Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts na categoria "bola atlântida"

FIFA? UEFA? Que nada, quem vai acabar com a gastança do Mônaco é uma... Mulher! Veja outras que zoaram o futebol

29 de julho de 2014 0

Um divórcio milionário promete afundar as finanças do Mônaco. O time, que no último verão europeu dava a entender que competiria com o PSG pelo posto de maior gastador do futebol francês, precisará fechar a torneira nessa temporada. Isso porque seu dono Dmitry Rybolovlev está se divorciando e sua ex-esposa, Elena Rybolovlev, deve passar a mão em quase metade da fortuna do magnata russo. 

ToryBurch-1390376146_650x0

Abramovich 

Mas essa não será a primeira vez que um bilionário russo do futebol leva a pior nos tribunais e perde parte da fortuna em um divórcio. Roman Abramovich, dono do Chelsea, perdeu metade do seu suado dinheirinho para a sua ex, Irina, em 2007. A pivô da separação foi essa aí, Daria Zhukova:

Dasha-Zhukova

Ele disse na época que seus problemas entre quatro paredes não teriam influência dentro das 4 linhas. Mentira, na temporada 2006/2007 o Chelsea gastou 85 milhões de euros, já na temporada 2007/2008, a do divórcio, o investimento caiu para 17 milhões. Sem falar que a única contratação de peso foi ele, o mito, o gigante dos gramados, o Ribéry sem cara de psicopata, o Pará francês, o Ronaldo sem traveco, Flourent Malouda. O cara é tão bom que, ao levar o time ao vice-campeonato, despertou interesse do Vasco

Ronaldo

Ronaldo começou a decair na carreira justo em 2005, ano em que se separou de Daniela Cicarelli. Aparentemente, o divórcio mexeu com ele, que passou a comer descontroladamente e renovou a fé no amor ao conhecer IbrahimovicAndréia Albertini. Como desgraça pouca é bobagem, Ronaldo foi parar no Corinthians.

Andreia-Albertini-Ronaldo

Audiência no RJ de Inter 4 x 0 Flamengo foi ruim

25 de julho de 2014 0

internacional-flamengo

Os torcedores rubro-negros estão largando o time de mão. A goleada colorada do último domingo teve uma audiência ruim no Estado do Rio de Janeiro. Foram 20 pontos e 41% dos televisores ligados no jogo, na Globo e na Band. O número iguala a pior audiência em jogo do Flamengo que havia sido em outra goleada, 3 a 0 Cruzeiro: também 20 pontos, porém com uma porcentagem de 40% de televisores ligados na partida. Segundo o Ibope, cada ponto equivale a mais ou menos 38 mil domicílios (isso na contagem do Rio, capital, e região metropolitana). 

Para comparar: no Rio, a final da Copa marcou 37 pontos no somatório entre Globo e Band. Quase o dobro de Flamengo e Inter no Beira-Rio. 

Ex-Colorado Oscar é o modelo do novo uniforme do Chelsea

23 de julho de 2014 1

O Chelsea lançou seu novo uniforme para as temporadas 2014/15, e um dos modelos escolhido para apresentar as camisas em um tom mais escuro. Veja as fotos:

oscar

Chelsea2-Oscar

Chelsea3-Oscar

Michael Dunga, em Um dia de Fúria, está de volta "aos cinemas"

22 de julho de 2014 0

Relembre os vídeos do Michael Douglas no papel de Dunga:

michael dunga

Assista o Bola ao vivo com Lucas Coelho do Grêmio

21 de julho de 2014 0

LUCAS_COELHO

 

CONFIRA O PROGRAMA BOLA ATLÂNTIDA AO VIVO COM O JOGADOR LUCAS COELHO DO GRÊMIO.

Lucas fez 20 anos ontem! Dá parabéns pro cara!

 

Guerrinha: "Ser jogador de futebol hoje é tirar uma mega-sena"

21 de julho de 2014 1

banner inferior post 2

Dicas-do-Guerrinha-660x400

Adroaldo Guerra Filho, o Guerrinha, comentarista do Grupo RBS, conversou com o site Quero Ser Jogador e deu a morta para quem quer ser um jogador de futebol.

- Primeiro lugar, saber jogar. Primeira condição e obrigatória. Tem que saber jogar. – Segundo lugar, estar consciente de que é aquilo que quer. E, a perseverança. Por quê? Daqui a pouco o menino chega num clube, e diz “eu jogo muito futebol”. Ele é visto lá no bairro dele como o craque do bairro. Ele vai pro clube, bota uma chutaria, não consegue jogar, e é reserva “- eu vou desistir, não é a vida que eu quero”.

A reserva, a espera, isso tudo faz parte de querer ser jogador de futebol. Nós temos exemplos incontáveis por aí. Quantos jogadores chegaram por aqui e tu olha lá, e diz que o cara era reserva em tal lugar, o Jardel era um caso desses. Veio aqui e roubou a cena, fazia gols, foi para a seleção. Faz parte disso.

- Então, eu acho que o menino e a família do menino/ muita gente diz que ser jogador de futebol hoje é tirar uma mega-sena. É verdade, mas não é para todos. – O pai tem que ter muito cuidado. Dizer “meu filho é um craque”, não é bem assim. O filho tem vontade de ser jogador de futebol, mas para ser craque vai lá uma diferença e tanto. Mas, deve persistir no sonho, deve tentar. Tem um ditado que diz: Toda vez que o cavalo passa encilhado, monte. Se ele vai corcovear, é outro problema. Mas monta. Então, isso é o que eu digo para aquelas pessoas que me procuram.

“Eu quero que meu filho seja jogador de futebol”. Tenta. Tente, completa Guerrinha. Se ele tem condições, for aprovado, ele vai ser jogador de futebol.

- E, eu sei que na maioria dos casos, os pais se decepcionam. Leva lá o filho e o cara diz, infelizmente seu filho joga menos dos que eu tenho aqui. Aí fica ruim do pai dizer pro filho, “filho não deu”. É como tu ser reprovado no vestibular. Mas, tentem. Eu acho que a persistência é tudo.

 Assista ao vídeo: Conheça a história do Guerrinha, um guri bom de bola – segundo ele mesmo. @queroserjogador | queroserjogador.com.br

Nosso novo reforço: Quero ser Jogador

18 de julho de 2014 0

banner inferior post 2

A diretoria do Blog do Bola – Bola Atlântida – trabalhou em silêncio nos últimos dias. Aproveitando a retomada do Brasileirão, anuncia oficialmente hoje, a parceria com o Quero ser Jogador - blog que compartilha histórias e conteúdos relacionados ao futebol. 

Com o objetivo de estimular quem quer ser jogador ou trabalhar com futebol, o Quero ser Jogador compartilhará dicas e depoimentos de personalidades relacionadas ao esporte. O contrato é válido para a temporada de 2014/2015, mas segundo os dirigentes, há grande possibilidade de renovação por mais tempo.

A partir deste final de semana, o novo reforço estreia compartilhando as “barbadas” do comentarista Adroaldo Guerra Filho, o Guerrinha.

Conheça o Quero ser Jogador: @queroserjogador | queroserjogador.com.br

Quero ser jogador

Melhores memes do vexame do Brasil 0 x 3 Holanda

12 de julho de 2014 1

image image image image image image image image image image image

Gol 1000 dos Gre-Nais completa 10 anos: Fernandão entrava na história

10 de julho de 2014 0

Hoje, 10 de julho de 2014, completam-se 10 anos do milésimo gol da história dos Gre-Nais. Numa gélida tarde do inverno de 2004, Campeonato Brasileiro ainda em seu primeiro turno, um clássico entre dois times claudicantes acabaria se tornando um momento histórico, um divisor de águas no futebol gaúcho.

Com a contagem em 998 gols, o Gre-Nal 360 era cercado de expectativa. O Inter vinha mal no Brasileirão, o Grêmio ainda pior (seria rebaixado naquele ano) e todas as atenções estavam para a contagem mágica: faltavam 2 gols para o milésimo. Que time teria a honra? Quem faria? Seria um dos ídolos da torcida? Um reserva medíocre? Ou seria um jogador odiado, que entraria para a história como o “anti-herói”?

E as chances de um grande jogador fazer este gol eram pequenas naquele dia. No Inter, nenhum jogador tinha fama. Alguns, como Alex, Rafael Sóbis, Bolívar e Edinho estavam no início de suas trajetórias no clube. Do lado tricolor, dois jogadores que fariam história no futebol europeu estavam também em seu início de carreira: Michel Bastos e Felipe Melo. A grande aposta era de um gol de Christian, que havia marcado duas vezes nos últimos três clássicos, assim como o meia colorado Élder Granja.

Mas o Destino, este pregador de peças, já estava traçado. Depois de um primeiro tempo medonho, quase sem chances, o Internacional voltou no intervalo com uma alteração: o estreante Fernandão entrava jogando como um falso 9 e o 3-5-2 era recomposto com Bolívar de zagueiro e Granja de ala-direito, com Alex na esquerda. Rapidamente o primeiro gol surgiu: Fernandão ganhou disputa de bola e sofreu falta de Michel Bastos. Na cobrança, Vinícius cabeceou, Tavarelli falou e o gol 999 estava selado: Inter 1×0 aos oito minutos.

Dali em diante tudo se resumia a euforia e aflição. A cada avanço do meio-campo, mais do que em qualquer outro Gre-Nal, o sonho de um ataque que poderia se tornar histórico. Enfim, aos 33 minutos do segundo tempo, a história foi escrita: Em um ataque colorado pela direita, a bola foi conduzida para a esquerda e Alex cruzou. A zaga tricolor afastou e sobrou livre para Granja. Este olhou e cruzou na cabeça do estreante Fernandão, que fuzilou Tavarelli com um cabeceio lateral.

Crédito: site oficial do Sport Club Internacional

Crédito: site oficial do Sport Club Internacional

O gol 1000 era colorado. E era de Fernandão. Que Fernandão?

Até aquele dia uma aposta colorada, pessoal do presidente Fernando Carvalho. Um atacante vindo da França após surgir em Goiás.

Porém, não sabiam os vinte mil torcedores presentes ao Beira-Rio naquela tarde. Os 22 jogadores em campo naquele momento. Os milhões que acompanhavam no Rádio ou na TV. Nem o próprio Fernandão.

Que ele e o Internacional nunca mais seriam os mesmos…

FICHA DO JOGO

Internacional (2): Clemer; Wilson (Fernandão), Sangaletti e Vinícius; Bolívar, Edinho, Marabá, Élder Granja e Alex; Rafael Sobis (Dauri) e Danilo. Técnico: Joel Santana.

Grêmio (0): Tavarelli; Michel, Bilica (Baloy), Claudiomiro e Michel Bastos; Cocito, Leonardo Ignácio (Pitbull), Felipe Melo e Bruno (Élton), Marcelinho e Christian. Técnico: Plein.
Gols: Vinícius (I), aos oito minutos do segundo tempo, Fernandão (I), aos 33 minutos do segundo tempo.
Arbitragem: Paulo César Oliveira (SP), Edmílson Corona e Nilson Monção.
Local: Estádio Beira-Rio.

 JOGO COMPLETO

Acompanhe toda a "zuêra" na cobertura de Brasil X Alemanha

08 de julho de 2014 0


Este é um blog de humor e não necessariamente as notícias aqui postadas são verdadeiras. Bom humor, galera!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...