Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts do dia 25 novembro 2012

De férias, Paulo Comelli diz que mérito do Criciúma foi "jogar no ataque" e aguarda renovação

25 de novembro de 2012 1

Chegou o momento do técnico Paulo Comelli descansar. Depois de comandar o Criciúma na vitoriosa campanha da Série B, que terminou com o acesso à elite do futebol brasileiro e o vice-campeonato, o comandante do Tigre aguardará, em Gramado, no Rio Grande do Sul, a resposta do presidente do clube, Antenor Angeloni, sobre sua renovação de contrato. Para Comelli, ao longo da semana isso deverá ser definido e, a partir de então, poderá começar a pensar no elenco para 2013.

Segundo o treinador, o ano foi de um saldo positivo para o Criciúma. Considerou uma campanha belíssima e disse que, 2012, foi a mais difícil Série B da história. Comelli citou que o São Caetano, quinto colocado, com 71 pontos, teria campanha de campeão em anos anteriores.

– O nosso primeiro turno foi melhor, no segundo tivemos problemas com a nossa espinha dorsal, que se machucou. Perdemos o Lucca e Zé e isso nos prejudicou – avaliou Comelli.

Dono do melhor ataque da competição, com 78 gols marcados, o Criciúma sempre jogou ofensivo. Para Comelli, esse foi o diferencial da equipe na Série B. Dentro e fora de casa o Tigre partia para cima e, em contrapartida, também tomou muitos gols.

– O nosso mérito foi sempre jogar no ataque, dentro e fora de casa. E isso é louvável, temos o artilheiro da competição e a equipe foi merecedora – completou o treinador.

Jogadores do Criciúma agradecem apoio da torcida e saem satisfeitos com segundo lugar na Série B

25 de novembro de 2012 0

O clássico contra o Avaí poderia dar o título ao Criciúma, mas a conquista não aconteceu. Além de o Tigre não ter vencido, o Goiás bateu o Joinville, impossibilitando a comemoração. Apesar disso, os jogadores do tricolor do Sul não estão chateados por terminar em segundo. A vaga para a Série A, objetivo do início do ano, era o mais importante.

– Nós só temos que agradecer ao torcedor, que demonstrou apoio. Fomos a única equipe que jamais saiu do G-4, fomos coroados com o acesso. O torcedor tá de parabéns, os familiares que torceram. Agradecer por esse ano, um ano vitorioso de glórias, todos que se dedicaram para isso – disse Michel Alves.

O meia Válber, que teve passagem pelo Avaí, dedicou a conquista à cidade e disse que o time era merecedor por estar vivendo o momento de euforia.

– A gente sabia da importância da Série B para o povo de Criciúma. Lutamos desde o começo, seria até uma injustiça a gente não conseguir, sempre ali no G-4. Mas estamos aí, dever cumprido.