibilização para quem quiser concorrer nas eleições de outubro. Diz não ter plano b.

— Concorrer a deputado federal ou estadual não me apetece. O que eu quero é demostrar para as pessoas que não é preciso ter um sobrenome histórico ou vir da alta classe para ser governador do Estado.

A renúncia já está acertada com o vice-prefeito Cláudio Dalvesco (PR). Inclusive, Piriquito afirma que o vice deve se filiar ao PMDB e ser candidato a reeleição em 2016.

Fora da prefeitura, o peemedebista vai continuar viajando pelo Estado em defesa da candidatura própria do partido na pré-convenção marcada para o dia 26 de abril. Depois, Piriquito parte para a segunda parte do planejamento: viabilizar-se como candidato do PMDB na convenção do partido, em junho.

Bookmark and Share

Comentários

comments

Comentários (1)

  • Piriquito sim.Papagaio não. diz: 11 de março de 2014

    Vá em frente,Piriquito! O Pinho Moreira nasceu pra ser vice-governador,nunca chegará lá. Fica tranquilo,pois o Pinho Moreira só repete que o LHS fala.Nada mais.

Envie seu Comentário