Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Veja as fotos do sobrevoo do Repórter Voador em Barra Velha, Balneário Piçarras e Penha

31 de janeiro de 2012 4

A viagem do Repórter Voador, domingo, mostra parte das praias de Penha, Barra Velha e Balneário Piçarras, que mantêm a cultura dos colonizadores

Veja a galeria de fotos do sobrevoo sobre Penha, Barra Velha e Balneário Piçarras

Assista nesta quinta-feira no Jornal do Almoço da RBS TV Blumenau ao vídeo gravado pelo Repórter Voador nestas praias

Foto: Patrick Rodrigues

Correção: Até as 16h40min desta quarta-feira o blog informou erroneamente a história da Ilha Feia, em Balneário Piçarras. Na verdade, a lenda se refere às Ilhas Itacolomi, como foi corrigido no texto abaixo.

A Ilha Feia fica próxima à costa, em Balneário Piçarras, e é uma reserva da Mata Atlântica, com fauna e flora preservadas.

Conta a lenda que as Ilha Itacolomi, em Balneário Piçarras, representa o casal de índios carijós Açauna e Sumé, que desapareceu no mar após uma tempestade. Transformados em pedra, os dois trouxeram paz para a tribo, que decidiu viver próxima ao mar para adorá-los. Para os índios, a Ilha Feia era a imagem do casal de mãos dadas. Em razão desta história, o local também ficou conhecido como gruta encantada dos anjos.

Foto: Patrick Rodrigues

As praias de Barra Velha encantam também pelas características açorianas. A pesca está entre as principais atividades econômicas da cidade. O colorido dos barcos artesanais enfileirados se destaca na areia da Praia Central, especialmente durante as manhãs, horário de saída para a pesca.

Foto: Patrick Rodrigues

Não são só as belezas naturais que encantam quem visita Barra Velha. A Ponte Pênsil também é atrativo turístico. A estrutura liga a Lagoa de Barra Velha de uma margem à outra. Ela foi construída no estilo da Ponte Hercílio Luz, de Florianópolis. Somente pedestres, ciclistas e motociclistas conseguem atravessar pela estrutura.

Foto: Patrick Rodrigues

A Lagoa da Cruz já foi cenário de alegria dos pescadores que vivem na Barra do Itapocu, em Araquari. O local chegou a render até 100 quilos de tainha na pesca artesanal. Hoje, cardumes não são mais encontrados na lagoa. Os pescadores alegam que a sujeira afastou os peixes da Lagoa da Cruz. É o local preferido de quem a pratica esportes aquáticos.

Leia esta reportagem completa nas edições desta quarta-feira do Santa, Diário Catarinense e A Notícia

Comentários (4)

  • Vilmar diz: 1 de fevereiro de 2012

    Que trabalho magnífico feito aqui em nossa praia. Percebemos a presença do reporter voador no domingo cedinho em barra velha. Parabéns pelo trabalho ao Patric Rodrigues, afinal é preciso coragem para pilotar essa “coisa” voadora aí.

  • Andréia Lurdes diz: 1 de fevereiro de 2012

    Nosso estado é realmente maravilhoso!!! Não é por nada que aqueles que aqui visitam ficam encantados!

    Nosso estado é simplesmente maravilhoso, com lugares de encher os olhos…e não é por nada que aqueles que aqui visitam ficam completamente encantados!

  • Marcelo diz: 2 de fevereiro de 2012

    Todas as fotos são belíssimas, mas fico triste com as que não aparecem as maravilhosas pernas do nosso repórter. O produção, arruma isso, pois também é uma boa beleza natural.

  • Patrick diz: 2 de fevereiro de 2012

    Agradeço aos elogios pelo meu trabalho, e parabéns a Santa Catarina por tanta beleza. Valeu, Abração

Envie seu Comentário