Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts com a tag "estilo"

Feira para agradar mulheres que amam sapatos

06 de julho de 2010 0

Começou ontem a Feira Internacional de Moda em Calçados e Acessórios (Francal), em São Paulo. O evento, um dos maiores da América Latina do setor calçadista, reúne marcas brasileiras — inclusive algumas catarinenses — para discutir e mostrar o que vai ser tendência em sapatos e acessórios para a próxima estação.

Pelo primeiro dia, já dá para ter ideia do que estará nos pés das mulheres na temporada primavera/verão. Aí vai algumas dicas:

— Os saltos continuam com tudo. Mulheres nas alturas com sapatos e sandálias com plataformas e salto fino. Apesar de parecer desconfortável, o apoio da plataforma — a meia pata, só dá a impressão de que o salto é extremamente alto. Na verdade, ele respeita o contorno do pé com o salto normal por causa da compensação na parte da frente.

— Sandálias nas versões rasteiras estão com tudo, principalmente as versões que são presas ao tornozelo, que abrem com zíper na parte de trás. Aparecem bastante nos estandes.

— As maxi bolsas também continuam com tudo. Há de tudo, inclusive uma bolsa que vem uma lanterna pequena acoplada para auxiliar as mulheres a procurar coisas dentro da bolsa (confesso que achei a ideia super bacana e útil)

A feira vai até quinta-feira, mas a gente vai contando aqui aos poucos o que será apresentado por lá. Mas há de tudo, como o salto troca-troca, o salto com amortecedor, o tênis com tecido antibacteriado, o tênis infantil que pesa 140 gramas e o sapato masculino que aumenta a altura.

Novidades não faltam! Aguardem!

Vá de roxo!

04 de julho de 2010 0

Se tem uma cor que é a tendência da estação é o roxo. Em blusas, saias, sapatos, maquiagem. Tem pra todos os gostos. A prova disso é o número de peças nesta cor — ou nas variações de tonalidade dela — em vitrines. Dá só uma espiada.

Combinam muito bem com peças brancas e pretas e em tons pastéis. Quer ousar um pouco mais? Misture vermelho e ou azul turquesa, mas cuidado, tudo na medida certa, sem exageros. Não tem erro!

Conforto e estilo são marcas da saruel

02 de julho de 2010 0

Não escutei de nenhum homem até hoje que achava bonita a calça em estilo SARUEL, aquela em que o corte não fica justinho ao corpo. Algumas mulheres também tem lá suas restrições, mas o fato é que o modelo predominou no verão, ganhou o inverno (nem tão frio assim), e continua com força total, adentrando a estação. Cheias de estilo, aliam conforto e moda de um jeito simples.

Nas passarelas desde 2006, continua em alta com variações de tecidos que vão desde o jeans aos mais encorpados. Pode ganhar um visual descolado ou formal, dependendo da escolha do que vestir para compor o visual. Ficou na dúvida de como usar? Dá uma olhada nas dicas!

— Combinações simples são sempre tiro certo. A calça saruel jeans com uma camisetinha ou regata bem básica já resolve. Tecidos mais elegantes, como seda ou linho, já dão um ar mais formal à peça, podendo ser usada até em festas.

— A calça saruel de cós baixo franzida na cintura é aconselhável somente para quem está com a barriguinha em dia. Quem tem quadris largos, deve usar uma que não realce essa parte do corpo e, quem não tem muito quadril, pode abusar dos modelos que o valorizam. Neste caso, blusas um pouco mais justas ficam melhor, porque o volume é transferido para o quadril.

— Blusas soltinhas também estão liberadas, desde que crie uma harmonia no conjunto.

— Procure não usar o modelo com tênis. Invista em uma sandália, que pode ser baixa ou alta, sapatos fechados, sapatilhas e rasteiras. 

— As baixinhas devem escolher um modelo com volume menor, mais afunilada, para não ficar “achatada”.

Charme, elegância e... conforto!

30 de junho de 2010 0

* Com Alessandra Toniazzo

Práticas e confortáveis, as sapatilhas substituem os saltos altos sem perder a elegância. E há modelos de todos os tipos, das clássicas às peep toes, aquelas que são abertinhas na frente.

Charmosas, ficam bem com tudo e combinam com todas as estações. As combinações podem ir do short às calças jeans e não têm restrições de cores e modelos, contanto que não contrastem demais com a blusa ou vestido. Seguem algumas dicas:

— À noite, aposte em tecidos como o cetim ou tafetá, com brilho ou cores em neon

— Elas não combinam em ocasiões formais, como casamentos e formaturas

— Se for a uma festinha com amigos, ou a uma saída depois do trabalho, invista na maquiagem mais carregada. E as sapatilhas estão liberadas com saias e vestidos, além da meia-calça (que pode ser até a xadrez)

— Durante o dia, a sapatilha  ideal é a aberta nas pontas, para que os pés possam respirar. Neste caso,  a unha deve estar feita.

— Se a roupa for estampada, com xadrez ou recheada de acessórios, como pulseiras e tiaras, use a sapatilha preta, marrom ou até vermelha. Mas, sempre, lisa.

— Se a roupa for mais neutra, aposte na sapatilha de bichos, xadrez ou coloridas. Elas dão um toque de alegria no visual.

— O ideal é usar com calças skinny (aquelas bem justas), capri ou com cortes retos.

E muito importante: sapatilha é estilo! Colocar um laço, broche ou mostar um look de acordo com o seu estilo é indispensável para o bem estar!

Com que óculos eu vou?

28 de junho de 2010 0

Se tem uma coisa em matéria de acessórios que é muito pessoal e diz muito sobre o estilo da pessoa são os óculos de sol. Das escolhas que fazemos para compor o visual, talvez a peça seja a mais “marca registrada” da gente. Há quem prefira os clássicos, que nunca saem de moda, e os que marcaram época, como os modelos a la Jackie O., enormes, redondos, ou estilo aviador, por exemplo. Quem não lembra do Tom Cruise em Top Gun? Olha a foto aí embaixo. Lembrou?

A mais nova “inventora” de manias de óculos de sol é Lady Gaga. Sempre estampando modelos diferentérrimos, uns lindos, outros um tanto bizarros, a musa não sai de casa sem óculos. Aliás, falando nela, não há como não reparar no visual da moça, né, cheio de excentricidades. Mas este é papo para outro post.

Voltando aos óculos, um cuidado é de extrema importância: procure por óculos com proteção contra raios UV (ultravioleta). Óculos de sol servem para complementar o visual, mas, acima de tudo, para proteger os olhos. Não esqueça disso. Óculos sem proteção podem, inclusive, prejudicar a visão, dizem os especialistas. Atenção aí.

Bom e barato!

25 de junho de 2010 1

Às vezes a gente se depara com peças de roupa e logo pensa: deve ter custado uma fortuna.

ENGANO!

Garimpando, é possível encontrar muita coisa boa e de qualidade por preços baixos. Os exemplos abaixo vêm aqui mesmo da Redação da Hora.

O Sérgio Negrão é editor-executivo do nosso jornal. Anda sempre superestiloso, criou uma identidade para as peças que usa. Camisetas que “dizem” sempre alguma coisa, calça jeans impecável e, dia desses, com este casaco da foto abaixo. Depois dos elogios, ele confessou: “paguei R$ 29″.

— O que? — foi a reação de todos.

Ficamos todos pasmos. Depois, o assunto foi tomando conta da Redação. A Alessandra e a Sâmia, repórteres da Hora, estão sempre arrumadas, culpa das blusas e acessórios que as duas usam para incrementar o visual. Pois as duas lindonas também apareceram com os seus “achados” ontem. Não tinha como não registrar. E vale para você, leitor! Com um pouco de paciência, é possível sim encontrar peças ótimas pelo que você pagaria por xis salada e um refrigerante.

Quer apostar?

Dá uma olhada no relato da turma!

Sérgio Negrão

“Certo dia, entrei no Big de manga curta. De repente, me toquei que tinha esfriado bastante. Tinha ido comprar sei lá o que (acho que alguma coisa eletrônica). Mas não resisti quando passei por uma arara cheia de casacos de nylon. Primeiro, achei bonitos. Segundo, achei barato (R$29). Terceiro, vi que tava ali a solução pro meu frio. Quarto, me espantei com a boa qualidade por um preço tão pequeno. Quinto, comprei e já sai vestido com ele, claro.

Foi um caso do acaso. Eu e o casaco nos encontramos. Mas recomendo a todos que batam perna, pois tem muito produto com essas características por aí. Não é preciso gastar muito pra ficar bem vestido.

Meu casaco de 29 pilas disputa hoje (e vence) minha preferência com outras roupas que custaram até 15 vezes mais.”


Sâmia Frantz

“Foi no findi passado. Cheguei na Lagoa e fui direto comprar algo pra comer, mas ainda estava fechado. Enquanto eu esperava, saí caminhando pelas ruelas e vi um brechó na calçada mesmo, em frente a uma loja. Óbvio que parei pra olhar, mesmo sabendo que só podia encontrar porcaria. Era um brechó solidário, do Rotary, cujo valor arrecadado seria doado a entidades carentes.

Mas me surpreendi quando vi coisas de marca a preços superbaixos. Dizia nas etiquetas: “de R$ 59 por R$ 10/15/20″. Olhei, olhei e comprei duas blusas, essa e mais uma. Saí de lá feliz, de roupa nova e R$ 20 a menos na carteira. E só.”

Alessandra Toniazzo

“Estava perambulando no Centro de Floripa quando me deparei com uma placa Promoção de Inverno em uma loja na Avenida Rio Branco, que nunca tinha entrado. Não resisti e entrei, mesmo sendo final de mês — o que representa conta quase zerada. Valeu a pena! Comprei esta blusa de linha por R$ 24. Ela pode ser usada com calça jeans, legging, bermudinha com meia-calça, com blusa por baixo ou casaquinho por cima. Uma delícia! Adorei!”

Botas pra que te quero!

23 de junho de 2010 0

Você lembra do filme Uma Linda Mulher, em que a Julia Roberts usava botas acima do joelho? Pois elas viraram sensação no inverno. Não naquele modelo vinil, mas as botas cuissardes, como são chamadas, saíram direto das passarelas europeias para as ruas do inverno brasileiro. E cheias de estilo. É só dar uma caminhadinha pelas lojas que você encontra  diversos modelos para gostos e bolsos variados. As botas longas que vão até o peito da coxa ficam bem com jeans, leggings e vestidos.

Mas cuidado: as botas por si só já carregaram uma aura sexy. A sacada para não tornar o look vulgar é minimizar o impacto com peças sóbrias, sem destaque para cores vibrantes ou blusas muito apertadas. Aposte em blusões e casacos para compor o look.

Gostou da ideia? Uma dica: prove a bota com a roupa que você usaria com ela e repasse mentalmente o que tem no armário que também possa combinar. O valor dela, um pouco mais salgado que uma bota comum, só compensa se você usar com combinações diferentes.

Mas são lindas, não?

Mais tricô!

23 de junho de 2010 1

A leitora Marli Rampinelli Sell nos escreveu para falar mais de tricô, que ela sabe fazer muito bem. Os modelos são lindos, todos com pontos delicados. Será que é difícil de fazer, Marli? Ensina pra gente!

Segue abaixo o relato dela e algumas produções. Você também sabe tricotar? Mande as dicas pra gente! Pode ser por comentário ou pelo e-mail redacao@horasc.com.br

“Eu sei sim tricotar, aliás é meu passatempo. Estou adorando que estão divulgando bastante, serve para incentivar a mulherada e acabar o trico feito à mão. Tenho visto uns modelos até na novela Passione, e até já fiz um colete que a Mariana Ximenes usou em uma cena de um trem na Itália.

Só tenho pena que atualmente estou morando na Praia da Teresa, em Laguna, e só de balsa para chegar até ela, não tenho então como divulgar meu trabalho, mas mesmo assim, não deixo de fazer.

Uso muito misturas de fios (é o meu forte). Fica como retalhinhos, em tom sobre tom.

Espero que continuem divulgando este trabalho manual, porque as avós estão se indo….as mães… e são poucas que fazem. As mulheres mais novas são cheias de compromissos com casa e trabalho, acabam nem aprendendo ou nem se interessam. Também acho que o que atrapalha muito é a confecção, hoje em dia muito barata.

OBS: na internet estão comentando muito também os cachecóis que a Fátima Bernardes está usando nas reportagens da Copa. Isto é muito bom.”

Quem aí sabe tricotar?

22 de junho de 2010 0

Chega o friozinho e os cachecóis começam a sair do armário. Para quem sabe fazer de verdade, nossa, prato cheio para desfilar vários modelos. Para quem arrisca, como eu, fica à mercê das lãs que por si só se “ajeitam”. Acho muito legal quem consegue criar, inventar moda mesmo para aquecer o pescoço. 

E falando em cachecóis, vocês já repararam nas ruas como eles estão cada vez mais “profissionais”? Cores, estilos, tudo. A dica? Além das tonalidades pastéis (creme, rosa antigo e marfim, entre outras), aposte nos cinzas e violetas. Aliás, os tons de roxo são as cores do inverno este ano. Pra quem já gostava, desengavete já. Para quem não costumava usar, vale o teste. Combina com bastante coisa.

Aliás, nossas leitoras tricoteiras, alguém tem uma dica (ou muitas!) de tricô para compartilhar? Enviem pra nós! Pode ser por comentário ou pelo e-mail  redacao@horasc.com.br que a gente vai dividindo com vocês aqui no Blog da Hora. Garanto que todo mundo vai gostar!

Tênis com estilo

21 de junho de 2010 0

Sapatos de salto são lindos, deixam a mulher com pernas mais esguias e tudo mais, MAS, uma hora cansa, né, gente. E nada como o bom e velho tênis para dar aquela descansada nos pezinhos.
Quer estilo e fugir dos modelos esportivos? Vai de All Star.

Tem de todos os jeitos, cores, desenhos e designs. A Bruna, diagramadora aqui da Hora, não abre mão deles por nada neste mundo. Ontem ela apareceu com esse modelo que você vê aí na foto abaixo. Só ela tem três pares. Conheço gente que é viciada neste tênis.

E dá pra combinar com tudo. Com calça jeans – que forma a dupla clássica do tênis lançado em 1908 – às saias, shorts e leggings. Já vi mistura de All Star com wet legging (aquelas calças de vinil). Ficou um visual mais alternativo, mas igualmente bacana.

Fora que dá um descanso danado de viver nas alturas né?