Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts na categoria "tipos de dietas"

Nova moda: Dieta do jejum

03 de junho de 2016 0

DIETA DO JEJUM ???

Para tudo… Ficar sem comer por até 23 horas? Credo, eu morro kkkkk!!!

jejum

A dieta do jejum intermitente (Intermittent Fasting) é a novidade do momento. Quando li sobre ela na Revista Glamour deste mês, não consegui acreditar!

Tudo bem que a Deborah Secco e a Juliana Paes estão maravilhosas e com um super corpão fazendo esta dieta, mas confesso que acho uma grande loucura!

De acordo com os nutricionistas que a recomendam, ela funciona intercalando-se jejuns de 16h, 18h e até 23h, revezados com dias de alimentação normal, com calorias livres!

Pode até funcionar, mas acho que não é por aí. Até porque não adianta emagrecer um monte, rapidão, e depois engordar tudo (ou mais) de novo!

Para ter um peso legal para sempre (que é o que estou tentando), temos que comer direitinho, comidas certas, em horas certas e nas medidas corretas (e poder dar uma escapada de vez em quando, que ninguém é de ferro né?)

E para quem ficou curioso… na internet vocês vão achar diversas publicações, inclusive ensinando como fazer a tal dieta do jejum. Mas, por favor, NÃO TENTEM FAZER SEM INDICAÇÃO MÉDICA OU DO NUTRICIONISTA! É perigoso, e saúde é tudo!!! Não dá para brincar!

Agora deixando a seriedade de lado… me contem… alguém já fez alguma doideira para tentar emagrecer? Tipo simpatia (vi na internet que existem MUITAS, tem do arroz, alpiste, alho, cebola..? E pílulas mágicas?

Sinto muito!  Não existem milagres! Para emagrecer só se cuidando mesmo!!!

Martha Rosinha

Dietas famosas e o sonho de conquistar o corpo sarado como mágica

08 de janeiro de 2014 4

Vamos falar de dietas! Tem da sopa, das cores, da lua, da proteína. Se eu contar que emagreci comendo pedra, certamente a dieta das pedras irá bombar.

Segundo os médicos, é muito perigoso fazer essas dietas malucas. Muitas vezes você para de ingerir substâncias importantes, o que pode deixar você doente.

Já cansei de falar sobre isso aqui. Recentemente descobri a chamada “Fome Oculta”, que pode ser uma consequência de dietas malucas.

 

1. Dieta Vegetariana
É muito mais uma filosofia de vida. A origem é milenar e consta que os primeiros povos a aderirem foram os budistas e indianos, por questões religiosas. Mas hoje existem diversos tipos de vegetarianos – desde os que se alimentam somente de vegetais até os que consomem ovos ou laticínios e derivados de animais.

Alimentos permitidos:
Todos os alimentos de origem vegetal são aceitos e, dependendo do grau de vegetarianismo, são permitidos queijos, leite e derivados, ovos e carnes brancas.

Alimentos proibidos:
Carne vermelha é proibidíssima!

Vantagem: um regime sem carnes diminui o consumo das gorduras saturadas e os riscos de doenças cardiovasculares.
Desvantagem: o vegetariano sofre por causa da deficiência de cálcio e ferro. Em alguns casos precisa ingerir suplementos alimentares para não ficar anêmico. É importante consultar um médico para aprender a fazer substituições.

 

2. Dieta do Dr. Atkins
Conhecida mundialmente como a dieta da proteína, foi criada na década de 80 pelo médico americano Robert Atkins. Esse regime restringe severamente a ingestão do carboidrato em todas as refeições. A grande perda de peso em curto espaço de tempo é o principal motivo de tanta adesão ao regime. “Ela é um pouco radical ao cortar o carboidrato e também não se preocupa com a qualidade e a quantidade do alimento ingerido”.

Alimentos permitidos:
Carnes, aves, peixes, verduras, frutas – até mesmo o abacate -, são muito bem-vindos. A dieta também libera o consumo de ovos e carnes de porco, como o bacon, à vontade.

Alimentos proibidos:
Todos os derivados de carboidrato são expressamente proibidos. Arroz, pão, massas, farinhas, açúcar, bolo, além das leguminosas como ervilha, milho, lentilha, grão-de-bico e os queijos, leite e derivados também devem ser cortados do cardápio.

Vantagem: rápida perda de peso.
Desvantagem: é muito severo na ingestão de carboidrato, cortando radicalmente esta fonte de energia do organismo. As pessoas podem se sentir mal, sem força e ter problemas em função da falta do carboidrato.

3. Dieta da sopa
Muita gente já  tentou fazer esse regime, à base de uma sopa de verduras que pode ser consumida à vontade durante todo o dia. A origem da receita é completamente desconhecida. Mas o resultado é verídico. “A dieta da sopa pode fazer você perder de três a sete quilos em uma semana”. Mas é preciso ter cuidado. Manter esse regime por mais de sete dias pode ser uma agressão ao organismo. Dependendo da pessoa, uma semana já é muito tempo.

Alimentos permitidos:
Além da sopa, permite a ingestão de frutas, como maçã, melancia, melão, mamão, banana; além de legumes e verduras crus ou cozidos; água e chás à vontade. Nos últimos dias libera filé de frango e bife grelhado. Mas tudo tem que ser consumido rigorosamente como manda o cardápio.

Alimentos proibidos:
Durante esses sete dias da dieta fica proibido ingerir qualquer tipo de fritura.

Vantagem: rápida perda de peso.
Desvantagem: é muito severo na ingestão de carboidrato, cortando radicalmente esta fonte de energia do organismo.

4. Dieta do mediterrâneo
Baseada no consumo de azeite de oliva, essa dieta – criada pelo médico Ancel Keys em 1945 – tem na culinária do Mediterrâneo sua grande fonte de inspiração. A alimentação propostaoferece pequena quantidade de gordura saturada. A explicação para o emagrecimento é que o azeite faz um equilíbrio com a gordura animal.

Alimentos permitidos:
Pode-se consumir gorduras monoinsaturadas, ômega 3 (salmão, atum, anchova, sardinha), ômega 6 (óleos de canola, milho, girassol e soja, azeite de oliva, sementes de gergelim, girassol, castanhas e nozes), além de frutas cítricas, verduras e até o vinho.

Alimentos proibidos:
Gordura saturada, carne vermelha, doces e açúcares em geral não são proibidos. Mas o consumo é bastante moderado.

Vantagem: protege o coração contra enfartes, diminui o risco de câncer, retarda os danos ao cérebro causados pelo envelhecimento e aumenta a longevidade.
Desvantagem: o grande consumo de vinho pode ser um problema. Consulte um médico antes de pensar em iniciar uma dieta dessas.

5. Dieta ortomolecular
O programa nutricional ortomolecular, formulado pelo químico americano Linus Pauling, é um dos preferidos dos artistas. O objetivo é restaurar o equilíbrio bioquímico do organismo controlando a ingestão dos alimentos. “A dieta é interessante porque nutre o corpo com todas as classes de nutrientes. No entanto, é preciso tomar cuidado com a quantidade de suplementos vitamínicos e minerais que prescritos”, alerta o Dr. Alexander.

Alimentos permitidos:
Quase todos os alimentos são permitidos, principalmente os antioxidantes. O programa alimentar substitui os alimentos industrializados pelos frescos, carboidratos integrais e dá preferência à proteína com baixo teor de gordura, como peixes, ave, avestruz e clara de ovo.

Alimentos proibidos:
A alimentos industrializados, carne vermelha e gema de ovo. O carboidrato simples é expressamente proibido na última refeição do dia.

Vantagem: a alimentação é bastante balanceada e abastece o organismo com todos os nutrientes necessários. Além disso, melhora pele, cabelo, unhas, ajuda a prevenir problemas cardíacos e melhora o funcionamento do intestino.
Desvantagem: ainda é rejeitada pela classe médica, já que prescreve a utilização de suplementos de vitaminas e minerais diariamente.

6. Dieta de South Beach

Desenvolvida pelo médico cardiologista americano Arthur Agatston, ela foi criada inicialmente para reduzir o colesterol ruim e o triglicérides do sangue. Mas como os pacientes perdiam peso, logo o programa alimentar passou a ser utilizado para o emagrecimento. Sua base é parecida com a do Dr. Atkins. A diferença é que restringe a quantidade e se preocupa com a qualidade dos alimentos. Apesar de também ser um pouco severa, se preocupa com a qualidade dos produtos ingeridos.

Alimentos permitidos:
Todos os grupos alimentares são liberados em quantidades moderadas. E, nesse caso, o carboidrato refinado é substituído pelo integral, suprindo o organismo da necessidade dessa classe alimentar.

Alimentos proibidos:
Massas, arroz, pães, cereais, doces, além de alimentos gordurosos e frituras não são bem-vindos no cardápio.

Vantagem: é menos severa, contempla todas as categorias alimentares e indica o consumo de produtos saudáveis.
Desvantagem: por causa da grande quantidade de proteína ingerida, pessoas com problemas renais e ácido úrico não podem aderir à dieta.

7. Dieta programada Lean Body
Indicada somente para quem pratica exercícios físicos diariamente. Este programa, desenvolvido por Cliff Sheats, é o sonho de muita gente. Afinal, o lema é comer mais para emagrecer mais. A dieta se baseia na idéia de que um regime de baixa caloria não é indicado para queimar gordura. Ela apenas retarda o metabolismo e com isso você perde energia e não queima caloria, mas músculo.

Alimentos permitidos:
Faz um balanço entre o carboidrato, a proteína e a gordura. Tudo é permitido. Em quantidades adequadas, claro.

Alimentos proibidos:
Nenhum tipo de alimento é proibido. E as quantidades aumentam a cada semana. Até parece um sonho, não é mesmo!? Mas nem pense em aderir sem praticar atividade física.

Vantagem: como recomenda o aumento de calorias a cada semana, o risco de perda de massa muscular é mínimo e ainda aumenta o metabolismo basal.
Desvantagem: para aderir essa dieta é preciso praticar atividade física com muito afinco, caso contrário, ao invés de emagrecer, irá ganhar peso!

8. Dieta da combinação de alimentos
Não importa a quantidade, nem a qualidade. O que importa é a combinação dos alimentos. Desenvolvida por Herbert M. Shelton, libera o consumo de todos os alimentos. Para o Dr. Herbert, o que importa não é a quantidade, mas sim a combinação, pois quando isso não acontece, toxinas são geradas pelos processos fermentativos, causando irregularidades metabólicas e consequentemente, obesidade.

Alimentos permitidos:
Todos os alimentos são permitidos. O segredo é combinar.

Alimentos proibidos:
A restrição é a mistura dos alimentos. O programa não permite a ingestão de alimentos ácidos com carboidratos. Sendo assim, você não poderá tomar um suco de laranja e comer pão, por exemplo.

Vantagem: não é só para emagrecimento. O programa faz uma importante desintoxicação, melhorando o funcionamento do aparelho digestivo.
Desvantagem: Você terá que andar com uma tabela até aprender a combinação correta.

9. Dieta da pirâmide dos alimentos
A primeira versão dessa dieta, criada em 1992, pelo United States Department of Agriculture deu tão certo que foi atualizada em 2005. Ela tem uma orientação simples e bem equilibrada.

Alimentos permitidos:
Todos são permitidos. O negócio é respeitar o estreitamento da pirâmide. Cada faixa representa um grupo alimentar, sendo que a atividade física é a sua base e os doces estão lá no topo.

Alimentos proibidos:
Nessa dieta não há restrição de nenhum grupo alimentar.

Vantagem: todos os grupos alimentares são consumidos diariamente, o que garante o bom funcionamento do organismo.
Desvantagem: quando bem-feita, não tem desvantagens.

10. Vigilantes do peso
A Organização Vigilantes do Peso (Weight Watcher) foi fundada na década de 60 por Jean Nidetch. O objetivo principal é o incentivo. Em 2005, foi instituído ao programa o sistema de pontos. Cada alimento tem um número determinado de pontos e os participantes têm uma cota diária a seguir.

Alimentos permitidos:
Todos os alimentos são permitidos. A dieta também permite a combinação de carnes, massas, doces e pães.

Alimentos proibidos:
Não proíbe nenhum tipo de alimento, desde que sejam respeitadas as quantidades estabelecidas pelo método.

Vantagem: a liberação do consumo de qualquer grupo alimentar.

 

11. Dieta do Típo Sangüíneo

Criada pelo médico naturopata americano Peter James D’Adamo, é baseada no tipo sangüíneo. Para o autor, cada organismo está preparado para assimilar um determinado alimento.

Alimentos permitidos:

Tipo O: os que têm sangue tipo O são carnívoras por natureza, por isso têm mais facilidade de digerir carne vermelha.
Tipo A: o sistema digestivo das pessoas desse grupo é mais sensível e, por isso, assimilam melhor os vegetais, peixes, cereais, leguminosas e frutas.
Tipo B: verdadeiros amantes de laticínios, são supertolerantes ao leite e seus derivados.
Tipo AB: os donos desse tipo sangüíneo aceitam comida misturada, mas com porções equilibradas.

Alimentos proibidos:

Tipo O: produtos de trigo, como pães e gérmen de trigo, além dos derivados do leite são bem nocivos às pessoas com esse tipo.
Tipo A: devem-se manter afastados da carne vermelha.
Tipo B: aves e milho são alimentos extremamente nocivos para os integrantes desse tipo.
Tipo AB: carne bovina, de porco e frango, além de leite integral e alguns derivados como queijo brie e parmesão, não são bem-aceitos pelo organismo portador de sangue AB.

 

 A minha dieta

O que deu certo na minha vida? Reeducação alimentar. Depois que eu aprendi a comer saladas, não abusar dos doces e manter uma alimentação saudável ao longo do mês, eu consegui emagrecer. A prática de atividade física regularmente tem que ser uma regra.

Não existe milagre. Você pode até conseguir fazer o ponteiro da balança baixar. Mas pode estar perdendo água. Se você faz uma dieta com acompanhamento médico e segue uma rotina de exercícios, vai aprender que trocar massa gorda por massa magra é o que importa. Botei fora 12kg de gordura em 3 meses. A receita? Dieta com nutricionista (1 consulta a cada 15 dias) e atividade física 6x por semana.

 

foto

Vou deixar aqui alguns perfis de instagram de mulheres que mudaram o corpo mudando a forma de se alimentar. Todas elas emagreceram  e todas elas conseguiram isso de uma única maneira: MUDANDO A ALIMENTAÇÃO e fazendo exercício.

Adriana Thyssen @blogdadrika – Essa eu acho d+!

Ela tem 39 anos. Começou a dieta em fevereiro de 2013 (107Kg) e chegou nos 69kg. Acompanhando o intagram dela, você percebe que ela tem as derrapadas, o que é normal. Nesse fim de ano, ela engordou. Mas é mais uma prova de que se você seguir uma dieta equilibrada, sem loucuras, vai emagrecer e vai conseguir manter, mesmo com as variações normais.

 

Michelle Franzoni- @blogdamimis

Bella Falconi- @bellafalconi_fitness

Gabriela Pugliesi- @gabrielapugliesi

Lalá Noleto-@lalanoleto

Marina Iris-@marinairis

Thais Conte- @thaconte/ @blogpapofitness

Penélope Nova- @penelope_nova

Viu como não existe milagre? Vale como inspiração!

#ficadica

 

Dieta Dukan - Eu estou testando

17 de dezembro de 2012 25

Está estampado nas revistas: Dieta Dukan emagrece muito! Esse mês, a Revista Boa Forma traz uma matéria especial, com destaque na capa, falando sobre a dieta. Sei que o importante é equilibrar calorias, e nada de radicalismo resolve, pois não será uma mudança de hábito e sim uma loucura. Mesmo sabendo disso, resolvi testar a Dieta Dukan. Comecei ela no Domingo, dia 16/12. O que eu mais senti foi o café da manhã. Sinto falta do meu pão preto. No mais, bem de boa. Não quero levar ela por muito tempo, mas vou seguir aí por uma semana.




menos 5 kg em 15 dias - dieta dukan



O segredo da dieta são as proteínas. Essa dieta ganhou força quando a princesa Kate afinou rapidinho seguindo o cardápio. O nutrólogo e médico, Pierre Dukan, responsável por criar essa dieta, explica na Revista Boa Forma desse mês que é possível inclusive compensar durante as festas de Natal e Ano Novo e não ter grandes prejuízos (toda a explicação dele é possível encontrar na matéria).

Aqui, vou passar um pouco sobre a dieta, lembrando que SEMPRE É RECOMENDADO PROCURAR UM MÉDICO ANTES DE FAZER QUALQUER TIPO DE DIETA (Informações da Revista Boa Forma).


Fase 1: ataque

É a etapa mais radical e curta: o objetivo é preparar o organismo para responder melhor à dieta. Carne, peixe e ave podem ser consumidos à vontade. Mas, se quiser sugestões de quantidade, acompanhe os nossos cardápios:

Café da manhã
Opção 1:
1 pote de iogurte natural (ou com fruta) 0% de gordura + 3 fatias de peito de peru light + 1 xíc. de chá verde

Opção 2: 2 fatias de queijo minas frescal 0% gordura + 3 fatias de presunto magro (ou presunto de frango) + 1 xíc. (chá) de café com leite desnatado (use adoçante)

Opção 3: Omelete (1 gema e 2 claras) + 1 taça de gelatina diet + 1 copo (200 ml) de água de coco

Lanche da manhã
Opção 1:
2 fatias de ricota (ou 2 fatias de queijo minas frescal 0% gordura)

Opção 2: 3 fatias de presunto de frango (ou presunto magro)

Opção 3: 2 enroladinhos (2 fatias de presunto magro e 2 fatias de mussarela light)

Almoço
Opção 1:
1 filé de peito de frango com 2 fatias de mussarela light + 1 ovo mexido

Opção 2: 1 filé de carne magra acebolado • 3 col. (sopa) de queijo cottage 0% gordura

Opção 3: 2 postas de peixe (namorado, badejo) assado + 1 ovo cozido com 1 fio de azeite e orégano

Lanche da tarde
Opção 1: 1 fatia média de queijo minas frescal 0% gordura + 1 taça de gelatina diet + 1 xíc. de chá branco

Opção 2: 2 col. (sopa) de queijo cottage 0% gordura + 2 fatias de peito de peru light + 1 copo (200 ml) de água de coco

Opção 3: 1 pote de iogurte natural (ou de fruta) 0% gordura + 2 fatias de presunto magro + 1 xíc. de chá de camomila

Jantar
Opção 1:
5 col. (sopa) de camarão no bafo (ou refogado com alho e 1 fio de azeite) ou 1 filé de peixe salmão, st. peter) assado + 2 fatias de queijo minas frescal 0% gordura

Opção 2: 4 pedaços médios de carne de panela + 3 fatias médias de tofu (queijo de soja)

Opção 3: 4 coxas médias de frango assadas sem pele (ou 5 col./ sopa de carne moída refogada) + 3 fatias de presunto magro (ou presunto de frango)

Alimentos liberados

. Na primeira fase, você pode variar o cardápio com oito categorias de alimentos: 
. Carne magra: vitela e boi sem gordura, grelhadas, assadas ou cozidas. 
. Carne branca: aves (com exceção de pato) e coelho. 
. Peixe (todos): magros, gordurosos, brancos ou não, crus ou cozidos. 
. Miúdos: fígado, rim e língua de vitela. Frutos do mar: camarão, lula e marisco. 
. Frios: presunto magro, presunto de frango e peito de peru light. 
. Laticínios: queijo e iogurte 0% gordura e leite desnatado. (duas porções por dia, no máximo). 
. Ovo: dois por dia, no máximo.

Água é importante: ela facilita o funcionamento dos rins e evitar que fiquem sobrecarregados com a proteína. Beba de 2 a 3 litros por dia. Você também pode consumir chá e café (sem açúcar).

Temperos: você pode usar ervas, alho, cebola e alho para preparar a comida e o mínimo de gordura (azeite, de preferência) para refoga

Fase 2: transição

Nesta etapa você pode pôr verduras e legumes à vontade no prato, mas em dias alternados. Ou seja: um dia segue o cardápio da fase 2 e no outro da fase 1, só com proteína. Mantenha essa alternância até chegar ao peso desejado.

Café de manhã 
Opção 1:
Omelete (1 gema e 2 claras) com mussarela light, presunto magro, tomate e orégano + café (use adoçante)

Opção 2: 1 pote de iogurte natural (ou de fruta) 0% gordura + 1 taça de gelatina diet + 1 xíc. de chá de hortelã

Opção 3: 3 fatias médias de queijo minas frescal 0% gordura + 3 fatias de presunto de frango + 1 xíc. de chá-mate com limão (use adoçante)

Lanche da manhã 
Opção 1:
1 pepino em palito

Opção 2: 2 fatias de presunto de frango (ou presunto magro)

Opção 3: 2 fatias de queijo minas frescal 0% gordura

Almoço 
Opção 1:
1 prato (raso) de salada de folhas verdes (alface, agrião, rúcula, escarola) e tomate + 3 pedaços de frango assado sem pele + 3 col. (sopa) de berinjela assada com cebola, alho, pimentão e 1 fio de azeite

Opção 2: 1 prato (raso) de salada de folhas verdes e cogumelo + 1 filé de peixe (salmão atum) grelhado com shoyu + 3 col. (sopa) de escarola refogada

Opção 3: 1 prato (raso) de salada de folhas verdes e cenoura ralada + 1 filé de carne magra grelhada +  2 col. (sopa) de tofu refogado com cebola, alho e shoyu + 3 col. (sopa) de abóbora refogada com cebola e salsinha

Lanche da tarde
Opção 1: 1 queijinho fundido light + 1 taça de gelatina diet

Opção 2: 3 fatias de peito de peru light + 2 fatias de mussarela light

Opção 3: 1 pote de iogurte natural (ou de fruta) 0% gordura + 2 fatias de presunto magro

Jantar 
Opção 1:
1 prato (raso) de salada de folhas verdes, pepino e talos de erva-doce + 1 fatia de pernil de vitela assado (ou 1 sobrecoxa de frango assada sem pele) + 3 col. (sopa) de abobrinha refogada com tomate e cebola

Opção 2: 1 prato (raso) de salada de folhas verdes e broto de feijão + 4 col. (sopa) de picadinho de carne com pimentão + 3 col. (sopa) de brócolis refogados com alho

Opção 3: 1 prato (raso) de salada de folhas verdes e palmito + 1 filé de peixe (salmão, atum, badejo) assado + 3 col. (sopa) de vagem no vapor com azeitona

Ceia  
Opção 1:
1 taça de gelatina diet

Opção 2: 2 fatias de queijo minas frescal 0% gordura

Opção 3: 2 fatias de presunto magro (ou chester defumado)

Fase 3: consolidação

Se você emagreceu tudo o que queria está pronta para começar a fase 3. Ela é calculada em função do peso perdido: 10 dias para cada quilo que se foi. Exemplo: se você perdeu 5 quilos, deve seguir essa fase por 5 vezes 10 dias, ou seja, 50 dias. Proteínas e vegetais continuam sendo prioridade, sem a necessidade de alternância.

*Introduza as frutas e duas fatias de pães uma vez ao dia. Tubérculos e cereais integrais podem ser consumidos em duas refeições na semana. Abaixo, 3 opções de cardápios. Nas demais refeições, sega como indicado nos cardápios da fase 2.

Café da manhã
Opção 1: 2 torradas integrais com requeijão light + 1 manga média em pedaços + 1 copo de leite de soja light

Opção 2: 5 col. (sopa) de granola diet + 1 taça de salada de frutas + 1 xícara de chá verde (com ou sem adoçante)

Opção 3: 2 fatias de pão integral light com 1 fatia de queijo minas e 1 fatia de peito de peru + ½ papaia + 1 xícara de café (com ou sem adoçante)

Lanche da manhã
Opção 1: 1 pote de iogurte light de morango.

Opção 2: 3 fatias de peito de peru

Opção 3: 3 fatias de chester defumado

Almoço  
Opção 1:
1 filé de peixe com molho de tomate + 3 col. (sopa) de arroz integral + 2 col. (sopa) de salada de grão-de-bico + 1 prato (raso) de salada de alface americana e chicória

Opção 2: 3 pedaços médios de frango refogado + 3 col. (sopa) de arroz integral + 2 col. (sopa) de feijão branco (ou pode ser o tipo de feijão que desejar) + 1 prato (raso) de salada de beterraba ralada e espinafre

Opção 3: 3 col. (sopa) de carne seca acebolada + 3 pedaços pequenos de mandioca cozida + 2 col. (sopa) de lentilha + 1 prato (raso) de salada de agrião e tomate

Lanche da tarde
Opção 1: 2 fatias de queijo minas light + 2 fatias de presunto magro

Opção 2: 1 fatia de queijo cottage + 2 col. (sopa) de atum em conserva

Opção 3: 1 pote de iogurte natural + 2 fatias de peito de presunto de frango

Jantar
Opção 1
: 1 fatia grande de carne assada + 3 col. (sopa) de abobrinha refogada com tomate + 1 prato raso de salada de rúcula com palmito

Opção 2: 1 filé de peixe grelhado + 3 col. (sopa) de abóbora refogada + 1 prato raso de salada de alface e cenoura ralada

Opção 3: 1 prato (fundo) de sopa de legumes com 4 col. (sopa) de peito de frango refogado e desfiado + 1 prato (raso) de alface e 2 col. (sopa) de cenoura ralada

Ceia 
Opção 1
: 2 fatias de chester defumado

Opção 2: 2 fatias de queijo minas light

Opção 3: 1 pote de iogurte light

Agora, você também tem direito a:

• 1 porção de fruta (exceto banana, abacate, cereja e castanha) por dia: considere porção uma unidade para frutas de tamanho médio como maçã, pera, laranja, pêssego ou nectarina. Para as frutas maiores e menores, a porção é uma taça de morangos, uma fatia de melão ou de mamão, dois kiwis, dois 
damascos, uma manga pequena ou metade de uma grande.

• 2 fatias de pão integral por dia: se quiser, pode espalhar um pouco de margarina ou manteiga light.

• 1 porção (40 gramas) de queijo: prato, emmenthal, guyère e provolone – eles passam pelo processo de cozimento e têm menos gordura que os fermentados, como gorgonzola, camembert e brie. Queijos brancos são liberados, desde que não contenham mais de 20% de gordura.

• 2 porções de carboidratos complexos por semana, priorizando a seguinte ordem: massa integral ou grano duro (1 escumadeira); polenta (1 fatia média), lentilha, feijão, ervilha seca ou grão-de-bico (4 colheres de sopa); arroz integral e batata (3 colheres de sopa).

• Esta fase também dá direito a duas refeições semanais “de gala”, quando é possível consumir qualquer tipo de alimento, com duas condições: nunca repetir o prato e não fazer duas refeições deste tipo seguidas. Intercale ao menos uma refeição entre essas duas de gala. E, por medida de segurança, é fundamental eleger um dia da semana para fazer a dieta só com proteínas, a mesma adotada na fase 1.

Fase 4: estabilização

Pronto, a partir daqui nada mais é proibido – você pode ter uma alimentação normal. Porém, uma vez na semana, deve repetir um dia do cardápio da fase 1, só com proteína (isso a vida toda). É o segredo para não voltar a engordar. Outra recomendação é adotar o consumo diário de três colheres de sopa e farelo de trigo e de aveia. São alimentos que garantem uma boa dose de fibras solúveis – indispensáveis para saciar e manter o intestino saudável, o que também é estratégico para que você deixe de brigar com a balança de uma vez por todas.

A verdade sobre as dietas

12 de dezembro de 2012 16

Pode ser dieta das cores, chá verde, mediterrâneo, da sopa, das proteínas, natural, South Beach, da lua, dos pontos ou a que está dando o que falar.  A verdade é que qualquer dieta é uma questão matemática: tem que consumir menos e gastar mais para secar e ponto.

O estímulo que vc vai escolher para seguir firme e forte a rotina rumo ao seu objetivo (independente de quantos quilos vc quer perder) vai ser o tempero da sua dieta.

Cada um vai encontrar e adaptar o seu tempero. Não existe nenhum milagre, não se engane. Desde que eu comecei a ter uma rotina de exercícios, converso com as meninas no vestiário da academia. Todas magras, saradas e saudáveis. Variam entre 25 e 50 anos. Como elas fazem para ter saúde e não ser uma MM (magra mole)?  Malham. Muito. Diariamente. Durante uma vida. Se adaptaram a essa rotina e não conseguem ficar sem ela. Esse é o segredo.

Sim, existe sofrimento. Mas é um sofrimento bom. Vc sofre para driblar a preguiça (que é comum para todas as pessoas), para administrar a casa, os filhos, marido, trabalho e academia.  Não é fácil malhar por 2horas (de forma muito intensa) diariamente, mas qdo acaba, vc sente uma felicidade tipo máxima. Seguir a dieta é mais fácil quando vc está nessa rotina. A rotina e a disciplina são suficientes para te manter no foco pq tudo é disciplina. O que vc vai colocar no prato, que horas, se vai aprender a controlar impulsos.

Quando eu venho aqui e escrevo contando sobre a minha dieta, é uma escolha minha. Serve para mim.  Para vc pode dar errado e para ela dar certo alguma coisa. Por isso cada um tem que montar a sua.

Eu, Flávia Murr, escolhi ter o acompanhamento de uma nutricionista, de uma personal e de malhar em uma academia que me deixa super a vontade, onde eu me sinto bem, tenho boas orientações, opções de horário e atendimento ao meu filho. Isso serve para mim. Para você, correr na rua pode ser melhor. Cada um monta a sua tática.

Desde que eu estou com a Fernanda e com a Milena eu sequei 12kg. A Fernanda me arranca as orelhas e responde minhas mensagens até quando estou no sushi querendo saber se isso ou aquilo é mais calórico. Ela me orienta a fazer escolhas que diminuem o número de calorias ingeridas ao longo do dia. 

A Mi, me liga cobrando que não malhei. É amiga e terapeuta. Montou um treino que mudou meu corpo e me deu massa muscular. Você pode não gostar de musculatura em mulher. Eu gosto. Quero perna, quero braço, quer força e resistência. Quero voltar para o jiu e mater a Dóris adormecida (a Dóris é a minha Hérnia de disco), quero seguir fazendo futebol e pensando seriamente em ser adepta ao stand up paddle (só estou meio sem coragem de fazer isso no guaiba). 

 Essas são escolhas minhas. Carboidrato só como o que vem de “brinde” nas frutas, nas barrinhas de proteína e coisas assim. No mais, eu não como pão, massa, batata e ponto. Tô feliz assim. Não sinto falta. Não existe loucura. Posso viver por anos assim. Essas são as minhas escolhas. Se tenho vontade de comer chocolate, eu como. Fiz isso nas férias e engordei 1,2kg. É isso que eu quero? Não. Então ele é restrito e ponto.

Faça sua escolhas e lembre-se: NÃO EXISTE MILAGRE.

Determinação, restrição, disciplina e treino. Essa é a receita.

#ficadica

 

Dieta da Cerveja

15 de novembro de 2012 0

Depois de alguns meses de dieta, a gente começa a enlouquer. Isso é fato. Não exite que não fique meio maluco. Fazer lanche, arrumar potinhos, sair de casa com a marmita, cozinhar o frango demaiado, comer sempre os mesmos verdes. Isso vai deixando a pessoa com o tempo meio tan-tan. A gente até tenta se convencer que não. Mas cai na real e entra em pânico e quer aquela vida desregrada, cheia de gorduras e com qualquer coisa a qualquer hora!

Por isso hoje, para comemorar a minha revolta, divido com vcs a dieta da cerveja. Boa sorte.

1 – Beba uma garrafa de cerveja antes de cada refeição. Isso reduzirá seu apetite ao mínimo, e você comerá menos.

2 – A cerveja é elaborada a partir de vegetais: Lúpulo, levedura, malte,cereais, etc. Logo, a cerveja é, praticamente uma GRANOLA…

3 – A cerveja contém 95% de água; Portanto, a cerveja é um alimento hidratante.

4 – A cerveja pode ser acompanhada de castanhas (de caju, do Pará, etc), amendoins, amêndoas, nozes, avelãs, etc. Tudo isso é de origem vegetal e com um percentual elevado de fibras alimentares e fibras alimentares são saudáveis.

5- Probleminha: como levar 1 caixa de cerveja gelada do supermercado para casa em um carro quente? Solução: beba no estacionamento mesmo. Depois pegue um taxi.

6 – Equilíbrio: se você beber porções iguais de cerveja clara e cerveja escura …isto é uma dieta balanceada. Saudável, portanto…..

7 – A cerveja contém conservantes, logo… conservam você. Conservantes fazem você parecer mais jovem.

8 – Escreva “tomar uma cerveja” no início de sua lista de coisas a fazer hoje. Assim, pelo menos UM item de sua agenda você vai conseguir cumprir.

9 – Uma caixa de cerveja pode fornecer toda a sua necessidade diária de calorias e carboidratos. Não é prático isso?

10 – Deixe de lado a nutricionista e vá procurar URGENTE um psiquiatra.

Obs: se beber vá de táxi!

bjs

#surtei

flavinha