Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Ainda esperando tainha...

02 de junho de 2010 0


E a polêmica continua…

O Seu Nilson Nicolau Guimarães, manezinho dos Ingleses, 70 anos, prefere ser bem realista quando se fala que as tainhas estão demorando a chegar na Grande Florianópolis. Pescador por esporte desde pequeno, ele diz que sabe muito bem porque as benditas ainda não pintaram por aqui.

“Elas não estão desovando lá no Rio Grande do Sul. A água da Lagoa dos Patos, onde elas reproduzem e depois vêm para cá, tá cada vez mais poluída. Além do mais, aqueles molhes de três quilômetros no mar de Rio Grande impedem que a água salgada entre na lagoa e as tainhas não chegam lá.”

Seu Nilson diz que, na Ilha de Santa Catarina, o molhe da Barra da Lagoa também prejudica a entrada dos peixes.

“Antigamente, a gente pescava tainha de cima daquela ponte da Lagoa, porque o peixe entrava. Hoje em dia, já nem anima sair de casa”, diz o Seu Nilson.

Envie seu Comentário